As reuniões na sede da Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol), em Assunção, na segunda (17) e terça (18) que tiveram a Copa América-2019 como tema central não apenas definiram os seis estádios que terão os jogos, como praticamente acabaram com a esperança de cidades que não serão sedes de ao menos receberem algumas seleções para treinamentos durante o torneio.
São Paulo (com duas arenas), Rio, Belo Horizonte, Porto Alegre e Salvador foram confirmadas e a tendência é que seja também nessas capitais que os 12 participantes treinarão, antes e durante a competição. Em São Paulo, por exemplo, os vizinhos centros de treinamento de Palmeiras e São Paulo serão disponibilizados para as seleções quando estas estiverem na capital paulista — o Morumbi, do São Paulo, e o Allianz Parque, do Palmeiras (que é administrado pela empresa WTorre) serão os estádios paulistas na Copa América.
UOL