Venha 2018. Mas venha com títulos!

O ano de 2017 merece ser esquecido, mas também serve de aprendizado. Foi um desastroso ano para nós, desde a chegada de Rogério Ceni como técnico, que muitos sabiam não estar preparado para o cargo. É preciso separar o goleiro espetacular que foi, do grande ídolo que é do potencial técnico que ele será. Acredito que em 5 anos ele será um dos melhores técnicos e sinceramente, torço para que no banco tenha números tão impressionantes como teve em campo. Isso vai não apenas beneficiar ele, mas a nós, os mais de 20 milhões de torcedores tricolores. Ele voltará como Muricy, que voltou e nos deu 3 títulos nacionais!

Depois veio a chegada de Vinicius Pinotti ao comando do futebol. Um grande empresário, são paulino, sem dúvida, mas que não tem a menor experiência com os “boleiros”. Pode ser um grande negociador, como empresário, deve ser, mas ali no dia a dia, na “resenha” com os jogadores, não tem a “malandragem necessária”.

Os  reforços que chegaram como Goméz, Cícero, Denilson, Aderlan, nitidamente, jogadores sem o menor talento para vestir a camisa do São Paulo. Mas houve acertos também, como Arboleda, Petros, Sidão e Jucelei, a promoção de Eder Militão ao time titular, a chegada de Dorival Jr que organizou a casa e claro, a melhor de todas as notícias, a volta do profeta a sua casa! Hernanes deu outra cara ao time.

Bem, até o momento 2018 se mostra promissor. Agora temos alguém da área no comando do futebol, Rei do Morumbi, Raí, na minha visão, a melhor opção: ídolo, culto, preparado, educado, respeitado no mundo do futebol, campeão e claro, sabe a “resenha” do boleiro, mesmo com seu jeito tímido, sabe dar o recado, pois em campo, foi um monstro! E se preparou com cursos no Brasil e França para assumir o cargo. Idolo dos mais respeitados no futebol, pela sua história e caráter.

O cérebro do time estava mantido: Petros, Jucilei, Cueva e Hernanes. Raí tentou trazer em definitivo Hernanes para o São Paulo, mas com o salário astronômico do meia e o time Chinês o querendo de volta, Hernanes dificilmente jogará pelo tricolor em 2018, mas, somos o Clube da Fé, e vamos torcer para que haja uma reviravolta e ele volte a sua casa, o nosso tricolor!

O entrosamento de 2017 valerá, espero, para 2018, temos um meio de campo, mesmo sem Hernanes, muito bom com Petro, Jucilei e Cueva. Se o garoto Lucas Fernanes perder a timidez, ele poderá ter um excelente ano. Não vai repor Hernanes, mas vai ajudar o tricolor rumo aos títulos. Não temos mais “um time em formação” como em outros anos e isso me anima para sonhar com voos maiores em 2018.

A defesa, se manteve, até o momento, pois a janela da Europa sempre surge um time interessado em Rodrigo Caio, que acaba não dando certo. O Zenit, parece que está interessado, mas até o momento, só há especulação. Arboleda, ajudou a arrumar a defesa e o futebol de Rodrigo Caio também cresceu. Nas laterais, ainda temos problemas. Eder Militão está indo bem, mas quebra um galho. Gostaria de ver um lateral de origem ali, mesmo o menino mostrando personalidade e jogando muito bem, há de se elogiar! (Sim, critico e elogio quem merece), mas ele deve preferir jogar em sua posição, pois com certeza almeja Seleção Brasileira e Europa e jogando na sua posição terá mais chances. É, também, um excelente reserva para quando Petros ou Jucilei não puderem jogar. Um time não é feito apenas de 11 titulares. É preciso ter qualidade para repor e o time não perder o padrão. Militão tem minha confiança para, eventuais cartões ou contusões, que podem deixar Jucilei ou Petros de fora.

Na esquerda, Edimar, desculpem, mas é no máximo um bom reserva. Reinaldo, é um prato cheio para piadas, mas para jogar, no São Paulo, não tem talento. Espero que essas passagens pela Ponte e Chape tenham lhe feito bem, mas eu não confio. Jr Tavares, com a cabeça no lugar, deve ser o melhor entre os três, mas parece que está vislumbrado com o dinheiro e fama. Casemiro teve o mesmo problema, foi para a Europa, colocou a cabeça no lugar e está jogando muito bem, pois sempre foi talentoso. Jr Tavares é um garoto ainda, normal o dinheiro e a fama mexerem com a cabeça dele, mas acredito que Raí e Ricardo Rocha possam orientar o garoto. Tem um excelente potencial para ser o titular do São Paulo e, se mostrar vontade, ficar ali por muitos anos.

O ataque preocupa. Morato deve voltar. Só fez um jogo pelo São Paulo, foi muito bem, que ele repita isso em outros jogos. Maicossuel seria o titular natural, mas só se machuca e não consegue um sequencia. Marcos Guilherme, é um bom corredor, tricolor desde o nascimento, mas é no máximo, um bom reserva. Brenner é a aposta do São Paulo. Mostrou personalidade, ainda é novo, mas é uma aposta para em breve ser titular do São Paulo, pois tem “faro de gol”.

Pratto, o titular, perdeu a sombra de Gilberto, mas há chance de ir para o River Plate. Espero que não vá, é um centroavante brigador, que precisa fazer mais gols, mas não se esconde. Marcinho e Denilson saíram e Wellington Nem não deve permanecer. Esses três não farão falta alguma, mas mostra que o setor precisa se reforçar. Gostaria do Alexandre Pato no São Paulo de novo, Pato e Pratto seria um ataque de respeito, com Cueva e Hernanes na armação, no papel, daria muitas alegrias. Ainda há o sonho de Diego Souza, muito bom jogador, que poderia compor o meio de campo com a saída do Hernanes ou jogar mais a frente ao lado de Pratto. Me agrada um trio ofensivo com Cueva, Pratto e Diego Souza.

No gol, Sidão, teve altos e baixos, mas acabou o ano em alta, na minha visão, salvou o São Paulo em 2 ou 3 jogos. Jean chegou. Uma aposta do São Paulo, foram 9 milhões de reais, não lembro de um goleiro ter trocado de time por um valor tão alto, lembro do Vitor do Grêmio para o Galo por uma quantia alta, mas não sei se chegou a 9 milhões. Sidão, aos 35 anos, não terá uma longa carreira, Jean, com 22 anos tem ainda, pelo menos, 15 anos de carreira, a aposta é certa, preparar um goleiro para assumir a camisa 1 do São Paulo. Por hora, Sidão deverá ser mantido, mas se cair de rendimento, agora tem uma sombra com muito talento. Briga boa para o São Paulo, pois ambos vão dar o máximo para serem titulares.

Dorival Jr mantido. Desde 2009 se mostrou que trocar de técnico não é a solução. Foram vários nesse período e nenhum deu jeito, a não ser o titulo de 2012 com Ney Franco, que depois, brigou com Rogério e não teve sequencia. Fora isso só disputamos o campeonato e não títulos – mesmo que em 2015 ficamos com o vice no Brasileiro. Dorival Jr mantido, eu particularmente, gosto do trabalho dele, pois ele quer sempre, um time para frente. Bom, as cartas estão na mesa, a perspectiva está melhor para 2018 do que estava para anos anteriores. Que venham títulos!

E por fim, desejo a todos os leitores um FELIZ 2018. Repleto de sucesso, desejos realizados e muita paz!

Falamos sobre futebol, uma grande paixão. Nunca haverá uma unanimidade. Debates, educados, são sadios e bem vindos. Desculpe se fui um pouco mais agressivo com um ou outro, mas eu não acho justo ser criticado sem responder. Sou assim, transparente, sincero e dou a minha opinião. A todos, um enorme abraço e que Deus ilumine o caminho de vocês!

*Felipe Morais. Publicitário, apaixonado pelo São Paulo Futebol Clube. Sócio da FM Planejamento, Palestrante sobre marketing digital, comportamento de consumo e inovação. Coordenador do MBA de Marketing Digital e do MBA de Gestão Estratégica de E-commerce da Faculdade Impacta de Tecnologia. Autor dos livros Planejamento Estratégico Digital (Ed. Saraiva) e Ao Mestre com carinho, o São Paulo FC da era Telê (Ed Inova) – www.livrotele.com.br – facebook.com/plannerfelipe e @plannerfelipe

 

 

44 comentários

  1. Bom dia
    Todo ano pensava agora vai, este ano ainda não estou muito confiante, isso não me faz menos torcedor, antes que alguém de chilique.
    Mas algum título teríamos que ganhar esse ano.

    • Pior que agora tem que se justificar pra não ser rotulado simplesmente pq não aceita ou entende decisões absurdas. Quem sabe nos próximos dias não chega algum reforço pra ser titular e qualificar mais o time.

  2. Se vierem títulos. Ótimo
    Se não vierem. Paciência
    Seca nenhuma vai abalar o amor que sinto por esse Clube, não torço contra ou a favor de dirigentes.. torço apenas para o São Paulo Futebol Clube.

  3. Jean
    Militão
    Arboleda
    RC
    Reinaldo
    Jucilei
    Petros
    Cueva
    Marcos Guilherme
    Marinho
    Diego Souza

    Não precisa sair contratando agora que nem louco, os jogadores estão muito inflacionados pois fazem leilão nesta época de pré-temporada.

    Ainda mais, temos que aguardar alguma revelação da copinha (já existem 3 ou 4 na minha opinião). fora os mlks que já subiram.

    Também existe a possibilidade de contratar alguma revelação do campeonato paulista de custo benefício melhor que os medalhões, sempre surgem 3 ou 4 revelações por ano.

    Para finalizar, lembro que quase fomos campeões do returno em 2017, o Dorival encaixou o time na reta final e agora é manter a base que iremos ser competitivos.

    Resumindo, temos tudo para ter um 2018 COMPETITIVO!

  4. “Bem, até o momento 2018 se mostra promissor. ”
    Ao contrário, mostra-se decepcionante. Tivemos ontem uma “black friday” tricolor. Estamos cedendo jogadores para Vasco, Atl.Mineiro, River…….. Modus operandi similar a times como Ponte, Figueirense, Vitória……Além disso, mentiras para a torcida a todo momento.
    Desse jeito, serie B chega já no paulista.

    • Se você parar para pensar, cedemos jogadores que não jogaríam. Claro, a perda do Hernanes impacta demais no time, mas Iago não seria aproveitado, tal qual o Wellington e Matheus Reis. O Breno, queria de volta, mas ele optou por ficar lá. Como tricolor, eu sempre tenho esperança, pois a base foi mantida, mas vamos esperar o campeonato começar. Por hora, é torcer por dias melhores.

  5. O início de 2018 até agora não se mostra favorável, ao contrário é bem preocupante, mas no futebol as coisas mudam e acontecem mto rápido, talvez as coisas não fiquem tão ruim.
    Mas hj ao meu ver, nossa maior chance é que esses moleques da base consigam dar retorno rápido e talvez consigamos ter um acima da média entre eles, não é o cenário ideal, mas só vejo isso como solução a curto e medio prazo

  6. Vocês precisam pegar como exemplo bem recente, o Grêmio, é um time formado por “veteranos” e moleques da base. Olha até onde foram.

    Se nossos moleques subiram com aval do Dorival, devemos confiar neles. São nosso futuro…

  7. https ://blogdopraetzel.blogosfera.uol.com.br/2018/01/06/dorival-jr-nao-quer-apostas-como-reposicoes-no-sao-paulo/

    “O blog apurou que Dorival não quer apostas chegando ao tricolor. Espera por cinco nomes que cheguem e possam jogar, aumentando as opções e prontos para entrar na equipe.”

  8. Acho que o Autor do texto esta mto otimista…sinceramente acho que 2018 será a continuação do filme de terror de 2017, com a trilogia se encerrando em 2020. Não espero nada de bom do Lecão da massa, e acho que se seguir nessa toada ele vai queimar tds os idolos da historia tricolor, usando os mesmos de escudo e vai seguir belo e formoso.
    Estou desanimado com tudo isso, mas vms em frente!! Saudades de ver meu tricolor em campo!!!

    • Sim, amigo, sou um otimista com relação ao SPFC.
      Não concordo com o que a diretoria faz, com essas vendas, esse desmanche, mas precisamos acreditar! Manter a base do time, que foi bem no 2o semestre, anima, mas a perda do Hernanes vai impactar negativamente. Vamos torcer para vir um jogador de peso que possa agregar ao esquema e nos comandar para os títulos.

  9. O São paulo tem que parar é de encarnar esse papel de coadjuvante e vitrine. Estamos mal de grana, sim, mas longe de ser o pior da série A. Caso do Pratto, tá infeliz? Ngm sabe ao certo, mas só sai pela multa e pronto. Militão é jovem e potencial pra ser diferenciado, oferece um contrato justo, não aceitou volta pro sub-23, aqui não é vitrine. O clube tem que levar seus interesses em primeiro lugar, tem que focar em disputar título, vitrine é pra time médio…

  10. Bom dia,

    Gostei do texto, em geral penso quase a mesma coisa. Só tiveram duas partes que não concordei.

    Achei o texto incoerente ao dizer que Rogério só tem potencial enquanto que Raí está preparado. Ambos fizeram cursos aqui e na Europa e entendem a cultura do futebol. Ceni foi uma aposta e todos sabíamos que iria cometer erros, mas o seu desempenho também foi minado pela diretoria. Raí para mim é o mesmo caso, uma aposta. E Leco também pode atrapalhar seu trabalho.

    Outro ponto que discordo do texto é considerar o Edimar no máximo um bom reserva enquanto que Reinaldo é uma piada e não serve para o São Paulo. É muita má vontade com um cara que sempre quis estar aqui e escutou as críticas da torcida calado sem ficar de mimimi como fizera Maicon, Michel Bastos, entre outros. Garanto que o Reinaldo tem uma batida na bola melhor do que a de Edimar ou do próprio Jr.Tavares (apesar de eu também achar que o garoto com a cabeça no lugar é o melhor dos 3). O apoio ao ataque do Reinaldo também é muito bom e aqui mesmo no Morumbi ele já deu várias canetas partindo pra cima e se livrando da marcação, ou seja, com uma boa cobertura dos volantes ele pode ser muito mais útil que o Edimar. Aliás este último chegou dizendo que tinha consciência tática adquirida na Europa, mas não vejo qualidade nele nem no ataque e nem na defesa.

    • Prezado Icaro.
      Conhecer futebol, o Rogério conhece como poucos, porém, ele não se preparou. Ele fez estágio de 1 semana em alguns times, leu alguns livros. O Raí fez cursos de gestão na FGV e na França. Ele fez MBA nessa área. Ele se prepara há 10 anos para assumir um cargo executivo. Essa é a diferença entre eles. O tempo de preparação foi bem diferente e as fontes mais ainda.

      Eu espero que o Reinaldo tenha amadurecido, mas eu não acho que ele tenha talento para ser titular. Ele sempre ouviu criticas calado, porque é ruim. Tem um video que o Muricy tira sarro dele, porque nem lateral ele sabe bater. Pode ser bom jogador para times menores, não para o SPFC. Edimar, provou, ser outro cara sem talento para estar no SP. Ele era 3o reserva no Cruzeiro, pq seria titular no SPFC?

  11. Galera, o Hernanes veio, ficou seis meses e cumpriu a missão dele: jogou muita bola, fez gols e salvou o São Paulo.
    Agora ele vai voltar pra China, essa é a realidade. Ė outro patamar financeiro, não dá pra competir.
    Ficar apenas seis meses a mais nem sei se seria interessante também. Precisamos de elenco entrosado e continuidade.
    Infelizmente temos que pensar em 2018 sem o Hernanes.
    Obrigado Profeta!!!

  12. A única boa notícia desse ano, por enquanto, é a não contratação de jogadores de baciada… Isso já foi provado que não dá certo!

  13. Falar q o Rogério Ceni não estava preparado para ser técnico agora é muito fácil, mas coloquem o Guardiola naquele time do SP q já não era bom e depois troque todo a base do time q fez a pré temporada no meio de uma competição e contrate uns 10 jogadores, muito deles sem condição nenhuma de vestir a camisa do SP e veja o q dá….

    Tem muitos Casagrandes aqui nesse blog….fácil falar depois do q acontece…..e não enxergam os pontos fundamentais…por isso q os gestores do clube sempre faze a mesma coisa, pois sabem q só tem torcedor ignorante e mídia babaca….q dó veem os resultados!

    • Eduardo , isso e o que mais tem, tem ate quem defende o leco, bom mais isso faz parte de um blog
      democratico, que so e graças ao moderador.

    • Bom, eu estava no CT do SP no dia da demissão do Ricardo Gomes. Lá, já se falava que Rogério ia assumir e naquele dia eu disse que ele não estaria preparado ainda. Ele será, sim, um dos melhores, mas precisa começar por baixo. Foi para o Fortaleza, ótimo! Lá terá menos pressão e poderá fazer seu estágio, depois ele pode ir para outros times. Com Muricy, Guardiola, Tite, Mano, Abel foi assim… Telê, por exemplo, só treinou times grandes, mas começou nas categorias de base do Fluminense. Rogério deveria ter feito o mesmo.

  14. Em 2017, traveco e grêmio montaram times sem grandes nomes e com garotos da base e conquistam títulos importantes. Por sua vez, flamengo, crefisa e Atlético-MG gastaram muitos milhões para nada ganhar.
    Lição: time não se faz apenas com jogadores famosos e caros, mas com organização tática e disposição.

    Nosso maior reforço para esse ano é a manutenção da comissão técnica. Até me decepcionei com DJ, mas quero ver como vai se sair com pré temporada, acompanhando os garotos da base, que posso experiência em lançar e trabalhar com eles.

    Do time titular:
    A) perdemos o Hernanes (ou o ganhamos por seis meses), vamos aguardar para saber se continuará (vai negociar com chineses) ou se será possível repor (fala-se em Scarpa, o que seria muito bom).
    B) Pratto pode/deve sair e, neste caso, a reposição deve ser Diego Souza, que tem feito mais gols, participa mais da criação de jogada e está com vontade de cor e conseguir vaga na copa.

    E só. O resto é especulação (milésima negociação do R. Caio etc).

    Avaliando o elenco:

    Melhoramos a qualidade dos goleiros. Sidão cresceu nesse fim de ano e fez jogos muito bons e contratamos um goleiro de grande qualidade técnica.

    A lateral direita é um problema ainda, mas houve melhora, pois Militão e Bruno permaneceram (manteve o nível) e ainda temos o Hudson, que já foi bem ali. Além disso se está negociando reforço pata o setor.

    A defesa é um ponto que merece atenção para qualificação. Mantivemos os titulares (Arboleda e r. Caio) e os reservas imediatos (Bruno Alves e Aderlan). Perdemos um reserva que sempre era preterido (Lugano) e não aproveitamos dois que já estavam emprestados (Breno e Maidana). Ou seja, está igual a 2017, com a vantagem de que militão deve compor o setor e subimos o Roni. Mas, honestamente, acredito que possamos pensar em um reforço iara o setor.

    Melhorarmos a lateral esquerda com o retorno de Reinaldo, mais experiente e com umas sequência boa de dois trabalhos.

    Fortalecemos a volância com a contratação definitiva do Jucilei, o retorno de Hudson e a subida de Pedro (além do amadurecimento do Araruna).

    O setor de criação merece comentários específicos:
    A) mantivemos Cueva, Shaylon está crescendo (e foi bem no final do ano passado), Maicossuel deve finalmente está bem fisicamente, além da recuperação de Morato e talentos da base a serem trabalhados (LF, Cipriano, Helinho etc)
    B) Especulam-se saídas sem qualquer impacto qualitativo (Gomez e Thomaz).
    C) pode/deve estar perdendo uma grande referência (espero que consiga prorrogar). Hernanes tem liderança, qualidade de criação e e nome das bolas paradas. Precisamos ver como será a reposição. se vier Scarpa, não haverá prejuízo na criação de jogadas, nem na bola parada ( salvo na cobrança direta ao gol, que poderia ser pelo Jean).

    No ataque, saindo Pratto deve chegar Diego Souza, que tem desempenho melhor que o argentino. Brenner mais experiente. Gilberto, que já saiu ano passado, pode não deixar saudade conforme desempenho do Brenner. Subimos o Bissoli (que não gosto).

    Quanto ao atacante rápido, mantivemos o titular Marcos Guilherme e só perdemos reservas fracos (Marcinho e Denilson). Temos garotos muito bons de bola pedindo chance (Murilo, Paulo Boia etc.) e estamos com negociações avançadas partes o setor: ao menos um entre gabigol, boi, Marinho ou Robinho (não gosto da idéia), deve vir.

  15. Deixa os moleques jogarem.

    É o Paulista galera, pelo amor de Deus. E um mata-mata contra o Madureira.

    Brenner no mínimo faz a mesma média de gols que Pratto.

    Shaylon e LF podem fazer um meio campo técnico e objetivo.

    O time com Shaylon, LF, Brenner, M Guilherme conseguem segurar a bronca. Esse time consegue fazer tabelas, ultrapassagem, fazer um gol e cadenciar o jogo.

    Não vai ser um futebol com jogadas individuais, mas objetividade vai ter.

    • Concordo. Daria mais chances para a molecada no Paulista! Até para ver se o Lucas Fernandes perde a timidez e exerça em campo seu talento!

  16. bom dia.

    Neste inicio de ano um ponto deve ser destacado, que ao meu ver é positivo, o futebol esta sendo conduzido pelo Rai e até aqui não estamos vendo tanto a figura do Leco. Creio que esse primeiro semestre ainda será de ajustes para as competição mais importantes do ano, Brasileiro, Copa do Brasil e Sul-americana.

    Apesar de tudo, estou otimista para o ano.

Deixe uma resposta