Bem vindo Aguirre

Amigos tricolores

Diego Aguirre não é o técnico dos sonhos do São Paulo, mas é preciso ter o nosso apoio.

Gritar aqui no artigo, nas Redes Sociais ou nos grupos de WhatsApp não é o que vai mudar o time, a atitude e não é o que vai dar os títulos que o São Paulo merece. A torcida tem que ir no estádio para reclamar, protestar e pedir os títulos. Sem agressão, sem invasão, sem destruir carro de jogadores ou dirigentes. Torcida tem que criticar no campo. Domingo, antes do jogo contra o Red Bull, a torcida foi ao estádio e não entrou em campo. Foi uma forma inteligente de protesto, assim como antes do jogo contra o Palmeiras, foram no CT apoiar o time. Esse tipo de manifestação é válida, mas o time precisa reagir em campo e isso está sendo muito difícil.

 

Diego Aguirre. Até quando?

Vou apoiar. O técnico está contratado. Não se sabe se fica até Junho ou Dezembro. Ele tem uma sondagem do Uruguai para dirigir sua seleção na Copa. E isso, para o ego de qualquer time, é ótimo, mesmo que ele ganha metade do salario que ganhará no São Paulo, dirigir uma seleção, ainda mais a do seu país, mexe com qualquer um, por isso, já trazemos um técnico com um prazo de validade bem claro. Se em uma semana o Uruguai o chamar, Rai e Ricardo Rocha precisarão ir atrás de outro. Uma pena, pois isso mostra um total despreparo de todos. Uma pena! Planejamento é algo que passa longe do Morumbi. Infelizmente.

 

Que é Diego Aguirre?

Como técnico, ganhou 2 titulos: Um no Uruguai e um no Rio Grande do Sul. Escrevo esse artigo ouvindo o programa do Milton Neves, 3o Tempo, na TV Bandeirantes e concordando que para esse momento, um técnico que há tempos não faz nenhum bom trabalho e com 2 titulos na carreira não é o cara que deveria assumir o São Paulo. Tem técnico desempregado que ganhou mais títulos na carreira como Levir Culpi por exemplo. Não que esteja querendo Levir, mas é uma comparação.

 

Em 1990, Aguirre, ex-atacante, jogou por 17 vezes pelo São Paulo. Pablo Forlan era o técnico. Jogou 17 vezes, fez 7 gols, mas perdeu espaço com a chegada do mestre Telê Santana. Aos 52 anos, ele está de volta ao São Paulo. Infelizmente, chega com status de técnico comum, sem nenhum diferencial ou grande trabalho recentemente. Telê também chegou desacreditado no São Paulo, mas vinha de títulos importantes com Atlético Mineiro, Fluminense, Grêmio. Aguirre não tem esse curriculum, mas reforço, nada que façamos agora vai mudar isso. Em breve ele estreia no comando do São Paulo, mas desde 2a feira, dia 12, ele já comanda os treinos e começa a implantar a sua filosofia no clube.

 

Que time Diego pegará?

Nenhum jogador do elenco foi pedido por Diego. O time que ele desenha tem que ter peças que talvez ele não tenha no elenco. Dorival sofreu um pouco por querer um time rápido e ter que contar com Nenê, Diego Souza e Trellez que são jogadores mais lentos. Diego terá que adaptar sua filosofia e esquema de jogo ao que tem. O São Paulo não poderá fazer muitas contratações nesse momento e mais jogadores chegando é mais tempo para entrosamento. Planejamento serve para evitar isso, mas o que é planejamento dentro do futebol?

 

O time não dá confiança alguma a torcida. Contra o Palmeiras, de novo, tomou o gol, parou de jogar, deixou o Palmeiras dominar. Confesso, que por trabalho, eu não pude ver o jogo, mas ao longo do jogo recebi a ligação de 2 São Paulinos fanáticos, que estavam vendo o jogo e me disseram que o melhor do jogo é que era para estar perdendo de 4. Perdemos para Santos, Palmeiras e Corinthians. Tomamos sufoco de Linense e perdemos para São Bento. Esse é o time, de 2018, que Aguirre assume. E esse ano, não tem Hernanes para ajudar.

 

O que esperar?

No Brasil, o técnico é sempre o culpado de tudo. Já escrevi aqui. O jogador tem um contrato, ganha, perde, é rebaixado, o culpado é o técnico. Ele só está preocupado com o salario. O resto, é resto. Tem alguns que jogam apenas para aparecer na TV, porque em campo mesmo é toque de lado e para trás. E não passa disso. Isso prejudica o trabalho de qualquer um. Ou Aguirre traz o time para ele, ou simplesmente ele será fritado, como isso acontece em todos os times brasileiros.

 

Aguirre sabe que terá que fazer o São Paulo jogar bem e voltar a ser respeitado. Sabe que a torcida pressiona por títulos, urgentemente! Não aguentamos mais ver os adversários ganhando tudo e nós comemorando “time grande não cai”. Não aguentamos mais ser saco de panaca de adversários. Queremos um time confiável, que se entregue, que jogue de forma organizada, que tenha um padrão, algo que o Dorival não conseguiu dar.

 

O São Paulo precisa voltar a ser grande! Não acho que Aguirre seja “o cara” para isso, mas tem meu apoio para tentar algo diferente. E vamos São Paulo!!!

 

*Felipe Morais. Publicitário, apaixonado pelo São Paulo Futebol Clube. Sócio da FM Planejamento, Palestrante sobre marketing digital, comportamento de consumo e inovação. Coordenador do MBA de Marketing Digital e do MBA de Gestão Estratégica de E-commerce da Faculdade Impacta de Tecnologia. Autor dos livros Planejamento Estratégico Digital (Ed. Saraiva) e Ao Mestre com carinho, o São Paulo FC da era Telê (Ed Inova) – www.livrotele.com.br – facebook.com/plannerfelipe e @plannerfelipe

55 comentários

  1. Bom dia! Desculpe, mas, neste caso, o “despreparado” é você! O Raí não é tão besta, assim! Entenda: o São Paulo fez um contrato até dezembro, porque o Aguirre ficará até dezembro, sendo chamado pela seleção uruguaia, ou não! O Tabares vai pra Copa e, depois dela, ele irá se aposentar e é bem provável que o Aguirre tome o seu lugar. Porém, só irá, a partir de janeiro! Ok?

    • É, na verdade ele ganhou dois campeonatos uruguaios e não um. Mais o gaúcho e a tal Copa do Qatar. Apenas corrigindo a informação do texto.

      Eu acho que mais importante que analisar as conquistas dele é analisar o trabalho.

  2. Vcs estão vendo o Raí como dirigente, o Raí como jogador corria 90 minutos sem parar, tinha técnica apurada , mas suava sangue nos jogos. Era o nosso 10, habilidoso e raçudo.
    Quem é o 10 do spfc hj ? É o cueva…. estão vendo a diferença…..antes era o ganso… estão vendo a diferença. O problema é esse. O cueva é o ganso tinham lampejos de jogador diferenciado….o Raí não, quando não ia na técnica, ia na raça. A diferença é essa.

    • não faz sentido essa critica ao Aguirre, Brasil está carente de bons técnicos. Vejam que os melhores no momento são Carille, Jair Ventura e Mano (aff). O resto é mais do mesmo que vivem de clube em clube.

      Acho a opção pelo Aguirre interessante

  3. Acho que vai dar pro gasto.
    E só.
    Como Rai mesmo deixou bem claro, temos muitos outros problemas e não existe um pó de pirlimpimpim que faça esses problemas desaparecerem do dia pra noite.
    Se não passarmos o perreio que passamos em 2017 já está bom.
    É isso aí, ser otimista hoje em dia é simplesmente esperar um ano menos ruim.

  4. Torcida organizada é um câncer no futebol. Tinham que ser extirpados de todos os ambientes, são em sua grande maioria um bando de marginais e vagabundos.

    Eu comemorei que a Independente foi rebaixada. É pouco – deveriam sumir pra sempre de todos os ambientes. Quem ganha com isso somos nós, torcedores de verdade.

  5. Aguirre é tão ruim que esta cotado pra substituir o Tabares… Só isso.
    Acredito que ele dará liga no São Paulo, o problema e o contrato curto.. mas, se após sua saída o ganharmos um brasileiro, duas Libertadores e dois mundiais, algo que ocorreu em meados anos 90, já me dou por satisfeito…

  6. Não dá para discordar do colunista quando ele diz que o treinador pode sair no meio do ano.
    Essa possibilidade existe sim e até achei o Aguirre meio evasivo em suas respostas, dizendo que a prioridade é o SPFC, não tem nada de concreto e bla bla bla. Oras bolas, é o que ele tinha para falar num momento desses, afinal ele estava se apresentando ao mundo tricolor.
    O São Paulo não tem o domínio dessa situação.
    Só não concordo quando ele coloca isso na contra do despreparo da diretoria.
    Foi um risco conhecido e assumido.
    Tudo pode acontecer. Ele sair, ficar ou eventualmente ele ocupar os dois cargos até o fim do ano, o que eu acho praticamente descartado.

    • Bem que eles poderiam contratar o Osório para dar um intensivão pro Jardine depois da copa….. Se possível alinhavar a volta dele para 2019 se o Aguirre sair para o Uruguai. Aí em 2-3 anos o Jardine tá bala para assumir.

    • Mas ai tbm é uma informação bem mais ou menos.

      Que nem ontem, vendo foxsport enquanto almoçava. Eles falavam sobre a contratação do Aguirre e q foi rapido e bla bla bla. Aleatoriamente o Mano disse q tinha a informação que a diretoria ja tinha procurado o Aguirre ha 15 dias. Sem fonte, sem nenhuma informação extra. Nada. So disse isso.
      Ai o apresentador ficou nessa de, “olha a informação ai q estamos trazendo…”

      Ate acho q foi sondado antes, que foi analisado e q fatalmente a derrota traria a demissão do Dorival. Mas dai pra escrever uma materia trazendo “informações” é meio q forçar

      • Pois é, mesmo não tendo nenhuma fundamentação, fontes, declaração oficial, tudo leva a crer que foi assim mesmo.
        Até a postura do time corrobora com essa tese.
        Mas é o que sobra para comentarmos né…se formos esperar abrirem fontes ou atestado de verdade no que falam vai faltar assunto…hehehe

  7. Mudar de time?

    Jamais!

    Mas confesso que estou muito desanimado com essa contratação do Aguirre.

    Currículo dele é horroroso, e no Brasil não fez bons trabalhos. Um, inclusive, foi considerado pessimo (Atlético MG).

    Então, se perder, não vou ficar surpreendido. Se ganhae, aí sim, vou ficar de boca aberta.

    Eu não espero absolutamente nada do Aguirre. Está bem claro que ele veio como indicação de amigos e por ser “barato “. Não tem filosofia de jogo, histórico trabalho ou coisa parecida.
    Veio por ser amigo e ponto final.
    Parece que viramos uma repartição pública, onde os mais chegados tem emprego garantido.
    Ou seja: nada mudou. Juvenal fazia isso e, infelizmente, nossos diretores estão indo para o mesmo caminho.

    Nada de novo nesse novo São Paulo.

    • Agora eu fico tranquilo com a chegada do Diego Aguirre porque se você é contra quer dizer que ele é bom porque você não entende nada de futebol.

    • André, quem disse que o contrataram por amizade? Você acredita em tudo o que sai na impressa?

      Você acredita que o Rai, Ricardo Rocha e até mesmo o amigo Lugano, seriam capaz de denegrir as suas imagens com esse tipo de atitude.

      Um cara como o Rai, que estudou, que administrou muito bem por anos a sua ONG, vai contratar pela amizade ?

      Que o Ricardo Rocha trocaria a vida de comentarista para virar vidraça para ser achincalhado…

      Vamos pensar um pouquinho… isso que esta faltando para nossa torcida ser um pouco racional, e menos passional

    • Eu penso da seguinte forma…se não é o treinador que vem com o curriculum e a bagagem que sonhávamos, tb não é o pior que tem no mercado, inclusive melhor do que alguns com títulos.
      A verdade é que toda vez que um treinador chega num clube ninguém sabe qual é a história que vai ser escrita.
      Só de mudar já dá uma perspectiva de melhora.

        • Pelas especulações não foi bem assim. Acho que desde que acenderam o fogo do DJ já estavam trabalhando no nome do novo treinador.
          Não sei quais critérios usaram, se foi por perfil, retrospecto, feedback, mas fiquei com a impressão de que foi um nome muito bem analisado.

        • Discordo Andre.

          Foi noticiado que o Lugano esta sugerindo o Aguirre ha tempos.

          E duvido que seja por amizade.

          Na minha pobre opiniao…

    • Me indique um nome possível para o São Paulo, com um curriculum vitorioso e boas estatísticas nos últimos 5 anos. O único seria Marcelo Oliveira, mas esse nesse momento, não seria minha escolha.

  8. O colunista não me parece bem informado. Aguirre fica , no mínimo , até Dezembro. O colunista também fica reclamando de planejamento. Mas não existe planejamento sem dinheiro. Raí planejava contratar Scarpa. Não conseguiu pois o SPFC não tem uma lavanderia de dinheiro. Raí planejava manter Hernanes. não conseguiu porque a China pediu 10 M de euros por ele. Ou seja, sem dinheiro, sem planejamento.

    • Então tem que fazer um planejamento mais pé no chão, dentro das possibilidades do clube.
      Do que adianta planejar contratar o Scarpa ou ficar com o Hernanes sabendo que ambos estão além das possibilidades do clube?
      Planejamento não significa necessariamente gastar rios de dinheiro.

  9. Bom Dia!

    Como a nossa torcida vai do zero ao Cem… estavam falando que o Aguirre era isso, era aquilo… que era perdedor…

    Agora estão exaltando…vai entender!

    Bom eu acredito que o Aguirre possa fazer um bom trabalho, sempre achei o Dorival fraco!

    Acredito muito na parceria Aguirre X Jardine, tem uma mistura boa ai!!!

    Outro ponto como muitos aqui atacaram o Rai, Ricardo Rocha e Lugano… Como disse o PSBarbosa” não existe pó mágico” que vá fazer o SPFC mudar num estalo de dedos.

    Como podemos atacar assim nosso ídolos? Podemos até discordar mas achincalhar e demais…

  10. Quem lembra da dobradinha Rojas + Milton Cruz em 2.003 que nos levou ao terceiro lugar e a volta da libertadores? Quem sabe com Aguirre + Jardine não pode acontecer o mesmo?

  11. Sou plenamente a favor do rodízio no SPFC.

    E já dou aqui uma boa sugestão para o rodízio: Leco bem que poderia trocar de lugar com o saudoso Antônio Leme Galvão… Ou com o saudoso Marcelo Portugal Gouveia.

  12. Gente esquece o Militão ele não vai renovar e vai embora, acho que o são paulo tem que focar agora no Regis que veio por um ano e pode renovar e buscar outro lateral, chega de ter jogador que não quer ficar, varios jogadores passaram pelo são paulo e nós torcedores sabemos muito bem quem deve ser lembrado. e quem nem lembramos que passou por aqui.

    • Não sei se o Regis vai render o que a gente espera de um lateral, mas realmente, tem que ter um planejamento para essa e outras posiçoes porque não só o Militão vai sair, mas também o Valdivia e até o MG, titulares hoje. Tem que ser pragmático, mas pensando no amanham.

  13. A possibilidade dele sair depois da copa existe mas acredito que caso isso aconteça será possível costurar um acordo até o fim do ano. Então Jardine estará apto a assumir o time. Espero que Aguirre fique mais pois será sinal de um bom trabalho, mas se ele for pra celeste será pelo mesmo motivo. Acredito em um trabalho acima da média. O cara tem condições e nosso time pode não ser um primor mas era pra estar bem melhor do que o deixaram.

  14. Vejo a insistência dos torcedores em renovar com o Militão, ele não quer ficar no SPFC, vá embora, vai jogar no lugar de quem na Juventus?????? quer dinheiro vá para china!!!…cansado de jogadores mercenários.avante meu tricolor.

  15. Correções: Aguirre possui muito mais que dois títulos na carreira.

    São 2 campeonatos uruguaios (2003 e 2010) pelo Peñarol, 1 campeonato gaúcho (2015) com o Internacional e mais 4 títulos de Copa no Qatar, quando dirigiu o Al-Rayyan.

    Levir Culpi não está desempregado. Pouco após sua saída do Santos, no ano passado, ele voltou a trabalhar no Japão, onde dirige o Gamba Osaka.

    Voltando ao texto, concordo com o autor quando este diz que Aguirre não é o treinador dos sonhos, mas proponho um questionamento: o São Paulo atual é o clube dos sonhos de algum treinador de “primeira linha”?

    Qualquer profissional “em alta”, tendo a chance de escolher, trabalharia no Tricolor Paulista ou em outro grande da Série A?

    Vendo a maneira cínica com que o atual presidente do clube descarta ídolos e se exime dos próprios erros, quem – em tendo a possibilidade de trabalhar em lugares mais calmos e menos bagunçados – iria querer trabalhar com Leco e sua trupe?

    E o time? Esse elenco atual do SPFC é dos sonhos do torcedor?

    De quem teve a paciência demonstrada com o Dorival Jr (um treinador de histórico profissional inferior ao do Aguirre), dar um voto de confiança ao uruguaio é o mínimo que se espera.

  16. Bom Dia, devotos tricolores !

    Muito feliz com a saída do Dorival (desde a sua chegada nunca tinha visto o São Paulo com uma vantagem de 3 gols).

    E já com um jogo sobre o comando Aguirre/Jardine ganhamos com 3 gols.

    Estou confiante que esta parceria vai dar muito certo, creio no título da copa do Brasil;

    Aguirre que este time sobre o seu comando não falte AGARRA que é característica dos uruguaios.

    #BoraTricolor
    #ClubedaFÉ
    #AguirretragaAGARRA

  17. Penso mais que foi um investimento na direção certa para colocar o time nos eixos — se não de imediato, em médio prazo. Pelas opções no mercado, o Aguirre poderia dar muito mais ouvidos ao Jardine do que esses técnicos “badalados” que muitos pedem, como Felipão ou Luxemburgo. É até legal perceber como estão rotulando a direção técnica, fazendo questão de usar Aguirre/Jardine. Vai ser, a princípio, uma parceria com aprendizados para ambos.

    Se der certo, o Aguirre fica até dezembro (ou mais, se o tal do convite da seleção uruguaia não vingar) e o Jardine permanece em lapidação pra assumir o cargo futuramente. Se falhar, o Jardine vai ter passado por um período de desenvolvimento que pode colocá-lo um passo mais perto de assumir o comando técnico.

    Claro que isso coloca ainda mais dúvidas sobre o desempenho do time em 2018, mas parece uma estratégia sólida e não imediata, diferente dos termos “apressada” ou “sem planejamento” que a imprensa está cavando com tanta certeza (e pressa) por aí.

    O futuro é o Jardine, isso é claro, mas o tempo de preparo até lá vai depender do que o Aguirre vai oferecer para o time (e para a ansiosa – com razão – torcida).

    Vamo São Paulo!!

  18. Apoio sim.. mas pra mim já começou errado. . Esse é o retrato do nosso São Paulo. . Se não for bem a vida dele vai ser curtíssima

  19. Eu boto uma fé no trabalho do Aguirre, ainda mais com Jardine de auxiliar, técnicos da nova geração, basicamente novos, novas ideias, muita oportunidade para vindos de Cotia, etc.
    Uma particularidade do Aguirre que me chamou a atenção é que ele é disciplinador, quase nada politico, lembro-me de um episódio de quando ele trabalhava ainda no Galo, com o baladeiro Cazares, que teve de comer muita grama e se colocar no lugar para ter mais oportunidades no time, apesar de ser um dos melhores do time naquela oportunidade.
    Não vejo o elenco do SPFC tão mais limitado quanto nossos concorrentes, vejo sim que falta disciplina, comprometimento e fome de vitória, virtudes que para alguns jogadores de nome se perde com o decorrer do tempo mas sobra para aqueles que almejam ser alguém um dia, com a parceria Aguirre/Jardine, coberto polo trio Rai, Rocha e Lugano, sem o intrometimento do dedo podre do Leco, pode ser que de certo, só nos resta torcer e tem paciência.
    quanto a uma possivel saída de Aguirre após a copa para a seleção, só será possível se ele mostrar bom trabalho no tricolor até porque pós copa haverá uma troca de cadeiras para reinicio de temporada européia, muitos bons profissionais disponíveis no mercado, e Aguirre será apenas uma opição, tambem tem o “risco” de o treinador, mesmo assumindo a seleção acumule cargos tendo em vista que a agenda FIFA, não preve nada para o restante do ano para seleções.

    seja bem vindo Aguirre/Jardine, que os frutos venham em abundancia.

  20. Comecei a ler, mas PAREI!!! Depois que li que VOCÊ traça suas idéias baseadas em 3º Tempo, também deve pautar suas idéias em Neto, e o pessoal da Gazeta Esportiva…..PAREI DE LER.

  21. Sejamos sinceros, a não ser que haja uma revolução total, nossa chance de título brasileiro é pequena. Para ganharmos um título esse ano é mais plausível buscarmos copa BR e Sul Americana, e para esses campeonatos o perfil do Aguirre é o ideal.

Deixe uma resposta