Aguirre volta a pegar leve com os titulares em último treino em São Paulo

O São Paulo fez seu último treino nesta terça-feira antes de viajar à Argentina, onde enfrentará o Colón, em Santa Fé, pelo jogo de volta da segunda fase da Copa Sul-Americana. Na atividade desta tarde, os titulares fizeram apenas um trabalho regenerativo como modo de prevenir possíveis lesões, o que já havia acontecido na última segunda. Já os reservas e aqueles que entraram no decorrer do confronto com o Sport, no último domingo, participaram de um treinamento tático.

Embora o time do São Paulo tenha folgado dois dias na última semana, Diego Aguirre preferiu não exigir muito dos seus principais atletas na tarde desta terça. Nomes como Nenê, Everton, Jucilei e Rojas, que devem ser titulares na próxima quinta-feira, contra o Colón, trabalharam de maneira leve, integrando apenas atividades regenerativas.

Os reservas, por sua vez, foram mais exigidos e participaram de um intenso treino tático até para que aqueles que possivelmente recebam uma oportunidade na Argentina não sintam tanto o peso do jogo física e tecnicamente. Após a atividade, os atletas ainda permaneceram em campo para algumas finalizações, calibrando os pés antes da viagem.

O São Paulo embarca ainda nesta terça-feira para a Argentina, onde enfrentará o Colón na próxima quinta-feira, às 21h45 (de Brasília), no estádio Brigadier General Estanislao López, conhecido como “Cemitério de Elefantes” pelo fato de grandes clubes do continente, até mesmo o Santos de Pelé, terem perdido no local.

Nesta quarta-feira, os comandados de Diego Aguirre ainda treinarão pela última vez, em Buenos Aires, antes de irem rumo a Santa Fé. Após ser superado no jogo de ida, em pleno Morumbi, por 1 a 0, o São Paulo precisa de uma vitória simples por 1 a 0 para levar a decisão para os pênaltis. Em caso de uma vitória por qualquer outro placar, a classificação é do Tricolor.

GE

8 comentários

  1. Poe o Hudson pra descansar tbm, ele costuma ser oq mais distância percorre durante os jogos, além de jogar com muita intensidade.
    Acho q Everton e Rojas tbm poderiam começar no banco e entrar caso seja necessário.

  2. Iria de time reserva. E torceria por 1×0 pra ir para os pênaltis e o Jean pegar 5 cobranças e ainda converter 1 na batida.
    Como é ruim ver o Sidão no gol do São Paulo.

  3. E os Curica achando que o Romero ia resolver todos os problemas deles kkkkk
    Parece que agora estão atras do irmão, o Oscar Romero kkk

Deixe uma resposta