Presidente do São Paulo vê evolução com Aguirre, mas quer que time sofra menos

O presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, considera que o time está em evolução com Diego Aguirre. Por outro lado, o mandatário acredita que a retomada ainda está lenta. A avaliação foi passada ao departamento de futebol, comandado pelo diretor-executivo Raí.

Não em tom de cobrança. A presidência deu autonomia a Raí para comandar o futebol do clube – o ídolo está no departamento desde dezembro do ano passado. Leco, apesar de marcar presença regularmente no CT da Barra Funda, raramente interfere no dia-a-dia.

Exceção feita, por exemplo, ao momento mais conturbado do ano, quando Leco teve participação direta na demissão de Dorival Júnior após a derrota por 2 a 0 para o Palmeiras, no Paulistão.

Sobre o rendimento atual, o presidente comenta internamente que a equipe tem mostrado maior segurança. Mas o mandatário tem sentido falta de ver o time mais adiantado, sem sofrer pressão.

E avalia que em um passado recente a equipe aparentava não ter vontade de vencer. Algo já superado.

A invencibilidade no Brasileirão é elogiada, mas com alerta para o alto número de empates – em cinco jogos, são quatro igualdades e só um triunfo. Algumas pessoas no clube, aliás, ponderam que se o time trocasse dois empates por uma vitória e uma derrota, estaria melhor colocado.

Depois de cinco rodadas, o Sao Paulo, único invicto do Brasileirão, tem sete pontos no 12º lugar. No cenário hipotético acima, o Tricolor teria oito pontos e poderia estar entre os seis primeiros.

Neste domingo, às 16h (de Brasília), no Morumbi, o Tricolor tem seu primeiro clássico do Brasileirão pela frente, contra o Santos, único time que venceu a equipe em casa em 2018. O fraco rendimento contra os principais rivais, aliás, é algo que o presidente também conversa com o departamento de futebol.

Até aqui, nesta temporada, foram quatro derrotas (duas vezes para o Corinthians, uma para o Santos, uma para o Palmeiras e apenas um triunfo, sobre o Corinthians).

GE

17 comentários

  1. Só o Leco. O Raí .o Ricardo Rocha e Lugano que estão vendo o time evoluir…o time não ganha de ninguém que evolução é essa…estão tentando enganar os torcedores isso sim…o aproveitamento do time com esse treinador retranqueiro aí é péssimo…enquanto ele encher o time de volantes e zagueiros o São Paulo não ganha de ninguém…fora LECO fora Raí fora Ricardo Rocha e Lugano e levem juntos esse treinador retranqueiro …fira Aguirre.

  2. Que existem outros problemas no clube isso é fato. Mas, nada supera LECO, a criatura que há décadas está no clube, passou por vários cargos é conseguiu ser péssimo em todos, inclusive lesando o patrimônio do clube antes mesmo de se tornar presidente.

  3. A evolução esta lenta kkkk . monta time . desmonta time . time praticamente não teve pré temporada . tem jogador que não tem 1 mês de clube .
    Vejo muitas criticas aos nossos volantes e jogadores em geral . mais se for ver o meio de campo dos melhores times do Brasil . Grémio . Coríntia e cruzeiro . e muito fácil jogar nesses times pela organização do time e parte coletiva .
    O jogador tem com quem jogar . o grémio joga com bola de pé em pé . o companheiro esta com a bola o outro movimenta pra dar opção .
    Mesmo o corintia e o cruzeiro que são times mais defensivos quando sai pro jogo e começa a tocar a bola o jogo fruir . e entrosamento e organização de jogo .
    Porque que o Hudson jogou la no cruzeiro por que tinha com que jogar opção de jogo . o maicon quando saiu daqui eu falei que ele errava muito porque não escondia do jogo . na época dele o time todo esperava a bola no pé não dava opção . e ele era uns dos únicos que não escondia do jogo e era crucificado .
    Agora se cada falha do jogador ele não prestar mais vamos montar time e desmontar com mais frequência ainda . e jogador que perde gol. Que erra cruzamento .

    Tem alguns fatores que fazem o time e os jogadores render mais . condicionamento físico e técnico .fator técnico . que não tem só haver com a capacidade individual do jogado tem que ser treinado .tem haver com a organização tática e execução das jogadas . Saída de jogo . Posicionamento defensivo e ofensivo . Execução da bola parada ofensiva e defensiva . movimento de ultrapassagem . cobertura .
    Você assiste o jogo do grémio eles podem ganhar de 1 a 0 ou ate perder o jogo . mais você vê tudo isso sendo executado .
    Tudo isso tem que evoluir a partir de um ponto de partida . ter o time montado e implantação do estilo de jogo . estamos no ponto de partida só espero que o leco não desmonte o time outra vez . como ocorreu com outros treinadores .

    • Já é a segunda vez que eu te chamo a atenção por digitar palavrões, fora muitas outras que o filtro segura.

      Não vou mais te avisar e nem pedir para evitar isso.

      Avisado está.

  4. Engraçado a situação do Junior Tavares… noticiaram primeiro que o Aguirre o pediu de volta, depois falam que o Rennes quis abaixar a pedida no passe dele e por isso ele voltou… cada hora uma história, e o futebol dele em campo nunca desenvolve…

Deixe uma resposta