Rodriguinho aguarda propostas; Corinthians e São Paulo só monitoram

Rodriguinho deixou o Corinthians em julho para defender o Pyramids, do Egito, mas já deseja voltar ao futebol brasileiro. A aventura no exterior, pouco ou talvez nada motivada pelas ambições profissionais, está com os dias contados. O problema é o valor de mercado que o jogador ganhou nesse meio tempo. Interesse de grandes clubes há, mas Rodriguinho ficou caro.

Os egípcios pagaram 6 milhões de dólares, cerca de R$ 22 milhões (o Corinthians, à época, ficou com 4 milhões de dólares, cerca de R$ 15 milhões), para contratar o meia de 30 anos. Algumas belas jogadas individuais, assistências, nenhum gol e apenas 10 jogos marcaram a trajetória de Rodriguinho no Pyramids até agora, clube que surgiu com força no mercado pela injeção de receita repentina, mas que agora está em processo de reformulação e deve perder suas principais estrelas.

Diante desse cenário, a única negociação real junto ao representante do atleta foi com o Flamengo. Um acordo parecia próximo, quando as tratativas se deram por encerradas. Não houve entendimento quanto a parte financeira da transação.

O Cruzeiro chegou a iniciar conversas, mas não demorou a desistir de repatriar o ex-corintiano. Os mineiros ficaram assustados com o valor total que precisariam desembolsar.

São Paulo, então, é o mais novo candidato. A Gazeta Esportiva apurou que não houve uma proposta oficial, sequer uma negociação. Por enquanto, a diretoria tricolor apenas monitora Rodriguinho com atenção. Após consultas, Raí e companhia estão avaliando o investimento, a necessidade e sua viabilidade. Nada além disso, por ora. A prioridade é Hernanes.

Corinthians entra na jogada de outra maneira. No clube, ninguém cogita gastar o que o Pyramids espera receber. Os trunfos do Timão são os mesmos que serviram para vencer a concorrência e trazer Fábio Carille de volta.

A boa relação com a Fiel, o sucesso recente do jogador no clube e o fato de justamente Carille ter reassumido o comando colocam o Corinthians no páreo. No entanto, assim como acontecera com o treinador, Rodriguinho teria de topar uma considerável redução salarial.

Por outro lado, o pessimismo sobre o tema é predominante nesse momento, mesmo que Rodriguinho se adeque as condições corintianas. Os motivos também são claros nessa situação: o Pyramids não parece disposto a reduzir sua pedida ou aceitar um empréstimo. Além disso, o meia Sornoza já está acertado com o Corinthians – resta apenas a liberação de alguns documentos. Carille, então, terá o equatoriano, Jadson e Mateus Vital para o setor que Rodriguinho também se habituou a jogar.

Gazeta Esportiva

35 comentários

  1. Tomará o São Paulo contratar o meia Rodriguinho ele é um ótimo jogador e queria ver o Rodriguinho com a camisa do São Paulo e os gambás morreram de inveja.

  2. Tomará o São Paulo contratar mais jogadores para o São Paulo ter um time mais forte em 2019 e o São Paulo ser competitivo e o São Paulo voltar a ganhar muitos títulos em 2019 eo dar muitas alegrias a nós torcedores São Paulinos e o ter 2 times um para copas outro para campeonatos eo São Paulo vender logo o Rodrigo Caio para Europa e aí o São Paulo ter mais dinheiro em caixa.

  3. Esse é um caso que não sei opinar. É bom jogador? é! Mas o próprio técnico dele no Corinthians disse que i futebol apresentado por ele naquele ano foi o seu top a tendencia seria uma queda…

    Não sei, não gosto de jogador nessa faixa de idade pq não tem negociação futura

    • Tendo em vista que o ancião Nenê deverá sair …, o obeso Diego Souza também poderá sair …, o “menino” Jucilei pode também apresentar proposta e ir embora …, nossos “experts” podem vender Lizziero.

      Rodriguinho poderá ser “viável”.

      • “Fantasiosas”:

        Jucilei está com salários bloqueados na justiça, pois perdeu ação contra ex-empresário, deve apresentar proposta e sair.

        Lizziero tirou passaporte extra-comunitário e é visto como reforço de caixa.

        Nenê e Rodrigo Caio vão embora, até de “graça”, está decidido.

        Diego Souza não “encaixa” no futebol de Jardine, e não será coadjuvante de garotos.

        Não são “fantasiosas”, mas informações.

  4. Eu prefiro Rodriguinho , Hernanes , Ganso , Pato , Keno , Luan , Miranda, Diego Alves e Marcelo Groe e aí fecha às contratações , e seremos campeões de tudo .

  5. Paulo Scala

    pq deveríamos vender o DS se o cara foi melhor que o Pratto, e foi mais barato que ele ?

    depois a diretoria vende, e ficamos com um Pedro Bertoluzzo, ou o Brenner na reserva, dois moleques ainda despreparados que não aguenta uma decisão, ae vai ser aquele choradeira no blog xingando o Leco, reclamando que não temos elenco, pq ele só pensa em vender

    Eae vende ele e compra quem, com o mercado super inflacionado ?

    • DS melhor que o Pratto? Muita calma nessa hora, se tivéssemos o Pratto nesse último Brasileiro teríamos no mínimo garantido a vaga direta na Libertadores 2019. Não tiro o mérito do DS mas ele não tem a mesma mobilidade, garra e determinação que tem o Pratto. Quem não se lembra vejam os jogos dele pelo River… atualmente jogador de futebol só não é campeão no SPFC, é só sair que ganha até no par ou ímpar…

  6. Que mudança de perspectiva em uma só semana!

    Semana passada só via piadinha e críticas (algumas dos próprios torcedores) ao Raí e à famosa frase “SP se assusta com valores”.

    Agora estamos vendo que o Raí tem sido presença determinante das mudanças e fator decisivo na escolha pelo SP dos jogadores que vêm pra cá. Não estava de férias comendo um croissant em Paris, estava trabalhando em silêncio.

    Além disso, lemos dos outros clubes que “se assustaram com valores pedidos”.

  7. O Pablo para mim não joga de centroavante até o rojas voltar – talvez em jogos que o DS não jogar ou quando o DS for recuado para armação ou ponta de lança no lugar do Nenê. Com o rojas voltando talvez o Pablo vire mesmo centroavante – eu acho que versatilidade e rotatividade sempre serão bem-vindas com o número de jogos que vamos ter no ano que vem. O mesmo se aplica ao hernanes que poderias te 2do volante ou meia.

    • Rapaz, essa ideia de pôr o Pablo de “ponta direita” pra sustentar a titularidade do bonde velho D. Souza, sinceramente… tomara que nem tenha passado pela cabeça de Raí e Jardine.

      Seria jogar o ano no lixo!

      Vou repetir o que é mais do que óbvio: D. Souza e Nene ñ podem ser titulares sob hipótese nenhuma.

      Pior ainda seria jogar com Nene + D. Souza no ataque e Pablo correndo atrás de lateral… Um equívoco retumbante. Duvido que tenham gastado 26 paus pra contratar um cara pra carregar o piano para 2 idosos em campo, seria hilário.

      Dito isto: Rojas ñ tem futebol pra ser titular de um time como o SP; é um bom reserva, e só. Precisamos de um cara pra jogar nessa faixa direita… Helinho talvez ñ segure o tranco.

      Pablo nas pontas só numa casualidade…

      Sinceramente, isso é tão óbvio que, se o Jardine ñ chegou a essas mesmas conclusões em 5 min, ele ñ serve pra treinar o SP.

    • Pablo não é ponta, é centroavante. Contrataram o Pablo pra fazer gol, se não tiverem pensando no Helinho como titular então vão mesmo contratar outro jogador para PD.

      Pra mim não da mais pro DS, os últimos jogos dele foram terríveis, a má vontade, o mau condicionamento físico, peguei raiva. Espero que tenha alguém que queira comprar ele nessa janela e a gente consiga recuperar pelo menos um pouco do investimento.

  8. Já vi em um Instagram que o Rodriguinho já está acertado com o São Paulo e que a divulgação será no dia antes do Natal, fora que ainda, Hernanes pode ser divulgado como o presente de Natal tricolor, agora é aguardar e confirmar tais contratações

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!