Everton não treinou com o grupo do São Paulo na manhã desta terça-feira, no CT da Barra Funda. Reserva na derrota por 2 a 0 para o Palmeiras, sábado, no Morumb, ele aqueceu com os companheiros, correu sozinho no entorno do gramado e depois complementou o trabalho no Reffis.

Justamente por Everton estar em recuperação de uma fibrose na coxa esquerda, a comissão técnica de Diego Aguirre preferiu não arriscar com a escalação do atleta como titular. No Choque-Rei, o jogador substituiu Rodrigo Caio após o intervalo.

Aguirre, inclusive, conversou com o jogador pouco antes do início da atividade desta terça-feira.

Sem Everton no trabalho com bola, Diego Aguirre teve de recorrer a garotos para completar o treino. Isso porque Lucas Paes, Antony, Brenner e Caíque estão com o time sub-23 para um duelo com o Atlético-PR, nesta terça-feira.

O técnico chegou a separar dois times em um treino com campo reduzido, mas misturou os titulares:

  • Jean; Bruno Peres, Carlinhos, Anderson Martins e Luis Kennedy; Jucilei, Reinaldo, Everton Felipe, Rojas e Trellez
  • Sidão; Gilson, Bruno Alves, Rodrigo Caio e Edimar; Hudson, Liziero, Shaylon e Nenê; Diego Souza

Para encarar o Internacional, domingo, no Beira-Rio, Aguirre não terá Arboleda (seleção Equatoriana), Luan e Igor Gomes (seleção brasileira sub-20).

Depois da atividade, Aguirre conversou particularmente com Diego Souza. O centroavante também bateu papo com o diretor de relações institucionais Diego Lugano. Raí (executivo de futebol), Ricardo Rocha (coordenador) e Alexandre Pássaro (gerente) acompanharam o treinamento.

Esses dois últimos, acompanhado de Lugano, tiveram também um papo com Diego Aguirre por 15 minutos. O São Paulo é o quarto colocado do Brasileirão, com 52 pontos, quatro abaixo do líder Palmeiras.

GE