Matéria do UOL desmente repórter do SPORTV e diz que Cuca descartou pedir lista de reforços a Leco; veja

Mesmo sem ter licença médica para começar de maneira efetiva o trabalho como técnico do São Paulo, Cuca quer estar mais presente no dia a dia do clube. Ontem, o treinador esteve no CT da Barra Funda para se reunir com dirigentes. Apesar de o time não viver um bom momento, ele mostrou confiança no projeto e disse estar esperançoso de que a equipe poderá fazer uma boa campanha no Campeonato Brasileiro.

No encontro com o presidente do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, com o gerente executivo, Alexandre Pássaro, e com o executivo de futebol, Raí, Cuca não passou uma nova lista de reforços.

Porém, ele ainda espera ver o Tricolor reforçado. Em outras oportunidades, ele já havia citado alguns jogadores que gostaria de contar, como Roger Guedes, Tchê Tchê e Keno. No entanto, ele está ciente de que só poderá trazer alguém caso o Tricolor paulista negocie integrantes do seu elenco.

Até o momento, o São Paulo só emprestou Diego Souza e Araruna, para Botafogo e Fortaleza, respectivamente. Além disso, o treinador sabe que março, por ser meio de temporada, não é um mês muito propício para o clube atuar no mercado da bola. Por isso, a tendência é de que o departamento de futebol só consiga trabalhar de maneira mais ativa para buscar reforços após o término do estadual.

Em determinado momento da visita, Cuca também quis conversar com o coordenador técnico de futebol e treinador interino, Vagner Mancini. O comandante ouviu as impressões do colega sobre o time, mas não fez qualquer observação de como os jogadores devem ser utilizados ou sobre esquema tático.

Apesar de estar bastante motivado para começar a dirigir o São Paulo, Cuca tem recomendação médica para iniciar o trabalho na metade de abril. Não há qualquer previsão, segundo apurou o UOL Esporte, de o treinador receber uma liberação para acelerar este processo.

A reunião de Cuca aconteceu na tarde de ontem, pouco antes do início do treino. O técnico não teve uma conversa específica com os jogadores, mas encontrou alguns atletas nas dependências do clube. O Tricolor paulista enfrenta o Palmeiras neste sábado, no Pacaembu, pelo Campeonato Paulista.

UOL

24 comentários

  1. Até aí nada de novo, disso qualquer leitor aqui do blog sabe que o Cuca só não está comandando o time no gramado, mas ele já frequenta o clube e se reúne com os responsáveis pelo futebol…

    • Deixa o homem trabalhar, amigo , se for verdade melhor o clube não vai precisar gastar , e se cuca pediu jogadores o problema e do Leco e não nosso

        • Cuca e treinador de futebol há anos , o cara ja treinou os melhores times do país , ja foi campeão várias vezes , se ele não quer reforcos o problema e dele, simples assim

  2. Pagaram os caras para mentir e nem isso conseguem, matéria sem embasamento nenhum, pelo menos a do André Hernan, foi direto ao ponto dizendo o que tava acontecendo e como tava acontecendo e ainda citou mais coisas além disso, como por exemplo a montagem do conselho de fiscalização. agora a matéria do UOL, é bem sem pé nem cabeça, disse apenas o óbvio “cuca está se reuinindo com a diretoria”, e a tentativa de desmentir, foi mais fajuta que o pessoal defendendo o Lula… Leco ta querendo comprar o calaboca da emprensa, porém ainda bem que a gente como aqui no Blog, ou o André que é setorista do clube, falando a verdade e expondo a falcatrua que é a atual diretoria do clube.

  3. Carlos Corrêa
    14 DE MARÇO DE 2019 ÀS 13:28
    Para falar de futebol, vi um pouco do jogo da crefisa contra o Melgar. Jogando contra um time sem tradição nenhuma a crefisa a meia máquina não deixou o outro time jogar. Contra o SPFC ela pode vim com outro time, mas o tricolor vai ter que correr muito se quiser ganhar. Do jeito que está, não vence.

    —————————————

    Também assisti este jogo, já que meu velho é Palmeirense e estava comigo. Penso como você Carlos.

    Mas na atual situação não vou nem criticar uma derrota já que o planejamento e a gestão não ajudaram. Por outro lado, se uma vitória vier jogadores e interino precisarão ser muito elogiados já que tem tudo contra eles.

  4. Sobre a falta de transparência a manutenção da situação atual fico a imaginar o que se deve fazer pra conseguir ter um conselho quase inteiro com mais de 200 membros, diante de tudo que é critica, em sua mão. Imagina um cenário político em que a rejeição de um presidente beira a nulidade e mesmo assim mantém quase o senado inteira ao seu lado. Não precisa nem ler Maquiavél pra entender o roteiro de conseguir tal façanha. Nunca gostei em nada de algo que leve o nome de vitalicio. Tudo onde há vida necessariamente deve haver fluxo, mudança ao menos que se consiga demonstrar que existe aqui uma exceção. Na política os casos de vitaliciedade que todos conhecemos nunca desse certo e sabemos o porquê, e em pleno 2019 isso ainda sobrevem. A manutenção disso é de uma artimanha Maquivélica impressionante, impressionante. O que posso concluir é que algo do tamanho financeiro do São Paulo não dar pra ser conduzido com aos moldes da Politica. Com um conselho dito Vitalício só vai se alterar quando esse ditos vitalícios deixarem esse plano de existência. Leco é peixe pequeno diante um conselho que não dar espaço a mudanças. E manter um conselho, além de muta energia, envolve muito…

  5. Se pedir nominalmente tres jogadores nao for lista de reforço, precisamos alterar o léxico… ops… expulsar o leco!

  6. Esses jornalistas são uns desgraçados.

    Estão tentando queimar o Cuca antes dele chegar. E esse presidente imbecil nao toma nenhuma atitude.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!