Como Cuca comandou SPFC e definiu até saída de atleta antes de assumir time

Nos últimos 45 dias, Cuca viveu uma rotina completamente diferente da que estava acostumado. Apesar de ter fechado acordo como técnico do São Paulo em 14 de fevereiro, o treinador só começou a trabalhar no campo ontem, no CT da Barra Funda. Por isso, o seu dia a dia não tinha viagens, conversas com jogadores, estudo para a montagem de equipe e entrevistas.


Em Curitiba, sem receber salário ainda como treinador, ele acompanhou como pôde a evolução do time, que tentava se recuperar após a queda precoce na Copa Libertadores e a saída de André Jardine. Como não tinha licença médica para trabalhar por causa de um tratamento cardiológico, Cuca não poderia ficar exposto ao estresse que envolve uma partida oficial. Então, ele assistiu aos jogos pela televisão.

Preocupado com o planejamento do time, ele veio para São Paulo em ao menos três oportunidades para fazer reuniões. Em uma delas, conversou até com o diretor executivo financeiro do clube, Elias Albarello. Na ocasião, foi exposto que o Tricolor não vive um bom momento financeiro, por isso, para se contratar mais jogadores, era necessário reduzir a folha salarial.

Neste sentido, Cuca já passou a ser bastante ativo para a saída de Diego Souza. Quando soube do interesse do Botafogo, viu uma oportunidade para o jogador conseguir um novo clube e para o São Paulo economizar, pois o atacante tinha um dos maiores vencimentos no elenco.

Nos encontros, Cuca também quis deixar claro que gostaria de ver o São Paulo com um novo perfil. Uma equipe mais jovem, rápida e aguerrida. Tal ideia também era compartilhada pelo coordenador de futebol, e treinador interino, Vagner Mancini. Por isso, não foi necessário eles trocarem muitas informações sobre como o time deveria ser montado.

Quando estava em Curitiba, Cuca fazia contatos por telefone com integrantes do departamento de futebol. Uma das suas principais interfaces era o gerente-executivo, Alexandre Pássaro – pois era o responsável por tocar as negociações por reforços. Daniel Cerqueira, auxiliar de Cuca que também já estava com a delegação, e o executivo Raí, também recebiam muitas vezes as ligações.

No tempo livre, Cuca aproveitou para ficar com a família e até chegou a jogar bola com os amigos. Tal fato foi visto de maneira positiva pelos são-paulinos, pois mostrava que o treinador já estava mais perto de receber a liberação médica para trabalhar. “Foi muito estranho, eu estava trabalhando, junto com o Pássaro. Era estranho estar longe. De uma forma geral, foi tudo muito bem conduzido tanto pelo Raí quanto pelo Mancini. Eles deram uma motivada geral em todos, inclusive no torcedor, que é muito importante para esses meninos. Estão recuperando a autoestima, é um passo gigantesco para as conquistas”, disse Cuca.

Na semifinal do Campeonato Paulista, neste domingo, no Allianz Parque, contra o Palmeiras, o São Paulo terá o comando duplo na beira de campo, com Cuca e o coordenador de futebol Vagner Mancini. Ou seja, a partir deste fim de semana, ele voltará a viver também as emoções de um jogo de futebol no estádio.

UOL

Anúncios

29 comentários

  1. Curioso:

    Vitor Bueno vem por empréstimo e parece que por um grande montante de grana …, sem divulgar salários.

    O SPFC empresta jogadores (caros) sem custos e ainda paga parte dos salários.

    Parece que é um grande negócio para o Santos FC.

    Resta torcer para que em campo jogue muita bola.

    #Reage SPFC.

    • Pesquisei quando vence o contrato dele com o Santos, justamente quando acaba o empréstimo com o São Paulo, pelo que consta o jogador no Iria renovar pelo stress com a diretoria e acredito que o valor seja maior do que os 3 milhões. Moleque é bom jogador e acredito que fique no São Paulo após o fim do vínculo.

  2. Outro Post:

    Max Trimundial

    Jac,
    acho que aquele primeiro turno mágico do SP se deu pq além do fato dos principais concorrentes estarem envolvidos em outros campeonatos, o Aguirre ter conseguido montar um time bem postado defensivamente e pra ser reativo, e os nossos dois pontas na época estarem voando (Everton e Rojas).
    a “chapada do Nenê” foi mais empolgação do que contribuição efetiva. O cara era o dono das bolas paradas e isso inflou os números dele.
    A nossa derrocada no segundo turno se deu justamente pq quando os adversários manjaram nosso jeito de jogar e congesrionaram os corredores laterais, o SP não tinha uma outra alternativa e sentia demais justamente quando precisava propor o jogo e pra isso contava justamente com o Nenê, que não é meia.
    abraço.
    _______________________________________________
    Ok, esse é um dos motivos e concordo contigo.
    Nenê não é armador. É mais o que a gente conhecia como ponta de lança na década de 70…
    Mas outros motivos contribuíram.

    A própria falta de alternativas táticas com o Aguirre, as contusões e ausências por cartões e o fato do Aguirre ter preferido um elenco enxuto, quando na verdade em torneio de ponto corrido um dado imprescindível é ter elenco. Some-se a isso a queda de rendimento de outros atletas, a saída do Militão sem haver reposição a altura, o despreparo de alguns atletas como Shaylon em fazer a função… Várias coisas somaram para o insucesso no returno.
    Mas é isso. Nenê dura mais uma ou 3 rodadas no máximo… Já está de saída…

    Sds

    #ObrigadoNeres

  3. Volpi
    Hudson
    Arboleda
    Bruno Alves
    Reinaldo
    Luan
    Liziero
    Hernanes
    Antony
    Pato
    Pablo

    Jean/ Junior/ Tiago Couto
    Igor Vinicius/ Caio (base)
    Walce/ Rodrigo
    Anderson Martins
    Léo / Júnior Tavares
    Jucilei/ Willian Farias
    Diego Costa (base)/ Lucas Fernandes
    Igor Gomes
    Helinho/ Gabriel Sara
    Brenner/ Vitor Bueno
    Everton/ Toró

    Livrar-se de Bruno Peres, Nenê, Everton Felipe, Jonathan Gomez
    Colocar Jucilei em forma.
    E tentaria trocar Gonzalo Carneiro por Sebastian Rodriguez número 23 do Nacional Uruguai, bom elenco na minha opinião.

    • Achei bem razoável as condições do negócio pelo Vitor Bueno…. sobre o jogador nao sei muito o que pensar…. espero que saiba jogar centralizado….

  4. Rapaz… só eu que não fiquei muito entusiasmado com essas negociações de Tchê Tchê e Vítor Bueno?
    Não vejo isso tudo que dizem, principalmente quando olho os custos de cada um.
    A do Vitor então, se os termos forem esses falados mesmo (vamos aguardar informações oficiais), o Santos sambou na cara do São Paulo. Não pelo empréstimo em si, mas essa multa, o São Paulo não poderia aceitar nunca. Tá certo que pode não dar em nada o jogador, mas se o São Paulo pensou na possibilidade (não dar em nada e depois devolver), porquê contratou?
    Sem lógica nenhuma essa negocioção. E cá entre nós, digamos que ele não é o cara que chega pra resolver.

  5. Cuca entende de montagem de time, por isso já despachou logo o gordo Diego Souza, uma das contratações mais absurdas da história do SPFC.

  6. Um setorista da Globo disse que o SP só receberia os 10% da venda do Cueva (2,6kk) em 2022! E os 600k do empréstimo (até o fim de 2020) seriam descontados do salário do Vitor Bueno. Nesse cenário, a coisa fica bem mais interessante: na prática, ñ gastamos nada… Enfim, sou obrigado a reconsiderar; ñ foi mau negócio. O que pega é a multa, mas ainda assim… até lá tem muita coisa para acontecer.

  7. Mata-matas entre SP x Palmeiras

    Desde que acompanho futebol, e até onde li sobre mata-matas entre os dois, o placar é elástico a nosso favor.
    Vejamos…

    1977
    Semifinal do 1o turno do Paulista – SP 3×1
    1978
    Semifinal do Paulista – SP 1×0
    1987
    Semifinal do Paulista – 0x0 e SP 3×1
    1992
    Final Paulista – SP 4×2 e SP 2×1
    1994
    Oitavas da Libertadores – 0x0 e SP 2×1
    1998
    Semifinal do Paulista – SP 2×1 e SP 3×1
    2000
    Quartas da Copa do Brasil – SP 2×1 e SP 3×2
    Oitavas da Copa JH/Brasileiro – 1×1 e Peppas 2×1
    2002
    Semifinal do Rio/SP – 1×1 e 1×1 (deu SP)
    Semifinal do Super Paulista – 1×1 e SP 2×0
    2005
    Oitavas da Libertadores – SP 1×0 e SP 2×0
    2006
    Oitavas da Libertadores – 1×1 e SP 2×1
    2008
    Semifinal do Paulista – SP 2×1 e Peppas 2×0

    Placar geral: 11 x 02 pró SP
    Se for incluir alguns triangulares e quadrangulares, o placar aumenta mais um pouco… Mas nem vou me dar ao trabalho… Rsss

    Sds a todos!

  8. Vendo as opiniões diversas por aí ….. ta bem dividido. .. alguns dizem que é um bom reforço outros dizem que é enganação. Vamos aguardar, mas se o Cuca aprovou, fico mais tranquilo.

  9. Acho que estão passando informações equivocadas ao caso Victor Bueno.. Marcelo Hazan, informou que : o SP teria direito aos 10% de Cueva em Março/2022 e, os 600mil que o SP pagou ao Santos “saem” do salário do próprio jogador, ou seja, não queria ficar lá. Creio que para compor o elenco que sem dúvidas brigará na parte de cima do Brasileirão, é uma boa contração. Jogou um tempo bem no Santos, depois caiu de produção, não o acompanhei se foi por conta de lesões ou jogar em posições diferente da sua. Mas é bom jogador

  10. todo mundo elogia as contratações pedidas pelo cuca, inclusive eu …. porem ha um ciclo de culpados no que nunca é a presidencia e a corja que esta la plantada e sim o tecnico, jogadores, diretor de futebol e etc…
    estou com esperança renovada que o sp brigue la em cima novamente, porem se nao der certo temos que abrir os olhos e retirar de lá as pessoas que nao fazem bem ao sp e so pensam em si proprios.
    acorda nação tricolor ….

  11. vamos apoiar a molecada… findemos as críticas…
    vamos apoiar a molecada… eles precisam muito da torcida !!!
    SP na final do Paulista…. eu tenho FÉ !!!
    e a moeda cairá de PÉ !!!

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!