Diretoria do Bahia explica negociações do clube com o São Paulo sobre Régis e Maidana

De acordo com o tricolor, situação de Régis está sendo resolvida entre Sport e São Paulo

O primeiro dia de trabalho do Bahia em 2018, na quarta-feira (3), foi marcado pela oficialização de reforços e avaliação do elenco. Mas também por alguns questionamentos. Durante entrevista coletiva de apresentação do planejamento da temporada, o diretor de futebol Diego Cerri e o presidente Guilherme Bellintani foram sabatinados sobre as negociações que envolvem o clube com o São Paulo:

A lista de novidades ainda pode aumentar. “Não gosto de me engessar com números. O que eu pretendo, em linhas gerais, é mostrar o conceito do meu trabalho, e como alinho isso com o treinador. A gente não trouxe atletas de grande renome, até pela realidade financeira. A grande estratégia é montar um elenco equilibrado, com bons jogadores, de bom potencial, que muitas vezes tente chegar na frente de concorrentes. Elber foi pretendido por muitas equipes, e nós trouxemos em definitivo”, explicou Cerri. O contrato vai até 2020.

Sobre a situação de Régis, que se apresentou ao Sport – clube com o qual tem contrato -, Bellintani explicou que o acordo para a permanência do meia no Fazendão está sendo negociado pelo São Paulo com o clube pernambucano. Régis foi incluído no acerto que envolveu a venda de Jean para o São Paulo.

“Régis é um atleta que tem seus direitos federativos ligados ao Sport, e nosso contrato com o São Paulo prevê que Sport e São Paulo se acertem. A partir daí, ele pode acertar com o Bahia. Até então, a gente não anunciou Régis como jogador do Bahia porque está dentro do prazo previsto. O acordo que fizemos foi esse, está tudo dentro do previsto”, explicou o presidente tricolor.

Por falar em São Paulo, Bellintani aproveitou para esclarecer a situação do outro jogador incluído na negociação. De acordo com o dirigente, os dois clubes ainda discutem qual atleta desembarcará no Fazendão. O prazo para o acordo é o início de março.

“A gente nunca anunciou Iago Maidana, esse foi um jogador especulado pela imprensa. Não consta uma cláusula no contrato da venda dizendo que tem que vir o Iago Maidana, mas uma cláusula de que tem que vir um outro atleta (do São Paulo). Estamos conversando, temos um prazo de 60 dias, até o início de março, para definir isso. É possível que ele venha, mas pode ser outro”, declarou Bellintani.

Correio 24 Horas 

69 comentários

      • Estou assustado com o desespero de alguns, pois ainda não tivemos “novidade alguma”, a não ser tudo aquilo que já era previsto:

        – possíveis saídas de jogadores importantes.

        – dificuldades em contratações.

        – péssimas negociações para o SPFC

        Bom dia, Zébia .

        Também permaneço no aguardo de melhores notícias do SPFC.

  1. Óbvio q essa decisão de atrasar a reapresentação do Maidana e ainda mais e Cotia, é pra forçar ele ir para o Bahia.

    Ô Raí, pô????!!!!! Cadê a liberdade de atuação?? Dá um murro na mesa e integra o garoto ao time principal…..manda o Leco lamber da sabão

  2. Impressionante como as notícias sobre o SPFC são confusas e deprimentes. Só sei de um coisa, estamos no terceiro dia da pre temporada e só “boas” noticias, saida do Hernanes, Prato……. Passou da hora de alguem da diretoria dar a cara né…..Exatamente como fez a diretoria do Bahia nesse post.

  3. http ://www.lance.com.br/sao-paulo/novela-maidana-zagueiro-nao-reapresenta-futuro-incerto.html

    Seria uma grande atitude do Raí ou Ricardo Rocha vir a publico e explicar a situação do moleque. Pagar 2.4M por ele, deixar encostado e perder dinheiro sabendo que em março ele assina pre-contrato com outro time é um absurdo. Se fosse um perna de pau ok, mas o jogador tem potencial e poderia ser vendido por umas 5x esse valor, no mínimo.

  4. Ansiosos por boas notícias, tenso.
    É só bomba, Hernanes saindo, Prato se fazendo, e sendo vendido, R.Caio saindo.
    Se concretizar essas saídas, já estávamos precisando de jogadores, agora então.
    Torço para que a direção já tenha algo para repor isso.

  5. Tem gente aqui que deveria esquecer o São Paulo por um tempo, vai curtir outra coisa… NBA, Nascar… tem algumas opções interessantes.. . Quando o São Paulo voltar as suas glórias voltem.. não vale a pena o “sofrimento”

    Torcer na Boa é fácil e desmerecer o título da sulamericana é de uma cretinice que só mostra a São paulinidade de alguns…

    • Deixe que as pessoas façam suas próprias escolhas , inclusive no modo de exercer o livre direito de torcer pelo clube e time de coração.

      Não pude perceber quem desmereceu nosso último título continental.

    • Vocês gostam de ficar se provocando né? Quem disse que o título de 2012 não é importante? Ninguém disso isso, cara. O Paulo reclama, com toda a razão, pois é o único título em 9 anos. Pra um time com a grandeza do São Paulo é ridículo. Não vejo a hora de passar essa fase. Tá pior do que aquela fase da reforma do Morumbi. Lá pelo menos tínhamos uma desculpa. Agora é pura má administração mesmo. Olha a Chapecoense, por exemplo. Os caras perderam o time todo e conseguiram montar um novo e ainda classificar pra liberadores. E isso com um orçamento sei lá quantas vezes menor que o do São Paulo. Que aula hein? Outro dia um camarada aqui do blog comentou sobre a dificuldade de transmitir a paixão pelo tricolor para o filho de 7 anos. Como fazer isso se o time só perde? Também tenho filho pequeno e sei como é. Mas a gente segue acompanhando, torcendo e debatendo cada notícia do nosso amado clube. Sempre na torcida por dias melhores e de glórias. Quem sabe a reação comece este ano. Abraço.

  6. https ://globoesporte.globo.com/futebol/times/sao-paulo/noticia/veja-os-motivos-que-fazem-lucas-pratto-pensar-em-trocar-o-sao-paulo-pelo-river.ghtml

    “Quando foi contratado pelo São Paulo, em fevereiro, Pratto ouviu da diretoria na época sobre a ideia de um projeto para formar um time vencedor. Isso consequentemente lhe ajudaria a ter destaque para se manter em alta na seleção argentina. A prática, no entanto, foi diferente da teoria.”

    • E esses são aqueles que se acham no direito de julgar outros tricolores.

      Geralmente se colocam em condição de “melhores torcedores ” …, e na maioria dos casos ainda defendem a diretoria.

  7. Esperao que tenhamos alguns esclarecimentos hoje na apresentação do Ricardo Rocha.
    E que os repórteres toquem realmente nos pontos cruciais, não ficar nas perguntas água de salsicha.

  8. Alô, Alô, Alô !!!

    Alôôô

    Vcs acham q só o Aidar tava metido no rolo do Maidana???? que a grana era 100% só pra ele???

    Certeza???

    Será q pra concretizar, não tinha mais gente pra chancelar???

    Prestem atenção

    • Pq vcs acham q o caso foi abafado dentro do clube??? dó do Aidar??

      tem , no mínimo uns 10 nesse rolo…..e a grande maioria ainda está lá

      • Isso é a tal transparência que o Leco pregou.
        Única transparência que há no mandato dele é que o pessoal dos cargos indicados vão receber ‘por dentro’…
        Já os por fora devem continuar a milhão e com bastante gente no bolo, já que ninguém sequer contesta um caso estapafúrdio como esse.

      • Leco, Aidar e o finado Juvenal, são da mesma panela, o mesmo grupelho incompetente.

        Lógico que cada um com seu interesse particular, mas no final das contas representando sempre o continuismo do grupo, não é atoa que os problemas nas administrações são os mesmos.

    • Marcelão, Bom dia!

      Sempre achei que tem mais alguma coisa que envolve a negociação do Maidana… Porque o medo de reentrar o garoto?

      O tempo e o senhor da razão… só o tempo dirá

  9. Esperava pelo menos um começo de temporada um pouco mais tranquilo, mas parece que começou mais quente do que 2017.
    Jesus do céu, se isso for um prenúncio do que está por vir vamos sentir saudades de 2017.
    Mas continuo depositando total confiança na trio Dorival Junior, Rai e Ricardo Rocha. Se deixarem nas mãos deles eu acredito que dá para superar todas as adversidades e termos um ano melhor. Não falo em títulos, isso para mim é utopia.

    • Concordo com você, o Dorival não é o técnico dos meus preferidos, acho que na hora H ele ainda não se impôs … por isso so tem títulos regionais, porem com Rai e Ricardo Rocha para dar esse apoio a ele pode reverter esse quadro… Gostaria de ver o Lugano com eles… os tais Dez mandamentos dele e bem bacana para dar uma segurada na molecada…

  10. o time chines nao ativou a clausula de retorno ontem, isso ja era sabido da diretoria ha tempos, ficaram calados na esperança de anunciar Diego Souza, olha perdemos o Hernanes mas repomos a altura…ai o Ricardo Rocha abriu ao publico. Saindo Pratto, RC, nao chegando ninguem…alguem acha que o Cueva vai estar comprometido e dando o sangue em campo?

    • Já era mais que provável que o Hernanes saísse em Junho, em pleno Brasileirão. Teríamos que remontar o clube sem nossa maior referência. Então não vejo como dramático a saída antecipada.
      O Rodrigo Caio é um caso de amor e ódio, mais pra ódio ultimamente, então caso seja um bom negócio, acho que podemos abrir mão.
      O Pratto não teve um time a altura mas ainda assim não justificou a expectativa que criamos em sua chegada. Caso possamos fechar com o Diego Souza e o Boi Bandido, acho q supriremos legal sua ausência.
      Aí é esperar q com a entrada de algumas dezenas de milhões de reais, consigamos fechar com um lateral, um bom atacante de lado e um novo zagueiro (q poderia ser o próprio Maidana).

  11. Assim como a grande maioria dos clubes brasileiros, somos reféns do amadorismo do futebol brasileiro. Um clube que gera pouca receita e basicamente depende da venda de jogadores para reforçar o caixa. Em partes é sim culpa da diretoria, mas para mim o peso maior recaí sobre a realidade da economia e o amadorismo geral.
    Sendo assim não culpo a diretoria pela necessidade de vender jogadores para equilibrar o caixa, afinal somos um clube com uma estrutura gigante e isso demanda recursos para ser sustentado.
    A única coisa que pedimos é que façam as coisas de forma planejada e com critério. Até hoje não vimos isso, pois o futebol era administrado por aventureiros, gente de fora do ramo.
    Não é pq hoje temos Rai e Ricardo Rocha que a nossa realidade financeira mudará, a necessidade da saída de jogadores está além da vontade deles, mas espero que as coisas aconteçam de forma mais planejada.
    Ainda temos um elenco de razoável para bom, fatalmente alguns jogadores sairão e não dá para cravar que nada está sendo feito para suprir essas saídas.
    O jeito é esperar a definição de todas essas incertezas.

    • Por isso digo que o Trabalho do Rai e do Ricardo Rocha e de médio a longo prazo…

      Essa mudança não é no estalar dos dedos, como muitos pensam aqui… acredito que ao menos um ano, para tudo estar em ordem…

      • É mais ou menos por aí.
        Precisamos passar por uma mudança cultural. O que funcionava antes agora não funciona mais e ainda não perceberam isso. O SPFC precisa passar por um reset e isso pode demorar um pouco.
        O que vemos pode ser novo, mas as entranhas ainda são ultrapassadas, muito ligada as tradições, conceitos arcaicos, incluindo o nosso presidente. Não vai ser fácil mudar isso.
        Rai e Ricardo Rocha são uma luz no fim do túnel. São pessoas do futebol com raízes no clube.

  12. Acho o Leco uma porcaria de presidente, junto com as múmias que o cercam…Mas nesse caso do Maidana, deve ter algo ainda mais pesado, que possa até prejudicar o time judicialmente para ele não querer reintegrar o cara ao elenco… O Leco é tosco, mas não rasga dinheiro..Aliás, se tem uma coisa que ele sabe fazer, é vender jogador, e o Maidana está valorizado, e poderia se valorizar ainda mais, e possivelmente poderia render uma baita venda, com uma gorda comi$$ão, se é que me entendem…

    • Em 3 meses ele poderá assinar um pré contrato com quem quiser…….não vão vender ….. querem q ele simplesmente evapore do clube…..desapareça……..um problema q vire pó com o tempo

    • Ele não rasga o dinheiro DELE…
      Deve ter recebido a comissa gorda no caso Maidana (ou pessoas com quem ele tem o rabo preso em outras negociatas) e por isso não está nem aí pro clube ser lesado ao perder o jogador sem contrapartida alguma.

      • Mas foi isso que eu disse.. Que tem algo ainda maior e mais pesado, para ele evitar de querer que o jogador jogue no SPFC e se valorize ainda mais…Algo que possa prejudicar ele, ou a galera dele, ou até com sanções ao clube….

  13. Corremos o risco de perder o melhor zagueiro do elenco, o único centroavante que temos e nosso melhor meio campista numa tacada só. E tem gente achando que isso é bom para o time, que a reposição será à altura. Que ingenuidade… não conseguimos contratar um LD, não conseguimos nem segurar nossos garotos, e acham que a coisa vai melhorar com essas saídas?

    Estou muito triste, achei que esse seria um ano melhor…

    • Todos estão esquecendo do Eder Militão, que também pode sair agora ou de graça daqui a alguns meses…

      O seu empresario e o mesmo do caso Oscar o tal Giuliano Bertolucci, sócio do Kia…

  14. O dinheiro que sustenta o clube e é gerido pelo presidente de plantão é fruto unicamente da torcida. A cota da TV, os patrocínios, a venda de produtos e a revelação de jogadores que são vendidos (a infraestrutura da base também é sustentada por essa grana). Aí uma só pessoa dá um rumo a esse dinheiro sem dar a menor satisfação a quem banca isso tudo. Inclusive quando provoca claros prejuízos, termina o mandato faceiro e vai continuar a tocar a vida como se nada de errado tivesse feito, muitas vezes ainda tendo influência no clube.
    Esse modelo não pode dar certo e não há esperança enquanto assim permanecer no Brasil. O uol traz hj um bom texto sobre a gestão não profissional do nosso futebol. Num trecho diz o seguinte, no que eu concordo: “Para o crescimento do futebol brasileiro e o surgimento de uma verdadeira indústria do esporte no Brasil, precisamos que o modelo atual de propriedade, e consequentemente de gestão, seja rapidamente alterado.”
    Não dá para esperar que almas boas assumam o nosso futebol. É preciso que as regras obriguem elas a andarem nos eixos.

  15. Impressionante como em um dia, sim 24 horas tudo muda! De especulações de contratações de Diego souza, Scarpa e outros, a, saídas de Prato, Hernanes e Rodrigo Caio, sem contar Maidana, posso queimar a língua, mas Raí e Ricardo Rocha, parecem meros coadjuvantes nesse circo todo.
    Que Deus nos proteja, se é que ele liga pra futebol.

    • A única pessoa que tem carta branca é o Leco.
      Por mais que Rai e Ricardo Rocha tenham poder e influência nas decisões, sempre terão carta branca somente até a segunda página da história.
      Eles não podem impedir a venda de um jogador se for por necessidade financeira ou, por exemplo, por algum problema com tempo de contrato.
      Cabe a eles planejarem como isso será feito de forma menos traumática e que exista um plano de reposição.

  16. A prioridade do clube deveria ser a renovação do Militão, o moleque tem 19anos, vestiu a camisa de titular e não sentiu, fez bom papel improvisado, é ótimo zagueiro. Perder Hernanes tá no script, perder um jogador como o militão é amadorismo. Na remota hipótese que o garoto não queira renovar pra sair de graça no ano que vem, deveriam afastar e botar pra treinar em cotia….Rs

  17. Sem dúvidas essa história do Maidana deve ter algo bem podre, tanto quanto o Aidar roubar o clube, ser expulso pelo conselho de ética em 2016 e em 2017 aparecer perambulando pelo morumbi como se nada tivesse acontecido. Nenhuma denuncia feita pra polícia, tudo jogado pra debaixo do pano e todo mundo que esperava algo vindo do clube, com cara de palhaço. É tudo farinha do mesmo saco essa gente.

    Pelo lado jurídico fica difícil imaginar qual é o problema pq ano passado foi dito que a CBF tinha dado aval pro moleque jogar.

  18. Achei bem oportuna e pertinente essa matéria que trata sobre a equação contratações x finanças dos clubes brasileiros:

    http://rodrigomattos.blogosfera.uol.com.br/2018/01/05/conta-chegou-apos-luvas-e-profut-clubes-vivem-crise-financeira-para-2018/

    ——–

    Esse trecho abaixo bem retrata o amadorismo e a forma irresponsável como os clubes vem sendo arrebentados por gestores absolutamente incompetentes e despreparados:

    ———

    ”O filme se repete. É só olhar para o passado para entender como será no futuro. O cara gasta com contratação e depois não tem como pagar salário. É como alguém que compra um carro e depois não consegue pagar IPVA”, contou Pedro… – Veja mais em https://rodrigomattos.blogosfera.uol.com.br/2018/01/05/conta-chegou-apos-luvas-e-profut-clubes-vivem-crise-financeira-para-2018/?cmpid=copiaecola

    ———-

    Teria o SP sido submetido a esse tipo de gestão temerária, nos últimos tempos ?

    Somente através de um projeto verdadeiro e por meio de um robusto planejamento estratégico de curto, médio e longo prazos, criado com base nas pilastras e transformações estruturantes introduzidas e trazidas pelo nosso novo estatuto, como governança corporativa e gestão profissionalizada, que se consolidariam com o advento do clube empresa, as coisas se resolveriam de vez.

    Enquanto isso, ainda bem que o cenário de momento tem mais se assemelhado ao mundo da razão, que da emoção.

  19. No caso do maidana, tirando todas as especulações, conjecturas e fofocas, a única informação mais concreta que fica é uma declaração do Marcelo robalinho, seu empresário, há um mês, de que ele quer ficar no Spfc, mas antes de decidir qualquer coisa precisava resolver a cobrança de uma dívida com o ex-clube, parte da compra pelo spfc.
    Ou seja, pra renovar com o tricolor ele exige receber do São Paulo uma dívida do ex-clube.

  20. Diretoria idiota. Deu 2 bons jogadores (Regis e Maidana – provavel) por um goleiro que nao era necessario e vem pra ser reserva , o pior e que ainda pagou milhoes por isso e agora diz nao ter dinheiro pra contratar scarpa, diego souza, ou manter hernanes.

Deixe uma resposta