Rotina, gols sofridos no segundo tempo ligam o alerta no São Paulo

Sofrer gols nas etapas derradeiras das partidas tem sido quase uma rotina para o São Paulo de Diego Aguirre. Em dez jogos sob o comando do treinador uruguaio, o time foi vazado sete vezes, das quais cinco decorreram no segundo tempo.

No último domingo, no Maracanã, o Tricolor vencia por 1 a 0 até os 43 minutos da etapa complementar, quando Pedro empatou de cabeça para o Fluminense. O resultado impediu que a equipe dividisse a liderança do Campeonato Brasileiro com o Flamengo.

“O Brasileiro é difícil e precisávamos manter o foco do início ao fim dos jogos. Estamos em um bom caminho, mas precisamos ter atenção para não deixar as vitórias escaparem, como aconteceu no Rio de Janeiro”, alertou o goleiro Sidão, que usa o amargo empate como aprendizado.

“Empatar fora de casa é um bom resultado, mas da maneira que foi não podemos comemorar. Então vamos levar o ensinamento que tivemos no Maracanã para os próximos jogos”, refletiu.

O capitão são-paulino quer evitar que novas decepções ocorram no restante da temporada. Caso da traumática derrota para o Corinthians nas semifinais do Campeonato Paulista. No duelo de volta, após ter vencido o jogo de ida por 1 a 0, o Tricolor acabou vazado aos 47 minutos da etapa final, em gol de Rodriguinho, e na sequência acabou eliminado nos pênaltis.

O próximo teste será neste sábado, às 19 horas (de Brasília), no Morumbi, pela quarta rodada Brasileirão. “Vamos, juntos, em busca de bons resultados. Almejaremos isso contra o Atlético-MG e teremos a torcida conosco”, celebrou o meia-atacante Diego Souza, ainda lastimando o empate cedido no Rio.

“Infelizmente não conseguimos a vitória no Maracanã, mas jogamos bem e mostramos um time organizado e com superioridade na maior parte do tempo. No final, perdemos dois pontos. Então, vamos trabalhar para não deixar isso acontecer novamente”, prometeu.

Com o resultado, o São Paulo chegou a cinco pontos ganhos e caiu para o sétimo lugar, ficando de fora da zona de classificação à Copa Libertadores. “Teve um sabor de derrota, porque jogamos para conquistar a vitória durante a maior parte do tempo. Não podemos desperdiçar oportunidades assim, porque poderíamos estar na liderança do Brasileiro”, concluiu o camisa 9.

Abaixo, veja os jogos em que o São Paulo sofreu gols no segundo tempo com Diego Aguirre no comando:

17/03/2018 – quartas de final do Campeonato Paulista

São Caetano 1 x 0 São Paulo (Chiquinho, aos sete minutos do 2º tempo)

28/03/2018 – semifinais do Campeonato Paulista

Corinthians 1 x 0 São Paulo (Rodriguinho, aos 47 minutos do 2º tempo)

04/04/2018 – quarta fase da Copa do Brasil

Atlético-PR 2 x 1 São Paulo (Paulo André, aos 15 minutos do 2º tempo)

19/04/2018 – quarta fase da Copa do Brasil

São Paulo 2 x 2 Atlético-PR (Matheus Rossetto, aos cinco minutos do 2º tempo)

29/04/2018 – terceira rodada do Campeonato Brasileiro

Fluminense 1 x 1 São Paulo (Pedro, aos 43 minutos do 2º tempo)

GE

25 comentários

  1. Li a entrevista de Aguirre que foi publicada pelo globoesporte.com. Fala de Brener e de Diego Souza. O que fala sobre DS é completamento descolado da realidade, sem nenhum embasamento técnico. Deve estar sofrendo pressão da diretoria, mas me desanimo muito ver nas mãos de quem Raí colocou um time de tanto investimento.

  2. Quanto ao Cipriano ele se encantou com a dinheirama que devem ter jogado na sua mão, mas tenho pra mim (teoria da conspiração) que dado o relacionamento estreitíssimo com o Kia, o cara de areia mijada tenha incentivado os caras virem pra cima do jogador apenas pra prejudicar o SPFC… rsrs

  3. Nao acho desatenção nao.

    Isso só ocorre pq o Aguirre não recua, ele faz pior: desiste do jogo.

    Quanto menos formos atacados, menos a chance de pegarmos gols. Pra isso, precisamos atacar ou contra atacar.

    Aguirre faz um gol e coloca 20 jogadores atrás da meia lua da área.

    É ridículo.

  4. O time tem que ser mais eficiente e saber matar o jogo e ao menos controlar a partida . se vc utiliza um esquema ofensivo tem que ter volume de jogo e fazer gols. Como o Liverpool . se o ataque do Liverpool não fizer a diferença eles perde a defesa e ruim . se utiliza um esquema defensivo tem que ser eficiente da mesma forma . tem que ser bom em bola parada . fazer poucas faltas . impedir que o adversário tenha volume de jogo . se vc da prioridade a defender e o adversário tem espaço pra jogar alguma coisa esta errado . com a posse da bola tem que ser ousado . ter jogadas pra chegar ao gol e contratacar . a bola não pode ficar bate e volta . tem que segurar a bola no ataque . ai esta o maior de nossos problemas . a defesa e meio campo se posta bem . mais não seguramos a bola no ataque . Não temos um jogador perigoso na frente . Teríamos ou que ter um centravante perigoso como o Calleri ou um brigador com bom preparo físico como Aluísio . trelez só espera pra finalizar não segura a bola e nem arma jogada . Diego Souza não tem físico pra ganhar dos zagueiro . nossa esperança e o carneiro . nenhum time mesmo com defesa boa aguenta ficar um tempo inteiro tirando bola na área . uma hora o ataque adversário consegue ganhar uma bola . vacilo da zaga seria se fosse uma bola na área o jogo todo e eles falharem . se o time não for mais presente no ataque e mais efetivo nas finalizações a defesa vai continuar presdionada pelo adversário .

  5. Toma gol pq joga como time pequeno, e sofre com N ocasiões criadas pelo adversário por jogo, e uma hora ou outra, o gol vai acontecer….O SPFC joga com 500 volantes de marcação e 555 zagueiros…Isso é óbvio que com tantos jogadores defensivos, o time cria pouco e se defende muito…

  6. Chego a pensar que se este fosse o problema, bastava fazermos 5 gols no primeiro tempo …, se por “acaso” levarmos 1, 2 ou 3 até 4 gols no segundo tempo, teríamos garantida a vitória.

    Triste SPFC.
    Pobre futebol tricolor.

    Te cuida, Aguirre.

  7. Não é falta de concentração, não é falta de segurar o resultado… é falta de preparo físico… Desde a saída do Carlinhos Neves, Rosan e Turíbio

  8. E uma coisa que não concordo que algumas pessoas dizem que o Aguirre arrumou o setor defensivo… O cara coloca N jogadores defensivos, e esquece de balancear, o time, e obviamente a chance de fortalecer o setor defensivo é maior, e com vários ataques dos adversários, a defesa se destaca na maior delas, mas uma jogada ou outra, acaba falhando e tomando um gol… O Aguirre esquece que existe tbm o setor ofensivo…E quando coloca um centroavantes, o cidadão teima agora em escolher Diego Souza ainda, que é lento e não é da posição, deixando o time ainda mais pesado e sem poder de ao menos jogar no contra ataque…Treinador com pensamento de time pequeno, treinando um time grande dá nisso… Por isso não tem nenhum trabalho consistente desde o Penarol, que jogava como time pequeno devido a diferença tecnica com os demais adversários da libertadores

  9. Nao tive como comentar no post sobre o Cipriano, mas gostaria de dizer: Cipriano, vá para o inferno.
    Molecote na base subiu para os profissionais e precisa que o clube sente e apresente um projeto para que ele renove? Ah vá tomar banho. Vá pra Europa e espero que suma do mapa.

    Sobre o jogo de amanhã, creio que vamos de Diego Raí Souza amanhã.

  10. Aguirre já mostrou a que veio, infelizmente, na sua estreia contra o São Caetano.
    Prazo de validade mais curto q o do Doriva.

  11. Os piores foram contra o Atlético-PR que o Aguirre inventou tanto que o time ficou totalmente perdido em campo. Contra Corinthians foi uma bola aerea no último minuto, falharam B. Alves e Militão que não subiram. Contra o Fluminense foi erro da arbitragem.

    Acho que temos evoluído sim na defesa. Temos que começar a pensar em fazer gols agora. Quanto menos Aguirre inventar, improvisar e tudo mais, melhor para o time.

    Quanto ao Cipriano. Tá pensando na carreira dele. É difícil deixar a paixão dele e ver o lado do jogador. Eu sinceramente entendo ele. Carreira de jogador de futebol é curta. Aí ele resolve ficar no SP por gratidão e na primeira oportunidade mandam ele pro São Bento sem nem pensar duas vezes ou deixam ele mofando no banco de um M. Guilherme da vida.

    Veja o Jr. Tavares, tinha uma baita chance de ir pro Ajax, um time médio que é uma vitrine na Europa. Não venderam. Nunca mais foi usado por aqui, quase foi trocado pelo péssimo Lucca e agora foi praticamente dado pra um time pequeno francês (oportunidade bem pior do que um Ajax). Carreira dele foi ladeira abaixo.

    O SP hoje é uma bagunça, os elencos mudam pelo menos 2 vezes por ano. Não é a toa que os jogadores como o Scarpa preferem os rivais. A vida de um moleque aqui é uma montanha russa. Aí ele renova por “gratidão” e joga a carreira fora num time zoneado pelo Leco.

  12. Do post sobre o Cipriano
    Faltaram algumas perguntas: Desde que idade esta no São Paulo?
    O São Paulo te tratou bem neste periodo?
    Faltou investimento na sua educação , preparação , alimentação , medico ,dentista , psicologo , etc..?
    Você acha correto que o time que fez tanto investimento em você não receba um centavo depois de tudo que fez por você e sua família?

  13. O que salva o Aguirre é a sua capacidade pra acertar o sistema defensivo, então mesmo que o time não faça muitos gols também nao toma e isso diminui nossas chances de derrotas.

    Mas é bem possível que a gente fique com um monte de empates se a prioridade for colocar os 11 jogadores pra defender e jogar por 1 ou 2 bolas. Talvez chegue o momento que ele vai ter que repensar o jeito de jogar pq nós não temos qualidade pra atacar e defender com eficiência usando essas peças que ele escala.

  14. Se essa fosse o único problema poderiam solucionar em pouco tempo.
    Mas a lista é grande, com deficiências primárias, o goleiro é fraco, falta outro lateral direito, um volante mais rápido e com bom passe, além de um artilheiro, talvez seja o Gonzalo Carneiro, veremos como se comportará.
    Falta um.treinador mais corajoso, que use a base, e principalmente, falta um PRESIDENTE.
    Será que já ligaram o alerta para esses problemas e outros que não sabemos?

  15. Gosto muito do blog, mas não sei porque tem momentos que dá erro.

    Eu sempre postei com minha conta do face e agora toda vez que comento com a conta do face, o blog diz que o erro é que o link é longo demais.

    Alguém da administração poderia dizer como resolver isso?

    Desde já agradeço!!!

    Sobre o tema acho que o Aguirre deve trabalhar para melhorar esse ponto.

  16. Eu tenho um projeto para isso acabar. Peguei com os turcos. É melhor do q o do Barça.
    Iremos a final do mundial por causa desse projeto. Final sera contra o Shakira. Ou Charque? Sei la…

Deixe uma resposta