Ricardo Rocha diz que “empate não seria ruim” para o São Paulo em clássico

O São Paulo soma três empates seguidos no Campeonato Brasileiro. Resultados que contribuíram com a saída do clube da liderança da competição. Mas o coordenador de futebol do Tricolor, Ricardo Rocha, acredita que somar mais um ponto na próxima rodada pode ser suficiente. Isso porque o adversário será o líder Palmeiras, que não conseguiria abrir distância na primeira colocação. A distância entre os rivais é de um ponto: 53 a 52 para os alviverdes.
“O empate não seria um mau resultado. Em outubro, jogaremos quatro jogos. Em novembro serão seis. As vitórias serão importantes e os empates não deveriam ser tão ruins, mas estamos em uma sequência grande de empates e por isso precisamos retomar. Como aconteceu no primeiro turno, com quatro empates seguidos, e depois embalando com clássicos e jogos dificílimos. O empate no clássico com o Palmeiras, um jogo difícil, não seria ruim, mas sabemos que é preciso vencer e que uma vitória nos deixaria muito fortalecidos”, analisou o dirigente e ex-jogador em entrevista à Rádio Transamérica.
Curiosamente, o fim dos empates se tornou uma espécie de obsessão entre os jogadores, que usam justamente o confronto com o rival Palmeiras, às 18h deste sábado no Morumbi, como argumento. Algo que fica claro na entrevista do meia Nenê ao site oficial do São Paulo, publicada na última quinta-feira: “Não podemos perder mais pontos, ainda mais em um confronto direto como esse”.
UOL

30 comentários

  1. Ele esquece que Grêmio, Inter e Flamengo podem fazer 3 pontos nesta rodada. Vamos em busca da vitória, Sr Ricardo Rocha. Nada de conformismos.

  2. Que conversa essa heim, RR… está preparando o espírito do torcedor para a ausência de uma vitória?

    O problema é que tem que ganhar, infelizmente perderam pontos bobos que agora obrigam o time a simplesmente vencer… e não há apenas os porcos disputando. Há o Inter, Grêmio e se for nessa de empate em empate, vai complicar…

  3. Cuidado com o Poderoso.
    Não estou falando da Crefisa.
    Estou falando do Poderoso Colon.
    Alguém sabe o resultado de ontem?
    Eu não sei, acho que o Colon venceu e será favorito nessa Libertadores 2019. Ninguém segura. O Rolo Compressor Colon.

    Brincadeiras a parte:

    Que não tem mais bobo no futebol! Tem sim, o bobo, o saco de pancada é o São Paulo.
    Como é que o São Paulo vai conquistar uma Copa do Brasil, perdendo tantos mata matas?
    Como é que o São Paulo vai sair da fila no Campeonato Paulista, sendo eliminado varias vezes para clubes inexpressivos?
    Como é que o São Paulo vai conquistar uma Libertadores, sendo que os adversários hoje estão bem a frente ao São Paulo na Gestão do futebol?

    • Que gestão de futebol? Raí é muito melhor do que qualquer outro no quesito gestão. O Guarani nao tem gestão, tem dinheiro da crefisa, que , todos sabemos, é obtido da exploração mais degradante do ser humano

  4. Se contentar com um empate contra os anões endinheirados me soa de uma mediocridade sem tamanho. Nem no ano retrasado em que eles foram campeões e nem no ano passado em que quase caímos eles conseguiram arrancar esse “não tão ruim” empate.

  5. Ué… ele falou algo de errado? Dentro do que o time do SP vem jogando, um empate contra o time do Palmeiras, que está forte desde a chegada do Felipão, não seria tão ruim assim. ÓBVIO que só a vitória interessa e devemos pensar dessa maneira, mas pensando friamente, um empate não deixaria eles arrancarem.

    Vitória o melhor cenário! Empate, aceitável. Derrota nem pensar!

  6. O da esquerda (da foto pra n achar que to falando de politica) dizendo pro elenco “vamoa vamoa vencer ”
    O da direita “calma o empate não é ruim”

  7. Se amanhã o São Paulo ganhar, São Paulinos, bebam cerveja, vista a camisa do São Paulo, cante o hino do São Paulo, comemore muuuuuito.
    O jeito é festejar como nunca.
    Porque depois dessa destruição do futebol do São Paulo pelo Juvenal, Aidar, Leco, em que viramos café com leite, o São Paulo vencer um jogo decisivo é coisa rara.
    De 10 vence 2.
    A Crefisa deita e rola.

    O São Paulo mais vencia do que perdia para o Palmeiras Parmalat. Eliminava o Palmeiras Parmalat da Libertadores de 94, do Rio São Paulo de 98, do Paulista de 98, goleava por duas vezes no Paulista de 97. O Palmeiras Parmalat fazia muito mais investimentos do que o São Paulo e para agravar a situação o São Paulo reformava o Morumbi na época do Palmeiras Parmalat.
    Eu lembro de 99 em que o Felipão ficou bravinho quando o São Paulo colocou eles na roda fazendo 5 gols.
    E o vareio na Copa do Brasil 2000.

    Hoje o empate está de bom tamanho.
    Se Diretor está falando isso, se ganhar faça o que eu digo, comemore igual a um louco.

  8. O Ricardo Rocha está apenas com os pés no chão e a cabeça raciocinando. Já viu as limitações do time e sabe o que esperar. Vontade de vencer e torcer pela vitória é outra coisa. Todos nós torcemos, mas o time é limitado.

    • O clássico de amanha me lembra o do primeiro turno, que vinha nosso Tricolor embalado, até apontado como favoritos por alguns “jornalistas especializados” e o Palmeiras em crise, e agora justamente o contrário, com o São Paulo pressionado e o Palmeiras em boa sequencia..

      O jogo será decidido nos detalhes,com a obrigação do Tricolor se impor e pressionar, uma vez que joga em seus domínios..

      Acho que o Ricardo Rocha esta completamente equivocado, pois a vitória amanha se impõe por vários motivos: é clássico contra um rival, a vitória “vale seis pontos”, a vitoria dará mais confiança na sequencia, e a depender do jogo do Inter, a vitoria nos restabelece na ponta do campeonato.

      Para quem quer ser campeão, é essencial tem ambição e vencer os adversários que brigam na tabela de cima….Só espero que o elenco nao tenha esta mentalidade no decorrer do jogo…

  9. Esse Ricardo Rocha não tem o espírito Tricolor. para mim está aí fazendo hora extra. Não precisamos dele.Falar uma besteira dessas é gravíssimo. Se eu fosse o lugano dava um chega para lá nele.

  10. Com essa conversinha do RR, fico aqui pensando qual será o discurso de motivação no vestiário antes do jogo. Por favor RR, vamos motivar o time. Converse mais com o Lugano.

Deixe uma resposta