Valdivia pede para acompanhar delegação do São Paulo no Morumbi

O meia-atacante Valdívia deve ser anunciado como novo reforço do São Paulo nas próximas horas. O jogador deixou o Atlético-MG na semana passada e desde segunda (5) está no CT da Barra Funda fazendo fortalecimento muscular enquanto não pode ser anunciado pelo clube do Morumbi. Nesta quarta (7), contra o Bragantino, o reforço da equipe de Dorival Júnior deve acompanhar a delegação e assistir o duelo, válido pela 6ª rodada do Paulistão.

A ideia de ir estádio e acompanhar o São Paulo partiu do próprio jogador. Torcedor do Tricolor desde a infância, essa deve ser a primeira aparição pública do meia-atacante como jogador da equipe do Morumbi. Entretanto, caso o anúncio da contratação não seja feito antes da partida com o Bragantino, é provável que Valdívia não apareça na casa são-paulina.

 O jogador será emprestado pelo Internacional até o fim desta temporada. O São Paulo deverá arcar com a maior parte dos salários do atleta (cerca de R$ 250 mil), enquanto o Atlético-MG pagará algo em torno de R$ 50 mil mensais. A princípio, durante as primeiras conversas da negociação, o Tricolor seria responsável pelo pagamento integral dos vencimentos do jovem jogador, de apenas 23 anos.

A vinda do jogador foi um pedido da comissão técnica. O comandante Dorival Júnior espera utilizá-lo pelos lados do campo e, eventualmente, como meia armador – função exercida atualmente por Cueva e Nenê. A tendência é de que o reforço estreie depois do carnaval.

L!

31 comentários

  1. E essa montagem ae… kkk

    Boto fé no Valdívia, carismático e sabe jogar bola… sabemos q oq o jogador faz dentro de campo depende de muitas coisas, quem sabe tudo se conspira a favor e ele volte ao bom futebol… e o mais importante, q não se lesione muito

    Estarei sempre na torcida

    • vou ter que discordar de vc, não estamos nem conseguindo tratar os nossos jogadores ultimamente, é só ver o caso do Maicosuel, chegou “bichado” e está indo “bichado” para o Grêmio

      SPFC perdeu a mão em tudo, é muito preocupante a situação que está o clube pra quem foi referência em quase tudo no futebol brasileiro

    • Estou um pouco mais confiante. Precisamos de elenco. Hj temos Anderson Martins, Hudson, shaylon, Brener, valdivia, trelez e Lucas fernandez como opções no segundo tempo. Sei que não manteremos a base pro segundo semestre pq o Leco e foda, mas esta seria a chave pro nosso sucesso.

    • Analisando friamente, nosso elenco só está abaixo do Porco, Mulambos e Marias! De igual para igual com Gambá e Gaymio. E acima dos demais! SP tem obrigação de ficar, ao menos, entre os 5 primeiros no brasileiro! Caso contrário, Tchau Dorival!

  2. Em principio é valida a contratacao do Valdivia, pois tem tudo para resgatar seu bom futebol no clube e aparentemente é bom de grupo, mas o que me deixa com a “pulga atras da orelha” é a opcao/decisao da comissao tecnica de que o Paulinho e o Caique nao servem, por ora, para serem nossos atacantes de flanco.
    Ainda que se possa argumentar que o Dorival e sua equipe assistem os garotos treinando, deveria-se dar mais oportunidades para os mesmos, principalmente no Paulista, sem resultar em prejuizo na formacao e definicao da equipe principal…
    Vamos ver se o Dorival vai utilizar mesmo a base ou se é so conversa Pra boi dormir..

  3. A atitude de querer acompanhar o time mostra que ta com fome. Ja é São Paulino, novo, ta respirando novos ares. Tomara que dê muito certo no São Paulo e que volte a mostrar o futebol que sabe jogar. Estou torcendo muito pra esse rapaz.

  4. Só o fato de ter contratado em “janeiro”.
    Elenco praticamente pronto ainda na fase de preparação mostra um entendimento melhor de equipe.

    Ano passado vinha um em fevereiro para jogar em março.
    Outro em abril para jogar em maio e foram chegando durante compeonato..

    Em 2016, no desespero tinham 2 a 3 jogadores medianos ou abaixo da media engatilhados para contratar na segunda metade do campeonato. Se MAC não tiver chegado e cancelado, teriamos mais dois ou tres salarios a pagar por dois a tres anos.

    Em 2014 a mesma coisa.

Deixe uma resposta