Raí trabalha duro nos bastidores

A pressão em cima de Dorival Júnior no São Paulo não parte apenas da torcida, que na última semana pediu sua saída em protesto na porta do CT da Barra Funda e também o hostilizou no Morumbi. Internamente, há dirigentes que já perderam a paciência com o técnico e concluíram que o melhor nesse momento é interromper o trabalho e promover André Jardine do Sub-20 para ser interino no profissional enquanto a cúpula do futebol procura por um novo treinador pensando na sequência da temporada.

Mesmo assim, o presidente Leco tem resistido. E talvez o maior responsável por Dorival Júnior ainda ocupar o cargo de técnico da equipe seja Raí. O diretor-executivo, e também um dos maiores ídolos da história do clube, tem aparecido muito pouco publicamente, mas tem trabalhado forte para que Dorival tenha mais tempo para mostrar seu trabalho.

Na última segunda-feira, ao lado de do coordenador de futebol Ricardo Rocha e do superintendente de relações internacionais Diego Lugano, Raí expôs a Leco a sua opinião, reforçou a ideia de que seria um erro demitir Dorival naquele momento e apontou os pontos positivos no que vem sendo feito, apesar da má fase do time.

Em contrapartida, o ex-camisa 10, junto com Ricardo Rocha e Lugano, se comprometeu a buscar entender os motivos pelo qual a equipe não tem conseguido os resultados. Houve uma reunião com os líderes do elenco nesse sentido e foi passado à diretoria, conforme revelou Sidão nessa terça, de que o problema não é técnico, e sim de caráter emocional.

Ainda na noite dessa terça, Raí se reuniu com membros do Conselho Deliberativo e voltou a reforçar seu apoio a Dorival Júnior. Até em uma tentativa de garimpar mais paciência e tolerância para que o técnico ganhe tempo e condições mais tranquilas, o diretor-executivo de futebol procurou se mostrar otimista com o futuro do São Paulo em campo.

Nos últimos dois anos e dez meses, o Tricolor do Morumbi teve seis técnicos e três interinos diferentes. Esse histórico está incomodando Leco, que por conta disso, tem apresentado uma maior resistência em decidir por outra troca no comando. O presidente decidiu ouvir Raí e segurar a pressão.

O cenário atual pode ser resumido com a famosa expressão “me ajuda a te ajudar”. Além da importância natural de uma vitória nessa quarta-feira, contra o CRB, no Morumbi, pela duelo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, Leco torce para que Dorival coloque a equipe nos trilhos e lhe dê argumentos para rebater quem o questiona e seguir apostando em uma continuidade do trabalho.

GE

42 comentários

  1. Esse tipo de comportamento vai muito mais de encontro com à figura do Raí do que aquela matéria escrota do lance feita por tal JANCA para vender jornal.

  2. Até que ponto Dorival continuar como técnico vai ser bom para o SP?
    Depois dessa reunião com o lideres dando apoio ao Dorival caso ele seja mandado embora o próximo técnico terá o apoio dos lideres?
    SP está em uma situação bem delicada

  3. Opa, opa!
    Uns dizem que Raí está participando diretamente de um processo de fritura do DJ…
    Agora, vem a notícia de que ele trabalha na realidade para dar fôlego ao DJ para que mostre recuperação…
    Em quem acreditar?
    Vou continuar torcendo pro DJ se ajudar mais e acertar esse time.
    Vai Raí, faz seu trabalho em paz!
    Vai RRocha e Lugano, apoio pra turma toda!
    Vai DJ, se ajude um pouco senão vai chegar o momento que ninguém vai te salvar!
    Vai elenco, saiam da letargia e joguem mais bola!

    E torcedor: apóiem !!!!

  4. Concordo com Raí. Só que continuidade não é garantia de nada. Estamos na UTI e a equipe não demonstra recuperação. Nesse sentido Raí e R.Rocha precisam agir. DJ não tem perfil nem capacidade suficiente para agir sozinho (ignoro o primogênito). Ou troca- se a equipe técnica ou muda-se os métodos para salvar o paciente que inacreditavelmente corre risco de rebaixamento no paulista (???).

  5. O DJ, é treinador de poucos recursos, muito limitado, não admiro ter poucos títulos!
    A defesa comete erros primários!
    A recomposição pós perda de bola, é ridícula!
    A lentidão no ataque é marca registrada!
    A troca de passes e triangulações, não existe!
    Não tem visão de jogo, se tem é míope!
    As trocas de jogadores, são ineficazes!
    Tem apenas um esquema/tática! Não há alternativas…no futebol de hoje, é absurdo!
    Faz sempre o mesmo e espera resultado diferente, é insano!
    Parece não ter conhecimento de que tem que analisar os jogadores que tem no elenco, e daí criar tática e alternativas!

      • Nosso futebol ofensivo está diretamente relacionada ao Cueva entrar em forma e participar ativamente do jogo. Ele veio muito mal fisicamente e aos poucos entrar em forma.

        Ja disse anteriormente que goleiro da ferroviária foi goleiro do fantástico com 8 defesas difíceis, algumas dentro da área.
        Criamos, faltou fazer 1.
        Falta lucidez na conclusão, a lucidez de um Hernanes, de um Gabigol.
        Falta uma boa vitória para time ganhar confiança.
        Não vejo falta de velocidade, vejo falta de confiança oara dar mais agilidade ao jogo. Vejo atacantea se movimentando e volantes com opção deEpasse mas eles param alguns segundos, olhan o cara está marcado. Ai ele toca para o lado ou para trás.. Ele podia ter feito, havia condição mas na dúvida se acertaria, preferiu a segurança.

        • Então Massa, mas depender da boa fase do Cueva só evidencia que não evoluímos nada taticamente e ele é o unico caminho pro time jogar. Então quando chegar o período de preparação pra copa do mundo nós estamos fritos, mais uma vez.

          O goleiro da ferroviária foi o destaque da partida pq no segundo tempo foi exigido em uns momentos de pressão que o SPFC fez, jogando depois da linha do meio campo mas vindo de um primeiro tempo bem fraco e jogando igualzinho o que vinha jogando nas outras partidas.

  6. Promover André Jardine na situação atual seria um risco grande e desnecessário. Melhor seria viabilizar nos bastidores a contratação de outro treinador caso Dorival não alcance os resultados imediatos e colocar Jardine como auxiliar do novo técnico para ganhar mais cancha no profissional.

    Outros desdobramentos seriam decorrentes na nova situação. O São Paulo, nesta altura, precisa de técnico muito experiente, para resultado imediato, tipo Tite na seleção, quando substituiu Dunga. Estando longe do rolar interno diário, não vejo alternativa melhor.

  7. A postura do Raí é que compatível com sua história e a grandeza do clube. Não esperava menos dele.

    Por mais que eu não goste do trabalho do Dorival, o Raí tem que ter uma postura.

    Mas a verdade é que se não tiver uma melhora não vai ter como segurar.

    A bola está com o Dorival e ele não pode reclamar de falta de respaldo.

  8. Gosto da postura que o Rai tem tomado nos problemas do clube no dia a dia

    Unico ponto que me deixou um pouco triste foi a contratação do DS.

  9. Apoio o Raí.
    Esse troca troca de técnico não resolve nada.

    Mas o Dorival agora precisa se ajudar.
    Contra a Ferroviária foi complicado ele apenas trocar as peças e não mudar o esquema de jogo.
    Para que dois volantes em um jogo de ataque contra defesa? Será q o Tavares tá com uma situação tão péssima que não caberia ali no lugar do Edimar naquele jogo ?

    Vamos ver o que acontece hoje.
    Se vier com o mesmo esquema, espero que pelo menos a postura dos jogadores mudem.

    Pois e eles também tem uma grande parcela de culpa … eles mesmo estão chamando a responsabilidade pela má fase, então que corram pelo SPFC e pelo Dorival e nos tragam gols e resultados positivos.

  10. Acredito que devemos apostar na continuidade do trabalho do DJ. Trocar de treinador não tem resolvido os nossos problemas. Os erros são outros e em 2018 conseguimos repeti-los.
    Com toda sinceridade, não acredito muito em evolução desse time. Nem com o DJ e nem com ouro treinador.
    Vai ser um ano empurrando com a barriga.

  11. Acho que a torcida tem que apoiar independente de tudo: Eu não vou assistir ao jogo até porque moro no Paraná. Acho que uma forma de dar apoio aos jogadores seria gritar o nome de cada um deles hoje no Morumbi acho que isso meche com qualquer ser humano e mostra apoio.

  12. Eu não acredito que o Dorival não queira o melhor para o SÃO PAULO e para ele mesmo, é que ainda não deu liga, os jogadores que vieram vem de outros times outras culturas leva mesmo um tempo até tudo se ajustar. vamos acreditar.

  13. Se o Dorival não tivesse teimado tanto em querer encaixar o elenco no esquema dele ao invés de colocar os jogadores onde eles podem render mais o time teria ao menos conseguido melhores resultados. Pra fazer o time jogar do jeito que ele pensa somente com treinamento.

    Lautaro Martínez tem 20 anos, 1,75 e é veloz. Se fosse brasileiro alguém do sub 17 já teria o transformado em um ponta marcador de lateral.
    Não entendo como Brenner, que tem as mesmas características, nunca foi escalado como centroavante no time titular…

    • É exatamente isso o que tem acontecido no futebol brasileiro. As características físicas e não as características de jogo do atleta é que definem onde ele vai jogar, no maior das vezes.

  14. Nunca pensei que o São Paulo poderia ter um time tão apático , “apanhando” de times pequenos , um time grande precisa se impor , olha nosso elenco temos bons nomes,acho que o Dorival deveria testar nova formação , entrar num 3 – 5 – 2 onde Reinaldo e Militão teriam liberdade para participar no campo ofensivo , usar Marcos Guilherme como um verdadeiro segundo atacante , ajudando Diego Souza , dessa maneira Marcos Guilherme renderia mais , se lembram do jogo contra Botafogo e Palmeiras suas infiltrações na área adversária resultaram em gols e bons lances,penso assim,e no banco temos nomes pedindo passagem como Valdivia que ao meu ver fez um bom jogo contra o Ituano e “erroneamente” foi substituído por Dorival

  15. Todos nós queríamos uma diretoria de futebol mais profissional e agora pedimos muita das vezes levados por opiniões de mesas redondas de programas esportivos ou opiniões de blogueiros que muito mais criam crises e factóides para tumultuar o ambiente no São Paulo , a torcida tem que apoiar o time independente de qualquer coisa demonstrando sua paixão seu amor ao clube mesmo nas derrotas isso faz parte do futebol , não cair na pilha da imprensa que sabemos que são todos contra o São Paulo ,vejam antes do clássico das gayvotas x pepas o time sem cor tava 4 jogos sem vitória com a torcida deles criticando na arquibancada mas ninguém comentou todos se fizeram de surdos ? As pepas pegaram um sacode no clássico jogando muito pior do que nós quando perdemos querendo até sair de campo mas ninguém comentou nada ou cogitou crise depois do clássico ninguém pediu a cabeça do treinador quando empatou com o Linense por que será e quando as gayvotas perderam pro santo André dentro da gaiola das loucas ninguém pediu a cabeça do carille mas quando perdemos fora de casa com o time cheio de garotos foram unânimes em criticar pedir a demissão do Dorval por que será? Então menos torcedores vamos esperar com paciência o trabalho para podermos avaliar precisa de tempo bora ver até o final do Paulista aí faremos a avaliação isso é ser profissional distribuir metas e dentro dessas metas avaliar o trabalho temos copa do Brasil vamos apoiar o time chega de jogar contra nós ano passado levantamos o time e não fomos rebaixados fazendo a 5 melhor campanha do segundo turno pouco pra quem tá acostumado com troféus mas se nós fizermos um ambiente de guerra não iremos construir nada pelo contrário esse time não vai jogar bem

    • E em relação a não queda pra serie B e a quinta melhor campanha do returno não foi por causa desse treinador, o time era uma bagunça da mesma forma, mas tinhamos Hernanes, esse foi o fator que salvou do rebaixamento, e não a bagunça tatica que ja existia desse treinador

  16. É… todos querem ter boa vontade com Dorival, é que o mesmo não se ajuda mesmo. Última chance hoje, na moral. Se entrar com 2 volantes que só defendem e Diego Souza encaixotado no meio dos zagueiros é porque ta de sacanagem mesmo.

  17. Que o Dorival não tá bem e merecia um pé na bunda, eu concordaria. Mas olhando o mercado, não vejo ninguém capacitado para assumir e aguentar a bucha. Então melhor ficar com o que se tem mesmo.

  18. Dorival já usou esse ano vários esquemas táticos, 4-1-4-1, 4-2-4 e 4-2-3-1. Nosso problema é mais peças que não se encaixam em posições indicadas do que esquemas táticos. Acho que Dorival tem que ser mais ousado e agir conforme suas convicções, nem que para isso coloque os jogadores medalhões na reserva, acho que a base tá pedindo passagem, Bóia mostrou desenvoltura no jogo passado, assim como Brenner foi destaque nos primeiros jogos.

  19. Se o Dorival não tirar o gesso de um esquema só, vai cair logo menos.
    Quer velocidade e deixa Brenner, Caíque, Bóia etc no banco e entrando apenas nos minutos finais pra jogar com Diego, Nene, Cueva, Jucilei, Petros, Trellez e até mesmo Valdícvia que ta bem sem confiança fora de forma

  20. Jogaria no 3-5-2
    Temos 4 bons zagueiros
    Dois ala esquerdo
    três bons volantes
    Na ala direita eu colocaria o M Guilherme mesmo, fazer algo que o Souza fez, Leandro Guerreiro, se doavam para o time.
    Na meia Cueva Nene ou até o D. Souza.
    No ataque Brenner e mais 1

    Acredito que bem treinado, esse time renderia muito mais nesse esquema

  21. Dunga, Luiz Felipe Scolari e Dunga de novo – foi tudo só esperança e uma lástima na seleção. Depois entrou Tite que fez um novo ambiente, criou nova motivação, novas ideias e tudo deu certo do dia para a noite. Tem razão a arquibancada – Luxemburgo é a bola da vez.

Deixe uma resposta