Entre os grandes, São Paulo e Flamengo lideram uso da base no 1º turno do Brasileirão

Além de liderar a tabela de classificação do Brasileirão, o São Paulo fechou o primeiro turno sendo ao lado do Flamengo, o grande do país que mais utilizou atletas oriundos das categorias de base, de acordo com levantamento feito pelo Torcedores. Nas 19 primeiras rodadas do Brasileirão, o são-paulino Diego Aguirre e o flamenguista Maurício Barbieri usaram 11 jogadores cada

O uruguaio deu ao menos uma oportunidade para Éder Militão (lateral-direito), Rodrigo Caio (zagueiro), Lucas Kal (zagueiro), Lucas Fernandes (meia), Liziero (meia), Shaylon (meia), Araruna (meia), Luan (volante), Brenner (atacante), Paulinho (atacante) e Caíque (atacante).

Desses mencionados, os mais utilizados foram o lateral Éder Militão (13 jogos) e o meia Liziero (15 jogos). O primeiro foi negociado no início de agosto com o Porto-POR e fez a sua despedida na vitória sobre o Vasco, pela 17ª rodada do Brasileirão.

Já o jovem Barbieri utilizou Júlio César (goleiro), César (goleiro), Thuller (zagueiro), Léo Duarte (zagueiro), Juan (zagueiro), Jean Lucas (volante), Lucas Paquetá (meia), Matheus Sávio (meia), Lincoln (atacante), Vinícius Júnior (atacante) e Felipe Vizeu (atacante). Desses, Júlio César pendurou as chuteiras, e Vinícius Júnior e Felipe Vizeu foram negociados, respectivamente, com Real Madrid e Udinese.

Léo Duarte e Lucas Paquetá são os que mais atuaram no primeiro turno, respectivamente, com 16 e 17 jogos.

Na sequência de São Paulo e Flamengo, aparecem três times com 10 jogadores cada: Vasco, Fluminense e Grêmio.

O Palmeiras é aquele que menos aproveita as categorias de base, que nos últimos anos trouxe muitas conquistas ao clube. Apenas quatro atletas foram usados pelos técnicos Roger Machado e Felipão.

*A lista conta não necessariamente com atletas jovens. Há casos de medalhões formados nos próprios clubes e que estão em sua segunda passagem, e outros que já frequentam o elenco profissional há um bom tempo.

Veja o ranking do aproveitamento das categorias de base pelos grandes do Brasileirão

São Paulo – 11 jogadores – Éder Militão (lateral-direito), Rodrigo Caio (zagueiro), Lucas Kal (zagueiro), Lucas Fernandes (meia), Liziero (meia), Shaylon (meia), Araruna (meia), Luan (volante), Brenner (atacante), Paulinho (atacante) e Caíque (atacante)

Flamengo – 11 jogadores – Júlio César (goleiro), César (goleiro), Thuller (zagueiro), Léo Duarte (zagueiro), Juan (zagueiro), Jean Lucas (volante), Lucas Paquetá (meia), Matheus Sávio (meia), Lincoln (atacante), Vinícius Júnior (atacante) e Felipe Vizeu (atacante)

Vasco – 10 jogadores– Henrique (lateral-esquerdo), Ricardo (zagueiro), Miranda (zagueiro) Andrey (volante), Bruno Cosendey (meia), Evander (meia), Moresche (meia), Lucas Santos (meia), Caio Monteiro (atacante) e Paulo Vitor (atacante)

Fluminense – 10 jogadores – Ayrton Lucas (lateral-esquerdo), Frazan (zagueiro), Digão (zagueiro), Douglas (volante), Matheus Norton (volante), Pablo Dyego (atacante), Marcos Júnior (atacante), Matheus Alessandro (atacante), Pedro (atacante) e Dudu (atacante)

Grêmio – 10 jogadores – Marcelo Grohe (goleiro), Guilherme Guedes (lateral-esquerdo), Jailson (volante), Arthur (volante), Kaio (volante), Matheus Henrique (volante), Lima (meia), Luan (atacante), Everton (atacante) e Pepê (atacante)

Santos – 9 jogadores – Daniel Guedes (lateral-direito), Lucas Veríssimo (zagueiro), Gustavo Henrique (zagueiro), Alisson (volante), Diego Pituca (volante), Gabriel (atacante), Rodrygo (atacante), Arthur Gomes (atacante) e Yuri Alberto (atacante)

*o meia Calabrês disputou seu primeiro jogo como profissional contra o Ceará, em jogo antecipado da 20ª rodada e não foi colocado na lista

Atlético-MG – 8 jogadores – Carlos Gabriel (lateral-esquerdo), Hulk (lateral-esquerdo), Gabriel (zagueiro), Bremmer (zagueiro), Yago (volante), Lucas Cândido (volante), Bruno Roberto (meia) e Alerrandro (atacante)

Botafogo – 8 jogadores – Saulo (goleiro), Igor Rabello (zagueiro), Yuri (lateral-esquerdo), Gustavo Bochecha (volante), Matheus Fernandes (meia), Marcinho (meia), Pachu (atacante) e Ezequiel (atacante)

Corinthians – 7 jogadores – Fagner (lateral-direito), Mantuan (lateral-direito), Carlos Augusto (lateral-esquerdo), Léo Santos (zagueiro), Pedro Henrique (zagueiro), Maycon (volante) e Pedrinho (meia)

Internacional – 6 jogadores – Daniel (goleiro), Iago (lateral-esquerdo), Rodrigo Dourado (volante), Charles (volante), Juan Alano (meia) e Brenner (atacante)

Cruzeiro – 5 jogadores – Rafael (goleiro), Vitinho (lateral-direito), Murilo (zagueiro), Lucas Silva (volante) e Marcelo (atacante)

Palmeiras – 4 jogadores – Victor Luís (lateral-esquerdo), Thiago Martins (zagueiro), Papagaio (atacante) e Artur (atacante)

Torcedores.com

 

14 comentários

  1. São Paulo FC

    Verified account

    @SaoPauloFC
    4m4 minutes ago
    More
    Em menos de sete horas, mais de 40.000 ingressos vendidos para São Paulo x Ceará! Arquibancadas já estão esgotadas, mas ainda há bilhetes disponíveis para outros setores.

    Garanta seu lugar: http://spfc.vc/ingressos

    #VemProMorumbi #VamosSãoPaulo 🇾🇪

    • Pra base não conta, mas sua crítica é pertinente. Os caras ao invés de aumentarem o prêmio para tornar o campeonato mais atrativo, aprontam uma dessas. Daqui a pouco voltam o Brasileiro para o formato do mata-mata porque os times estão priorizando este tipo de campeonato (Libertadores e CdB).

  2. Tava lendo a entrevista do Raí:
    “todos os jogadores que estão aqui têm contrato, no mínimo, até o fim do ano que vem.”

    Dá uma tristeza em saber que os contratos de Sidão e Edimar não acabam em dezembro. :'(

Deixe uma resposta