São Paulo tira três lições da partida contra o Vitória pelo Brasileirão

Na noite desta sexta-feira (26), o São Paulo foi ao Barradão enfrentar a equipe do Vitória e saiu com os três pontos. Bom resultado para o tricolor paulista, que volta a ter uma pequena esperança pelo título

A primeira lição do São Paulo fica para a segurança na defesa, principalmente pela atuação de Jean e os zagueiros, que seguraram o ímpeto dos baianos. O mesmo ritmo no setor deve ser adotado até o fim do campeonato para que o tricolor siga com grandes resultados.

A segunda lição fica por conta do gol ainda no primeiro tempo. É importante definir a partida cedo, para que o adversário não se torne o protagonista. Se o placar zerado se mantivesse até o intervalo, os baianos teriam tempo para acertar os pontos tortos e superar o tricolor paulista.

A terceira lição fica por conta do erro de Jean. Uma equipe que sonha alto como o São Paulo não deve permitir que o seu atleta tome uma atitude como a de hoje, onde provocou a torcida adversária e provocou tumulto dentro de campo.

Torcedores.com

14 comentários

  1. Quanta encheção de saco do Jean, dx o cara provocar a torcida adversária, são paulo já nao tem ambições no campeonato, se perder do Flamengo nem vou ficar tão triste pq ajuda eles na disputa do título contra as peppas.

  2. Esperança de título?

    Sejamos realistas, precisamos utilizar a base, para que os garotos que lá estão, sintam segurança de que possam ser aproveitados no time profissional.

    Caso contrário, do que adianta investir em Cotia, se acaba contratando os caras rodados e não se investe realmente na base como se deve e aproveitar da forma correta e não somente como vitrine para atrair para comprar/vender jogadores novos.

    Enquanto o time principal fica nesta draga que estamos vendo ano a ano.

    • Chance tem… matemáticas né, pois pelo que os times estão jogando uma vaga no G4 ja esta de bom tamanho. Porém se as Peppas perdem hoje , são 6 pontos atrás, com 21 em disputa.

      • O problema que as pepas estão ganhando das urucubacas…

        Esqueca o título e vamos criando time para 2019, já que os nossos dois pontas estão machucados.

        Vamos colocar gás novo neste ataque, colocando a molecada para correr e cansar a defesa adversária, para no segundo tempo entra com um ou outro veterano.

        Tá na hora de arriscar e não ter medo de colocar a molecada

    • Uma diferença abismal, o Cuca joga pra frente sem medo, não é um covarde.
      Escalou apenas 1 volante de contenção, 3 meias, 3 atacantes. Apostou na base colocando um zagueiro desconhecido que está bem.
      Fez a substituição que mudou o jogo, além de mexer em posicionamento. Infelizmente não veio para o SP que poderia estar brigando pelo título.

  3. Jogo pessimo. Tomar sufoco do Vitória foi ridiculo. Vimos um time sem criatividade, sem contra ataques, com marcacao falha. E pelo contrário eo que diz o texto, quse todas as vezes que o time fez gol cedo, levou empate ou virada nesse segundo turno.Time nao mata partidas e se deixa sufocar por equipes inferiores. Só não levou empate porque Jean fez boas defesas. Apesar de temperamental, o goleiro parece ser muito mais seguro que o Sidão.

  4. VItória sobre o Vitória, qualquer time pode ter! Jogou razoável até o primeiro tempo. Depois foi repetição de outros jogos do segundo turno, recua, toma sufoco, não tem saída de bola, lenta ou rápida, substituições sem objetivo, troca seis por meia dúzia…a continuar assim, perde para o Fla, perde pro curica, perde pro Grêmio, perde pro Cruzeiro e até pro Vasco!!!
    O Aguirre é muito limitado!
    Apresentar o futebol que apresenta, sem variação…com folga…para descanso…tempo para treinar…
    E não joga…quase nada\111

Deixe uma resposta