Lucas Fernandes tem expectativa de conseguir se firmar no São Paulo

Buscando seu espaço no São Paulo, o meio-campista Lucas Fernandes é um dos favoritos do elenco a ficar com a vaga deixada com a saída de Marcos Guilherme  no jogo de sábado, contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada. O camisa 11 do Tricolor foi escalado como titular na última terça, contra o Internacional, e espera permanecer na equipe do técnico Diego Aguirre.

Embora tenha sido substituído no segundo tempo do duelo contra os gaúchos, Lucas Fernandes foi um dos poucos nomes elogiados pela torcida naquele empate sem gols no Morumbi. Para a partida contra o Furacão, o meia-atacante tem Paulinho Boia e Morato, recuperado de um entorse no tornozelo esquerdo, como concorrentes.

– Estou preparado. Tenho trabalhado bastante, focado, e se ele (Diego Aguirre) optar por mim, estarei pronto pra corresponder e me firmar na equipe – pontuou o jogador revelado nas categorias de base do Tricolor.

Aos 20 anos, Lucas Fernandes é um dos atletas mais promissores do São Paulo, mas ainda não conseguiu emendar uma boa sequência de jogos. Nesta temporada, entrou em campo em 12 oportunidades, oito delas com Diego Aguirre, deu duas assistências e não conseguiu marcar nem um gol sequer.

Por isso, entrar em campo contra o Atlético-PR é o objetivo principal do garoto de Cotia. Nesta sexta, no último treino da equipe antes da viagem para Curitiba, Lucas Fernandes tem a possibilidade de demonstrar trabalho para a comissão técnica e provar que pode ser titular.

Independente de sua presença, ou não, em campo, o são-paulino acredita que o duelo com o Furacão precisa ser tratado como mais um da equipe no Brasileirão. Vale lembrar que o Tricolor nunca derrotou a equipe parananense na Arena da Baixada.

– Não vejo esse jogo como uma oportunidade de quebrar o tabu. Temos de tratar como mais um jogo em que só a vitória interessa. É assim que eu penso. Temos de buscar os três pontos pra estarmos no topo da tabela, que é onde o São Paulo deve estar – disse o camisa 11.

L!

23 comentários

  1. Bem que o blog do Zanqueta ou blog do SPFC como é chamado popularmente poderia fazer um post em homenagem a Maria Esther Bueno a qual o time do coração era o São Paulo FC.

    Assim como José Poy, Canhoteiro e tantos outros do passado, os atletas como ela e Eder Jofre não tiveram essa moleza a qual atletas de hoje tem. Foram ou são exemplos reais de pessoas perseverantes, guerreiros e de caráter exemplar.

    A perda dela realmente é algo que devemos lamentar assim como muitos que fizeram de tudo por amor ao esporte amador tão ignorado pela sociedade brasileira e seus políticos corruptos.

    Que sua familia encontre paz e conforto nessas horas.

    Saudações a todos do blog.

  2. Já teve vária oportunidade e nda de mostrar futebol…..eu emprestaria ele é o Brenner no paulista do ano q vem….

    • Só tem 20 anos e vc fala isso? Paquetá está detonando no Flamengo justamente com essa idade e sequência.
      Lembrando que na base LF era comparável tecnicamente ao David Neres. Havia até uma certa disputa entre eles.

  3. Entendo que com a falta de bons pontas, goleadores, no mercado, a solução pra saida de MG seria um terceiro homem de meio campo, que tenha bom passe, chutes de fora da area e infiltração. Hernanes seria o nome ideal, quem dera.
    Acho a nelhor opção, e é a chance do LF deslanchar, mostrar que realmente será esse cara diferenciado no profissional.. Até agora muito sono em campo e poucos momentos de lucidez. Torço pra que jogue muito, ele tem bola.

    Pra outras formas de jogar temos o Paulinho, que ja vi jogar bem quando entrou, mas contra o inter errou tudo.. Helinho só se for chegar e vestir a camisa, como o lizieiro fez, senão é capaz de queimar o mlk.. E morato que é uma incognita tb.

    E só pra lembrar, o Shylon quase nao jogou depois daquele golaco na bahia, acho que merecia ter mais chances, ganhou confiança. Quem sabe na ponta direita, nao o acompanhava na base, mas, ja vi gente falando que ele jogava aberto na direita nos tempos de sub20. Aquela canhonta potente puxando pro meiop pra chutar ia causar estragos kkk

  4. Eu gosto do futebol do Lucas, mas duvido muito que irá assumir essa bronca.
    Acho que foi um erro não tê-lo emprestado até agora.
    Esse tipo de jogador precisa de um clube com menos pressão pra amadurecer.
    Acho que, em breve, será fritado.

  5. Ele demonstrou que têm qualidades, vários jogadores despontaram depois de experientes, a lista é extensa, o tempo é dele não dá torcida que gosta de pular obstáculos.

  6. Ele oscila muito, mas é normal para um jovem de 20 anos, as vezes vejo críticas como se fosse um jogador de muito tempo de profissional, pedimos chance aos jovens da base e não os deixam criar a rodagem necessária. Acho que o LF rende como meia, mas jogando pelo lado esquerdo do ataque, essa sempre foi sua posição na base, onde puxava pro meio abrindo espaços e chutes de lonca distancia.

  7. Esse ai não me engana não,jogador medroso sem personalidade ,olha exemplo de rodrygo do santos até 3 meses ninguém sabia quem era .

    • Pois é o futebol é muito dinâmico, ano passado no Mundial sub-17, o convocado do Santos foi o atacante Yuri Alberto, o Rodrygo nem foi lembrado, hoje um é titular e o outro reserva. Lembro que até o David Neres numa derrota do SPFC, foi questionado por aqui. Casemiro aqui era um chorão para o torcedor, hoje é seleção, por isso que acho que não podemos rotular, nem menosprezar um jovem jogador, cada um tem uma maturação técnica e física.

    • Foi um dos primeiros a subir e já era pra ter se firmado. Viu quase todos seus contemporaneos irem pra europa, me parece um tanto que acomodado. Deveria ser emprestador pra acordar pra vida, como foi o Luis Araujo para o novorizontino.

  8. Boto fe no Lucas, tem so 20 anos, muito a evoluir, nessa posicao a maioria demora um pouco mais p amadurecer, falta um pouco de conviccao, p ele e tb p comissao tecnica, tem q deixar o muleke jogar umas 3, 4 seguidas p embalar!

  9. Eu acho que ele é o favorito por também porque alem de qualidade tecnica ajudar na marcação como fazia o MG , so depende dele render , se quer se firmar tem que desequilibrar , não basta ser um jogador regular , tem que cumprir a função tática mais não ficar limitado a ela , tem que arriscar jogadas e chegar mais a frente , querer jogo e não se acomodar , futebol ele tem , já o Morato é uma pena as lesões , porque é um jogador que tem recurso , eu ja prefiro ele atuando mais a frente sem voltar muito , sabe proteger bem a bola , tem bom dominio mesmo com a marcação em cima , sabe preparar jogadas , bom passe e chuta bem , tem que jogar proximo a outros jogadores , não e jogador de percorrer grandes distancia de campo , mais as lesões e preparo fisico pesa contra . acho que pra começar o jogo o Lucas é a melhor opção .

  10. Esta é a terceira temporada do LF.

    Hora de buscar titularidade. Hora de se firmar. Efetivação.

    Primeira temporada: Adaptação.

    Adaptar ao estilo diferente de jogar, aprimorar o fisico e adequar ao jogo fisico de adulto. Integrar com o restante do elenco. Entra em alguns jogos mas raramente como titular. Na base quase não tem torcida e quando tem normalmente é amigo ou familiar. No adulto tem muita torcida, a favor ou contra.
    Erros são intensamente criticados e a pressão da torcida torna-se algo que jogador tem que aprender a lidar.
    Poucos se firmam na primeira temporada.
    Nem Neymar se firmou na primeira temporada. Luxemburgo, seu técnico falava que ele era file de borboleta e colocava poucos minutos em campo. Se firmou como titular absoluto na terceira temporada.
    Lucas se firmou na primeira temporada. Já era forte fisicamente e tinha empresário que pedia sua titularidade nos programas de TV.

    Segunda temporada: Consolidação.

    Já adaptado ao elenco, aos jogos com torcida, tem mais chances no time principal, inclusive entrando em alguns jogos como titular. Ganha musculatura fisica, mental e auto-confiança. Alguns entram como titular e não saem mais. Principalmente os mais fortes fisicamente e que suportam o jogo de contato do adulto.
    Militão está na segunda temporada.

    Terceira temporada: Efetivação.

    Já adaptado ao elenco, ao estilo de jogo e a torcida é hora de buscar titularidade não eventual ou ser o reserva imediato. Precisa de personalidade para se impor. Buscar jogo e pedir jogo. Dialogar com seus colegas em campo, dentro de campo. Não basta em campo fazer somente o script do treino quando as coisas não funcionam porque adversário neutralizou as jogadas e não buscar alternativas em campo. Melhorar o posicionamento em campo quando ataca e quando defende.. Interagir com jogadores que jogam próximo no campo.

    Lucas Fernandes é sua hora.

    Não pode deixar que a experiência de DS, Nene e Everton o deixe inibido para sugerir jogadas e posicionamentos. Não pode se omitir no jogo. Em campo precisa deixar a timidez de lado.
    Jogador experiente puxa a brasa para a sardinha dele e estão certos. Resta você puxar um pouco da brasa para a sua sardinha, senão vai comer cru. E voltar para reserva e eterna promessa.
    Cadê ousadia que você mostrou na base? Enfrentando argentinos, paraguaios e uruguaios com coragem e determinação?
    Aquele moleque que jogou na libertadores sub-20 abusado e ousado seria titular neste time.
    A contusão já esta recuperada fisicamente. Precisa ser recuperada mentalmente e a vaga é sua.

    Vai !!!

  11. Torço e sempre vou torcer pelos jogadores tricolores, mas a falta de garra que vemos nele e no Shaylon me assusta. Precisavam ver a vontade com que joga o Lucas Paquetá, que além de ser técnico, tem raça. Precisam entrar ‘famintos’

  12. Lucas é bom. Ótimo, aliás. Jogou bem na terça e não deveria ter saído. Temos talentos da base, como ele, o Liziero, o Shaylon, o Militão, o Helinho e o Toró, mas o clube está num momento terrivel, numa seca de anos, perdendo tudo o que disputa, humilhado em clássicos, enfrentando tabus em cima de tabus, e os garotos entram num ambiente ruim, péssimo ao desenvolvimento deles.
    Aí, o torcedor fica falando: “esse não tem raça”, “esse é molenga”, “esse já mostrou que não tem condições”.
    Continuem assim que logo a gente vê esses moleques arrebentando com camisas adversárias e depois fazendo sucesso na Europa.

  13. Lucas Fernandes é um ótimo jogador. Acompanhei muitos jogos dele na base. Falta esse treinador burro por o cara pra jogar. Todo jogo quando esse burro tira ele e faz as substituições mais esdrúxulas o time cai. Não é ele o problema é essa diretoria idiota que jogou fora a chance de formar um verdadeiro esquadrão com o Jardine de técnico e um time super entrosado e bom. A diretoria poderia sim ter contratado uns dois bons de verdade em vez dessa baciada de cabeças de tigela, que consomem um fortuna em salários e dinheiro que o SP não tem.

Deixe uma resposta