Pedido por Jardine, São Paulo contrata meia da Chapecoense

O meia Lima da Chapecoense foi contratado pelo São Paulo por empréstimo até Fevereiro de 2019.

Com 18 anos e atuando no Sub-20 do time catarinense, o jogador chamou atenção ao eliminar o São Paulo em 2017 na Copa São Paulo.

Destaque do time do sul com arrancadas, dribles, gols de perto e de longe, cobranças de falta ele chama atenção. Nascido em Chapecó, o garoto passou primeiro pelo Avaí, mas voltou para casa na metade de 2014. Não saiu mais. Está no sub-20 desde os 17 anos e veste, inclusive, a camisa 10.

Lima já foi alvo de grandes clubes brasileiros antes mas o São Paulo insistiu e conseguiu levar o jogador. A Chapecoense se protegeu e renovou o contrato dele e agora empresta nos mesmos moldes que fez com Shaylon, vindo também da Chape.

Canhoto, ele atua como meia atacante, ajuda a armar o jogo e finaliza bem.

É mais um para encorpar a base de Cotia.

Blog do São Paulo 

28 comentários

  1. O Jardine seria um bom Olheiro para o profissional.
    Contando os dias para ele virar Auxiliar Técnico.
    – Ah mas se tirar o Jardine da base destrói a base!

    Entendam.

    As categorias de base são importantíssima.
    Nisso não há duvidas.

    O profissional é mais importante.
    Entenderam?

    • Concordo mas o problema é que se não se sair bem no profissional e perdê-lo nos 2 cargos.

      Eu acho que ele se sairá bem, mas lembra do Baresi? Cara Baresi foi muito mal mesmo que não dava para esperar mais nenhum dia.

      Acho que ele tem total condição e vontade e também até está preparado, mas é utopia achar que com um começo muito ruim ele segura o cargo.

      • Ao contrario do Baresi, ele Jardine seria um Auxiliar Técnico.
        Colocar o Jardine como Técnico eu sou contra.
        Perde 2 jogos e queima o cara.
        Como Auxiliar Técnico, ajudando a montar times, Elencos, sendo Olheiro, puxando ao profissional alguns garotos da base, o Jardine que é muito competente, faria um ótimo trabalho.
        Está faltando isso no profissional.

    • O problema , Cleiton , é que a base pode deixar de revelar sem o Jardine e o SPFC perderia muito com isso. Para mim, jardine deve continuar na base , mas deve ser valorizado e receber como se fosse do time principal para não querer sair .

      • Fica frio.
        A base do São Paulo mesmo mau administrada da frutos.
        Mesmo na época do Coronel Geraldo, o São Paulo revelava Lucas, Casemiro, Rodrigo Caio, Wellington.

      • Auxiliar Técnico faz o que?
        Mil coisas.
        Uma é ser Olheiro.
        Não desmereça o trabalho de Olheiro.
        Você tem competência para ser Olheiro?
        Eu não tenho.
        Ser Olheiro, tem que ser fera.
        Você leu a reportagem?
        O que ele Jardine fez de acordo com a reportagem: Achou um jogador talentoso na Chapecoense e pediu para o São Paulo contratar.
        Isso ele fez na base.
        Portanto, ele Jardine tem o preparo para fazer isso no profissional.
        É ele Jardine que tem que fazer isso no profissional.
        Não o Conselheiro palpiteiro chucro que não entende nada do assunto.
        É o Jardine.
        Não o Empresário que quer empurrar o jogador ao clube.
        Fui claro?

  2. Nosso Tricolor poderia buscar lateral direito nestas mesmas condições… e não postergar um substituto com condições para substituir o Militão… acabando com a maldição da LD

  3. E avançamos para a semifinal!!!! Com um jogador a menos, pênalti defendido… Esse time do São Paulo é isso mesmo, um time, um verdadeiro representante do nosso futebol.

    Valeu, Jardine!!!

    Vale, Cotia!!!

  4. São Paulo FC

    Conta verificada

    @SaoPauloFC
    1 min1 minuto atrás
    Mais
    ACABOU!!!!!!!! NA RAÇA! COM UM A MENOS DESDE OS 18 MIN DO PRIMEIRO TEMPO, TRICOLOR EMPATA COM O TALLERES E ESTÁ NA SEMIFINAL DA LIBERTADORES SUB-20

    • É o tipo de jogo para trazer maturidade e confiança ao jogador.
      Defendi veementemente q os jogadores da copinha jogasssem a libertadores.
      Jogo pegado, truncado, catimbado, para treinar os nervos o ladk psicológico.

  5. Nada haver com o tópico…

    Mas é de se louvar o profissionalismo do Hudson…

    Tipico jogador q veste a camisa e trabalha pro grupo…

    Sempre gostei do jogador.. Mas surpreende positivamente nesse quesito..

    • A briga é muito boa, isso só faz com que o jogador titular corra ainda mais. Se Petros ficar com aquele futebol muitas vezes sumido e burocrático perderá fácil a vaga.

    • Não me empolgo com o Hudson, fez uma partida bem mediana contra o CSA, mas volta fora de ritmo e de uma lesão. Somente um bom jogador para compôr elenco… Já passei mais raivas que alegrias com ele em campo, e na melhor temporada dele foi longe do São Paulo…

  6. Eu acho besteira o Jardine ser alçado para auxiliar técnico.
    Perde ele e perde o SPFC

    Os dois acharam um nicho valioso que é o sub-20 pra garimpar jovens valores para o profissional.

    É estratégico e tanto o clube quanto ele precisam estar cientes que isso é tão importante quanto o profissional.

    • O caminho natural para um cara estudioso e interessado como o Jardine é virar técnico. O problema é achar um substituto para ele no sub 20. Seria ótimo se já tivesse alguém na fila se preparando para isso.

Deixe uma resposta