Tréllez vira símbolo de raça na retomada do São Paulo

Tréllez tem nove jogos e apenas um gol pelo São Paulo. Pode ser pouco para um centroavante, mas o colombiano caiu nas graças da torcida do Tricolor por outro motivo: raça. Nos bastidores do time, aliás, o jogador tem sido elogiado por “entregar energia” ao elenco.

– Já ouvi pessoas falando da minha raça, da entrega em campo, e fico contente porque é algo que gosto de fazer. Obviamente o que mais gosto de fazer é gols, mas é uma característica minha gostar de correr, ajudar meus companheiros, e sei que isso é valorizado – disse Tréllez.

Contratado do Vitória, Tréllez sabe da pressão que o São Paulo tem vivido por títulos. O atacante iniciou a temporada na reserva, teve poucas chances com Dorival Júnior, mas tem conquistado espaço sob o comando de Diego Aguirre, que desde o primeiro jogo pediu para o auxiliar André Jardine colocá-lo em campo.

– Todos os jogadores querem devolver ao São Paulo o papel importante dele. Devolver o nome do São Paulo ao nível nacional e internacional. A gente quer fazer isso chegando em finais, ganhando finais. O que vai ficar na história é se você conquistar títulos e jogos importantes – analisou Tréllez.

Sobre o jogo de volta da semifinal paulista contra o Corinthians, na próxima quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), fora de casa, Tréllez diz não temer a pressão que o São Paulo vai enfrentar:

– Nosso time já está acostumado a jogar em estádios lotados, de adversários. Eu, pessoalmente, prefiro jogar com estádio lotado do que com 5 mil pessoas. O ambiente do clássico já motiva e mais ainda poder fazer parte da história do São Paulo. São várias coisas que nos motivam. Temos de aproveitar a vantagem que temos, mas sabemos que vai ser um jogo difícil. Eles vão querer colocar pressão, mas temos de estar concentrados e fazer que o jogo seja difícil para eles – analisou.

A vitória por 1 a 0 no jogo de ida, no Morumbi, deu ao São Paulo o benefício de jogar pelo empate. Mas, se perder por um gol de diferença, a decisão da vaga na final será nos pênaltis. Derrota por dois gols de diferença elimina o Tricolor.

GE

Anúncios

20 comentários

    • Ser campeão passando por Gaivotas e Peppas é pra lavar a alma e espantar a zica de vez. É pra dizer que agora temos um time.

      Eu já estou achando que amanhã o SP tem obrigação de passar. Já a final vai ser duríssima e o time terá de se superar.

      Curtir

  1. Já sabemos que a final não será no Morumbi. Parabéns ao Santos, e o Jair não deveria colocar o menino para bater, tinha que ser alguém experiente, justo o Diogo que foi mal no 1° jogo, e não fez nada nesse.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Vamos ser campeões em cima das peppas!
    Jair Ventura mandou mal em colocar o Diogo Vitor mais uma vez em campo. Só fez lenha, displicente na marcação e ainda quis bater pênalti (o único que bateu mal).

    Curtir

  3. Apesar de ter torcido pra Santos, ganhar dos palmares seria fenomenal. Uma grande final, claro. Se nos passarmos.
    Amanhã concretizamos essa vaga. Ganhar seria bom pra moral do time e encher de confiança.
    Tudo pode acontecer, mas estou confiante em chegar na final

    Curtido por 1 pessoa

  4. Arboleda e Trellez, dois jogadores que acabarão sendo símbolos desse novo Tricolor.

    E, quanto às Peppas… Passaram raspando, hein? Rsss
    Passando pelos nojentos, que já será delicioso, enfrentar as Peppas e ser campeões dentro do estádio delas seria fenomenal !!!

    E que assim seja!!

    Boa noite a todos!!

    Curtir

Comente aqui, Tricolor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s