Nenê aponta liderança do São Paulo para justificar dificuldades no 1º turno

Foi dos pés de Nenê que saiu o gol do São Paulo neste sábado, contra o América-MG, no Morumbi. Após o frustrante empate diante de mais de 45 mil tricolores, o camisa 10 falou com a imprensa e apontou o fato de o time estar na liderança como justificativa para as dificuldades que vem enfrentando neste segundo turno.

“São coisas que fazem parte, dificuldades que os adversários impõem. Como nós estamos na ponta, sempre há uma motivação a mais de fazer o resultado contra a gente, e a dificuldade aumenta. Eles jogam muito mais defensivamente, esperando só o contra-ataque”, afirmou.

Apesar de ter marcado somente cinco gols neste segundo turno, Nenê não enxerga uma queda de desempenho na equipe do São Paulo. Para ele, o que vem impedindo a construção de novos bons resultados para o Tricolor são mesmo os adversários.

“Não digo queda de produção, mas a dificuldade maior no segundo turno é evidente. Não estivemos em nosso melhor nível, hoje fomos um pouco mais ofensivos, jogando em casa, tentamos buscar o segundo gol e acabou ficando um gosto de derrota para a gente”, prosseguiu.

“Temos que corrigir algumas coisas, essa oscilação é porque é muito equilibrado o campeonato. É difícil para nós, é difícil para os outros que estão ali na briga. Temos que ter a cabeça boa, mas não podemos aceitar certas situações. Agora é tentar corrigir o que a gente está com dificuldade”, concluiu Nenê.

GE

13 comentários

  1. Eh isso aí ta tudo lindo ta tudo belo…só pq não brigamos pra não cair ta ótimo….só pq o elenco e fraco e estamos líderes ta ótimo…..acorda vei….Ate qndo vamos ter q pensar assim…..mais um ano na fila ..
    Título mais fácil de ganhar dos últimos 1000 anos..faltou mta competência pra esse time …empatar em casa com América com estádio cheio…e mta falta de vergonha na cara …como o cara não corre …não dá a vida dentro de campo …ganhando o ganham e jogando onde jogam ..
    Por mto menos mais muito menos tenho Ctz q aqui no blog tem vários q jogam com mto mais vontade nos seus times de várzea…como já disse quem paga o papo somos nós q torcemos…enfim parece q mais uma vez serem isso ” o Time do ano q vem” ….

    Afs

  2. Se o titulo vier será por muita sorte, pois estão colocando em jogo algo que poderia ser menos difícil, passou da hora de jogarem com seriedade, sem essa de fazer um gol e achar que estará ganho, parece que se esquecem do saldo de gols. Infelizmente o time não esta bem, e não tem elenco, peças que entrem e resolvam. Será sofrimento até o fim, contando com tropeços de dos concorrentes diretos (que pode não acontecer) e não perder para eles.
    Em 2019 com melhor estrutura tática, os reforços precisam ser melhor pensados, falta goleiro titular de alto nível que decida jogos, lateral direito e esquerdo, 1° e 2° volantes, ao menos um meia armador além de pontas que saibam finalizar. Com esse time não há possibilidade de conquistar a Libertadores, com os reforços as chances aumentam.

    • Eu respeito a sua opinião, mas antes de pensar em contratar jogadores, poderiam olhar para o time de aspirantes e ver que tem um garoto que se destacou em diversos jogos e parece que não tem chance, que é o Toró, coloca ele para jogar uma partida oficial e acredito que ele dará o gás, a vida pelo jogo, pelo time. Temos meios de buscar soluções na base, mas tem que acreditar e nos apoiarmos, senao começamos a ficar igual o Flamengo, em queda livre no campeonato e buscar desculpas e não soluções

  3. Os melhores jogos feitos pelo SP foi quando se conscientizou ser um time de operários. O jogo de ontem, independente de desfalques, era pra entrar com marcação forte, forçando o erro do outro. Mas parecia um time de meio de tabela, sem pretensoes. Não pode escolher jogo para ser competitivo. E não sei o que está havendo que o Aguirre não está mais conseguindo botar isso na cabeça dos jogadores, o que era até aqui a sua grande qualidade como treinador.

  4. Sinto em dizer mas quem matou o jogo ontem foi o Aguirre. No final do primeiro tempo e começo do segundo o time passou a criar chances de gol, nq minha opinião ia bem, cara, na medida do possível e no nível do futebol brasileiro.. Ai ele trocou o King e o Lizieiro(que saiu,) que estavam indo muito bem na troca de posições pela esquerda e tirou o EF que pra mim teve uma evolução do último jogo e foi bem, vinha criando pela direita. As substituições foram pra deixar o time mais ofensivo, mas por incrível que pareça piorou, passamos a não criar mais e deu no q deu. O que mais me irritou é que contra o atl mg, o time ia muito mal e ele foi mexer aos 40 min, e ontem que era questão de tempo o segundo gol, com 17 minutos ele inventou. E

    Sou muito crítico com os pessimistas de plantão, acredito que estamos no lucro por onde chegamos, acima das expectativas, mas esses dois pontos de ontem vão fazer falta lá na frente, não acredito que seremos campeões com essa oscilação do segundo turno, e o que me entristece é que tava na mão esse título.

  5. engraçado é que ninguém admitiu a burrice de sentar no 1×0 e o salto alto para levar o empate… os caras ficam a semana toda treinando e na hora do jogo fazem 1 gol e parece que já estão satisfeitos e loucos pra ir pra casa

Deixe uma resposta