Hudson faz apelo e pede paciência com Sidão: “É o nosso goleiro”

Principal alvo de críticas da torcida do São Paulo, o goleiro Sidão vive seu momento mais delicado no clube. Capitão da equipe, o volante Hudson faz um apelo e pede paciência com o camisa 12, titular absoluto sob o comando do técnico Diego Aguirre.

“Ele é o goleiro do nosso time. É um cara muito responsável, comprometido com o São Paulo, trabalhador, que sempre dá o exemplo. Não está no gol do São Paulo à toa. Essa posição não caiu do céu para ele. Ele fez por merecer”, declarou Hudson, em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva.

Contratado em 2017 a pedido do então técnico Rogério Ceni, Sidão ainda sofre com a sombra do ídolo tricolor. Além dele, Denis e Renan Ribeiro, que já deixaram o clube, não conseguiram se afirmar como sucessores do ex-goleiro, hoje no comando do Fortaleza.

“A gente sabe de todo o histórico que o Rogério deixou, é uma cobrança a mais, mas a gente precisa muito do Sidão. A gente precisa de um goleiro com confiança, que a torcida o ajude um pouco também”, apelou o meio-campista.

Aos 35 anos, Sidão jamais foi unanimidade entre torcedores do São Paulo. Nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro, a bronca aumentou, sobretudo após os empates com Fluminense e América-MG e as derrotas para Atlético-MG e Palmeiras.

“Qualquer jogador na situação dele não se sente totalmente confortável, mexe demais. Ele é o nosso goleiro, o titular da posição. É muito importante que a torcida o apoie até o final”, ressaltou o camisa 25.

GE

13 comentários

  1. Sr. Hudson…

    O torcedor teve bastante paciência com o Sidão. O problema, e o grande problema, é que o Sidão não se ajuda.

    Cansei de procurar entender os erros do goleiro. Tive paciência enorme e não curto muito esse lance de rifar jogador, mas tbm não posso ir contra a realidade e ver em quase todos os jogos deficiências grandes, quer na saída de jogo, quer nas espalmadas para a frente, quer pela absoluta falta de saída do gol nas jogadas aéreas dos adversários, quer nos “N” erros, muitos deles infantis, que trazem intranquilidade não só ao torcedor, como tbm aos próprios companheiros em campo.

    Nem vou levar em consideração o fato dele dificilmente salvar a equipe com defesas de goleiro acima da média…

    Precisa melhorar muito…

  2. Ah vai , já tivemos paciência até demais, o Micão é o pior goleiro de toda a série A, isso contando titulares e reservas, as vezes o primeiro e segunda reservas, como é o caso do Palmeiras.

  3. Mesmo com Sidão no gol e o anêmico do R. Caio no siztema defensivo… pensando bem, com os dois juntos, não tem jeito não. Eu acredito no meu time, mas ajuda aí Aguirre.

  4. Difícil ver alguém ter tantas chances qto Sidao teve. Hoje, a Globo fez uma matéria mostrando o grande ser humano que ele e, mas infelizmente como goleiro, ele caiu de paraquedas no tricolor, e este ano, que com muito sacrifício, montamos um bom time titular, ele comprometeu. Se Jean não for melhor, na série B, arrumamos um goleiro mais confiável.

  5. Vai catar coquinho Hudson e jogar bola que não tá jogando nada também por sinal! Micão é um amador, deveria estar em outra profissão, Jean ou Perri prajá se quiser pegar um quinto lugar no campeonato!

  6. O empresário do Sidão pagou para escrever essa matéria ou alguém de fato viu um vídeo com Hudson falando isso?? Se realmente existe esse vídeo, vou escrever de novo o que escrevi dias atrás…”Sidão deve saber de algum grande segredo envolvendo alguém, de costas largas dentro do SPFC”.

    Sidão pode ser um bom rapaz, critico seu valor como goleiro.

    Sidão me perdoe, mas, você não tem culpa de não ter peculiaridades necessárias para jogar no SPFC, culpa tem, aquele ou aqueles que te contrataram, contrataram também o Jean para ser seu “Reserva”???

    Sidão continua sendo um “grande mistério” e Jean, logo logo também se tornará um mistério…não é mesmo Sr. Paulo Sacala???

    Obs. antes que digam que Ceni apadrinhou o goleiro, nessa aí eu também não perdoo você Ceni.

    • Diferença que o pouco recurso que o clube tem agora foi pela venda da molecada que o Ceni colocou pra jogar. E o Micão era o único goleiro que o São Paulo conseguia comprar na época.

Deixe uma resposta