Leco fala em time diferente para 2019 e quer São Paulo entre os quatro primeiros no Brasileirão

Em participação do sorteio dos grupos do Campeonato Paulista 2019, na sede da FPF (Federação Paulista de Futebol), o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, avaliou o estadual, falou sobre reforços e disse o que espera do Tricolor na reta final do Brasileiro 2019

Leco vê os jogos do Paulistão difíceis e garante que o time irá brigar para tentar encerrar o jejum de título estadual desde 2005. “Não acontecerão jogos fáceis. Feliz pela participação do São Paulo, com a perspectiva de num processo de melhora alcançada e [vamos lutar pela] conquista se possível. Vamos para o certame para fazer bonito e se possível conquistar“, afirmou o dirigente ao Globoesporte.com

Em meio a reta final do Campeonato Brasileiro 2018, a direção do São Paulo trabalha em paralelo para se reforçar para a próxima temporada e espera terminar o nacional entre os quatro primeiros para ter vaga direta na fase de grupos da Libertadores.

Sim, certamente [um time diferente]. Nós estamos planejando, estamos discutindo. Hoje é um momento novo. O diretor-executivo de futebol, que é o Raí, está aqui comigo, como está o Alexandre Pássaro, nosso gerente-executivo. É uma preocupação permanente que esperamos, assim, bem definir“, destacou.

É estar entre os quatro, não entre os seis. Claro que entre os seis também, mas entre os quatro em especial,. A briga pela conquista, pelo alcance do título, se tornou difícil. E os adversários estão muito valorizados, estão também focados em obter esse patamar; E nós estamos na luta. Isso revela evolução, crescimento. Estamos muito diferentes do que estivemos no ano passado. Estamos lutando em cima, mas ainda assim a gente quer mais“, completou.

Questionado sobre a renovação do técnico Diego Aguirre, antes aclamado por levar o Tricolor a liderança e hoje chamado de burro pela queda de rendimento, para a próxima temporada, Leco apenas disse que está no planejamento. “É claro que sim, claro que sim, esta dentro de todo o planejamento nosso“, finalizou.

O São Paulo ficou no Grupo D do Campeonato Paulista 2019 ao lado de Botafogo, Ituano e Oeste. A competição terá início no dia 20 de janeiro e as finais previstas  para acontecer entre 14 e 21 de abril.

Torcedores.com

17 comentários

  1. …………… João Ricardo …………..
    Hudson .. Bruno .. Arboleda .. Reinaldo
    …….. Jucilei/Luan … Liziero ………..
    Tardelli…. Hernanes … Everton
    …………… Pato …………

  2. Nessas alturas do campeonato e dadas as circunstâncias vividas resta-nos continuar acreditando no projeto de reconstrução do nosso futebol que vem sendo conduzido e liderado pelo Raí e sua diretoria.

    Confiar que a nossa base será de fato muito mais valorizada e utilizada, mesclada com alguns poucos jogadores comprovadamente eficazes, trazidos para balancear e qualificar o nosso elenco.

    O custo benefício de nossa folha de pagamento, sabidamente, ainda se mostra bastante ineficaz, com jogadores com altos salários e retorno não satisfatório, quando confrontados com os valores dispendidos com os pratas da casa.

    Repensar é preciso, o Luan em pouco tempo não apresentaria um custo benefício mais adequado que os apresentados pelos jogadores mais renomados?

    Estamos no caminho certo, mais há muito ainda a ser corrigido.

  3. Capacidade Efetiva — Urgente!

    A elite tradicional do São Paulo F.C. que tem administrado o clube nos últimos anos precisa renovar sua psicologia. É preciso com urgência achar um líder são-paulino bem sucedido em suas empresas, comprovadamente capaz nos negócios, aficionado por futebol e pelo clube, para fazê-lo presidente na próxima eleição.

    Terá de dar a esse presidente reconhecidamente capaz, mas com as devidas garantias estatutárias de “ricol” — instrumento de confirmação, ou não, no poder após dois anos de mandato — o poder total de ação. Esse administrador terá de ter a confiança do conselho para nomear sua equipe de diretores especialistas em ganhar dinheiro para sanear as finanças e voltar a investir no futebol, para retomar o desenvolvimento do clube e levá-lo não apenas a ser campeão brasileiro, mas a se igualar aos grandes da Europa em competições internacionais. Sem isto, a tarefa estará incompleta.

    Ficam aqui estas reflexões para os filósofos são-paulinos fazerem as suas, e buscarem um nome que possa dar uma virada de mesa no clube e acordar esse gigante que há anos foi entorpecido com tanta insuficiência administrativa e futebolística que o levou ao estado de decadência atual.

    • São Paulo precisa virar time empresa urgentemente.
      Licencia a marca são Paulo a uma empresa para gerir o futebol e deixa o leco e sua turma que está aí há 02 décadas só na parte social.
      Falo isso há mais de uma década fui sempre criticada.
      Foi isso que ergueu o Milan na década de 80 ( o magnata Silvio Berlusconi levou o Milan a 04 copas dos campeões da Europa )
      O mesmo ocorreu com o Chelsea e com o Manchester city.
      Ai me cobrem se o São Paulo não se tornar o primeiro das Américas.
      Temos que afastar do futebol esta turma que há décadas se apropriou do clube e está transformando o sp numa portuguesa.
      O projeto tem que ser profissional sem idolatria, independentemente dos nomes serem ex ídolos do sp.
      Mas fiquem atentos. Não pode ser o projeto do leco pelo amor de de Deus.
      O moderador deste blog poderia propor uma discussão sobre a viabilidade do São Paulo virar, no setor de futebol profissional, um clube empresa.
      Que tal este tema, hein, moderador ?

  4. Vejo os discursos do Leco e do Raí da um zzzzzzzzzzzzzzz parece programa política de TV.)Falta detalhes falta pouco estamos no ” caminho certo” só queria que fizessem uma mísera pergunta ” como um dos clubes que mais arrecadam,um dos que mais gastaram em contrAtações,uma das folhas salariais mais altas dos clubes,um dos que tem mais estrutura torcida pode se apequenar tanto assim diante de adverssadios que tem receitas bem inferiores a nossa nesses últimos dez anos????Nem tou comparando com Crecisa ( quem dera fosse só eles), se gasta porcamente no clube e isso se chama incompetência E todos se escondem nesse papo furado de ” melhora” de coitadinho hoje o clube não tem nada de “falido”recursos tem falta e competência….

  5. Dá nojo de ver esse senhor falando. É igual ao Lula. Fala, fala e não diz nada. É um impecilho enorme a ser cruzado pelo clube. Sua arrogância e empáfia só atrasam o SPFC.

  6. São Paulo paga altos salários a jogadores sem ambição profissional, e em últimos contratos de suas vidas, não tem um sistema de scouts confiável e despreza o seu potencial de formação de atletas! Esperar o que desses senhores que buscam o poder pelo poder.

  7. O SPFC precisa ser transformado em empresa e vendido a algum grupo econômico poderoso que invista no futebol do clube. Não há mais como tornar esse time competitivo, precisamos quase de 11 titulares para voltarmos a conquistar títulos e não são jogadores como Jeans, Sidão, trellez, Rojas, Carnero, Anderson Martins, Bruno perez, Shaylon, Araruna, Jucilei, Nene que nos levarão de volta às glórias. Precisamos de jogadores como Pato, calleri, hernanes, Souza ( volante), rafinha ( lateral do Bayern), Miranda, além de um goleiro nível casillas e um treinador de verdade, não um retranqueiro e covarde. Sugiro Andre Vilas Boas

  8. Momento #OutLeco de pura poesia:

    ” Hoje é um momento novo “.

    Mas se é novo, porquê tem cara, jeito e cheiro de filme velho, repetido, mofado, enfadonho e chato ?

    Novo só o fracasso, outra vez.

    # ReageSPFC.

  9. Time Diferente? Só isso ele fala? Diferente pode ser melhor, mas também pode ser pior. Cadê a objetividade? A vontade de ser campeão, que deve ser demonstrada? Diferente é subjetivo, não demonstra planejamento concreto, objetivo, motivação. Assim tem sido os últimos 10 anos. Não vejo (e pelo jeito não teremos) um choque positivo de gestão, com foco em títulos. E assim caminha a mediocridade….como torcedor estou decepcionado.

  10. São Paulo precisa virar time empresa urgentemente.
    Licencia a marca são Paulo a uma empresa para gerir o futebol e deixa o leco e sua turma que está aí há 02 décadas só na parte social.
    Falo isso há mais de uma década fui sempre criticada.
    Foi isso que ergueu o Milan na década de 80 ( o magnata Silvio Berlusconi levou o Milan a 04 copas dos campeões da Europa )
    O mesmo ocorreu com o Chelsea e com o Manchester city.
    Ai me cobrem se o São Paulo não se tornar o primeiro das Américas.
    Temos que afastar do futebol esta turma que há décadas se apropriou do clube e está transformando o sp numa portuguesa.
    O projeto tem que ser profissional sem idolatria, independentemente dos nomes serem ex ídolos do sp.
    Mas fiquem atentos. Não pode ser o projeto do leco pelo amor de de Deus.
    O moderador deste blog poderia propor uma discussão sobre a viabilidade do São Paulo virar, no setor de futebol profissional, um clube empresa.
    Que tal este tema, hein, moderador ?

Deixe uma resposta