São Paulo festeja defesa sólida, mas ainda quebra cabeça e sofre com ataque

Diego Aguirre comandou o São Paulo pela sétima vez na última segunda-feira, no triunfo diante do Paraná por 1 a 0, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro. Usou um time misto de olho no confronto da próxima quinta-feira contra o Atlético-PR, que valerá vaga nas oitavas da Copa do Brasil, e deixou o jogo com algumas certezas e muitas dúvidas.

Confirmou mais uma vez a solidez do setor defensivo, que sofreu apenas quatro gols nas sete partidas dirigidas pelo uruguaio (média de 0,57). Um melhora, sem dúvida, apesar de ter herdado uma defesa que já ostenta um bom retrospecto – média 0,68 tento sofrido por partida.

A avaliação feita pelo treinador é positiva, especialmente em um dia que o triunfo foi obtido graças a um gol de cabeça de Bruno Alves.

“Bruno Alves foi bem, e temos jogadores na defesa de nível similar. Anderson Martins, Militão, Rodrigo Caio, Arboleda… É minha parte distribuir as cargas. Temos que continuar trabalhando para melhorar, mas o São Paulo está seguindo um caminho, ganhando uma identidade”, disse Aguirre após o jogo.

Se a defesa tem feito Aguirre sorrir, o ataque ainda está bem longe de agradar.

Mais uma vez o time teve dificuldades na hora de finalizar, chutando poucas bolas no alvo durante o confronto com o Paraná. A falta de pontaria refletiu nas arquibancadas, com vaias a cada momento que ocorria um erro. As mudanças no segundo tempo não melhoraram o panorama.

O setor ofensivo contra os paranistas foi formado por Marcos Guilherme, 22, e Brenner, 19, jogadores jovens que são reservas. Mas a decepção de Aguirre foi especialmente com o setor de criação, que teve Cueva (autor da assistência para Bruno Alves no primeiro tempo) e Lucas Fernandes, apagado.

“Eu falei que queria construir o time primeiro defensivamente para depois pensar no ataque. Sinceramente, eu não gostei da nossa proposta de ataque. Não é porque ganhamos que vamos pensar que as coisas estão bem. Talvez falte entrosamento no ataque, e isso pode ter acontecido hoje. Estamos num caminho sem sofrer gol, mas o time tem que aparecer mais na frente. Vamos ver o que acontece na quinta-feira”, admitiu Aguirre.

Nos sete jogos sob o comando de Aguirre, o São Paulo fez cinco gols (média de 0,71). Antes, foram 16 gols em 20 jogos, com média de 1,25 tento por partida.

Por isso, ele festejou que a negociação para a vinda do meia-atacante Everton, 29, do Flamengo, esteja quase concluída. O São Paulo acertou o pagamento de R$ 15 milhões pela multa rescisória, faltando apenas detalhes burocráticos. A previsão é que ele faça exames médicos nesta semana e assine o contrato.

ESPN

35 comentários

    • Insistir com esse Jean mostra o quanto a torcida não manja nada de futebol, apesar de eu não gostar do Sidão tambem, mas é melhor do que esse Jean, que pagaram uma fortuna para um goleiro pior do que os que nós tinhamos aqui

      • Eu acho que são visões opostas, Roxo. Apesar das primeiras falhas (coisa que o Sidão faz costumeiramente), pelo que acompanhei do Bahia ano passado, acho que devemos sim apostar mais fichas no Jean. Eu prefiro ele ao Sidão e, humildemente, não acho que eu “não manjo nada” de futebol.

  1. Precisamos de um goleiro. O Everton é meia boca nunca foi um craque e era contestado no Fla. O Carnero é jogador para Guarani ou Ponte Preta. A gente compra errado e depois se arrepende. Não vejo futuro para esse time. Se escapar do rebaixamento já me dou por satisfeito.

    • Contestado no Flamengo é o outro Everton, o Ribeiro (e com razão pois ainda não disse a que veio no Flamídia), o agora nosso Everton era um dos poucos queridos pela torcida, mais um motivo que eu acho que foi uma bela contratação, nos reforçamos e tiramos um jogador importante de um rival nosso!!!!

      Sobre o jogo de quinta, vai ser bem difícil e um belo teste para nosso time, historicamente, o Atlético é um furacão em Curitiba e uma marolinha fora, por isso não sobe ao patamar de time realmente grande, mas eles vêm com moral e bom preparo físico, mas confio em nossa classificação!!!

      • Eu não estou empolgado com esse elenco não. Acho que vai ser eliminado em pelo menos 1 das competições: Copa do Brasil ou Sul Americana. Gastaram uma fortuna para o Diego Souza, o goleiro Jean. Não vendem o nosso condomínio man. O time não tem presidente pra defender contra as roubalheiras do time da marginal. E ainda pedem para lotar o Morumbi. Como confiar num ambiente arrasado desses ? O torcedor é iludido mas chega uma hora que a ficha cai

  2. Os times europeus querem os garotos da base. Militão, Lisiero, Cipriano. Tem craque no Brasil? Tem uma legião que voltou, 28-32 anos, com sucessos e fracassos. Ganham 500-1mi por mes. Acho que centroavante novo, com 0.4 de media, não dura 2 temporadas no Brasil.

    • Não dura mesmo, Carlos… os garotos nossos são mais valorizados lá do que aqui… ai eles ganham ritmo e um treinamento físico pesado lá e estouram e começam a chorar porque deixaram o menino ir embora.

      E a gaalera anda esperando que cheguem Di Maria, Salah, De Bruyne por aqui… tá complicado… não conseguimos ver um jogador contratado que a galera curta.

  3. Galera, vamos ter inteligência, pois aqui é um ambiente aberto para todas as opiniões, e com certeza existem pessoas de outros times, pessoas que pensam diferente e também as pessoas que tentam criar personagens… Isso é fato! O que temos que fazer é evitar as discussões, pois o intuito dessas pessoas e levantar polêmicas, e assim criar um ambiente horrível e insuportável.. Menos intrigas é mais São Paulo!

  4. Ainda to querendo saber o time que vai ser escalado amanha , o Aguirre testou algumas opções , não sei se o Liziero vai jogar na ala ou no meio , se ele for na ala , o Regis vai jogar na outra ala ou ate adiantado na posição do Marcos Guilherme , ai jogaria , Mlitão ,Arboleda , Rodrigo Caio , Liziero , Petros , Jucilei , Regis , Nene ,Trelez , e Cueva e Valdivia brigariam por uma vaga , pela ultima partida o Cueva jogaria , agora existe a possibilidade do Regis fazer a ala esquerda e o Liziero jogar meio , ai o Marco Guilherme jogaria na direita e o Cueva sairia , e ainda a possibilidade do Everton ser escrito e ir pro jogo , ai acho que sairia um volante o Petros ficaria fora .

    • Celso, aqui é um lugar de debate sobre nosso tricolor, não é? Qual o problema de debater opiniões diversas? Alguns gostam do Rodrigo Caio, outros não, alguns gostam do Cueva, outros não. Não vejo mal nenhum em debater opiniões desde que sejam coerentes e baseadas em algo factível. Não vi nenhuma falta de respeito (pelo menos não vi nada que o o Sato tenha deixado hehe) Se não quer debater, não deve postar nada. Quantas vezes eu postei algo e vieram debater comigo de forma saudável algo que não estavam de acordo. Faz parte do blog isso…

      • Deixa de ser ditador. Quando você escreve que (Se não quer debater, não deve postar nada.) já está patrulhando as pessoas. Se ele quer colocar a opinião dele e não debater é problema dele ele não é obrigado ao debate. Deixa de querer ser o mandão e censor de comentários.

        • Olha o que você está falando… você mesmo está sendo ditador, partindo do seu ponto de vista.

          O que eu falei, e você parece não ter entendido muito bem, é que estamos numa rede social, correto? Partindo dai, tudo que falamos está ao alcance de outras pessoas, correto? Então todos podem concordar ou discordar do que falamos. Faz parte do jogo. O que falei é que se você se incomoda em ter seu comentário debatido, não pode participar de um grupo de conversas ou de um blog. E ele não é obrigado a debater nada se não quiser, mas os outros tem todo direito de debater se quiser.

          Ele pode por a opinião dele, você pode por a sua, e eu a minha. E aqui existe a opção “responder” que serve para podemos debater de forma saudável e assim compartilharmos opiniões sobre os temas ligados ao futebol.

          Espero que agora esteja claro o que eu quis passar.

  5. se o Liziero jogar na esquerda, perdemos o meia que pega a bola entre os volante, função feita pelo Hernanes em 2017 e que o Cueva não conseguiu fazer diante o Paraná. Ele de ala não é tão superior ao Jr. Tavares, na meia/segundo volante ele é craque!

    • Concordo em gênero, número e grau.

      Lizieiro tem que jogar no meio, ele dá mais velocidade no meio campo. Não digo que ele seja veloz, mas a velocidade da distribuição de bola dele é melhor que qualquer outro meia nosso.

      Além disso, ele é bom defensor, o que poderíamos aproveitar para colocar mais um atacante ou meia.

      Eu, precisando vencer e jogando no Morumbi, jogaria com: Sidão – E. Militão, Arboleda (centro), R. Caio – Régis (dir.), Jucilei, Lizieiro, Everton (Jr. Tavares) – Nene (Cueva), Trelléz e Valdívia.

      Deixaria o R. Caio por que ele sabe sair jogando pelo menos, assim dependendo do momento e do lugar da bola, ele ou o Militão seriam mais um jogador de meio-campo.

  6. Vamos respeitar os comentários alheios?

    Até quando eu tenho que pedir isso?

    Todo dia a mesma coisa e hoje já foram duas vzs…

    Tenham paciência, heim…

  7. O Sidão todos reclamavam que não saía do gol, quando saiu deixou a torcida mais apreensiva ainda, e saída de bola com os pés ? consegue jogar a bola pra lateral, esse não tem mais jeito.

    Não sei se o Jean é a solução, acho que merecia mais chances, mas precisamos de um goleiro confiável urgente.

  8. É utópico concordarmos em tudo e penso até que opiniões divergentes são mais construtivas. Mas penso que não devemos criticar por criticar, teclando coisas absurdas só no “achismo” e sem ter uma visão coerente. Claro que os julgamentos (sobre ser absurdo ou não) são da interpretação de quem lê, mas ao invés de criticar a pessoa que o contestou, você pode debater as ideias respondendo o que foi questionado.

    Desculpe-me se ofendi alguém. Eu gosto de ler todas as opiniões (considero todas) e as que respondo de maneira contrária não é querendo ofender a pessoa. Eu vou até me policiar mais para que o que eu escrevo não tenha esse sentido de atacar a pessoa. E aos poucos vou gravando os nomes das pessoas que não gostam de opiniões diversas e evito respondê-las também.

  9. O Jean é muito melhor que o fraco Sidão.
    O Bruno Alves melhor que o RC.
    Reinaldo é o nosso lateral esquerdo
    Everton boa contratação. A torcida do Flamengo adorava ele, contradizendo um mal informado que comentou por aqui.
    Carneiro nunca vi jogar. Vou esperar antes de falar bobagens.
    É um abraço a todos que vem ao blog com a esperança do clube melhorar. Nossa torcida será recompensada.
    E que ganhemos um título este ano só para mandar um chuuuupaaa aos carniças que enchem o saco aqui do blog.

Deixe uma resposta