A torcida São Paulina e a Santa Inquisição no futebol do São Paulo

                Torcedores de outros clubes e nós mesmos, são paulinos, sabemos que nossa torcida tem fama de “queimar” jogadores. Durante um tempo fiquei me perguntando o porquê desse fenômeno e se havia algum “culpado” por isso. Cheguei à conclusão que nossa torcida tornou-se imediatista após um período de Soberania seguido de nossa espera na fila até os dias atuais. Este imediatismo ao qual me refiro é o que faz com que sejamos mais criteriosos, mais impacientes e rigorosos com o futebol da equipe para a qual torcemos.

                Nos últimos anos, apesar das breves esperanças de títulos, o São Paulo apresentou desempenho regular ou baixo no sentido estético (do espetáculo). Os melhores momentos foram com times mais pragmáticos e que venciam sem dar show. Características opostas ao que tornou-se comum dizer do São Paulo ao longo de sua história. Diversos treinadores passaram por aqui, com filosofias de jogo diferentes, esquemas de jogo diferentes, modos diferentes de tratar os jogadores. Bem como diferentes jogadores passaram por aqui. Bons, ruins, profissionais, mimados, “bad boys”. O que houve, na minha modesta opinião, foi uma falta de planejamento adequado e times feitos com remendos. Nos últimos anos nenhum treinador chegou para montar um elenco e desenvolver uma estratégia de jogo.  Nunca houve um recomeço de fato. Sempre um treinador “tapa-buraco”, jogadores para tentar fechar uma conta técnica ou financeira. O resultado disso tudo sempre foram times capengas, desequilibrados, jogadores fora de posição ou de características diferentes. É algo parecido com o que acontece com Cuca hoje, que pede reforços com determinadas características e não pode ser atendido por problemas financeiros ou porque “precisamos” de uma cortina de fumaça no momento.

                Times mal formados, jogadores bons e ruins jogando juntos, técnicos com problemas para trabalhar com o que se tem e uma gerência (no sentido geral) de futebol despreparada resulta num time desqualificado, previsível e apático. Salvo os grandes craques do futebol mundial, quem jogaria bem num time desses? Jogadores regulares jogam mal, jogadores bons, jogam mal, jogadores para compor elenco jogam mal e os jogadores ruins, obviamente, jogam mal. Um prato cheio para uma boa parte da torcida, imediatista e desinformada ou desinteressada pelos bastidores do futebol. Elegem culpados diretos: jogador tal, jogador tal, jogador tal. Não que alguns jogadores não mereçam em alguns casos, mas o problema do São Paulo não é tão pontual assim.

                Dessa forma, torcedores contribuem para a “queima de jogadores na fogueira da Santa Inquisição tricolor”. Alguns vão para times bem ajustados e jogam bem, outros não tem tanta sorte e acabam com carreiras medíocres. Enquanto isso o problema nunca é visto numa visão MACRO. Isso é sustentado por preconceitos e chavões como: “dirigente não entra em campo, quem resolve são os jogadores”, “o técnico que tem que ser trocado porque não tem como trocar todos os jogadores”, entre outros. Enquanto não começarmos a entender o problema com uma compreensão maior sobre o que acontece no São Paulo, continuaremos a queimar técnicos, jogadores e até ídolos. Deixando pra trás a Glória e a Imagem do São Paulo como um time GIGANTE.

Matheus Padilha Abrantes Reis

38 comentários

  1. Tá td tão errado no SP, que deveriam começar de novo. Saindo o Leco e tds os indicados por ele. Só uma mudança diretiva geral poderá haver luz no fim do túnel.
    O Rebaixamento pra serie B é palpável!!
    Agora, galera criticando o Hudson por causa das declarações de ontem, ou achando que tem disponivel no mercado Falcão, Cerezo, Chicão, Tony Cross, Casemiro, Modric, etc… Pro nível do futebol brasileiro Hudson é acima da média. Mesma coisa se aplica ao Reinaldo!! Enquanto o foco for jogador é o msm filme que estamos vendo… O problema esta no planejumento do Leco, Rai e Passáro… Essa trinca deveriam pedir pra sair por incompetencia generalizada!!!

    • Hudson é limitado.
      Fato.
      Mas é voluntarioso, dedicado, não faz panelinha nem fica de mímimi.
      Foi um dos líderes do grupo na Libertadores-16.
      Joga pro time, não pra ele.
      Tem meu respeito.
      Acho que é um bom cara pra compor elenco. Pode ser reserva, jogar de volante e de lateral. A questão de ter mantido ele pelo visto foi um pedido do Cuca.
      Salário e outro Depto.
      No geral, salário de futebolista é um absurdo mesmo! Se ele tá ganhando quase 500 paus, precisa ver como é isso aí direito…
      De qualquer forma ele não vale isso.

  2. A entrevista do Roberto Natel, mais que a manifestação de um conselheiro, seja pelos motivos que forem, deve ser vista e entendida como a insurgência do vice presidente do SP contra o estado de coisas que está instalado no clube.

    Se tem credibilidade, ou não, se estaria fazendo politicagem e defendendo interesses próprios, ou não, fato é que se trata da manifestação pública de alguém que foi eleito juntamente com os dirigentes atuais, ocupa simplesmente a vice presidência, e se posiciona frontalmente contrário à maneira como o SP vem sendo gerido atualmente.

    Não vai ser trocando de treinadores e reformulando elencos que sairemos dessa draga em que nos enfiaram.

    O problema não era o Ceni, nem o Dorival, nem o Aguirre, nem o Jardine, nem o Mancini e nem será o Cuca.

    A estrutura orgânica do SP está corroída, como um todo, por dentro, nas suas entranhas.

    • Natel, sempre que escuto esse nome lembro do episódio dos postos e carros para conselheiros que lesavam o clube. Esperando explicações até hoje.

  3. Fica a sugestão para que o Blog se posicione e se manifeste, formalmente, chamando cada um dos conselhos do SP, o de administração, o fiscal e o deliberativo, além de nominalmente, todos os conselheiros, a se manifestarem e cumprirem as atribuições que lhes competem.

    Politicamente, o momento impõe e enseja a possibilidade e necessidade de ações e manifestações organizadas e estruturadas, no sentido de cobrá-los, diante de uma situação tão drástica quanto a vivida.

    Os blogs e a própria mídia, aliados aos conselheiros que verdadeiramente se apresentam para empunhar a bandeira das mudanças e das transformações, é o que nos resta de esperança, em dias melhores.

    Essa cambada somente será incomodada com a união das forças contrárias, tirando-as da zona de conforto em que vivem a tantos anos.

    Esse blog, face a representatividade que tem, e sabemos que tem, pode exercer e desempenhar um importante papel e missão, nesse sentido.

          • As vezes a torcida exagera sim, mas culpada não é pois, sempre apoiou o time principalmente nas vezes que estava para cair para série B e ela que é a razão do time existir e cabe ao jogador que é vaiado virar o jogo em campo e responder com bom futebol e não ficar de mimi essa que é a verdade, hoje tem muito jogador mimizento que invés de ficar silêncio e trabalhar preferi reclamar e chorar as pitangas na imprensa ou redes sociais, mas todo final de mês o salaŕio está na conta e o cara sabe que jogar num grande clube como o São Paulo é pressão toda hora, mas o maior culpado de tudo isso é a diretoria que deve cobrar produção e rever os critérios de contratação dos jogadores para não ver essa situação deprimente que está ocorrendo agora onde investiu um caminhão de dinheiro em contratações mas não se tem um time já quase na metade do ano.

      • Zanquetta, toda forma de pressão exercida formalmente, a meu ver, valeria a pena.

        A credibilidade e a penetração do blog junto a conselheiros e mesmo dirigentes, o credenciam a agir com representatividade, em nome da nossa imensa torcida.

        Instrumentos formais, tais como, abaixo assinado, carta aberta, requerimento, moção de repúdio, expondo os gravíssimos problemas divulgados, solicitando informações e requisitando posicionamento e manifestações específicas, certamente causarão, no mínimo a inquietação interna e a movimentação corporativa, crescente, de forças internas contrárias.

        Sabemos das dificuldades e mão de obra para operacionalizar a estruturação e organização de movimentos e ações nesse sentido, mas é o pouco que nos resta e é possível, no exercício de nossa sampaulinidade.

        O blog pode sim, significar e representar um instrumento de voz ativa para as forças opositoras à esses dirigentes que vem aniquilando com o nosso clube.

        Assuntos e temas como a própria entrevista do vice presidente, por exemplo, independentemente de ter ocorrido em uma mídia de grande alcance, poderia ser formalmente levada para dentro de cada um desses conselhos, através de um desses instrumentos.

        A negativa de fornecimento de informações ao conselho fiscal, independentemente da obrigação intrínseca que compete àqueles próprios membros e componentes, da mesma forma precisam ser formalmente expostas e escancaradas, como cobrança de providências, aos conselhos de uma maneira geral, através de algum desses instrumentos e ferramentas, sugeridas.

        Os episódios das contratações e liberações de jogadores com comprovados prejuízos financeiros ao clube, como no caso do Diego Souza e tantos outros, também poderiam ser formalmente provocados, junto aos conselhos e conselheiros, de um modo geral.

        A nomeação de conselheiros como dirigentes remunerados, contrariando o próprio estatuto, e uma infinidade de outras atrocidades, sabidamente cometidas.

        Entrevistas promovidas com as forças contrárias, convidando opositores para que se manifestem no espaço oferecido pelo blog.

        Infelizmente, o sistema e modelo político administrativo atual e a configuração dos conselhos e a composição do quadro de conselheiros, sem pressão pesada e sistematizada, de forma bem estruturada e organizada, propicia as condições e clima para que tudo permaneça exatamente do jeito que está.

        Sem mobilização geral e provocação do status quo instalado, nada modificará, continuando tudo como está para ver como é que fica.

  4. Fico estarrecido quando um torcedor vem aqui e escreve: sai o Leco e entra quem?
    Traduzindo: deixa do jeito que está….

    Mudanças devem ser feitas incessantemente se a pessoa que está ocupando determinado lugar é incompetente… Não podemos olhar o depois, temos que olhar o agora e eliminá-lo… que sirva de exemplo…. o próximo se for tão incompetente quanto, porque pior que o Leco impossível, lutamos novamente…. e é assim que deve ser sempre…

  5. Parabéns, belo texto! Concordo e fico feliz por estar vendo que parte da torcida está desenvolvendo essa consciência. Eu era daqueles que gostava de jogadores como Danilo, Lenilson, Douglas, Maicon (meia), William José etc. Todos saíram muito queimados mas poderiam ter sido muito mais úteis ao clube.

  6. Melhor texto que eu já vi publicado aqui no blog…Parabéns para o autor!

    Já estou cansado de ver a torcida queimando técnicos, jogadores e agora até ídolos que estão tentando ajustar as coisas no SP, e que por culpa de diretores incompetentes acabam sendo achincalhados por torcedores fanáticos que não conseguem usar a razão.

  7. No meio desse caminho existe uma incoerência que vem desde os tempos em que ganhavamos títulos, hoje temos uma diretoria que não tem convicção, porque não sabe o que faz e quem contrata. Aí para tentar ficar pelo menos na corda bamba, atende pressão da torcida e manda os jogadores que eles querem pra fora sem seguir um plano ou um ciclo.
    Rogério Ceni já foi pressionado a sair em um tempo atrás pela torcida, o técnico Muricy Ramalho também, Richarlyson, Lugano, só alguns exemplos de atletas que foram multicampeões, mas para nossa sorte o comando naquela época era de uma diretoria mais firme que não se abalava com xiliquinho de torcedor para mandá-los embora, segurava a broca e atuava para resolver o problema e não tirar o problema da frente como faz hoje e como muitos querem.
    Falam que Juvenal quebrou o São Paulo, afundou em dívidas, hoje querem time e jogador caro e ser campeão mesmo que o clube aumente significativamente sua dívida… Em sua época fez time campeão, segurou jogador e técnico, fez Cotia o que nos salva hoje e o time tinha dívida menor que outros grandes da época e o cara é um lixo…
    Falam de clube empresa de profissionalização e tal, imagine uma empresa como essa, contrata 20 funcionários com a maioria de acordo e depois de seis meses mandam metade embora por que não presta, não interessa se vai queimar dinheiro… Isso é o oposto de uma empresa, mesma coisa de comprar um carro caro porque achou bonito, mas não usar e deixar com o visinho porque não sabia que gastava muito combustível…
    É burrice querer dilapidar o seu próprio patrimônio e é o que o São Paulo faz a todo momento, não tem responsabilidade pelo dinheiro, contrata hoje e manda embora amanhã sem dar tempo e ambiente para o cara poder mostrar. É melhor um cara com condição física exemplar que corre o campo todo mas que não sabe o que fazer com a bola, não sabe chutar, não sabe dar um passe, nao cria uma jogada ou entender uma dificuldade de um cara já experiente mas que tem técnica e inteligência e que pode decidir uma partida?
    O São Paulo Sempre teve caras assim e foi campeão, e os caras jogavam muito, Evair nunca foi magrelo e sempre jogou demais, Toninho Cerezo era muito experiente estilo de jogo cadenciado não era um corredor, mas jogou muito, Luisão nunca foi leve e fazia gol de mais… Posso falar da aprimorada técnica do Fabão entre outros…
    Aí os caras falam, Raí fugiu não falou, não deu entrevista, quando fala não deveria ter falado…
    Quando o Jucilei estava jogando por empréstimo aqui era monstro, boa parte da torcida gostava do estilo do cara, jogou vários clássicos bem, pediram a contratação e hoje não presta tem que se livrar, isso a menos de um ano atrás…
    Reinado era kingnaldo hoje imprestável, será que esses são os problemas mesmo?
    Aí o cara fala que é torcedor, mas prefere o time não se classificar por medo de perder, e quer cobrar quem???
    Não tem como as coisas darem certo aqui, a torcida não quer títulos quer bagunça e crise sempre…

    • Reli para tentar entender a questão religiosa.

      Não vi ofensa.

      Sempre digo que quando há fatos a opinião não conta.
      Uma das marcas da inquisição era queimar pessoas literalmente. Aqui é metáforicamente.

  8. A torcida ser imediatista, até pq estamos vendo nossos rivais ganhando títulos e revelando jogadores com presidentes e parcerias, no mínimo, suspeitas, é normal, o problema é a Diretoria ser assim…

  9. Vejamos se entendi:

    Há quem considere a torcida culpada.
    Também há quem tenha esta certeza.

    Há quem entenda que a diretoria tricolor decida, com base no “clamor” da torcida.
    Também temos aqueles que pensam que a diretoria tricolor considere tais apelos.

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK.

    Quer dizer que muitos negócios efetuados, justificam-se pela “pressão” popular ??????

    Medalhões contratados a peso de ouro…, e posteriormente emprestados sem custos ou vendas inexplicáveis em negócios absurdos.

    Promessas e jóias da base (que nada tem a ver com nosso futebol) quase que doadas …, em verdadeiras “festas” de empresários

    Rodízios de técnicos e elencos …, futebol que sistematicamente desaparece …, sem que sejam formados times, equipes ou sistemas de jogo.

    Dívidas que perpetuam-se e “assumem” o comando do clube como um todo.

    Destruição contínua, progressiva, milimetricamente planejada tal qual um roteiro macrabro, em execução permanente no SPFC.

    Um balcão de negócios, uma vitrine permanente e um palanque …, este é o SPFC.

    A única parte que salva-se neste resumo de erros, é a torcida tricolor …, a melhor parte que resta do SPFC.

    • Engano seu, caro Paulo… O que “de melhor” sobrou, do nosso SPFC, foi a camisa… Ainda a exibo, orgulhosamente (e para “gozação” de torcedores adversários, amigos meus ou não – viramos os “tontos” da vez… rs…), onde quer que eu vá… Bancos, mercados, médicos, não importa, lá estou eu com uma camisa do SP… Quanto à torcida, enquanto houver quem ainda (pode???) se julgue “soberano”, entre os seus componentes, me perdoe, mas não dá, né?!… rs… Abraço!!!… SMILE TADEU.

    • Paulo, alguns esquecem que todos, absolutamente todos, jogadores foram queimados pelas diretorias para facilitar as vendas a preco de banana para o exterior, comecando no Kaka e passando por outros molegues da base. quem sempre insuflou a torcida foi a diretoria, para realizar seus grandes negocios! nunca poderiamos doar o gordo e o G Novaes sem que tenhamos opcoes a altura!

  10. Os jogadores do sempre tem uma desculpinha pronta…quero ver algum jogador e vir a público e dizer não estamos jogando nada…ontem deveria ter sido eliminado passou um sufoco.

  11. É Takei , pelo jeito agora vai mesmo ,quem denunciou foi o conselheiro newton do chapéu.
    Tomara que o mp intervenha nesta lavegem de dinheiro que esta acontecendo no nosso tricolor.

    • Pois é, vice presidente se inssurgindo, conselheiro formalizando denuncia, conselheiros se indignado, dirigentes sendo pressionados, gestores sendo cobrados…

      A torcida precisa se mobilizar de forma estruturada e organizada.

      Unida, acima de tudo.

      Esses vinte meses que ainda restam dessa gestão, precisam ser usados pra forçar as mudanças estruturantes, irresponsavelmente engavetadas pelos dirigentes atuais.

      Com a permissão e conivência omissiva, dos conselhos constituídos e dos conselheiros, de um modo geral.

  12. “Vende mais porque é fresquinho, ou é fresquinho porque vende mais”???… Está difícil, para qualquer jogador, sequer jogar no SP, quanto mais “jogar bem”… E eu falo isso com tranquilidade, pois sou dos mais críticos que, de vez em quando, aparecem por aqui… Não há “fundo de poço” que chegue!… Nunca quis ter estado tão certo, como nas minhas previsões, quando da montagem do elenco para este ano… Até citei que, “não vai muito”, e irão chamar o Pablo de “o maior caneludo do mundo”, tanta é a escassez de algo que possamos chamar de “futebol”, no atual momento do clube… E esse “não vai muito” está próximo, muito próximo, aliás, de ocorrer… Basta ver alguns comentários aqui… Falemos do Hudson, em específico… Basta “lembrarmos” que o mesmo foi emprestado ao Cruzeiro, e, lá, nem parecia o mesmo jogador daqui do SP… Firme, forte, aparecendo no ataque, capitão do time, enfim… Tão “diferente” que deu até uma classificação da Copa do Brasil ao clube, em pleno Morumbi, em cima de nós… Aquele gol de cabeça, lembram?!… Tão “diferente” que o SP fez de tudo para não vendê-lo em definitivo ao Cruzeiro, para ter uma liderança, como há muito não tinha (e continua a não ter…) em seu meio de campo… Para chegar a esse ponto que vemos hoje… O Hudson voltou a ser “caneludo”, ou o SP o fez retornar a sê-lo???… Eis aí uma grande incógnita… Com a palavra, os “soberanos de plantão”…

    SMILE TADEU

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!