Dorival: “Não vejo time com futebol vistoso no Brasil”

O São Paulo conquistou a sua quarta vitória consecutiva, é líder do seu grupo no Campeonato Paulista mesmo com uma partida a menos e garantiu vaga para a terceira fase da Copa do Brasil. Ainda assim, a equipe do técnico Dorival Júnior convive com a desconfiança de muitos. Comentários de que o time não joga um futebol bonito e faz apenas o necessário para ganhar são comuns. O treinador, porém, vê a situação bem diferente e afasta qualquer sinal de crise no clube.

“Não vejo nenhum time com futebol vistoso [no Brasil]. Ao contrário, todos com dificuldade, problemas de recuperação e com desgaste excessivo por causa de três jogos por semana”, afirmou Dorival, logo após o triunfo por 2 a 0 sobre o CSA, nesta quinta-feira, em Maceió.

Com a experiência de quem já enfrentou situações parecidas em outros clubes, o treinador tenta encarar com naturalidade as críticas. Para Dorival, o São Paulo tem dado conta do recado e deve evoluir durante a temporada.

“Não vejo um time do Brasil sem críticas. Para quem trabalhou 12 dias e jogou oito partidas, até que jogamos bem. O imediatismo do país impressiona. Temos de trabalhar sem dar importância para isso. Um jogo como este contra o CSA mostra tudo isso. As dificuldades do primeiro tempo e a mudança para a segunda etapa. As críticas vão acontecer. Com 10 dias de treino não existe milagre. Se tem alguém a ser criticado não são os jogadores. Estamos no caminho certo. Vamos fazer um bom Paulista e uma boa Copa do Brasil”, apostou o técnico.

Na visão de Dorival, o São Paulo também precisa de tempo para que os jogadores se adaptem ao clube. Para esta temporada, o Tricolor contratou seis atletas (Diego Souza, Nenê, Jean, Anderson Martins,Tréllez e Valdívia). No entanto, não há um prazo para que a equipe alcance o seu potencial máximo de produção.

“Com 12 dias de trabalho não dá para mensurar. Alguns têm um elenco que se conhece. A grande maioria dos jogadores do São Paulo, a exceção de Reinaldo, Hudson, Rodrigo Caio e Jucilei, não tem 30 jogos completos. Conjunto com menos de 30 jogos não consegue para ter uma resposta imediata. Sempre que temos a possibilidade de treinar intensificamos. O gol é fruto dos treinos, penetrações e triangulações. Mas não será como o torcedor gostaria. Nem com São Paulo ou com qualquer time. É um fato a ser conversado, nós não fazemos parte das decisões [no futebol brasileiro]. Por isso o torcedor convive com quantidade de jogos e baixa qualidade”, disse Dorival.

UOL

16 comentários

    • Marcelão todos os times tem uma base do ano passado, a única diferença é que a maioria dele já fez até mais pontos no brasileiro. E também estão a mais tempo juntas.

      O que deveria acabar e nós não mudamos é o futebol está ruim troca o técnico…

      Troca de treinador custa dinheiro para mandar embora e tempo para conhecer o clube, elenco a base. Não defendo o Dorival, mas uma mudança de postura. Dirigente isso pq é mais rápido e fácil mandar treinador embora, mas até o Barcelona e os melhores europeus quando vão trocar espera o fim do ano.

      Não é possível que a torcida não entenda isso. Se o Dorival é péssimo? Deixa ele, mas troca em dezembro. Precisamos mudar isso, pq isso é o mínimo de mudança que é fácil fazer e com certeza gera menos desperdícios. O único jogador de 20015 do time é o Rodrigo Caio, único, desde 2009 com essa troca de treinadores começou essa brincadeira de trocar técnico, que troca jogador, que gera custo, que gera dívida, que vende a base…

      Não gosto do Dorival, mas não aguento mais desde que a Internet pegou fama essa mania da nossa torcida meu velho.

      O SPFC nunca vai mudar fazendo as mesmas coisas, nunca.

      Curtir

  1. Não vejo futebol vistoso no SPFC desde que Dorival chegou. Realmente trocamos de técnico mais vezes do que qualquer um gostaria, mas é fato que o pior trabalho de longe é do Dorival (mesmo tendo mais tempo que os demais). E todos enfrentaram o calendário desgastante e as trocas de jogadores.

    Curtir

    • Pedroso eu também não vejo futebol vistoso não meu velho, mas se fosse mudar seria em dezembro não agora.

      Vai mudar agora? Ok contrata outro.paga multa, Paga comissão pq tem que pagar infelizmente, muda alguns jogadores para o novo treinador trabalhar e lá se vai grana.

      Esse cara não conhece o Jardine, não conhece a base, não conhece o clube SPFC 2018 e talvez conheça o elenco.

      O que penso se o SPFC mudar isso, aceitando até que com o Dorival seja um erro, a longo prazo vai ser bom meu caro, europeu não é europeu atoa, será que a Europa está errado e o Brasilzão com seu cartolas certos?

      Problema que prejuízo aqui não muda nada para o cara que não é dono do clube, lá muda no bolso. Fora comissão do empresário do treinador, famosa taxinha. Complicado. Se mandar o Dorival embora hoje é a continuação dos erros do Brasil. Não pq ele deve ficar, mas pq esse modelo é perdedor.

      Curtir

  2. Jardine vai subir de auxiliar, será que não vale a pena dar 6 meses ele com o Dorival que já se conhecem e no final do ano mandar o Dorival embora sendo que vamos ter mais 2 janelas e um crescimento da base para colocá-lo na hora certa? Precisamos de um treinador um pouco melhor? Cara eu seria capaz de apostar grana, em 2 meses vai ter críticas para qualquer nome que o SPFC contratar…

    Sei lá, eu não gostei da demissão do Ceni, preferia ele, mas o fim da picada é trocar de novo.

    Ou seja, estou começando a achar que o problema nosso é que não existe treinador. Não tem solução então.

    Curtir

  3. Com todo respeito ao Dorival, isso não é desculpa pra nós praticamos esse futebolzinho de quinta.

    “Não vejo muita gente honesta no país ” , vai começar a roubar por conta disso?

    As entrevistas do Dorival são desastrosas. É sempre se comparando ou se encostando nos outros.
    “nao vejo nenhum time isso” “nao vejo nenhum jogador aquilo” e por aí vai.

    Menos, Dorival.

    Menos.

    Curtir

  4. Boa tarde.

    O lateral direito do São Bento parece ser um bom reforço. Não sei se terá sucesso.

    Jardine de assistente técnico é uma boa para indicar o melhor aproveitamento da base e preparar o terreno para que ele assuma caso Dorival Junior continue a produzir menos do que o elenco permite. O lado negativo é como ficará a base?

    Curtir

    • Pois é. O Ideal seria produzir uma cópia de AJ. Mas já que isso não é possível, seria interessante arrumar alguém pra base com a mesma forma de jogar ou montar as equipes. É certo que ele não vai querer ser técnico da base a vida toda. Tem que equacionar isso aí.

      Curtir

Comente aqui, Tricolor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s