Hernanes pode substituir Liziero, mas avisa que não está 100%

São Paulo decidirá o título do Campeonato Paulista desfalcado, assim como aconteceu no último domingo, no jogo de ida contra o Corinthians, no Morumbi. Sem Pablo, que passará por cirurgia para a retirada de um cisto na coluna, e provavelmente sem Liziero, que se recupera de uma “alteração” no posterior da coxa esquerda, Hernanes pode se tornar a referência tricolor em Itaquera.

O meio-campista, entretanto, ainda não possui ritmo de jogo. Ele ficou quatro semanas afastado se tratando de um estiramento na coxa esquerda e só retornou aos gramados no último domingo, sendo acionado no segundo tempo do confronto com o Corinthians pelo técnico Cuca. Agora, a grande questão é se o treinador irá ignorar as barreiras físicas e escolher Hernanes como substituto de Liziero, peça-chave no esquema do São Paulo.

“Quanto à condição física, a semana ajuda, mas não é suficiente. Foram quatro semanas sem jogar e ainda sem poder treinar em alto nível. A condição vai melhorar, com certeza, mas somente os jogos e um pouco mais de jogos permitirão que eu alcance os 100%. Estamos melhorando, evoluindo”, afirmou Hernanes.

Apesar do déficit físico, o Profeta surge como favorito para a vaga de Liziero. No último domingo, Everton substituiu o camisa 14, embora tenha se acostumado a atuar como ponta esquerda. Ciente da importância de ter um atleta de origem no setor para enfrentar o Corinthians em Itaquera, Cuca pode acabar apostando na experiência de Hernanes, ainda que ele tenha características diferentes do garoto revelado em Cotia.“A [posição] que eu entrei foi a que o Liziero desempenhou, o que muda é somente a interpretação minha e dele. Ele tem uma característica mais de toque de bola, de armação de jogada, que eu também tenho. Mas, a minha característica principal é a de chute de fora da área. Então, me aproximo um pouco mais. Mas, a posição, de fato, não mudou, porque estava no 4-3-3, então, somente a questão de interpretação”, prosseguiu Hernanes, que evitou responder o que faria se fosse o técnico Cuca.

“Por questão de destino, infelizmente ou felizmente, sou o Hernanes, não o Cuca. Então, vou me condicionar e me colocar à disposição para que o Cuca tenha a liberdade de escolher. Mas, o que importa, isso que é o legal, é quem chegou até a final, não foi uma pessoa. O grupo está fortalecido, quem começar jogando estará apto para ajudar e dar uma contribuição para o São Paulo, quem sabe conseguir uma conquista”, concluiu.

Gazeta Esportiva

Anúncios

25 comentários

  1. Não entraria com ele nessa posição, poderia ser mais adiantado, penso que ele poderia alternar com o Igor Gomes na armação e como falso 9.
    Acredito na competência do Cuca, vai precisar de muita calma para escalar o time, qualquer peça fora pode custar o campeonato.
    Vários colegas que torcem para as galinhas disseram que o SP não tem chance alguma, a confiança deles está em alta, será épico conquistar um título no galinheiro.

    • Eu acho que o Cuca vai de Hernanes e Nenê de centroavante. Ele não vai abrir mão de experiência, e vai contar com o paneleiro (Nenê) louco pra escrever o nome dele no título paulista.

  2. Acho uma boa o Hernanez entrar Mas se não der, no intervalo stá bom.
    Eu só não iria de Carneiro.
    Pode ser Nenê ou Brenner, dependendo de como está treinando.
    Gostei muito tambem da entrada do Helinho. Acho que está mais vibrante e confiante. E poderia dar muito trabalho para a defesa adversária com o entrosamento com os outros jovens. Acho que seria minha aposta no meio, adiantando o Igor Gomes.

  3. Hernanes no lugar do Liziero é a escalação óbvia… A questão é se deve iniciar ou terminar o jogo. Eu iria com Hernanes desde o início e tentaria a vitória nos 90 minutos. Com Hernanes em campo acho que temos um jogo mais fluído e muda pouco com o Liziero. Pro lugar do Pablo, iria de Brenner e seja o que Deus quiser. Melhor do que Carneiro ou Nene… Temos condições de vencer em Itaquera.
    Ser campeão nos 90 minutos valeria por todas as derrotas e frustrações desde a inauguração do Impressorão!!!

  4. Fico triste com esta história do Liziero.
    Ele não tem culpa por se machucar.
    Tanto que quando está em campo, e o jogador mais racudo do São Paulo.
    Na minha opiniao, foi o jogador mais importante na recuperacao do time. Ele quem fez o time jogar, dando dinamica, bons passes, dribles e chutes. Antes de entrar, perdiamos o meio campo até para times pequenos.
    Posso atribuir as lesoes a fatalidade, até ao departamento médico.
    Mas não a falta de vontade do jogador.
    Ele não tem meu julgamento.
    Apenas minhas orações para que se estabilize dentro do futebol. E para que chegue, por uma consequencia natural, a seleção brasileira, porque tecnicamente e mais jogador ate do que o Casemiro.

  5. Pode parecer besteira e arriscado mas, para mim, Hernanes entraria no 2° tempo, onde estaria com físico mais semelhante aos demais e sobressairia com a técnica como no primeiro jogo.

  6. Hernanes no 1° tempo pode ser arriscado pelo físico, porém pode acalmar o time na agitação do começo de jogo. Talvez uma boa escalação seria :

    Vopi
    Arboleda (zagueiro Raiz)… Nada de R. Caio
    B. Alves
    Hudson
    King
    Luan
    Hernanes
    Igor gomes
    Antony
    Helinho
    Brenner

    Acredito que esse time leve pode surpreender os gambas

  7. Escalação para domingo: Volpi, Hudson, Arboleda, Bruno Alves, Leo Pelé, Luan, Reinaldo, Igor Gomes, Everton, Antony e Nenê.

    Hernanes no segundo tempo.

  8. Não tem importância. É a melhor opção no momento.

    Volpi; Hudson, Arbolenda, Bruno Alves e Reinaldo; Luan, HERNANES e Igor Gomes; Antony, EVERTON e BRENNER (ou Nenê de falso 9).

    Para mim, é a melhor formação possível.

    Everton Felipe e Carneiro nem relacionados. Se fosse possível, colocaria o Fabinho. Mas o Brenner é a melhor opção entre os inscritos no paulistinha.

  9. Prefiro o Henanes mesmo sem estar 100% (não é culpa do departamento físico, pois ele está voltando de contusão) como 2º volante (posição real dele) do que uma improvisação. No ataque apesar de ainda não ter justificativo sua contratação prefiro o Carneiro pelo seu tamanho. Agora a chave da vitória é o Anthony, mas ele precisa entrar em campo e ignorar a pressão corintiana. Se estiver ‘debilitado’ novamente, não vamos ganhar. Quanto ao Liziero já vi ao longo da vida muito jogador diferenciado, não vingar, por problemas físicos. Acho que o caso dele.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!