O São Paulo vendeu Petros durante a Copa do Mundo, voltou ao Campeonato Brasileiro sofrendo com lesão de Jucilei e expulsão de Araruna. Assim, a posição de volante se tornou um problema para o técnico Diego Aguirre, que já pensavaem reforçar o setor antes desses obstáculos. Enquanto o clube não vai ao mercado, a solução imediata pode estar em casa.
Com apenas 19 anos, o volante Luan será observado de perto pela comissão técnica do profissional nos próximos dias. O garoto faz parte da equipe sub-20 do Tricolor, que neste ano foi finalista da Copa São Paulo e faturou a Copa doBrasil da categoria, e também tem sido convocado para a seleção brasileira. Na última quinta-feira, ele já participou das atividades do elenco principal no CT da Barra Funda.
Como havia jogado na quarta pelo Brasileirão Sub-20 – o São Paulo perdeu no Morumbi por 1 a 0 para o Coritiba -, Luan esteve junto dos titulares que derrotaram o Flamengo no Maracanã. Nesta sexta, ele deve ir a campo e tem boas chances até de ser relacionado pela primeira vez. E já em um clássico contra o Corinthians, marcado para as 21h de sábado, no Morumbi. A possibilidade de convocar Luan para o Majestoso da 14ª rodada passa pelo fato de que Hudson e Liziero são os únicos volantes à disposição de Aguirre e devem ser titulares. O jovem ficaria no banco para uma eventual necessidade. No sub-20, ele costuma ser o primeiro homem de marcação, mas tem boa chegada ao ataque. Na Copinha deste ano, marcou golaço de fora da área contra o Internacional.
Luan Vinicius da Silva Santos nasceu em 14 de maio de 1999, em São Paulo.
UOL