Até quando, meu Deus!

Amigos Tricolores,

Até quando seremos um time grande, gerido por amadores? Até quando vamos ver negócios inexplicáveis em nosso São Paulo? Até quando vamos ver que o legado de Telê foi, há anos embora, e que estamos caminhando rumo a uma “Nova Portuguesa”? Não aguento mais!!

Outro dia escrevi um artigo, em que concordava com o excelente Gustavo Villani sobre o São Paulo estar cumprindo todos os passos dentro do protocolo para cair para a série B. Óbvio que houve muitas críticas no meu artigo, estranho seria se não as tivesse, mas infelizmente, alguns dias depois do artigo publicado, vimos mais alguns capítulos desse protocolo. Eu tenho muito medo do São Paulo cair e demorar para voltar. A incompetência reina no São Paulo e não é de hoje! É cada Kieza, Ytalo, Aderllan, Wellington Nem, Jhonatan Cafú, Jhontan Goméz, Sidão, Bruno Peres, Reinaldo, Carlinhos, Bruno que aparecem que dá até medo do que vem por ai, ainda em 2019.

Cair, difícil, mas não impossível

“Time grande não cai”. Chega dessa bobeira. Cai sim. Deixa o clubismo de lado, Corinthians, Palmeiras, Grêmio, Internacional-RS, Atlético Mineiro são times grandes. E caíram por foram muito mal geridos. E o que vemos no São Paulo? Está tão ruim, que até a tragédia que ocorreu no sábado de carnaval, há quem credite culpa no Leco, diretoria, conselho, Raí e Pássaro, como se eles trabalhassem na Prefeitura e fossem os culpados pela máquina da cidade não ter cumprido o seu compromisso por zelar por uma das mais importantes cidades do mundo. Mas isso é outro papo, e fica aqui a minha solidariedade para com a nossa “2ª casa”, a qual sem alarde, estou correndo atrás, do que posso, para ajudar. Que cada um faça o mesmo pelo bem do nosso palco de tantos títulos e glórias!

Voltando ao time, eu não acredito que vamos efetivamente cair, mas com o que estamos vendo, Villani, está infelizmente, certo, estamos cumprindo o protocolo porém, espero, que com a mesma enorme incompetência dos outros movimentos, assim, escapamos por incompetência até para cair!

Revolta: Diego Souza!

Eu não queria o Diego Souza, desde quando o São Paulo começou a negociar com ele. Nem de longe ele é aquele jogador decisivo do começo de carreira. Se fosse, não estaria aqui no Brasil e sim na Europa, mesmo que em algum time da Ucrânia ou de menor expressão na Espanha, França ou Itália. Está aqui, no Brasil e era o destaque do Sport. Com todo o respeito, mas a historia do Sport não o coloca entre a seleta lista de times grandes do país. Foi para o Fluminense, não deu certo, voltou. Lá a sua vida era ótima. Morava em um das mais lindas cidades do mundo, Recife, a pressão é bem menor que em times de maior expressão, como São Paulo, por exemplo, era o destaque, o comandante e fazia seus gols ajudando o Sport a fazer um campeonato dentro das suas possibilidades e se possível sem cair para a Série B. Ganhava um bom salário, e ai pergunto: Porque ele iria largar tudo isso? Por dinheiro, claro, pois o salário no São Paulo era bem maior. Não o culpo, todos nós já largamos empregos por um salário maior, a culpa é de quem foi atrás dele e acreditou que ele pudesse fazer a diferença no São Paulo, com o nome que tem. Ele foi o artilheiro do São Paulo no ano passado, mas isso não é para valorizar, e sim entender ser o mínimo que um camisa 9, com 450 mil de salário pode fazer. Agora, de graça ele foi para o Botafogo. O São Paulo pagou 10 milhões de reais, em um jogador em fase decadente da carreira, até pela idade, e achou um bom negócio!!! Agora, o cedeu para o Botafogo, que pagará os 450 mil reais de salário. Se pensar pelo lado matemático, os salários de Março a Dezembro, além do 13º, daria um valor aproximado de 4,5 milhões de reais que o São Paulo economiza, mas ainda sim, fica o prejuízo de 5,5 milhões de reais nessa transação. Cadê o planejamento? Cadê o legado de Telê, que jamais deixaria o São Paulo trazer um jogador como esse. Telê, apenas para lembrar, vetou, no auge, Denner, que para quem não viu jogava muito mais que o que Neymar pensa que joga, pena que a Placar não o viu, pois colocar o “menino Ney” como o maior jogador depois de Pelé, é para pegar o responsável e pingar gotas de limão em seu olho por algumas semanas…

Medo dessa economia…

Depois de ter comprado o fraquíssimo Everton Felipe por 6 milhões, eu tenho medo de onde vai parar esse dinheiro economizado com os salários de Diego Souza. Tenho medo de vir um Kieza da vida para substituir o jogador, já que “temos muitos jogos, várias competições, precisa de elenco…”a velha desculpa de sempre. E na sequencia libera o Diego, libera o Novaes para o Barcelona, mantendo o Carneiro para ser sombra do Pablo, ou seja, ficaremos sem um camisa 9 caso ocorra algo com o Pablo como lesão ou cartão. O que o São Paulo forma na base, vende, então vai atrás de medalhões, que um dia foram craques, para recuperar o time e trazer títulos. Sério que se acredita nisso?

“Planejamento Zero”

E vamos seguindo com o projeto “Planejamento Zero” incorporado ao padrão Leco no São Paulo. Não aprovo Leco no comando do São Paulo, mas não acho que ele seja o único, sim o principal, mas não o único culpado por tudo o que ocorre lá, afinal, há de se lembrar que ele não entra em campo e faz corpo mole como Nenê, por exemplo. Até o Everton, motorzinho, está em declínio no São Paulo. E nada está sendo feito. Repito, a minha posição, até em um artigo escrito aqui: O Raí foi gênio em campo, meu maior ídolo, mas é muito educado, culto, calmo e introvertido para entrar no vestiário dando porrada em jogador ‘chinelinho”. Esse também, é papel do diretor de futebol ao lado do técnico, coordenador e até o presidente, mas esse, não tem moral para falar nada e seria facilmente “engolido” pelos jogadores. Talvez, com Lugano mais perto do elenco, isso possa ocorrer, pois esse tem moral, tamanho e perfil para olhar no olho dos “mimimis” e ter “aquela” conversa necessária. Gostei de saber que na comissão do Cuca, “El Dio5” estará ao seu lado.

Araruna

Não é nenhum craque, não é nenhum Falcão, Cerezo ou Alemão. É um jogador para compor grupo, esforçado, bom marcador, jogando como volante e não lateral. Não tem talento para ser titular, mas é aquele jogador útil para eventuais mexidas em esquema, quando o São Paulo, por exemplo, na Libertadores estiver vencendo fora de casa e precisar se fechar para não sofrer o empate. Mas o “Planejamento Zero” criado no Morumbi, fez com que Igor não fosse inscrito na Libertadores, contando com Araruna para reserva do péssimo Bruno Peres. Resultado? Araruna emprestado para o Fortaleza, onde será titular com destaque, Bruno Peres, parece não ser o que Cuca deseja e Igor titular, jogando muito mais que os dois, mas claro, ainda longe de ser um Cafu, Zé Teodoro, Vitor ou Cicinho!

Fica o registro, de novo, o projeto “Planejamento Zero” em ação. E ainda me criticam porque acho que o Villani está certo? Apresento-lhes mais dois, recentes, casos do São Paulo dentro do protocolo Série B. Nós, torcedores, podemos protestar, Morumbi Zero, xingar nas Redes Sociais, nos comentários dos artigos, nas arquibancadas, mas com o que estamos vendo dentro do Morumbi, minhas esperanças foram transferidas para Abril de 2020. Nesse ano, eu ainda vou comemorar permanência na Séria A e uma possível vaga na Libertadores. E que venha a oposição, pois como vimos no Brasil, perpetuar no poder não tem dado muito certo.

*Felipe Morais. Publicitário, apaixonado pelo São Paulo Futebol Clube. Sócio da FM Planejamento, Palestrante sobre marketing digital, comportamento de consumo e inovação. Autor dos livros Planejamento Estratégico Digital (Ed. Saraiva) e Ao Mestre com carinho, o São Paulo FC da era Telê (Ed Inova) – www.livrotele.com.br – facebook.com/plannerfelipe e @plannerfelipe

46 comentários

    • Caro Paulo,

      Hoje em relação a administração do clube, já fomos rebaixados faz tempo para serie B e talvez para serie C.
      Mas calma, teremos babás para os “coitados” daqueles que fazem contratações, pessoas remuneradas somente para isso e que precisam de fiscalização para não se equivocarem e colocar comissões suspeitas para empresários que nem do jogador a ser contratado são…. são diretores com aminésia e grave problema de esquecimentos….só se lembram dos péssimos salários que tem (presidente + diretor + gerente ganham mais de R$ 170 mil).

  1. Por mim poderia jogar de portoes fechados amanhã, é a minha opinião. Mas respeito quem apoia o time, apesar da diretoria. Raí vai assistir o jogo?

  2. O bom que esse povo é movido a dinheiro e enquanto tiver dinheiro o “amor” pelo poder será máximo.

    Algo me diz que o sucessor do Leco poderá ser Natel e Casares, ou seja teremos muitos anos para engordar o bolso de dirigentes em nome do amor absoluto pelo clube. Não é atoa que não se coloca sentimentos quando se fala de dinheiro ou estará fadado a perde-lo.

    • Parece que são a bola da vez. Ambos quase não aparecem. E até o presidente do CD tem chance. Até parece reunião de condominio.

      • Carlos eu Odeio esses dois com todas as forças dos meus ossos. O Tal do Natel depois dos episódios dos postos… cara que raiva

  3. É difícil entender a incapacidade que essa gestão tem de não planejar:
    Descobriram agora que o a folha salarial era de 12 milhões?
    Não tinha nenhum cenário de planejamento do time fora da libertadores? principalmente financeiro?
    Como vc pode colocar previsão de faturamento do que não dá para ser previsto?
    Em qualquer lugar quando vai fazer estimativa financeira, se pega o pior cenário, pois qualquer valor que entrar a mais será uma ” boa” surpresa?
    E a cereja no bolo, vão colocar uma comissão para fiscalizar pessoas muito bem remuneradas (presidente, diretor e gerente) que são pagas para isso? Babás de pessoas incapazes na execução e muito capazes em suas remunerações (é mais de 170 mil por mês juntos)..
    Por isso não dá para ficar feliz com o dinheiro do Militão e nem de ninguém, pq vai sumir, o clube vai continuar devendo e os ratos vão continuar…

  4. Bom dia
    Ontem fui dormir penando na situação do nosso tricolor, pode ser utopia, mas talvez seja possível.

    Vamos lá, vou apresentar minhas ideias :

    1° ➩ Pegar os nomes de todos os conselheiros contrários a Leco e expor nosso apoio; entrar em contsto e pedir uma atitude concreta deles pedindo a Renúncia de Leco;
    2°➩ Montar um grupo de jogadores + muricy e pedir que deem entrevistas na mídia criticando e expondo os fracassos da atual diretoria. Muricy seria o líder e teria o apoio maciço da torcida, inclusive através de pessoas da mídia. Isso pode gerar eco e aumentar o coro de fora Leco.
    Ex: Muricy, R. Ceni, J. Paulista, Denílson, França, Pintado, Muuler, Cafu, Ronaldao, Palhinha, Careca, Cezar Filho, Enri Castelli etc;
    3 ➩ Convocar o Conselheiro que se é expôs publicamente dizendo-se arrependido a dizer (segundo o que viu) o que está errado e porque se arrependeu;
    4➩ Pedir a pessoas da mídia para abrir espaço para conselho administrativo ( que criticou o caso Diego Souza) a detalhar o casa publicamente ;
    5➩ Entrar em contato com ADIDAS E BANCO INTER e pedir apoio no coro, pedindo a saída do Leco. Uma queda para a série B vai prejudicar não só o tricolor, mas as duas marcas no retorno de seus investimentos.
    5➩ Pedir a opinião jornalistas críticos da atual gestão para fazerem coro na Renúncia de Leco.
    Arnaldo (Espn)
    Mauro Cezar ( espn)
    PVC
    Victor Birner
    Marcello Lima
    * Todos estes são notáveis e podem convidar o Muricy e notáveis para fazer coro a Renúncia de Leco.
    5➩ Torcida fazer Coro no estádio pedindo a Renúncia de Leco por meio de músicas e faixas e vídeos lançados no Twitter /Instagram Brasil a fora ;
    6➩ Exigir do Conselho administrativo explicação quanto aos casos de Maicosuel, Tuta, Diego Souza. O conselho pode ir nos programas esportivos, isso faria força para Renúncia de Leco.
    Inclusive o Conselho pode expor que o estatuto foi burlado e os cargos estão ocupados por amigos, ao invez de profissionais.

    Desculpa amigos, sei que parece um remédio forte e doido para nós torcedores. Mas não podemos ficar a mercê de Leco e suas ideias absurdas.
    * Não sei o que pensar sobre Raí, acho que ainda acredito nele, mesmo com tantos erros. Ainda penso que errou tentando acertar.

  5. Rai em uma empresa séria, seria demitido! Mas como parece que existe um conluio com o Presidente, que o precisa como escudo, fica nessa levada nefasta. Se montassem um time, com o mínimo de planejamento, jogadores a altura, e nas posições necessárias, os desmandos até seriam entendidas pelo torcedor, como cultural do brasileiro. Mas o que se vê, é um amontoado em campo, e compras casadas, sem se pensar no futebol, aí fica difícil até ter argumento pra defender esses crápulas.

  6. Até esse velho sair ou bater as notas, mas aí vem outro de máfia, e outro, outro…!
    Que triste ver o SPFC assim, eu nunca imaginei que fosse ver essa situação, as vésperas de um clássico, achar normal perder e um empate como uma vitória, e uma vitória, como um título.

  7. Até quando existir esse modelo de gestão. O São Paulo e o único clube grande q sócio torcedor não vota e td e controlado por conselheiros vitalícios e um punhado de conselheiros eleitos por sócios q muitas vezes nem são paulinos São. Com esse modelo anti democrático não tem jeito, a cadeira da presidência fica sempre nas mãos dos “donos do clube”. Antigamente funcionava pq o futebol era semi amador e não existia esse jogo de interesses, o São Paulo estava sempre em primeiro lugar.agora Do jeito q esta sai um ruim entra outro pior, saiu Juvenal entrou o aidar pra afundar o clube, saiu o aidar entrou o Leco parar permanecer no buraco. O Leco saindo com certeza entrará um nome bem conhecido e ruim quanto o Leco, pq não existe renovação possível nesse jogo de cartas marcadas.

  8. Eu discordo da parte do Araruna. Claramente um jogador feijão com arroz que serve mais pra compor time em treino do que jogar pra valer. Nada contra a pessoa, mas como jogador é fraco e já teve inúmeras chances de provar o contrário. Que seja feliz em outros clubes, pois no SP precisamos de soluções pra ontem!

    • Concordo com voce. O Araruna não serve nem para compor elenco. Ele pode até arrebentar no Fortaleza, mas aqui sempre esteve abaixo da critica.

  9. Só não fomos rebaixados ainda pq nas horas mais duras, o peso de nossa camisa conseguiu nos salvar até agora, mas neste ano, não sei não…
    Se até o final do ano não fomos rebaixados, já me dou por satisfeitos, se ganhamos algum título, nem que seja o Paulista, já me dou muito por satisfeito…

  10. A choradeira parece que nao tem fim,, mais , cada um com sua cruz,, segue o jogo,, futebol pra mim e somente diversão,,sempre foi,, nao me descabelo por derrotas ou por alguma coisa ligada a futebol.
    So fico impressionado quando leio essas coisas,, o cara tem que entrar no vestiario e meter porrada, das esporro, etc, e por ai afora.. Fico pensando em que mundo essa pessoa esta,,Imaginar que em pleno 2019, num universo de 30 pessoas, com vida garantida, com dinheiro no bolso,, alguem entre no seu local de trabalho e faca uma gritaria, ofendas as pessoas, sei la,, e isso se reflita em ganho esportivo.
    Essas posturas foram do passado, em um ou outro momento o pais..hoje ninguem aceita em local algum de trabalho ser ofendido, ouvir desaforos, ou coisa que o valha. e ainda pedem profissionalismo depois disso,

    • Realmente que coisa chata essa choradeira sem fim , as vezes fico em dúvida se estou realmente num site relacionado ao São Paulo Tri libertadores da América, Tri Mundial , as vezes acho que estou por engano num site de outro time.

    • Acho que você nunca ouviu entrevistas do Muricy Ramalho sobre os bastidores do SPFC, principalmente, em 2013 quando ele nos salvou… mas, segue o jogo!

    • O Jogador tem que ser cobrado, claro, sem ameaça de agressão. mas a culpa maior é de quem trouxe determinado tipo de jogador, geralmente ligado a empresários amigos que recompensam o cartola com gordas comissões. Agora, voce vem falar aqui que não liga para futebol, então o que está fazendo neste blog?

  11. Ontem assisti Vasco x Avaí e fiquei triste… futebol é muito dinamico e a gente pode dar uma liga fenomenal com Cuca. Mas falando especificamente Hoje, Avai e Vasco q sao times q com certeza ficarao do meio pra baixo no Brasileirao, apresentam futebol melhor e mais organizado que o SP. Fiquei imaginando… se fosse o SP enfrentando o Avai bem organizado e saindo rapido em contraataques jogando em casa, estaria jogando melhor q o q o Vasco fez? E se fosse o Sp jogando fora de casa contra o Vasco estaria impondo as mesmas dificuldades que o Avai impôs? Minha resposta foi não pras duas perguntas e isso me fez ver que a realidade hoje é meio pra baixo de tabela tbm. A não ser que dê aquela liga com o Cuca… oremos!

  12. Oremos e muito, pela saida do lecomissao, rai e pela vinda efetiva do Cuca, porque do jeito que vai, para
    ele se arrenpender nao custa nada. Ai a serie B vai nos abraçar sem do.

  13. Eu sei que a coisa tá feia (e já está há algum tempo) mas confesso que me dá um asco tão grande ver torcedor cogitando rebaixamento do time…

    Aposto que ninguém sabe nem o nome do goleiro do CSA (tem gente que não deve nem saber de onde é o time), só sabe algo do Fortaleza por causa do Rogério Ceni e ainda tem outros times (Ceará, Goiás, Bahia) que todo ano começa o Campeonato como “favoritos” ao rebaixamento…

    Deixa o técnico chegar, deixa a bola rolar…

    • Cair, acho exageiro.. mas vc sabe que quando um time grande começa o campeonato na parte de baixo a corda puxa mais pra baixo que esses times que ja estao acostumados a estar por la ne? A pressao maior atrapalha. Ou vc acha que o time de 2017 era tao horrivel assim pra terminar o primeiro turno em 18º?

  14. Só para recordar, o Novaes foi emprestado sem custos, gratis, para o Barcelona reemprestar p um time da serie c da espanha! de graça, para nada!

  15. Ouvi de um são paulino histórico desses que a familia tem cadeira cativa, que o avô ajudou a construir o Morumbi, que conhece os meandros da política que o SPFC ia cair devido a diretoria e conselheiros podres, ultrapassados e corruptos.
    Isso faz 3 anos, No começo, fiquei indignado e ele insistindo nisso.
    O tempo foi passando, eu sempre pensando nisso até que no começo do ano passado comecei a concordar com isso.
    Falei disso aqui no blog no ano passado e quase me mataram. Esse ano, idem.
    Agora se vê diversos são paulinos como o Vilanni, o Caio, o Cesar Filho, o missivista desse artigo falando o mesmo, com convicção e até certa naturalidade.
    O fato é que se nada radical for feito isso vai acontecer e o SPFC vai ter dificuldades para voltar.
    Mas, OK. Leco renuncia, mas vai assumir quem?
    Só tem velho corrupto e ultrapassado como conselheiro.
    Complicado heim.

    • essa de que ” vai assumir, quem? ” parece o mesmo que se dizia na Alemanha hitlerista; Sem Hitler, o que seria de nós, dizia um general alemão nos bons tempos onde vitórias militares eram sucessivas.
      Sem leco, existem inúmeros bons são paulinos em condição de assumir a presidência

  16. O grande problema é saber quem faz parte da oposição, pois as cartas do baralho se misturam no SP e as pessoas mudam de lado como se mudassem de roupa.
    Infelizmente os chamados cardeais que respeitavam a instituição não existem mais e hoje são seus filhos e descendentes que fazem parte do conselho/diretoria o que me faz lembrar das empresas patriarcais que com o falecimento do fundador sucumbiram nas mãos dos herdeiros.
    Torço para que as pessoas de boa índole que ainda amam o SPFC se unam para resgatar esse clube que outrora foi modelo de gestão.

  17. O São Paulo precisa separar futebol do social e transformar o futebol em uma empresa de capital aberto. O clube ficaria com 51% das ações e o presidente seria eleito pelos acionistas a partir de uma lista montada por alguma empresa que busca talentos no mercado. O estatuto do clube deveria garantir a identidade (cores, escudo, uniforme, nome, cidade etc.) e o foco em ganhar títulos; a velharada não teria mais vez e o social poderia falir ou se fundir com algum outro clube, como o Pinheiros (quem se importa?). Seria lindo.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!