Aguirre festeja fase do São Paulo, mas ainda vê “coisas a melhorar”

A vitória por 3 a 2 sobre o Botafogo, na noite desta quarta-feira, no Morumbi, fez o São Paulo dormir na liderança do Campeonato Brasileiro. O técnico Diego Aguirre, satisfeito com o desempenho de sua equipe neste início de competição, ainda vê margem para evolução.

“É importante estar nas primeiras posições, na liderança. Falta muito, mas o começo tem sido bom. Temos de seguir trabalhando. Aos poucos, o time vai entrosando e fico feliz por isso. Mas sinto que temos coisas a melhorar”, ponderou o treinador uruguaio, em entrevista coletiva.

Diante dos cariocas, o Tricolor saiu atrás no marcador, mas respondeu com agressividade e virou o placar para 3 a 1 ainda no primeiro tempo. A intensidade, segundo Aguirre, foi fundamental para que a equipe conquistasse sua quarta vitória no torneio, sendo a terceira seguida.

“Gostei da intenção de recuperar a bola rapidamente, com transições rápidas para ter situações de gols. O contra-ataque foi bom. O time está pegando o conhecimento para ter mais potencial de ataque. Daqui a pouco, o São Paulo estará melhorando nesse sentido. Nossos atacantes estão em alto nível e isso facilidade as coisas”, avaliou.

Aguirre refere-se ao trio ofensivo formado por Nenê, Everton e Diego Souza, autores dos gols do triunfo tricolor. Ciente da importância de cada um deles, o técnico decidiu poupar outros jogadores, como Bruno Alves e Reinaldo, que deram lugar a Anderson Martins e Edimar.

“Fiz trocas porque não posso mudar todo o elenco. Jogou Edimar, Anderson, Régis, Petros, Marcos Guilherme, jogadores que não tinham jogado no domingo, e podemos compensar as dificuldades físicas que ainda teremos. Faz parte de um planejamento. Em um jogo normal, é lógico que não tiraria Nenê, Diego e Everton, que são os melhores”, explicou.

Com o resultado, o São Paulo chegou aos 16 pontos, dois a mais que o Flamengo, que pode recuperar a liderança diante do Bahia, nesta quinta-feira, no Maracanã. Independentemente da manutenção ou não do primeiro lugar ao final da oitava rodada, Aguirre está contente com o trabalho desenvolvido no clube do Morumbi, invicto há 11 jogos, mas pede para seus comandados não relaxarem.

“O ponto fundamental, além da aplicação, é a mentalidade, o espírito, o buscar de cada um as forças para superar as dificuldades. Os jogadores estavam sofrendo, tristes. Agora estão comprometidos. Temos que cuidar desse bom momento, valorizá-lo, mas trabalhar muito porque o Brasileiro é muito difícil. Você pode perder para qualquer um se não tiver 100%”, concluiu.

GE

15 comentários

  1. Comentei antes do Paulo Scala, uhuu!

    Quero só ver a cara da galera que pediu a cabeça do Aguirre com menos de 1 mês de trampo. O cara vem mandando muito bem.
    “Continuidade” é a palavra.

  2. E o vídeo que o spfctv fez mostrando os jogadores chegando ao estádio com aquela festa da torcida lá fora e aí eles começam a cantar dentro do ônibus “Sou, sou tricolor…”, vcs viram?!

    Sensacional, de arrepiar!!

  3. Tomara que ele saiba que precisa melhorar em uma posição, o GOL! Sidão precisa de um banco, se não querem apostar nos jovens Jean e Perri, então contratem um goleiro experiente que seja regular. Tiago Volpi seria uma ótima opção.
    A melhora passa por essa posição.

    • Não vejo nada demais nesse Tiago Volpi. Não sei se seria um goleiro que assumiria a titularidade sem ser contestado. Acho que seria só mais um a brigar pela vaga. Acho até o reserva do Cruzeiro (Rafael) mais goleiro do que ele.

  4. Com a saída do Marcos Guilherme eu tentaria o Vitinho que tá na Ucrânia teríamos dois ótimos pontas hein…

    • Concordo! Ótimo jogador!
      (Só uma observação: ele está na Rússia! Rsrs)
      Ou poderíamos tentar tirar o Bruno Henrique do Santos.
      E se o Militão sair mesmo, queria ver o Jean (das Peppas) no lugar dele.

    • Pato? Típico jogador sem identidade. Falou que não recusaria proposta do Milan, mas aceitaria jogar na rival Internazionale, não descarta um retorno ao Brasil, tem carinho pelo SP, acha que jogar no Flamengo seria sensacional, o encantaria, elogiou a estrutura das peppas, Inter carrega no coração, permanecer na China tb o agrada pois está adaptado e jogando bem, o futebol dos USA está em franca expansão, etc…

  5. Se ganhar da porcada e não subir no salto, o time ganhará confiança pra brigar por coisas grandes.
    Permaneço da mesma forma que iniciei o ano, acreditando que esse ano beliscamos algo.
    Ainda teremos outra pré-temporada no período da copa, tomara que a janela não seja cruel conosco.

  6. Rai vamos pagar os 3 milhoes e continuar com o MG.Nao vamos encontrar na base alguem que se doe como ele em campo e que corra o que ele corre..

Deixe uma resposta