Raí fala sobre Vai e Vem de Reforços e Partidas no São Paulo

Aguirre projeta reforços para o São Paulo na próxima semana. Raí também. O diretor-executivo de futebol falou sobre o planejamento do Tricolor durante a pausa no Brasileirão para a Copa do Mundo. A prioridade é a contratação de um atacante de lado.

– Teve a saída do Marcos Guilherme, do Valdívia, jogadores que não tinham se firmado como titular e que tinham um custo importante. É pensar nessa engenharia financeira com ambição esportiva, com peças precisas que possam dar opções concretas e com força para o treinador – disse Raí.

O dirigente não fala em nomes. Mas afirma categoricamente que jogadores vão chegar ao elenco. E alguns também vão sair. Só que Raí quer segurar os mais importantes.

– Nessa janela, com certeza, vão existir movimentações importantes. Temos de estar atentos para não perder jogadores que façam cair a qualidade, acho que isso a gente consegue, e, se possível, melhorar a qualidade da equipe – analisou o diretor-executivo.

Dentre as saídas previstas estão: Rodrigo Caio, que se recupera de cirurgia no pé esquerdo, Cueva, que está na Copa do Mundo com a seleção peruana, Éder Militão, que tem sondagens da Europa, e Júnior Tavares, com interessados no Brasil.

– Temos opções (para essas possíveis saídas), mas vamos estar atentos e de olho no mercado para termos um elenco cada mais rico para o treinador… Imprevistos podem acontecer e precisamos estar prontos para reiniciar o mais rápido possível – falou Raí.

O São Paulo faz seu último jogo antes da pausa no Brasileirão nesta terça-feira, às 21h30, contra o Vitória, no Morumbi, pela 12ª rodada. Depois, o elenco terá 12 dias de folga e volta a treinar no dia 25 de junho. Mas a comissão técnica e a diretoria devem seguir trabalhando atrás de reforços.

– Essa parada vai ser boa para o São Paulo, mas não pode comemorar muito, porque ela vai ser boa para todos que vão trabalhar e vão estar no mesmo sentido. Importante é que a gente siga nessa evolução e procure acertar nas decisões – concluiu Raí.

Após 11 rodadas, o Tricolor aparece na disputa pelas primeiras posições, com 20 pontos. Até agora, o time do técnico Aguirre tem cinco vitórias, cinco empates e apenas uma derrota.

GE

31 comentários

    • Miranda pra zaga, Hernanes no meio, Ramires na ponta -restante pega na base
      Goleiro não dá pra contratar antes de por o Jean e o Perri, ano que vem avalia se precisa investir de novo

      • Miranda é impossível. Depois da copa é zagueiro para Madrid, Barcelona, Bayern. Nem a Inter de Milão vai conseguir mante-lo. Está jogando demais.
        Agora, Hernanes é bem possível, já Ramirez acho bem mais difícil

  1. – um zagueiro pra repor o R. Caio.
    – um lateral direito pra repor o Militão (se sair agora).
    – um atacante pela direita
    – um meia-atacante pra repor o Cueva.

    Na volância o time tá bem: Jucilei e Hudson, com Petros e Liziero na reserva. Gastar aqui ñ é prioridade.

    No ataque temos mais problemas: se ñ repor as saídas de Cueva, M. Guilherme e Valdívia, vamos sofrer e ñ conseguir nada… L. Fernandes, Shaylon, Morato, a incógnita Carneiro, Trellez… ñ dá pra depender desses caras em jogos grandes.

    Tem que trazer um atacante indiscutível, como foi com o Everton. Aí dá pra brigar por coisas boas; senão é mais do mesmo.

    • Meia-atacate não precisa.. pra trazer um reserva pra Nenê, vai acabar vindo um meia boca, então é melhor deixar um menino da base como rserva.. tem LF, Shaylon, Helinho… Melhor trazer um segundo volante que pise na área e bata pra gol, tomando a vaga do Hudson. E goleiro não preciso nem dizer né?…

      • Nene já tem 36 anos, cara… vamos disputar no 2º semestre duas competições; se ñ tiver elenco, vamos sofrer demais… Imagine que estamos na final da Sul-americana contra um time argentino e ele se machuca; vai pôr o Shaylon, o L. Fernandes? esses mlks ainda ñ mostaram que estão prontos…

        Quando falei de meia atacante, eu me referia a um cara capaz de jogar tanto mais centralizado quanto pela ponta, podendo substituir o Everton, o Nene, e o nosso tão esperado “ponta direita”…

        Mais ou menos o que fez o Michel Bastos em 2014, quando ele sempre entrava ou no lugar do Kaka, do Ganso ou do Pato.

        • Não me oporia a um Scarpa ou um Zé Rafael, pois abaixo disso não jogaria mais que vem jogando os meninos. Eu acho que os mlks estão prontos para serem reservas, mas não para serem protagonistas. O que falta para eles é justamente a rodagem e se trouxer jogador meia boca, só tira o espaço e a velocidade na evolução da base.
          Esse cara que vc quer, deveria ser o cara que faz tanto a meia como a ponta direita, um titular para formar o ataque ao lado de Nenê, DS e Éverton e não um reserva. Pra falar a verdade, eu to pouco me lixando pra sulamericana, só se fala nela porque quebraria um jejum de títulos, mas é bem sem graça.

  2. Em tempo, como é bom ver a travekada se ferrando no campeonato e atrás de nós hehehehe

    Aliás, que bela partida fez o Araruna ontem… é daqueles que carrega o piano pra que outros possam brilhar. Vai-se firmando como uma boa peça no elenco.

  3. Ouvi dizer que já temos todos os jogadores que chegarão para a reposição dos atletas, acertados com o clube… Só falta anunciar… São eles:

    Miranda (para repor a saída do Rodrigo Caio)
    Hernanes (para repor a saída do Cueva)
    Lucas (para repor a saída do Marcos Guilherme)
    Pato (para repor a saída do Valdivia)
    Daniel Alves (para repor a saída do Militão)
    Alex Telles (para repor a saída do Jr. Tavares).

    Fonte: Dos Desejos.

  4. Sou daqueles que acham que, se for pra trazer reforço, devemos trazer jogadores pra pegar a camisa e jogar.
    Melhor pagar 30 milhões por um jogador titular que faça a diferença, do que pagar 6, 8, 10 milhões em jogador meia boca para compor elenco e inchar a folha.
    Temos que testar Morato, Paulinho, Caíque pras pontas. Preparar Helinho e Toró.
    Na lateral direita também concordo que se o Militão sair no meio do ano, que seja por uma boa quantia. Ou então deixa ele jogando até dezembro e esquenta a cabeça com um lateral direito após o Brasileirão.

  5. Pessoal adora citar Toró e Helinho, mas um cara lá na base que acho que vai pegar lugar fácil nesse elenco é o volante Luan. Fortaleceria o lado direito podendo jogar como Araruna vem jogando ou até no lugar do Hudson/Petros.

    • Tite está sendo sondado por clubes europeus. nenhuma chance de voltar ao futebol brasileiro, seria considerado um fracassado.

            • Respeito o trabalho do Tite, considero um ótimo profissional. Mas da mesma forma que um corintiano não quer o Rogério treinador do time dele, eu não quero Tite, Mano Menezes, Renato Gaúcho, Luxemburgo, Joel Santana…

              E até digo o por quê, conseguem imaginar como o time estaria se estivéssemos hoje com Robinho e Gabigol que eram desejos do Dorival que é super identificado com o Santos e queria jogadores que trabalharam com ele lá?

              Tite? Tô fora, pego meu retranqueiro estrangeiro e vou embora!

Deixe uma resposta