Reforços em 2018 são responsáveis por maioria dos gols do São Paulo

A lista de artilheiros do São Paulo em 2018 coloca em evidência os reforços contratados pela diretoria para esta temporada. Ao todo, são 57 gols marcados entre Paulistão, Copa do Brasil, Copa Sul-Americana e Campeonato Brasileiro. Só que 37 deles estão divididos entre sete dos 12 jogadores que foram anunciados este ano.

Ou seja, quase 65% dos gols do São Paulo são de responsabilidade dos reforços. Dessa lista, apenas um saiu (Valdívia, autor de três gols). Dos outros seis, cinco são titulares da equipe de Aguirre (Diego Souza, Nenê, Everton, Rojas e Anderson Martins). E o que sobra é Tréllez, vice-artilheiro do time na temporada.

Tréllez, por sinal, deve ter uma chance como titular nesta quinta-feira, contra o Colón, em Santa Fe, na Argentina, pela partida de volta da segunda fase da Copa Sul-Americana. Isso porque o titular Diego Souza não foi relacionado pelo técnico Diego Aguirre. O atacante colombiano vem de dois gols nos últimos dois jogos.

Veja abaixo a divisão de gols entre os reforços:

  • Diego Souza: 11 gols
  • Nenê: 11 gols
  • Everton: cinco gols
  • Tréllez: cinco gols
  • Valdívia: três gols
  • Rojas: um gol
  • Anderson Martins: um gol

Os outros 20 gols do São Paulo em 2018 estão divididos entre outros nove jogadores (mais dois gols contra). Três deles, por sinal, já deixaram a equipe. São eles Éder Militão, Marcos Guilherme e Cueva.

No restante da lista, mais três jogadores que estão mais acostumados a jogar o time titular (Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo) e outros três reservas (Rodrigo Caio, Shaylon e Brenner).

Confira a divisão dos outros 20 gols do São Paulo:

  • Reinaldo: três gols
  • Cueva: três gols
  • Marcos Guilherme: três gols
  • Éder Militão: dois gols
  • Rodrigo Caio: dois gols
  • Brenner: dois gols
  • Contra: dois gols
  • Arboleda: um gol
  • Bruno Alves: um gol
  • Shaylon: um gol

Contra o Colón, o São Paulo precisa colocar sua artilharia em prática. Na Argentina, somente uma vitória marcando dois gols ou mais (2 a 0, 2 a 1, 3 a 2…) classifica o time diretamente para as oitavas de final da Copa Sul-Americana. Se o Tricolor fizer 1 a 0 (placar da derrota para os argentinos no Morumbi), a decisão da vaga será nos pênaltis.

GE

16 comentários

  1. Não é torcida para que saia, é só curiosidade. Prefiro que continue para nao enfraquecer o elenco e para que ele volte a se valorizar.

    • Acho que se o Calleri viesse seria fantástico mas vendo pelo time hoje acho que não teria espaço no time titular pois Diego Souza querendo ou não está dando conta do recado, o Trellez tem feito seus golzinhos, tem o Carneiro ainda pra ser testado. Trazer o Calleri hoje seria um erro pois correríamos o risco de quebrar a harmonia do time, digo não pelo jogador que o Calleri é mas sim por termos uma equipe arrumada, ajeitada e entrosada. Hoje só vejo necessidade de trazermos alguém pra posições carentes no elenco como lateral direita e volante.

  2. Vamos com tudo pra cima desse timeco do Colón, se jogar com vontade como vem sendo no brasileiro leva pelo menos pra pênaltis, não podemos abandonar a sula…temos que ganhar um titulo urgente esse ano e é melhor seguir forte nos dois campeonatos!

Deixe uma resposta