7 sul-americanos com contrato no fim no meio de 2019

Com o encerramento dos Estaduais e o início do Campeonato Brasileiro, é hora dos dirigentes dos clubes nacionais mergulharem no Mercado da Bola e pensarem na contratação de reforços para o restante da temporada.

Uma opção que é sempre válida neste momento é dar uma olhada nos jogadores que estão em fim de contrato em seus clubes e que já podem assinar gratuitamente (sem pagamento dos direitos econômicos) com uma nova equipe para defender depois do encerramento do vínculo atual.

O “Blog do Rafael Reis” apresenta abaixo sete jogadores sul-americanos que estão nesta situação. Como seus contratos terminam em junho, eles estão livres para se transferir gratuitamente para um novo time:

PABLO ZABALETA Lateral direito 34 anos Argentino West Ham (ING)

Contratar um jogador que disputou quase 60 partidas pela seleção argentina, defendeu durante nove temporadas o Manchester City e ainda atua no poderoso futebol inglês pode até parecer loucura. Mas Zabaleta já tem 34 anos, sabe que está na reta final de sua carreira e talvez esteja com saudades da América do Sul. Com contrato até o fim da temporada no West Ham, Zabaleta tem três opções: renovar por mais um ano com o clube londrino, pendurar as chuteiras para iniciar uma carreira de treinador ou passar mais um tempinho jogando em um país como Brasil ou Argentina.

MAXI PEREIRA Lateral direito 34 anos Uruguaio Porto (POR)

Assim como Zabaleta, o uruguaio é lateral direito, já disputou Copa do Mundo e está distante do futebol sul-americano há mais de uma década. No caso do jogador do Porto, um outro fator pode facilitar sua vinda para este lado do Oceano Atlântico no segundo semestre: de acordo com diferente veículos da imprensa portuguesa, o clube não tem muito interesse em renovar seu contrato por considerar que sua idade elevada (34 anos) tem impactado no rendimento dentro de campo.

RODRIGO PALACIO Atacante 37 anos Argentino Bologna (ITA)

O time brasileiro que deseja contratar um novo atacante para o próximo semestre e não tem preconceito com jogadores de idade mais avançada deveria dar uma olhada em Rodrigo Palacio. Mesmo aos 37 anos, o argentino, que fez sucesso no Boca Juniors durante a década passada e teve uma passagem bem razoável pela Inter de Milão, ainda continua sendo importante no futebol italiano e é titular indiscutível do Bologna, clube que defende desde 2017 e com o qual possui contrato válido até junho.

CRISTIÁN ZAPATA Zagueiro 32 anos Colombiano Milan (ITA)

O experiente zagueiro que passou 11 anos servindo a seleção colombiana e disputou as duas últimas Copas do Mundo dificilmente terá seu contrato renovado no Milan. O zagueiro passou a maior parte da atual temporada no banco de reservas e só disputou 18 partidas desde agosto do ano passado. Segundo o jornal turco “Sporx”, o Fenerbahce tem interesse em contratá-lo. Outra hipótese para Zapata é voltar para a América do Sul e defender algum dos times mais poderosos do continente.

FRANCO DI SANTO Atacante 30 anos Argentino Rayo Vallecano (ESP)

O centroavante era uma das grandes apostas do futebol argentino no final da década passada, quando acabou sendo vendido para o Chelsea. Ainda que não tenha estourado no cenário internacional e cumprido a expectativa em torno do seu nome, Di Santo vem se sustentando no futebol europeu desde 2008. Em janeiro, assinou um contrato de apenas um semestre com o Rayo Vallecano, clube pelo qual só disputou quatro partidas até o momento. No passado, o atacante já foi sondado pelo Santos. Hoje, é um nome viável até para times do médio escalão brasileiro.

ADRIÁN RAMOS Atacante 33 anos Colombiano Granada (ESP)

Atacante que fez sucesso no futebol alemão e chegou a ser contratado pelo Borussia Dortmund para ser substituto de Robert Lewandowski depois da saída dele para o Bayern de Munique, o colombiano hoje atua na segunda divisão espanhola pelo Granada e só marcou quatro vezes nesta temporada. Com contrato no fim e sem perspectiva de voltar a fazer sucesso na Europa, Ramos tem falado em retornar à América do Sul no meio do ano. O Brasil pode ser um destino válido para ele.

LUCAS ZELARAYÁN Meia-atacante 26 anos Argentino Tigres (MEX)

Outro argentino que já esteve na mira do futebol brasileiro, Zelarayán chegou a abrir negociações com o Santos no ano passado, mas permaneceu no Tigres. Agora, com seu contrato no México chegando ao fim, o meia-atacante tem novamente a possibilidade de se transferir para a terra cá. A maior ameaça nem é uma possível renovação de vínculo, mas sim o interesse do Racing, atual campeão argentino, que deseja contratá-lo para o segundo semestre.

UOL

Anúncios

17 comentários

  1. Acho que o Giovani dos Santos teve seu contrato encerrado.
    O Palácio e muito bom. Mas joga de segundo atacante pela direita, onde já temos o Antony, o Rojas e o V Bueno.

  2. Tirando o último, só jogadores que já deram o que tinham que dar e essa mudança de postura do SPFC depois da entrada dos meninos mostra que o caminho é outro .

    Devemos focar em jogadores mais jovens, deixa esses caras dessa lista pra lá, o barato sai caro.

  3. Melhor é apostar na base ou esperar os jogadores que estão no elenco começarem a mostrar algum futebol com o Cuca. O Mancini já deve ter dado informações sobre o elenco e o Cuca já deve saber quem permanecerá pro restante do ano.

    Se ganharmos amanhã esse título acho que o time vai se encher de confiança e o futebol começará a apresentar mais resultados. Com certeza retornaremos para um ciclo vencedor!

  4. Também acho o Calazans a melhor opção.
    E fiquei pensando em um chapéu na galinhada no Everaldo, também do Fluminense.
    Outra revelação e esse menino do Bahia, o Ramires, mas ficou caro, e muita gente quer.

  5. Deixa esse monte de bomba pra lá, desses ai só o Zelarayan seria uma opção interessante, de resto so refugo em fim de carreira, chega desse povo, vamos prestigiar nossa molecada, rumo ao título de amanha!!!!

    • Esse é mais um aspecto que entendo estar em jogo na final amanhã. Bom futebol x futebol de resultado… O futebol do Corinthians é ridículo e o fato deles ganharem títulos atrás de títulos com esse futebol mixo, empobrece o futebol nacional como um todo. Para quem é amante do futebol bem jogado, é de doer no coração ver um elenco como o do Palmeiras ser comandado por Felipão. Nesse sentido, além de estar torcendo muito pelo São Paulo, acho que estarei torcendo muito mais contra o Corinthians e contra o modelo de futebol que ele representa.

  6. Nd a ver com o perfil de jogador q o São Paulo vem buscando no mercado. Esses são tds jogadores velhos em fim de carreira. E honestamente concordo com o novo perfil, muitas vezes ficar trazendo jogador em fim de carreira e mais problema q solução. O jogador ganha muito, não almeja mais nd, não aguenta mais uma sequência de jogos e etc. acho q o São Paulo ganhando ou perdendo o paulista só vai atrás de reforços caso saia alguns jogadores. Talvez traga o calazans por nene e mais o Ferraz q apesar de idade avançada esta faz tempo entre os melhores da posicao no país. Isso se o Santos realmente quiser se desfazer.

  7. Como que vou levar esse blog a sério? Ao mesmo tempo q reclama do excesso de jogadores lentos e velhos vcs sugerem nomes de velhos e ruins. Todos ruins com excesso do palácio q n era ruim mas agr está. Vão a merda

  8. Dani Alves tá com contrato se encerrando também, não entendo porque o SP não apresenta um projeto pra ele, que já se declarou várias vezes são paulino. Tem perfil vencedor e ainda tem gás pra uns 3 anos no futebol brasileiro.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!