“Aqui é muito maior”, diz Valdivia

O São Paulo deixou o campo vaiado após a derrota para o Santos, no último domingo, no Morumbi. De acordo com o meia-atacante Valdívia, a torcida esteve no seu direito de criticar o time, que amargou o seu segundo revés em dois clássicos no ano – antes, havia perdido para o Corinthians, no Pacaembu.

“A torcida cantou o tempo todo, eles têm esse privilégio de nos apoiar até o final e, se o resultado não veio, acho certo vaiar. Nossa equipe tentou, mas a torcida vaiando depois do jogo não acho ruim, não”, opinou o camisa 21, na zona mista do estádio.

No San-São, o Tricolor dominou as ações ofensivas do primeiro tempo e exigiu boas defesas do goleiro Vanderlei. Na etapa complementar, no entanto, uma falha na marcação de Gabigol culminou no único gol da partida, feito após chute de fora da área.

Acionado no lugar de Marcos Guilherme durante o segundo tempo, Valdívia lamentou o revés. “É ruim perder, né. Ainda mais que jogamos muito bem, nossa equipe sempre em cima, em busca do gol”, afirmou, antes de citar o que o São Paulo precisa fazer para melhorar.

“É ser mais eficiente na hora do ataque, o último passe. Eles, recuados, procurando uma bola, conseguiram no segundo tempo fazer o gol. Nossa equipe foi muito bem, é melhorando a cada jogo. Tem jogo na quarta-feira, tentar ir bem para poder aliviar um pouco”, projetou, referindo-se ao duelo com o Ituano, no interior.

Ao disputar apenas a sua segunda partida pelo clube, Valdívia já sentiu o peso de vestir a camisa tricolor. “A pressão aqui é muito maior do que nas equipes por onde passei. O São Paulo é um clube muito grande. Quando perde, sempre vai ter a pressão. Mas mesmo com vitória vai ter a pressão. É ter a cabeça no lugar para poder ir bem nos jogos”, diagnosticou o atleta emprestado pelo Internacional e que veio de uma passagem discreta pelo Atlético-MG.

Com dez pontos ganhos, agora empatado com a Ponte Preta, o São Paulo ocupa o primeiro lugar do Grupo A do Campeonato Paulista. O time dirigido por Dorival Júnior, contudo, lidera a chave por ter uma vitória a mais em relação à equipe campineira (3 a 2).

GE

7 comentários

  1. temos 6 meias no elenco: DiegoSouza, Nene, Cueva,Valdivia, Shaylon, Lucas Fernandes

    porque o Burrival nao escala faz um rodizio : no meio da semana jogam 3 e o resto joga os jogos do final de semana.

    todos teriam oportunidades, estariam bem fisicamente e assim o time ideal seria formado sem precipitacoes.

    Curtir

    • Essa de rodízio é uma solução plausível, principalmente porque Nenê não rende bem 2 jogos por semana, como também não rendia na ponta no Vasco. As oportunidades de mercado não foram ideais para esse momento de ansiedade por titulos em que vive o clube.

      Curtir

  2. O problema do SP é que toda derrota é considerada normal. Uma hora o time não é entrosado. Outra hora é por culpa do técnico. Depois a culpa é do calendário. É ainda inventaram uma desculpa ainda mais absurda: caímos, mais caímos de pé. Vejo um time multicampeão se apequenando, infelizmente.

    Curtir

  3. Esse negocio que o Hernanes livrou o São Paulo e não o Dorival.
    Vocês queriam o que?
    Milagre?
    O Dorival é Técnico, não é Cristo.
    Ele vai precisar sim ter jogadores de qualidade.
    Dê ao Dorival um jogador da qualidade do Hernanes.
    Se o São Paulo foi bem no segundo turno do Brasileiro e agora mesmo sem o Hernanes o São Paulo foi bem melhor que o Santos ontem, eu insisto, dê ao Dorival um jogador da qualidade do Hernanes.

    Curtir

  4. Dorival pediu jogadores de velocidade. Recebu Diego Souza, Nenê e Trellez.

    O trabalho dele é mediano, porém a montagem do elenco foi errada mais uma vez. Não só por dinheiro gasto, mas porque contratou veteranos que não aceitam ir pro banco, e que por isso inevitavelmente serão titulares todos os jogos.

    De toda forma, não adianta mudar técnico agora. Fizemos isso nos últimos 8 anos e não obtivemos resultado algum, certo? Muita gente indo na onda da imprensa. Ela tumultua, força a torcida contra o técnico, porém é a primeira a criticar a demissão.

    O time está melhorando nos últimos jogos. Perdemos clássicos nos detalhes, nada muito diferente da era Ceni, Bauza, Gomes, Autuori, Muricy, Osorio.

    Tem que, infelizmente, ter mais paciência.

    Curtir

Comente aqui, Tricolor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s