“Motivação a gente sempre tem por jogar no São Paulo”

Faltando dez rodadas para o término do Campeonato Brasileiro, o São Paulo está na quarta colocação, somando 52 pontos até o momento, quatro a menos que o líder Palmeiras e apenas um do vice-líder, o Internacional, que será o adversário do Tricolor neste domingo, dia 14 de outubro, às 16h, no Beira-Rio. Diego Souza garante motivação e foco para somar os três pontos e voltar a brigar pela liderança.

Após o tropeço diante do Palmeiras, o São Paulo, que poderia assumir a ponta da tabela, acabou a rodada em quarto, mas isso está longe de desmotivar Diego Souza, que afirma empenho de todos para somar pontos fora de casa e depois vencer no Morumbi, o Atlético/PR, na próxima semana.

“Motivação a gente sempre tem por jogar nessa equipe e pelas condições que temos no campeonato. É fase decisiva, com uma grande batalha pela frente, onde conseguindo êxito a gente volta de vez para a briga do campeonato. Depois voltamos para jogar em casa, lugar que temos apoio da torcida, então sabemos da importância do jogo contra o Internacional”, disse Diego Souza.

No primeiro turno, o São Paulo também havia sido derrotado para o Palmeiras, depois empatou com o Internacional e venceu oito dos nove jogos seguintes, fechando o primeiro turno como líder. Para o atacante, o Tricolor tem time, força e equilíbrio para repetir o feito neste segundo turno, já querendo reação diante do Internacional.

“No primeiro turno, nessa mesma fase, a gente não era líder do campeonato e tivemos momentos ruins também. Os dez jogos finais da tabela são da sequência que crescemos muito no primeiro turno. Sendo assim, no segundo, temos condições. Temos time, é colocar a cabeça no lugar e concentrar bastante. Não podemos pensar em dez jogos, mas sempre no próximo, porque temos que voltar a ganhar rapidamente, assim voltará a paz e buscaremos a liderança do campeonato”, lembrou o atacante.

Site Oficial

11 comentários

  1. Parece até propaganda política, fala sério.
    Se entreguem mais em campo e falem menos, que ai o povo acredita.
    Sem contar, que este fato me faz lembrar a história do bode na sala, só que no time do SPFC, não sei se tem mais de um bode…

  2. Eu acredito,mesmo com as pardalzisses do Aguirre ainda dá.Díficil,muito difícil,mas não impossível,até porque somos o time da fé,aquele mesmo que deram 1% de chance de título e fomos buscar.
    Sei que o nosso futebol hoje não empolga,é pragmático, jogamos sem goleiro e nosso técnico resolveu inventar além da conta,mas mesmo assim acredito no imponderável.
    Um ótimo final de semana a todos sofridos irmãos tricolores.#Vamos São Paulo.

  3. Tite na seleção da CBF com jogadores sem raça, sem patriotismo tem se mostrado um péssimo técnico. Embora ganhando da Arábia Saudita está tomando um baile tático.

    • Sei não heim, a seleção pelo menos ganhou o ouro há dois anos, o spfc nem copinha ganha mais…enquanto esse bando não der a vida em campo e a diretoria não acabar com esse papinho de todo ano ser reconstrução nosso tricolor é tédio e desesperança!

Deixe uma resposta