Jardine explica porquê tirou Helinho e fala sobre Diego Souza

São Paulo x Grêmio ficaram apenas no empate no Estádio do Morumbi, com gols de Everton (para o Grêmio) e Michel (contra), o empate prevaleceu na partida. Confira o que o interino Jardine falou na coletiva pós jogo.

Em confronto no Morumbi, São Paulo x Grêmio somaram apenas um ponto cada. Em um jogo muito disputado no meio campo, as duas equipes não tiveram grandes chances ao longo da partida, mas quando tiveram marcaram. Everton, de cabeça, abriu o placar para a equipe do Grêmio; mas Michel, também de cabeça, acabou fazendo contra e cedendo o empate para os donos da casa. Na coletiva pós jogo, o técnico interino do São Paulo, André Jardine, explicou a razão de ter sacado Helinho:

“A torcida não gostou muito da saída do Helinho, e eu provavelmente enxerguei o mesmo jogo deles. Vinha sendo o melhor em campo, mas ele me relatou câimbra nas duas panturrilhas. Ele ainda sofre um processo de adaptação à intensidade do futebol profissional”

Falou também sobre a situação do São Paulo atualmente:

“A gente trabalhou muito em cima de desempenho. Tirar um pouco do foco daquilo de vencer a qualquer custo. Neste momento o São Paulo está praticamente classificado para a pré-Libertadores, isso dá uma tranquilidade, porque era um objetivo. Se estivesse brigando para não cair, não daria para usar esse discurso. Eu acho que houve melhora de desempenho. Eu imaginava um jogo mais dividido, com o Grêmio nos dominando por mais tempo. Me surpreendi positivamente porque a equipe foi poucas vezes dominada pelo Grêmio. Se a gente não levasse o primeiro gol, acho que ganharíamos, sentia que o gol estava perto de sair. Nos deixa a sensação de que a gente ainda vai conseguir melhorar mais”

E ainda sobre Diego Souza:

“Vamos reavaliar. O Diego Souza não teve nada sério, mas relatou que estava desconfortável, o joelho inchou. Conto muito com ele, mas a primeira mensagem que passei ao grupo é que confio em todos”

Torcedores.com

29 comentários

  1. Não sei se entendi direito, mas no que deu para entender na declaração do Jardine, o SPFC já esta contente com a pré libertadores, os próximos jogos são para o Jardine tentar implantar a mentalidade dele mas o resultado não será o fundamental.

    • Ao meu entender, você entendeu errado. O que ele falou foi o fato de já estar praticamente classificado da a ele a possibilidade com tranquilidade de buscar um futebol mais bem jogado( e se consegue o resultado positivo será consequência) se tivesse sobre pressão para não cair, aí teria que impor outro estilo.

      São Paulo jogou ontem com junto com o Palmeiras os dois melhores times do Brasil e foi superior, poderia ganhar o jogo, pois jogou par isso. Não jogou por empate, como o técnico anterior. Os garotos que segundo muitos não estão prontos!!! Deram conta do recado, e o cara teve 3 dias praticamente para treinar. E na minha opinião já mostrou um jogo mais agradável.

      Com esses moleques e um treinador competente, estilo Jardine ano que vem promete ser um ano muito melhor.

      Se vier o Abel, ótimo tb. Sabendo que a filosofia é dar espaço para esses moleques pq futebol eles têm.

    • Parei de ler na 4 linha.

      Como não teve critérios???

      Um time jogando muito mal mesmo antes de vencer o Flamengo no primeiro turno, jogo que merecíamos perder. Venceu Cruzeiro, jogando mal, com Barcos perdendo pênalti. Usando da sorte.

      2. Manutenção de Sidão, por muitas rodadas, pior goleiro da série A, talvez da série B tambem.

      3. Improvisações descabidas. Botar Reinaldo de ponta( só deu certo contra os travecas 1 turno, o restante deu errado em todas) e Edimar de titular, é de doer.

      4 . Tática jamais vista em um clube na história, 3 zagueiros, três volantes, um meu lento e pesado, é um lateral de ponta ???

      5. Alterações equivocadas.

      6 . Pouca utilização da base.

      7. Time covarde, fazia um gol d se fechava o resto do jogo, e não tinha forças para buscar o resultado quando sofria o empate.

      Nem vou me atentar aos resultados.

      Essas foram umas mas se quisesse escrevia até amanhã, expondo motivos.

      • Simples assim, penso também que a classificação obtida a certa altura do campeonato, se mostrou circunstancial, com todos os concorrentes atualmente a nossa frente focados em outros interesses, e em nenhum momento consequência ou resultado de uma forma organizada e eficaz, de jogar futebol.

      • Aguirre era pessimo.. 1000x Jardine… Na verdade eu preferia Cuca,mas nao creio que ele venha, entao demos chance a Jardine que foi bem nos juniores e montou um time LOGICO no primeiro jogo.
        Aguirre so tinha um esquema e foi manjado pelos adversarios, depois ficou sem saber o que fazer, retranqueiro ao extremo… Apanhava pra ganhar de times piores como america mg, parana, ceara, etc…

        SP jogava de igual pra igual contra times fracos, agora passou a jogar de igual para igual contra o GREMIO, é uma evolucao!

    • Interessante.
      Mas minha opinião sobro o porquê do São Paulo não ganhar nada ultimamente se baseia na qualidade das contratações. Se formos considerar o que cada time gastou em contratações/salários nos últimos 6 a 8 anos e confrontarmos isso com os resultados obtidos por cada um, o São Paulo seguramente será o pior de todos.
      Os vários “Aderlans” e “Brunos Peres” da vida que nunca jogam nada (se entram em campo é por pura falta de opção na posição) acabam com o orçamento do time.
      Pra esse tipo de contratação seria muito melhor subir garotos da base. O resultado pífio poderia ser o mesmo, mas ao menos a despesa seria muito menor. Isso poderia refletir em alguma contratação “bombástica” aqui e ali que ajeitaria o time a médio prazo.

      • Rai vai continuar para 2019, entao podemo esquecer qualquer mudança, como ele nao sabe
        contratar, e escuta quem tambem nao entende, continuaremos com o ja fomoso elenco
        desiquilibrado e pifio, infelizmente. FORA RAI.

  2. Não vejo assim, e as substituições de ontem mostraram um time tentando vencer. O time do Grêmio está definico muito tempo, é superior no coletivo.
    Domingo será um jogo melhor, com mais tempo de treino acho que o Jardine vai melhorar o time. Acho que o Cruzeiro vai jogar sem Arrascaeta e Dedé, e o Vasco tem sérios desfalques para nós enfrentar.
    O jogo do Grêmio contra o Flá vai ser muito duro, mais difícil que o nosso contra o Vasco.

  3. Grêmio : chape (C) , fla(f), vit(f), Corinthians (C)

    Sao Paulo : cruz(C), vasco(f) sport(C), chape(f)

    Acho que vamos pegar a Chape rebaixada e Vasco desesperado. Isso pode nos ajudar.

  4. Contratações erradas. Esse negócio de contratar jogador que está ou vai ficar livre, nem sempre funciona. Trellez e Bruno Peres são exemplos. Jogador dando sopa, muitos são “furadas”. O SP é um dos clubes que mais se gasta com contratações.

    • O que dizer dos jogadores que saíram do São Paulo que eram porcaria aqui e são importantes em outros times e que foram de graça? Maicon que era porcaria aqui é importante no gremio, na minha visão temos dois problemas, o fato de não ter tido profissionais que sabiam lidar com as diferentes personalidades de jogadores e uma postura ruim da diretoria e torcida que se não querem vender jogador querem queimar… Se o cara joga dois jogos ruins já não presta, apaga tudo o que ele fez antes, essa postura é destrutiva… O Hernanes por exemplo no São Paulo já teve momentos em que caiu de rendimento, não jogou bem em todos os jogos, mas nem por isso passou a ser ruim e parece que a torcida não entende isso, joga contra o time…

  5. Só espero que nesses jogos que falta o time pelo menos joguem como ontem com vontade de vencer e ir para a libertadores e dar essa alegria para essa torcida que tanto apoio esse time.

  6. Dos R$ 50 milhões investidos, ficou bem vidente que o Everton e o Rojas elevaram o patamar técnico na equipe. Teremos que contratar no mínimo para 2019, um meia, um centroavante, um segundo volante e um lateral direito. Todos esses teriam que vir pra serem titulares, e não nível Trellez, Everton Felipe, Edimar, Bruno Perez…, São Paulo é grande para errar todo ano!

    • Mas O Pinotti, o Adalberto porshe e o Raí não souberam contratar. Então, o que faremos? Vejam o falido Santos: trouxeram o carlos sanches , muito superor a Jucilei e Dôdô, LD muito melhor do que Bruno perez.

  7. Jardine tem que ter chance, já mostrou que tem qualidades, ganhou tudo na base, está na hora dele… O Corinthians ganhou títulos esses anos, com treinadores interinos, Internacional faz um bom campeonato Brasileiro com treinador Interino.. então com todos dar certo, menos com São Paulo? Vamos confiar e torcer…

  8. Acho muito estranho que um jogador com as qualidades do RODRIGO CAIO NÃO SEJA TITULAR ABSOLUTO NO São paulo.Ele é melhor que qualquer um dos zagueiros,melhor do que Jucilei ou Hudson como segundo volante e acho ate melhor que o Trelez como centro avante;com ele vai acontecer como com Mauro Ramos de Oliveira era um beque central excepcional ,fez uma cirurgia no joelho e apos a recuperação,voltou numa partida no Pacaembu contra o comercial de Ribeirão Preto.,na qual o São Paulo foi goleado 4×0 e o Mauro apontado como o grande culpado.Foi afastado e alguns dias depois vendido ao Santos,onde readquiriu sua melhor forma,ganhou muitos titulos e foi capitão da seleção brasileira bi-campeã mundial no Chile.Como o são Paulo desrespeita seus idolos.

    • Parabéns, por sua perfeita análise, sr. João. Falta de respeito por jogador que se dedica ao clube aqui no SPFC já é histórica. Mas eu confio no Jardine, ele vai relançar o Rodrigo Caio no devido tempo e teremos um belo reforço

    • Um colega comentou comigo: ” mas o trellez é esforçado” Aí , repliquei: Esforçado? Isso também eu sou, nem por isso sirvo para jogar no SPFC.

Deixe uma resposta