Campanha SPFC – Adidas: #FaixasNoPeitoSPFC

Logo após o anúncio de acerto com a Adidas, milhares de tricolores no twitter iniciaram uma campanha a favor de um pedido antigo da torcida: O posicionamento das faixas no uniforme principal da equipe.

Inspirados pelos uniformes clássicos do São Paulo, os torcedores desejam que as marcas de patrocinadores fiquem posicionadas abaixo das faixas, que subiriam para a altura do peito, como os “mantos” eram quando ainda não haviam marcas estampadas em camisas de futebol.

A Campanha que rola diariamente tem uma média de 3 mil curtidas com diversos modelos criados pelos próprios torcedores, e o objetivo é que chegue aos diretores tricolores e responsáveis pelo Marketing dentro do clube.

 

11 comentários

  1. Essa campanha merece TTs!

    #FaixasNoPeitoSPFC


    Quanto ao design, gostaria que o Tricolor compusesse um modelo de negócio em que o patrocinador pagasse para que todas as outras “cotas” do uniforme permanecessem limpas.

    Algo me diz que o Inter toparia um negócio de exclusividade.

    Digam o que quiserem sobre falta de dinheiro, mas Patrocínio de camisa não pode ser o carro-chefe financeiro de um Clube do tamanho do São Paulo e, portanto, o manto deveria ser respeitado e mantido incólume, no máximo um patrocinador.

    • Eu sempre achei que um patrocínio de banco deveria incluir a compra e refinanciamento da dívida com juros abaixo do mercado e valor fixo que serviria de garantia de pagamento. No fim, todos sairiam ganhando.

  2. Acho muito improvavel…A exposicao do Banco Inter sera menor com a exposicao de sua marca abaixo do peito e das listras..Nao creio que irao concordar, mas nao é nada impossivel…
    Agora se o Departamento de Marketing sugerir outras propostas para explorar a divulgacao de nossos patrocinadores e do Clube, poderia haver uma compensacao, mas ainda assim o Banco deve ser contra…

  3. O povo cobrando a adidas pelas faixas no peito, tem que cobrar o banco intermedium pela faixa no peito, a adidas vai apenas fazer o uniforme, quem determina se vai no peito as faixas ou abaixo é o patrocinador master.

  4. O patrocinador máster não vai querer e até vai pedir (com razão) para pagar um valor mais baixo (como o da Urbano). E mesmo assim talvez a própria Urbano não vá querer. Vai ficar “InterUrbano” como comentou um colega aqui no blog. haha

    Enfim é uma campanha que não dependeria somente do São Paulo. Se fosse pelo clube, não teria anúncio algum na camisa. O que interessa é somente o dinheiro.

  5. E só vender as camisas sem patrocínio com a faixa no peito e as com patrocínio do jeito que está simples assim faz como a under armor fez uma camisa jogador e outra torcedor pronto sem frescura e a patrocinadora poderia trazer um ícone para jogar no São Paulo tipo Messi ,Lucas Moura etc….

  6. Desde a camisa do mundial de 2005 só vemos camisas com faixas na barriga. Um absurdo! Até quando iremos esperar e pedir por uma camisa com faixas de 360 graus na altura do peito com o escudo menor (dentro das listas)?

Deixe uma resposta