São Paulo pode pegar pedreiras na Pré Libertadores, veja os possíveis adversários

Quinto colocado no Brasileirão, o São Paulo não conseguiu se classificar para fase de grupos da Libertadores, tendo que ingressar antes na competição, na chamada segunda fase. Assim como foi na edição deste ano, o torneio contará com três eliminatórias antes do início da fase de grupos. O Tricolor entrará no segundo mata-mata e, portanto, precisa eliminar dois adversários para se garantir na fase de grupos. Vale lembrar que não um encontro entre São Paulo e Atlético-MG (o outro brasileiro que vai entrar nesta segunda fase) não é permitido pela Conmebol, e ainda há classificados que não foram definidos em alguns países.

Atlético Nacional (COL) – Campeão em 1989 e 2016, o tradicional clube colombiano venceu a Copa Colômbia nesta temporada e garantiu sua vaga na fase prévia da Libertadores. Assim como o São Paulo, a equipe de Medellín entra na segunda fase do torneio continental. Um possível encontro com o Tricolor aconteceria apenas na terceira fase.

The Strongest (BOL) – A equipe boliviana é uma das tradicionais da Copa Libertadores, marcando presença em diversas edições do torneio. O time de La Paz jogará o primeiro confronto da fase prévia. Portanto, o São Paulo pode enfrentar o time boliviano na segunda ou na terceira fase. Além do aspecto esportivo, o Tricolor pode ter pela frente os mais de 3.600 metros de altitude.

Defensor Sporting (URU) – Outra equipe de Montevidéu que pode cruzar o caminho do São Paulo na Libertadores. O time da capital uruguaia disputará o primeiro mata-mata e pode ter o Tricolor como adversário na segunda e terceira fase dos confrontos eliminatórios.

Talleres (ARG) – O time do volante Pablo Guiñazu, velho conhecido dos brasileiros pelas passagens no Internacional e Vasco, conseguiu uma das vagas no Campeonato Argentino. Os hermanos estão garantidos na segunda fase da pré-Libertadores e podem ser adversários do Tricolor já no primeiro mata-mata.

Universidad de Chile (CHI) – Assim como o São Paulo, flertou com a possibilidade de ser campeão nacional, mas caiu de rendimento na reta final e ficou com o terceiro lugar. Uma das equipes mais populares do Chile, La U é outro clube que entra na segunda fase da pré-Libertadores. Desta forma, só poderia enfrentar o Tricolor no segundo mata-mata.

Libertad (PAR) – Presença constante na Copa Libertadores, a equipe paraguaia ficou com o terceiro lugar no campeonato nacional e está na pré-Libertadores. Contudo, por conta de seu ranking na Conmebol, só enfrentaria o Tricolor do Morumbi no segundo mata-mata (terceira fase da pré-Libertadores)

Nacional (PAR) – Participante recorrenta da Copa Libertadores, o Nacional retorna na próxima temporada ao torneio continental. A equipe de Assunção disputará a primeira fase das prévias e, por isso, pode pegar o São Paulo nos dois mata-matas seguintes.

Real Garcilaso (PER) – Sediado em Cuzco, no Peru, o Real Garcilaso entra na Copa Libertadores no primeiro confronto do mata-mata. O time conseguiu a vaga no campeonato nacional e briga para voltar a disputar a fase de grupos do principal torneio de clubes da América do Sul. Ao seu favor, os peruanos contam com os 3.400 metros de altitude de sua cidade.

Deportivo La Guaira (VEN) – Fundado em 2008, a equipe venezuelana terá de passar por três confrontos eliminatórios para chegar na fase de grupos da Copa Libertadores. O modesto time de La Guaira pode cruzar o caminho do São Paulo no segundo ou no terceiro mata-mata da fase prévia.

Caracas (VEN) – Vice-campeão do Torneio Apertura da Venezuela, o time da capital estará na segunda fase da pré-Libertadores. Assim como o São Paulo, o Caracas está no Pote 1 do sorteio e, portanto, só poderia jogar com o Tricolor na terceira fase.

Palestino (CHI) – Campeão da Copa Chile em 2018, o modesto clube de Santiago está no Pote 1, o mesmo do São Paulo, e por isso só enfrentaria o Tricolor em um possível confronto eliminatório na segunda fase do torneio continental.

Danubio (URU) – Terceiro colocado no Campeonato Uruguaio, o clube de Montevidéu terá que disputar dois mata-matas, assim como o São Paulo. A possibilidade de um encontro com essa equipe seria apenas no segundo duelo.

Lance!

31 comentários

    • Para o sao paulo dos ultimos anos que foi eliminado por times bizarros como Defensa y Justicia que nem existia no futebol, e que tal o Colon este ano, ou entao para juventude em 2016 pela copa do brasil, ou que tal Audax nas quartas do paulista tb em 2016…. fora o sufoco contra os strogonoff da bolivia na ultima liberta …. ai tenho medo de qq um essa é a real

  1. Atlético Nacional, nem se classificou pras quartas do Colombiano. O maior adversário do São Paulo, é quem comanda o SPFC. Conseguiram ver futebol no Everton Felipe e compraram ontem definitivamente, acharam que DS viria a ser um grande centroavante, por ter jogado dois amistosos na Seleção, esperar que um jogador de 37 anos iria jogar uma temporada inteira em alto nível. Acho que vivemos de autoflagelação

    • Com relação ao Éverton – não sei se vai vingar ou não – mas é jovem tem potencial – precisamos ser mais racionais nas críticas- seguindo a mesma lógica o Darío Pereyra nunca teria despontado no São Paulo

  2. Eu achava que seria só uma eliminatória antes das fases de grupos, e isso me preocupa bastante tendo em vista os últimos confrontos de mata-mata do São Paulo. Principalmente contra times pequenos.

    O que mais me preocupa é o The Strongest, imagina o Nenê e o Diego Souza “correndo” na altitude. Vai ser complicado.

    • Deus te ouça. Embora Jardine seja muito inexperiente, Lugano no vestiário e Carlinhos Neves na preparação nos dão um fio de esperança.
      Tínhamos que investir, além de jogares, num preparador de goleiros.

  3. #medoinfelizmente

    Esses incompetentes dessa diretoria tem nos feito passar muitaaaaaaaaa, mais muitaaaaaaaaaaaaaaaaaaa vergonha com eliminações bizarras para cada timeco.

    😤😤😤😤😤😤😤😤

  4. Li sobre todos os times tentando encontrar um que eu pensasse: “tem que ser esse, passaremos facil”.
    Mas não achei.
    Como dizem por aí: que faaaaaaaaase

    • Depois que fomos eliminados por Penapolense, Ponte Preta, Bragantino, Avaí, Juventude, Defensa e Justícia, Colon, eu tenho medo de qualquer time. Aí , eu me pergunto, no que transformaram o SPFC?Como podem os conselheiros manterem essa presidente despreparado, que beira o rídiculo? Por que Raí, que era nossa esperança, segue pelos mesmos caminhos de seus predecessores, trazendo jogadores medíocres como Everton felipe, Bruno prerez, trellez, Leo Pelé, Igor? Alguém acha sinceramente que com esse tipo de jogador vamos ganhar a Libertadores?

  5. Impressionante como o spfc é lento e ruim nas negociações! Precisamos de nomes fortes se quisermos ser campeões pelo menos em quatro posições, goleiro, volante, meia e atacante de lado! Até os gambás que tão falidos estão contratando…mexa-se Raí!

  6. https://saopaulo.blog/2018/12/07/sem-proposta-formal-de-milan-e-roma-rodrigo-caio-pode-ser-moeda-de-troca-por-emprestimo-no-brasil/

    Eu to falando faz tempo que ninguém da Europa vai comprar o R.Caio, essas noticias são conversa de empresário, vou me surpreender se alguém do velho continente leva-lo pelo valores que o SPFC quer

    Seremos obrigados a ver o SPFC trocar ele por outro jogador mediano daqui mesmo no Brasil, e nem adianta reclamar, pq ninguém mais cai nessa conversa que o R.Caio vale 15, 18, 20 milhões de euros, quem decide os valores é o livre mercado, e não os dirigentes do SPFC

    • na verdade ele ate tem espaço, mas em times medios europeus, mas o fair play acha que tem futebol para jogar num grande europeu e nessa ficou se enrolando para ser vendido

  7. Na moral, se esses times são “pedreiras”, é melhor doar a vaga né…e o que vem depois? Pelo amor de Deus, tem que se preocupar com adversários do mata mata pis fase de grupos. Ou viramos medíocres mesmo

  8. Infelizmente em se tratando de São Paulo, Defensa y Justicia e Colón, são como Barcelona e Real Madrid. Seja qual for o nosso adversário, tradicional ou desconhecido, não somos mais tão favoritos assim e isso preocupa porque perdemos o nosso protagonismo.

  9. Pra quem ja foi eliminado por Defensa y Justicia tenho medo de qq um ai da lista, sao paulo virou um time qualquer, ninguem mais tem medo essa é a real, antigamente os adversarios entravam se borrando de medo, agora nao estao nem ai mais

Deixe uma resposta