Após ter assumido o São Paulo pela queda de Diego Aguirre, o técnico André Jardine já tomou algumas decisões que fizeram o time tricolor mudar a postura em relação ao que vinha sendo apresentado dentro de campo com o antigo treinador. Isso não significa, necessariamente, que Jardine seja o comandante ideal para o clube do Morumbi, no entanto, o novo técnico resgatou aspectos que haviam sido perdidos com o treinador uruguaio.

Entre as principais decisões tomadas por Jardine, pode-se destacar:
1) Anderson Martins no banco: prestigiado com Aguirre, o zagueiro perdeu espaço com Jardine. O novo treinador percebeu que o defensor não atravessa um bom momento e deixou de escalá-lo como titular de forma absolutamente correta. Arboleda e Bruno Alves são, neste momento, os melhores zagueiros são-paulinos e Jardine manteve esta dupla como titular nos últimos dois jogos. Vale dizer que na próxima rodada, contra o Vasco, Bruno Alves está suspenso.

2) Manutenção de Reinaldo na lateral: Com Aguirre, o lateral-esquerdo tricolor era constantemente adiantado para fazer a função de meia-atacante, mas Jardine não parece concordar isso. Mais uma vez, ponto para o jovem técnico. Conhecendo a base tricolor, Jardine está promovendo a entrada de alguns garotos para substituir eventuais desfalques no setor ofensivo ao invés de utilizar Reinaldo na posição.

3) A volta de Nenê: Embora o meia tenha um temperamento forte e às vezes contribua para tumultuar o ambiente, não há como abrir mão de seu potencial técnico. Em suas últimas partidas, o treinador uruguaio o deixou no banco de reservas. Já com Jardine, o camisa 10 voltou a ser titular e está comandando o setor criativo da equipe do Morumbi. A maioria das jogadas têm sido criadas por Nenê, que dá outro ritmo ao meio-campo tricolor.

4) Diego Souza como centroavante: Adaptado à função, o camisa 9 são-paulino está comandando a parte ofensiva da equipe. Com Aguirre, Diego tinha feito algumas partidas como meio-campista e demonstrou dificuldade para se adaptar à sua antiga posição. Com Jardine, no entanto, o jogador voltou a ser escalado como centroavante e vem demonstrando o quanto é importante para o time, haja vista o belo gol marcado contra o Cruzeiro na última rodada do Brasileirão.

Torcedores.com

Anúncios