O que foi aquilo, Aguirre?

Amigos tricolores

Sei que muitos aqui me chamaram de “modinha”e outros concordarão comigo, respeito a opinião de cada um de vocês, mas no último domingo, para mim, Aguirre cavou a sua cova no São Paulo. No meu começo aqui no Blog, eu criticava muito alguns jogadores, em especial, Cueva, que mais tarde se mostrou ser um jogador que não merecia vestir o manto tricolor, muitos me criticaram aqui, parei, mas depois do jogo contra o Flamengo, fica muito dificil não criticar o Aguirre!

Se ele fosse o único culpado pela fase, seria mais fácil, troca o técnico, mas não é. Ele é um dos, mas não o único culpado, afinal, quantos técnicos passaram pelo São Paulo depois que Muricy nos deu o tri campeonato nacional? Vários! Inclusive o Muricy, e nada mudou. Não caimos em 2013 e 2017 por pouco, não disputamos nenhuma final e tirando 2014, quando fomos vice campeões, nos pontos corridos do Brasileiro, só disputamos Campeonato. Esse ano, em Julho / Agosto deixaram a torcida se iludir, mas em Setembro voltamos a realidade e hoje, disputamos vaga para a Libertadores.

Pilares de um time

Qualquer time passa por alguns pilares para o sucesso. Um bom presidente, uma boa diretoria, um bom técnico, uma boa comissão técnica e por fim, bons jogadores. Nenhum time é campeão sem esse equilibrio e por não ter esse equilibrio, é que infelizmente, disputamos campeonatos e não títulos, repito isso, pois é triste demais ver um time do tamanho do São Paulo, o único tri campeão Brasileiro (na sequencia), tri da Libertadores e Mundial, disputando vaga para Libertadores, que com esse time, não sei se passamos das oitavas de final.

Aguirre se perdeu!

Já escrevi aqui, em outros artigos, que eu nunca morri de amores pelo Aguirre e fui contra a sua chegada, mas a mística uruguaia fez com que ele desse uma nova cara ao time do São Paulo e sem dúvida, isso fez efeito. Continuei não morrendo de amores, mas aceitei e apoiei a sua filosofia de jogo. O São Paulo era outro tinha mais garra e vontade do que antes. Era uma nova era, os jogadores felizes dentro e fora de campo, isso estava fazendo efeito, mas de uma hora para outra, Aguirre perdeu a mão do time e fomos ladeira abaixo.

Alguns podem até dizer que algo estranho ocorre com Nenê e isso está prejudicando o time, bem, eu não tenho informações sobre isso, portanto, me ausento de qualquer opinião, entretanto, se os boatos publicados pela imprensa forem verdadeiros, mostra o quanto o futebol, brasileiro carece de jogadores menos “mimimi” e mais profissionais. Desejo que sejam apenas boatos.

4-3-3, 4-4-2,3-5-2. Qual era o esquema?

O que me causou mais revolta, contra o Flamengo, foi a bizarrice que Aguirre fez no 2o tempo! Na verdade, o Aguirre já começou errado, ao meu ver. É muita invenção para pouco resultado. Do tradicional  4-3-3, Aguirre, dentro do Morumbi entrou com um 3-5-2 que poderia ser um 4-4-2. Confuso! Arboleda na lateral direita, para Bruno Peres jogar no ataque. Li em alguns perfis de jornalistas esportivos que na Roma, Bruno Peres jogava mais como ponta do que como laterial e ia bem, mas no São Paulo ele é lateral direito, foi contrato para isso, é o único da posição. Fim de papo!

Luan e Jucilei na proteção, de uma zaga com Arboleda, Bruno Alves e Anderson Martins. Com 3 zagueiros, 2 volantes é ser muito “cuidadoso” para não dizer outra palavra. Lizieiro mais a frente na armação, Reinaldo um pouco mais livre pela esquerda e Diego Souza com Carneiro no ataque. Sem um meia, Diego deveria voltar mais, o que deixaria Carneiro sozinho a frente, mostrando, um time ainda mais retrancado! O primeiro tempo, acabou 1X1, por sorte e até por algumas defesas de Sidão.

Edimar???

Veio o 2o tempo e Aguirrre fez o que a torcida pedia. “Helinho neles”. O São Paulo iniciava a 2a etapa com 3 “Made in Cotia”: Luan, Lizieiro e Helinho. E o jovem não demorou nada, para mostrar personalidade, com um golaço. Dominou, gingou, driblou e colocou a bola no ângulo do goleiro do Flamengo. Goláço de quem sabe!

O São Paulo de novo na frente, apertando, marcando, mas ai vem Aguirre, que para ter o equilibrio precisa fazer uma coisa boa, colocar Helinho, mas precisa fazer uma besteira, sacando Carneiro, um dos melhores em campo, para colocar Edimar. Sim, Edimar, que desculpe a pessoa, nada contra, e jamais aqui julgaria o caráter, mas não tem a menor condição de vestir a camisa do São Paulo. Aguirre matou o São Paulo, graças a sua teimosia de que Edimar e Reinaldo podem jogar juntos. Amigo, Uruguaio, deu certo contra o Corinthians, sim, mas depois não deu mais!!!

Técnico limitado

O Aguirre mostrou isso. É limitado. Tem a mesma forma de jogar e pouco muda. Com a entrada de Edimar, O São Paulo recuou muito. Essa mania de atacante marcar lateral e esse recuo do São Paulo mataram o futebol do Helinho que se resumiu a ser um marcador de lateral e nada mais produziu.

Edimar, não marcou e não atacou. Quando o São Paulo recuperava a bola tinha um atacante para quatro zagueiros do Flamengo. Ou seja, Edimar entrou para fazer uma dupla defensiva com Reinaldo, ao lado de três volantes e dois zagueiros. Toda essa proteção porque no gol era o Sidão? Parecia.

Aguirre matou o São Paulo no 2o tempo. Isso ficou claro. Mas havia uma esperança ainda. O excelente Luan se machucou. Era a hora de recuar Lizieiro e colocar Nenê ou Shaylon, dar uma nova vida ao time, avançar mais o Reinaldo, já que ele estava ali em campo nessa função, e colocar o time para frente, do contrário, fez a substituição segura, sai um volante, entra outro, Araruna, que por duas vezes desceu ao ataque, ou seja, o próprio jogador, vendo a necessidade de atacar, resolveu fazer o que Diego Souza, cansado e Helinho, marcando o lateral não poderiam. E o empate saiu como um bom resultado, ainda mais que no final do jogo, quase o Flamengo vira. Tomamos pressão, em casa, do bom time do Flamengo, com um time retrancado. Dificil ver o São Paulo jogar assim.

Aguirre 2019?

Por mim, não!

*Felipe Morais. Publicitário, apaixonado pelo São Paulo Futebol Clube. Sócio da FM Planejamento, Palestrante sobre marketing digital, comportamento de consumo e inovação. Autor dos livros Planejamento Estratégico Digital (Ed. Saraiva) e Ao Mestre com carinho, o São Paulo FC da era Telê (Ed Inova) – www.livrotele.com.br – facebook.com/plannerfelipe e @plannerfelipe

36 comentários

  1. Sempre fui contra a contratação do Aguirre e sou contra a sua manutenção ; o time do São Paulo tem elenco de série B e Aguirre resolve complicar . Espero que não se classifique para a Libertadores pois , com certeza será mais um vexame .

    • Sem libertadores não tem grana, sem grana não tem contratação, sem contratação não tem elenco, sem elenco sem título.

      Se classificar pra libertadores pode nos salvar.
      Pensa um pouco nisso.

  2. Nunca mostrou nada na carreira para chegar ao tricolor. Achei que com a dupla de ídolos Raí e Lugano o futebol do SP seria mais profissional. Infelizmente Lugano indicou Aguirre por algum motivo que não foi o técnico. Ser diretor não é somente ficar jogando pra torcida nos microfones. A meu ver, isto e o que mais faz Lugano atualmente. Além de indicar técnico sem condições pra dirigir um grande do futebol brasileiro. Contribua positivamente Lugano, sua posição hj e mto diferente da que cumpriu com maestria durante muitos anos em difderentes times e seleção.

  3. Felipe eu gosto muito dos seus textos, mas acredito que você esteja sendo injusto com o Aguirre quando esquece de mencionar a diretoria. Assim como ele entregou um trabalho acima do esperado no primeiro turno, no segundo ele entregou um trabalho abaixo do esperado, isso é fato.

    Mas vou usar como exemplo a parte do texto em que você diz que ele escolhe tirar o Gonzalo e colocar o Edimar, isso não é verdade, já que ele disse na coletiva que o Gonzalo é que pediu para sair… Ou seja, o Helinho já estava em campo e tirando o gol que mostra todo o potencial não fez uma partida de grande destaque (o que na minha humilde visão mostra que ainda é um jogador a ser lapidado) e não sei exatamente se ele tinha alguém ali além do Nenê que não era de velocidade ou do Trellez que não sabe prender a bola…

    Enfim, acho que ele peca muito no sentido de montar sempre o time de trás pra frente, e tentar colocar um jogador que é fraco na marcação e inexistente no apoio como o Edimar para jogar, mas ao mesmo tempo, se não dermos opções decentes aos treinadores que por aqui passam, dificilmente teremos resultados diferentes. Tenho absoluta certeza que se este ano tivéssemos ao menos 2 pontas de qualidade entre 25-30 anos teríamos sido campeões…

    Por isso digo, nunca esqueçamos de que os treinadores erram e muito, mas que a verdadeira culpa tem que recair sobre a diretoria e não a diretoria de futebol que teve poucos meses para remontar o time, mas a parte alta da diretoria que de 6 em 6 meses manda treinador embora e não respalda o profissional com um elenco decente!

      • A minha pergunta é simples: Qual desses jogadores que você citou como característica prender a bola quando necessário e depois sair em velocidade assim como o Gonzalo faz?

        É óbvio que nenhum faz e o Edimar também não faz. Agora, se coloca o Brenner fora de posição vão dizer que deveria ter colocado o Tréllez que já é mais experiente, se coloca o Trellez e ele não prende a bola vão dizer que deveria ter escalado o Brenner que é mais novo…

        O que eu disse é que não importa quem ele colocar ali, não vai dar certo por que os jogadores que ele tem ali não respondem a característica que ele precisava no momento. Isso não é culpa do treinador e nem da diretoria que está a menos de 1 ano, isso é culpa da alta direção do clube que não segue uma filosofia e demite todo corpo de funcionário a cada 6 ou 12 meses.

        Isto posto, você tem um problema pessoal com o Aguirre, igual a galera que não curte o novo presidente. Você não tem feito críticas baseadas no acerto e erro possível, está apenas baseando na sua vontade de criticar o trabalho dele… Mesmo que fosse campeão falaria “foi campeão jogando feio” e não tome isso como uma crítica pessoal não, você tem total direito de fazer isso. Eu mesmo já vi fazerem isso com o Muricy a 10 anos atrás, só não me peça para concordar.

    • Desculpe amigo tricolor. Estamos passando por momentos difíceis. Nesta situação qqer esperança já nos alenta. Nosso elenco é bem melhor do que o futebol que Aguirre entrega. Temos bons zagueiros, um bom lateral esquerdo, um volante mto lutador como o Hudson, duas revelações talentosas como lizieiro e Luan, um meia veterano mas com mta qualidade. Dois pontas mto bons e um centroavante preguiçoso mas goleador. No banco ainda resta zagueiros, Jucilei, Carnero, trelez, e alguns moleques que colocados na hora certa poderiam render mto. Vide o golaço que Helinho marcou, se Aguirre fosse inteligente teria colocado antes em jogos mais fáceis do que Flamengo. Não reclamo da colocação que Aguirre nos deixa e sim do sofrimento q e ver este time se portar em campo. E vergonhoso. E por mais que Jean seja doido, ficar tanto tempo na reserva de siddao e inadmissível.

  4. Aguirre é um Dunga Uruguaio. Nunca mostrou nada como técnico, refém de um único esquema.
    Retranqueiro, não tem como defender.
    Continuidade pra que?

    Amanhã paira sobre o time a bizarrice de um esquema com 3 zagueiros e 3 volantes. Com opções para algo muito melhor no banco: nenê, Helinho, Brenner.

    Se a escalação for mesma essa, a única certeza é que no segundo tempo veremos Edmar em campo.

    #Foraaguirre
    👍Jardine2019

  5. Cavou a própria cova bem antes. Desde quando inventou Rodrigo Caio de lateral e Edimar do outro lado. Contra o Palmeiras merecia ser demitido por justa causa.

  6. Pra mim o time do São Paulo não é essa desgraça toda não. Pra mim o time só é inferior ao das pepa, flemidia e coloridas. Gremio tem um monte de sobra do São Paulo. O problema é o tecnico. Podiamos estar tranquilo na liderança não fosse o retranqueiro fechar o time assim q marca um gol. E também suas improvisações. Meu time pra amanha:

    Gean

    Arboleda Bruno Alves
    Hudson Teinaldo

    Jucilei
    Liziero

    Helinho Nene Everton

    Carneiro

  7. Mais limitado que o Aguirre é o nosso elenco. Coincidentemente nossa pior fase foram após a saída do Militão e a contusão do Everton. Querendo ou não os 2 times da ponta, tem elenco maior e gastaram mais considerando os últimos anos somados. Mesmo q o elenco seja limitado o Aguirre tem sua parcela de culpa pela queda de desempenho. É uma série de fatores que acabam influenciando no resultado final.

  8. Jamais torcerei contra o São Paulo,mas infelizmente ganhando das frangas e se classificando pra libertadores,provavelmente Aguirre estará no comando do time no ano que vem,e aí amigos,será mais do mesmo,não acredito que o Aguirre se reinventará,já mostrou-se limitado e teimoso,mais um ano de sofrimento e assistindo rivais levantando taças.

  9. Será que só o Aguirre não percebe que sempre que joga com 3 zagueiro eles ficam perdidos? Perdemos os 2 melhores zagueiros do elenco porque com 3 eles não sabem o que fazer, e fora que com o pacote de 3 zagueiros vêm os 3 volantes, pra que tanto medo? O princípio do futebol é o gol, não terminar todos os jogos 0x0, é ridículo o quão perdido a defesa fica com os 3 zagueiros, vide o gol 1o do flamidia no último jogo, onde arboleda e bruno alves não têm noção de onde estão.

    • … E minha crítica não são para os zagueiros, pois gosto muito do Arboleda e Bruno Alves vem surpreendendo, mas do esquema em si.

  10. Amanhã se for um 3-5-2 , melhor seria assim:

    ——————- Jean ———————–

    Arboleda – B.Alves- A. Martins

    Hudson – Jucilei- Liziero- KING

    —————— Nenê ————————-

    ——-Everton(Helinho) —– Diego Souza —

    • Quando eu falo que nós torcedores entendemos muito mais de futebol do que os próprios treinadores, jogadores e diretores é por essa escalação.
      Hoje é o que tem de melhor

      • Sim… mas o Mestre Aguirre nao consegue fazer o óbvio. Provavelmente vai de Edimar… talvez Bruno Peres de ponta ou 3 volantes rs. Mas ele nao tem culpa de nada,tira leite de pedra, otimo trabalho … a expectativa era um 10 lugar kkkkk.

  11. Discordo totalmente do texto e das pessoas que colocam o Aguirre como culpado pela derrocada do time e dos que atribuem a queda á ” covardia ” do técnico. No jogo citado pelo autor o Carneiro pediu para sair por um desconforto e Luan saiu contundido, pode derrepente não ter feito a melhor escolha com a entrada do Edimar mas as outras opções também não se mostram tão superiores assim. Nenê não é de hoje que vem fazendo biquinho e em rota de colisão com o treinador, além de tecnicamente ter caído muito. Caíque e Brener nem contam pois claramente não estão prontos para o profissional e nas oportunidades que tiveram deixaram isso bem claro.

    Ao meu ver Aguirre está pagando pelo bom trabalho feito e consequentemente ter criado enorme expectativa em uma torcida desesperada por títulos. Analisando friamente e honestamente nunca tivemos time para ser campeão, tem no mínimo cinco times com elencos melhores, de maiores investimentos e mais preparados : Palmeiras, Flamengo, Grêmio, Cruzeiro e Internacional , fora outros de mesmo nível. Acreditar que seríamos campeões sem ao menos ter um goleiro confiável é ser muito otimista. Fora isso ,diferente de nossos maiores rivais , não temos jogadores diferenciados daqueles que decidem partidas , sempre fomos mais no coletivo.

    Aguirre pegou um trabalho começado e um time que vinha de um ano onde brigou para não ser rebaixado, um time sem brio que não se impunha frente aos adversários e não ganhava clássicos. O novo treinador mudou isso e passamos a ter um time brigador , de muita competitividade, e que passou a vencer clássicos e a fazer jogos de igual para igual com os times mais fortes do país, inclusive ganhando o primeiro turno do campeonato, porém, com os desfalques e a caída de alguns jogadores importantes não conseguimos manter o mesmo nível de atuação. Na minha opinião o Aguirre comete erros sim como qualquer outro técnico e ficaria muito mais incomodado se tivéssemos um elenco como o do Palmeiras e fizéssemos um jogo covarde como eles fizeram contra o Boca no primeiro jogo.

    Sou a favor da continuidade do trabalho e com ajustes e contrcontratações importantes buscar elevar o nível do time para a próxima temporada, pois o que mais o São Paulo fez nos últimos anos foi trocar treinador e definitivamente não vem dando certo. Continuar a apostar na base introduzindo com cuidado os moleques mais talentosos e deixando o time cada vez mais preparado para as conquistas.

  12. Defender a covardia e retranca do Aguirre beira ao absurdo! Suas escalações, substituições, sua postura, seu pensamento sobre futebol é indefensável. Com Aguirre em 2019 o ano acaba antes de começar!! Amanhã teremos mais um belo
    3 zagueiros
    3 volantes
    2 laterais
    0 meia
    2 atacantes

    Patético!!
    Vamos São Paulo!!
    #ForaAguirre

  13. Não quero o Aguirre pra 2019, mas acho muita injustiça o tanto de xingamentos que ele vem recebendo. Ele tem errado muito na escalação e no “controle” do elenco, mas analisem bem nosso elenco e percebam que ele fez milagre no primeiro turno. E muitos elogiavam a garra que o time tinha adquirido por causa dele. Ele não é um péssimo técnico, só precisa parar de inventar coisa que já não deu certo.

    Eu gostaria que o Jardine tivesse uma chance, temos jovens muito promissores, e não vejo técnico melhor pra usar eles do que o Jardine. Mas acho que não vão arriscar, então espero que seja o Abel.

  14. Eu Também acho que Abel ou jardine daria certo em 2019, Abel tirou leite de pedra no Fluminense e usou muito garotos fez um bom trabalho com um time limitado, jardine e aposta mas o nosso time tem sorte com apostas, pra que gastar tanto dinheiro com futebol de base e nao aproveitar, lembro do tele não tinha medo Time pra frente bem diferente desse Aguirre covarde entao vamos apostar em jardine ou trás abel.

Deixe uma resposta