Após o apito final, os jogadores do time Tricolor foram para o vestiário e ameaçaram deixar o estádio sem a taça e a medalha do segundo lugar, mas mudaram de ideia após conversa com o diretor executivo, Raí. “Alguns já tinham entrado, estavam chateados, não sabiam bem a informação. Eu vim, conversei com eles e eles prontamente se levantaram e voltaram”, disse o dirigente.

Em entrevista coletiva após o jogo, o técnico Cuca também falou sobre a situação e negou qualquer falta de respeito. “O protocolo a gente não sabe qual é. Os jogadores ficaram esperando, mandamos buscar os cinco, mas demorou muito e jogador está muito sensível. Tomou gol em cima da hora. Tinha jogador chorando, não tem como segurar. Perguntamos se dava para entregar as medalhas, demorou. Não é desrespeito a ninguém”, garantiu.

Torcedores.com

Anúncios