Com dupla ideal, zaga do São Paulo tenta retomar série incólume

Contra o Linense, neste domingo, no interior, o São Paulo deverá ter Arboleda e Rodrigo Caio juntos pelo terceiro jogo na temporada. Parceiros desde o segundo semestre de 2017, eles formam a dupla de zaga considerada ideal do time tricolor, que tenta retomar o bom momento de seu sistema defensivo no ano.

Com os dois, o time não foi vazado nas últimas duas partidas – empate por 0 a 0 com a Ferroviária e vitória por 2 a 0 o CRB-AL, no Morumbi. Até então, Rodrigo Caio havia tido como parceiro de zaga Bruno Alves ou Anderson Martins, enquanto Arboleda se recuperava de uma lesão na coxa direita que o tirou das primeiras oito partidas da temporada.

Nesse período, a equipe chegou a celebrar quatro vitórias consecutivas sem sofrer gols, batendo Madureira-RJ (1 a 0), Botafogo-SP (2 a 0), Bragantino (1 a 0) e CSA-AL (2 a 0). Na ocasião, Rodrigo Caio formou dupla com Bruno Alves três vezes e uma com Anderson Martins, que vem sofrendo com lesões.

A série positiva da defesa são-paulina, contudo, foi interrompida justamente quando Rodrigo Caio teve de cumprir suspensão. Com Anderson Martins com uma mialgia na região dorsal, Arboleda voltou já como titular ao lado de Bruno Alves na derrota por 1 a 0 para o Santos, no Morumbi.

No jogo seguinte, diante do Ituano, Rodrigo Caio retornou ao time titular e o equatoriano ficou como opção no banco. Em uma noite ruim para a defesa, o São Paulo perdeu por 2 a 1, fazendo com que o técnico Dorival Júnior retomasse a parceria de 2017 na sequência, contra a Ferroviária.

Após ser preservado do treino de sexta-feira, Rodrigo Caio trabalhou normalmente no sábado e foi relacionado para o duelo com o Linense. A tendência, portanto, é que ele comece entre os titulares.

O São Paulo não vence há três jogos no Campeonato Paulista e precisa do triunfo para se aproximar da classificação às quartas de final e chegar com moral para o clássico com o Palmeiras, na quinta-feira, no Palestra Itália.

Com 11 pontos ganhos em nove rodadas, o Tricolor lidera o Grupo B do Estadual, seguido de perto por São Caetano e Ponte Preta, com dez pontos cada. O Linense, por sua vez, é dono da pior campanha do torneio, ocupando o quarto e último lugar do Grupo A, com míseros seis pontos.

GE

11 comentários

  1. seria minha dupla titular hoje, mas Zaga hoje os 3 são bons ou razoáveis pelo menos e o Bruno talvez pela falha esteja como quarta opção mas não é ruim não na minha opinião.

    ali compromete o time na minha avaliação.

    Precisamos ganhar hoje para dar tranquilidade contra as porcas.

  2. seria minha dupla titular hoje, mas Zaga hoje os 3 são bons ou razoáveis pelo menos e o Bruno talvez pela falha esteja como quarta opção mas não é ruim não na minha opinião.

    ali compromete o time na minha avaliação.

    Precisamos ganhar hoje para dar tranquilidade contra as porcas.

  3. Contra o Linense, pior time do campeonato e vamos de força máxima. Militão e MG jogaram quase todos os jogos e o primeiro ainda está pendurado. Se tomar o amarelo, quem joga de lateral contra o Palmeiras?

    Depois que um jogador estoura o músculo é fácil culpar a sequência desumana de jogos.

    Dorival não se ajuda.

      • Se ganhar hoje ta 100% livre de rebaixamento. Linense e Santo André não nos alcançariam mais rs. Mas na boa, o SP tem que pensar em ganhar as 3 partidas e melhorar essa classificação… dá pra acabar na frente do Santos ao menos.

      • A força máxima é muito mais por causa da luta do Dorival pelo emprego, do que do SP contra um muito improvável rebaixamento. E se estourar mais jogadores, isso não vai ajudar em luta nenhuma.

        Mesmo que perdesse hoje pro poderoso Linense, não entraria na zona de rebaixamento.

        É jogo pra poupar 2 ou 3 jogadores mais desgastados e ganhar do mesmo jeito, sem sustos.

Deixe uma resposta