D’Alessandro vira líder fora de campo. Nenê faz o contrário.

A capa do jornal “Zero Hora” de Porto Alegre desta segunda-feira estampa uma foto grande de D´Alessandro beijando o escudo do Internacional na sua camisa. Dentro da foto, ao lado dele, o título “Ele decide”. Assim tem sido com o ídolo colorado nos últimos tempos. E não necessariamente dentro de campo.

Recentemente foi visto no alambrado atrás de um gol, sem chuteira, apoiando o time aos berros.

D`Alessandro é o caso do jogador que está perto do fim da carreira e que tem o entendimento preciso de como pode continuar sendo relevante a um grupo mesmo sem pisar no gramado em todas as partidas.

Neste domingo Nenê não foi a campo no empate com o Flamengo. Assim que o jogo acabou, pegou suas coisas e se mandou do Morumbi, com cara de poucos amigos.

Pode ter ficado irritado por não ter sido aproveitado no jogo, mas ter sido aproveitado para a encenação feita por Diego Aguirre antes de a bola rolar. O treinador levou doze jogadores (Nenê entre eles) para o aquecimento que os times fazem no campo antes da entrada em oficial.

Entendo que não tinha espaço para ele na partida, mas esta é uma outra questão.

Fato é que a atitude do jogador foi mais um ingrediente no caldeirão de problemas que se transformou em São Paulo no segundo turno do Brasileirão. O time que está se esforçando no limite para não perder a quarta colocação no campeonato agora tem outra questão para ser resolvida.

Não é possível comparar a idolatria de D´Alessandro no Internacional com a de Nenê no São Paulo. Um tem uma longa história de dedicação ao Colorado. O outro chegou este ano depois de passagem por outros grandes clubes do Brasil.

É injusto também dizer que Nenê não foi útil ao Tricolor. Fez um ótimo primeiro turno, no momento em que o São Paulo virou líder do campeonato. Seu rendimento caiu com o time na segunda etapa.

Mas há outro tipo de colaboração que jogadores mais experientes podem dar a um time. O próprio Nenê foi positivo para o ambiente quando o time vinha bem no Brasileiro. Um dos líderes do elenco, uniu o grupo, deu destaque a Reinaldo, que era muito introvertido até outro dia e ajudou para que o jogador se soltasse, por exemplo.

Um jogador do tamanho e currículo importante como Nenê (jogou em grandes times do Brasil e teve interessante passagem pela Europa) tem muito a contribuir com um time. Não necessariamente dentro de campo.

ESPN

31 comentários

  1. Eu teria escalado ele no lugar do Diego Souza..
    Diego Souza é um a menos no time…pouco fôlego, um gol a cada 7 jogos e tal…
    Não entendo porque o Nenê é banco nesse time..

  2. Pra mim nenê n chegou a ter status de idolo, teria que fazer muito, mais muito mais ainda, mas já da para notar que não teremos isso dele.

  3. O sentimento do Nenê hoje é o mesmo da torcida. Um técnico que escala lateral improvisado no ataque, mesmo tendo atacante e meia-atacante no banco, é de revoltar qualquer um.

  4. O problema é que o Nenê não foi colocado no banco por um concorrente de posição que esteja voando e sim por opção do treinador. Então o que o Aguirre transparece é que prefere jogar sem meia de criação a ter o Nenê no time. Obvio que o jogador não vai ficar feliz. Cabe a ele apenas ficar quieto, cumprir o contrato e estar pronto qdo o time precisar. Isso só evidencia o problema de não ter um elenco com boa qualidade técnica e algumas posições não terem uma disputa de alto nível.

  5. Paraná caiu ontem….bem feito…mesmo…foi no jogo contra eles que começou a derrocada do SP…naquele empate bizarro em Curitiba…

    Me perdoem…sou rancoroso…não deveria…

    • Você deveria centrar o seu rancor na direção correta, Otávio… O coitado do Paraná Clube não tem “culpa” de nada… O verdadeiro problema está em que todo mundo (ou quase…) “deitou e rolou” em cima do mesmo… E nós, não… Algo mais precisa ser dito?!… SMILE TADEU.

  6. Nenê pode ter caído de produção, mas dele pode se esperar algum lance útil, agora colocar Edimar do qual sabemos que não se espera nada, é pra ficar bravo mesmo.

  7. Essa é uma reportagem do Ademir quintino. Eu acho uma péssima ideia perder o Hudson de novo.
    Acho o jogador um baita primeiro volante, alem de líder e capitão do time.
    Vanderlei não é o único goleiro bom no mercado.
    Negociar com o Santos é muito complicado.
    Outras opções :
    Everson, jaison, Walter, Danilo Fernandez.

  8. Eu não crítico o Nenê, acho que também ficaria irritado com as atitudes do treinador no calor do jogo.

    Todo mundo percebeu que o Flamengo estava melhorando, a entrada do Edmar com o avanço do Reinaldo acabou com o time.

    No banco tínhamos ainda o Trellez.

    Recuamos contra Vasco, América, Inter, Palmeiras.
    Nao adiantou, só tomamos gol.

  9. Comparar o comportamento do DAlessandro com o do Nene e covardia. Um é ídolo do Inter, fez história. O outro não tem metade dos títulos e se acha maior que o clube. Comportamento do DAlessandro e mto parecido com o do Lugano no último ano de carreira… Por outro lado, o comportamento do Nene mostra a falta de comando do dpto de futebol.

    • Concordo essa comparação nao existe o Lugano estava em decadência no final da carreira. ..o mito tb depois do título de 2012. ..ladeira abaixo. Tanto que se aposentou em total melancolia.

  10. Estão queimamdo o Nene. …deve ser foda perder vaga para Araruna horrível, Edimar, Reinaldo jogando de ponta. A falta de visão do técnico tá matando o sp. …estão usando esse assunto como muleta. ..escalacao tosca, falta de ambição, gana e o mais importante entrosar o time. ..Não adianta nada colocar Helinho e deixar o cara solitário os volantes e laterais tem que encostar. Apostei com amigo que o sp irá perder na privada.

  11. Craque do SP no 1o turno sempre foi o Everton, e nunca o nenê ou qquer outro.
    Quando o Everton jogava, todos os outros subiam de produção, até mesmo o nenê e o reinaldo, porque se trata de um atleta q joga p time.
    Infelizmente, em determinado momento, considerou-se que o nenê era a estrela do SP, mas fato é que o jogador já tem 37 anos. Por consequência, ainda que com certo atraso, a realidade se impôs.
    Enfim, nenê ainda pode ajudar o tricolor, mas nunca como a estrela do time.

  12. Alinne Fanelli

    @alinnefanelli
    2m2 minutes ago
    More
    Bom dia, people! O goleiro Lucas Paes foi emprestado ao Toronto FC até o fim de 2019, com opção de compra.
    O vínculo começa no ano que vem, mas ele já vai agora para se adaptar.
    Denis, que era do sub-23, agora integra o time principal na Barra Funda.

  13. Michel Bastos versão 2018. Veterano que começa bem, faz um 1º semestre muito bom. Renova o contrato ai é ladeira abaixo no futebol, começa o mimimi e vira laranja podre. A diretoria cometeu o mesmo erro, e neste caso era só verificar o histórico. Não entendo essa afobação pra renovar contrato de jogador veterano com contrato vigente.

  14. Que o Nene nao esta jogando bem é verdade, porém só uma birra do Aguirre ou a falta de visão mesmo pra botar Edmar, Araruna, Rodrigo Caio e outros improvisados, prefiro o Nene com caxumba do que Bruno Peres aff.

  15. Acho que uma boa opção par ao time de domingo contra os gambá:
    Jean
    B. Perez, Arboleda, Bruno Alves, reinaldo
    Jucilei, Hudson, liziero
    Gonzálo, Diego Souza, helinho

    Time ficaria ajustado, sem improvisações. Ainda seria teria a técnica de Helinho, a versatilidade de Liziero e do Gonzálo pela direita.

    Não tem motivo para improvisar jogador no domingo.

    Com Everton entrando no 2 tempo.

    • Tiraria o Diego Souza (quem???…), centralizaria o G. Carneiro, ou Trellez, ou qualquer um, manteria o Helinho na direita, e voltaria com o Éverton na esquerda… “É o que temos pra hoje…”… Que ‘pobreza’… rs… SMILE TADEU.

  16. Foda um jogador que foi de seleção, jogou em vários clubes de ponta….e ter q aceitar ser reserva de um time q tem….Edimar, Reinaldo, Anderson Martins, Sidão, Araruna, Hudson e etc…..

    • Como você disse, jogou, no passado.
      Hoje já está velho, deveria entender que não joga a mesma bola que antes e que esse mimimi mais atrapalha do que ajuda

  17. O nene é um profissional complicado,com otima tecnica,porem que não aceita a reserva ou substituições e ja de uma idade provecta;o Diego Age irre,por sua vez é um tecnico complicado,que tem mais fama do que a merecida e que não consegue se impor perante o plantel;por esta razão toma atitudes incompreensiveis,como deixar Arboleda no banco contra o palmeiras;tirar um lateral esquerdo competente como o Reinaldo e transforma-lo num ponta fraco e colocar um pessimo lateral esquerdo para não colocar o Nene.Para o proximo ano novo tecnico,que tenha o padrão do São paulo(Renato Gaucho,Mano Menezes,ou Abelão).

Deixe uma resposta