“Sei como é lá” diz Petros, pedindo atenção e foco

Ex-Corinthians, o volante Petros, hoje no São Paulo, disse que o time tricolor precisará estar com atenção “dobrada” para atuar na arena alvinegra. No Morumbi desde junho do ano passado, o jogador atuou no Corinthians entre 2014 e 2015.

“Lá tem que ter atenção dobrada, sei como é jogar lá, uma pressão grande, campo rápido e por isso temos que brigar por cada bola”, analisa o volante. “Nosso espírito durante todo o (primeiro) jogo foi o que nos fez vencer (1 a 0 no Morumbi). É assim que queremos continuar, é assim que a torcida merece.”

Petros prevê um jogo difícil. O São Paulo joga por um empate, mas o atleta afirma que não tem nada garantido. “Será um jogo muito difícil, porque eles têm uma equipe muito consistente. Saímos na frente, mas não tem nada garantido. Temos apenas a vantagem para tentar surpreender fora de casa.

De acordo com o volante, o time mostrará a mesma condição física apresentada no duelo do domingo. Com baixo nível técnico, o São Paulo se impôs em casa com atitude combativa em campo. “Não perdemos uma dividida no jogo de ida, e faremos este mesmo esforço na volta. O (técnico Diego) Aguirre gosta de uma postura valente do time, e é justamente desta maneira que queremos defender a nossa permanência no campeonato.”

Corinthians e São Paulo se enfrenta na Arena Corinthians às 21h45 desta quarta-feira. Nesta terça, Palmeiras e Santos definem no Pacaembu o primeiro classificado para a decisão do Estadual.

Estadão

Anúncios

38 comentários

  1. Amanhã é um jogo ótimo pro contra ataque. Espero que o M. Guilherme esteja inspirado. Espero também que não abdiquemos desse fundamento. Primeiro a defesa, mas sem esquecer o ataque.

    Só to achando meio estranho o pessoal por aqui. O discurso depois do jogo era de que o importante era a vitória no Morumbi e tals, hoje já tem gente falando que a final contra a porcada vai ser isso ou aquilo. Pera lá. A galinhada ainda é favorita. Ainda somos um trabalho de só 10 dias contra um de mais de um ano. O elenco ainda é o mesmo e ele não mudou da água pro vinho. Ainda estamos com uma vantagem mínima e jogaremos num lugar que temos um péssimo retrospecto. Temos que compensar tudo isso na raça e pra sair de lá com o resultado.

    Vejo gente falando que o R. Caio não tem que jogar e que o B. Alves foi bem. Em nenhum dos dois jogos que o B. Alves jogou ele foi exigido. A última impressão dele ainda são as falhas patéticas contra Ituano e Santos. R. Caio é um zagueiro de seleção brasileira (mesmo que só a passeio hahaha). Não tem nem como comparar. “Mas ganhou sem ele”. Nem de longe a vitória no domingo teve relação com a saída dele/entrada do B. Alves. Lembro como associavam a queda dos gols sofridos com a entrada do Edimar ano passado. Não precisou nem chegar em fevereiro pra verem a falácia que isso era… É a mesma coisa.

    Curtido por 4 pessoas

    • Rodrigo Caio quando e exigido em clássico, entrega.

      Não é palpite, não é injusto, não é perseguição.

      É fato.

      Esteve nos 5×1, nos 6×1, nos 4×0 e em toda grande derrota seja la contra quem.

      Com uma falha ou duas…

      Curtir

      • Também teve clássicos em que foi muito bem.

        No 5×0 tinha 17 anos de idade. Nos 6×1 seu companheiro de zaga era o Lucão, os laterais Bruno e Reinaldo e o goleiro o Denis, mas com certeza o culpado foi o R. Caio. Não sei que 4×0 você tá falando, mas se foi contra o Palmeiras, ele nem jogou.

        Mas não é injusto não.. não é perseguição não…

        Essa sua listinha só esquece que ele também estava no 4×0 a nosso favor, que ele estava no 1×1 ano passado em que não teve culpa nenhuma no único lance que o Corinthians teve o jogo inteiro (falha só do Jr. Tavares), que ele tava no 2×0 contra a porcada ano passado, que ele estava no 2×1 contra o Santos ano passado. Todos clássicos mais recentes em que ele foi muito bem.

        Não é perseguição não.. não é memória seletiva não…

        Curtido por 3 pessoas

        • Perfeito comentário Hugo…parte da torcida não está mais contente em queimar jogador fraco, precisam queimar os que jogam alguma coisa e que tem algum tipo de identificação também.

          Curtido por 1 pessoa

          • Cara, realmente não sei se nas outras torcidas os caras tem tara por queimar jogador bom e identificado que nem aqui.

            Viviam e vivem descendo a lenha em Dagoberto, L. Fabiano, R. Caio, Danilo (quando ainda era do SP).. Óbvio que eles não são perfeitos e as vezes deixaram a desejar, mas no geral foram excelentes ao clube. Entendo críticas como as pro fabuloso (dele deixar o clube na mão por expulsão), mas a galera pega pesada. Ano passado que o R. Ceni tava mal de técnico o pessoal começou a criticar os tempos de goleiro dele e a questionar a idolatria do cara. Pra que isso?

            Aí você pega gente (geralmente os mesmos) tratando o Reinaldo e o Hudson como excepcionais depois de dois empréstimos bons (mas nada de espetaculares), gente até hoje lamentando a saída do Maicon (Grêmio), gente pedindo mais uma chance ao Bruno..

            Eu realmente fico sem entender.

            Curtir

        • Exatamente, Rodrigo Caio esteve nas derrotas e nas vitórias. Ele não joga sozinho e não estou nem acreditando que estão querendo compará-lo ao Bruno Alves…. se a outra opção ainda fosse Anderson Martins com ritmo de jogo, ainda vai lá.

          Curtir

          • Pois é. Eles também serão os primeiros a xingar o B. Alves se ele falhar.

            Pois é. No jogo contra o Corinthians na primeira fase ele foi mal mesmo, assim como praticamente todo o time. Contra o Palmeiras, o Militão foi o pior em campo, o Arboleda também foi terrível.. A pegação de pé com ele é injustificável. Ainda mais quando a gente lembra que quem começou com essa história de condomínio foi um babaca engravatado chupim do clube.

            Curtir

  2. No papel nosso time é mais forte do que o Corinthians se levarmos em consideração os times que entram em campo, se jogarem com vontade chegar a final é o mínimo.

    Numa eventual final a gente joga contra um Palmeiras que apesar de badalado não tem 1 único jogador de seleção, é bastante jogador regular comprado a peso de ouro que a imprensa dá mais nome do que realmente mereciam ter. É só lembrar quem eram Dudu, Keno,Tchê Tchê, Moisés e tantas outras porcarias que eles compraram superfaturados. O Palmeiras é apenas o novo rico que descobriu a Oscar Freire, paga caro por tudo achando bonito por que tem dinheiro, mas esquece que pagar caro não é sinônimo de qualidade. O Santos que tem o pior elenco dos 4 grandes mostrou como isso é real… Estão deixando a gente sonhar!

    Curtido por 1 pessoa

    • Seria suicídio colocar o D. Souza como Nenê e Trellez, o único veloz é o colombiano. As galinhas atacam pelas pontas, precisa de velocidade, se tirar o M. Guilherme precisa colocar o L. Fernandes ou até mesmo o Caique. Não podem abdicar do contra ataque.

      Curtido por 2 pessoas

    • Acho que a gente tem que ser racional, estamos em formação, os rivais jogam um futebol mais dinamico mais perto do que foi Alemanha x Brasil, mas futebol nao é uma ciencia exata né.

      Curtir

Comente aqui, Tricolor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s