Jucilei: Anúncio oficial do volante por mais 4 anos tranquiliza Dorival

“ÉÉÉÉÉ, JUCILEEEEIIIII, ÉÉÉÉÉÉ, JUCILEEEIIIII”. Representante da torcida em campo, cachorro louco do sistema defensivo e um dos pilares da reação tricolor no Campeonato Brasileiro, Jucilei é do São Paulo!

Nesta segunda-feira (18), a diretoria concluiu a compra do meio-campista, que estava emprestado pelo Shandong Luneng-CHN, e assinou um vínculo com o atleta válido pelas próximas quatro temporadas: até 31 de dezembro de 2021.

Reforço da equipe são-paulina para 2018, Jucilei deixa a camisa 25 para vestir a 8 nesta etapa que se inicia no Tricolor. O jogador, que criou identidade com o clube em 2017 e conquistou a confiança do torcedor são-paulino, contempla o planejamento do São Paulo em manter a base do time e formar um elenco forte para brigar por títulos no próximo ano.

“A campanha do segundo turno do Campeonato Brasileiro mostra que conseguimos montar uma equipe forte e competitiva para 2018. A contratação do Jucilei em definitivo reforça o projeto de manter essa base para entrarmos na próxima temporada em condições plenas de conquistar os títulos que disputarmos”, afirmou o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva.

O volante chegou ao São Paulo no início de 2017, emprestado pelos chineses até o final do ano, e rapidamente se firmou no time. Seguro na marcação e com boa saída de jogo, além de uma postura sempre comprometida que mostrou o seu profissionalismo, o meio-campista se tornou uma das principais figuras da equipe e encerrou o ano exaltado pelas arquibancadas.

Os números também comprovaram a eficiência do jogador, que deu segurança ao setor de marcação do Tricolor: em 35 rodadas da competição nacional, Jucilei efetuou 77 roubadas de bola (média de 2,2 desarmes por partida) e acertou 94,9% dos passes – um dos mais efetivos do torneio, com 1571 passes por partida (média de 44,9 por jogo).

Experiente, readaptado ao futebol brasileiro após um longo período fora do país e em casa no São Paulo, Jucilei fez 49 partidas pelo clube e tem um gol marcado – diante do Fluminense (1 x 1), no Morumbi, durante a disputa do Campeonato Brasileiro.

Torcedor são-paulino, teremos o ‘cachorro louco’ no meio de campo e o saxofone na trilha sonora em 2018!

Site Oficial

39 comentários

  1. Excelente. Como já disse várias vezes, na minha concepção mantendo a base desse ano, a única contratação que realmente precisariamos seria um segundo atacante ACIMA DA MÉDIA pro lado (o Pratto joga por dois e acaba caindo demais a produção).

    Para a lateral direita, não existe unanimidade NO MUNDO, podem analisar, o PSG até dias desses tinha o Van Der Wiel atuando por ali, fraquissimo, pra vcs terem noção, Hudson, Bruno e Militão (que vem jogando muito na posição), são suficientes. Pra meia, fora o Cueva e o Hernanes, o Shaylon mostrou nesse final de temporada que tem tudo pra ser um senhor camisa 10, por sinal mostrou muito mais que o badalado Lucas Fernandes, Maicosuel é otimo tb, pena ser de vidro.

    Enfim, zaga bem servida, ainda tem a volta do Maidana, volância fora os que já tão no grupo temos excelentes prospectos na base, se a ordem é acabar com as dívidas na minha opinião, é pra investir apenas em um segundo atacante FORA DE SÉRIE, nível Pato ou Gabigol.

    Sidão – Hudson – Caio – Arboleda – Reinaldo – Jucilei – Petros – Hernanes – Cueva – CONTRATAÇÃO – Pratto na minha opinião não deve EM NADA a qualquer time do Brasil no PAPEL, lógico que é um grande caminho entre o papel e o jogo jogado.

    • Compartilho da mesma opinião, só acrescentaria a pedida de um goleiro pra um futuro próximo. Acho que o Sidão tem um teto inferior do nível que precisamos para realmente atingirmos o status de “time que briga pelo título”. Se pegarmos os últimos campeões daqui do Brasil, todos vão ter em comum um goleiro que se destacou…

      Eu acho que com a chegada de um bom ponta direita daria até pro Marcos Guilherme fazer a lateral. Seria talvez o menor dos problemas.

    • Bem colocado meu caro.Porém, nao falta apenas um segundo atacante, pois a permanência do Hernanes é incerta, pois até o próprio acha dificil ficar…E ainda que Shaylon possa ser o seu substituto, jogou muito pouco neste ano para afirmações…O Paulista de 2018 pode ser a oportunidade de mostrar que pode ser o meia de criação….

      No meu ponto de vista, o meia que precisamos esta nas Laranjeiras…basta a proposta do nosso querido Tricolor ser a mais atraente, pois Scarpa chega pra ser titular.

  2. Com Juci, Petros Araruna e Hernanes estamos bem servidos de volantes.
    Falta um meia, um lateral direito, é um atacante de velocidade aí é só fechar a conta e dar tempo ao tempo que voltaremos ao topo

  3. O tricolor está negociando com os clube na calada.
    Porque se for verdade o RAI está matando a midia de curiosidade porque até agora não vi nada de concreto.
    sobre Gabriel .
    Scarpa tá negociando com 20 clubes.
    Diego Souza ouvi dizer que ele que 600 mil reais.
    Fica ai no sport mesmo.
    RAI liga pro Lucas do psg da um conselho pra ele vem pro são Paulo se valoriza porque ai ele tá sem moral.
    Hudson novela chata trás ele de volta já era.
    O cruzeiro tá fazendo a diretoria de bobo.

  4. Outro dia conversava com meu pai sobre o jogo do Grêmio e Real e chegamos a conclusão que não é só o poder financeiro para comprar as maiores estrelas que desequilíbra, é tbm o poder financeiro para manter a base dos times jogando junto por anos a fio, as vezes décadas.
    Quanto tempo o Messi joga com o Iniesta, mascherano, até pouco Xavier tbm, no Real então, o Marcelo, Benzema, CR, Sérgio Ramos e vários reservas que tbm ficam anos a fio e as vezes assumem até chegar um novo titular para manter o padrão do time. O próprio Curintia aqui no Brasil, hoje é o melhor não pq tem os melhores jogadores mas a base joga junto há muito tempo para os padrões brasileiros

  5. Base está pronta. Deixa o Hudson retornar e pronto.
    Agora é só qualificar, se possível, com jogadores acima da média em posições estratégicas. Nesta ordem de preferência:
    2 atacante
    Goleiro
    LD
    LE

    • Lembrando a quantidade de vezes que “encheram a paciência” reclamando que não podia contratar por empréstimo pois não teria como cobertura em definitivo. Que o passe é muito alto. Que o salário eta fora da realidade.

      Tá aí a melhor resposta patas o festival de reclamações. Vê se agora torcem mais e tumultuam menos.

  6. Ótima notícia.
    Suou a camisa e jogou com raça esse ano.
    Quanto ao planejamento, seria bom se começássemos o ano com o plantel minimamente definido.
    Até a próxima semana tínhamos que fechar:
    – lateral direito
    – goleiro
    – Scarpa ou DS ou Gabriel Barbosa
    – definir os retornos
    – definir as saídas
    – subir uns nomes da nossa base avassaladora tri campeã.
    Fazer uma boa pré temporada.

  7. “Cachorro louco”… coisa mais sem noção…

    Boa contratação. O valor pago ao clube chinês é pequeno perto do que ele vale. Neste caso os salários altos se justificam.

    Muito bom jogador.

  8. Ótima permanência, ele queria ficar, fez o esforço financeiro para ficar, jogou bola e para mim o caminho é esse, manter a estrutura do 2º turno com reposição especifica e de qualidade.

  9. Agora pega o Jucilei, o Hudson, o Reinaldo e troca pelo Scarpa.
    Estou brincando gente.
    Desculpe a brincadeira.
    Vocês me desculpam né?

  10. Ótima notícia, o Jucilei foi muito bem por aqui e a negociação foi boa para o clube e para o jogador, bola dentro da Diretoria desta vez!!!!
    Só faltam reforços para o meio/ataque e para a lateral-direita…

  11. Yaya Jucilenda. Ótima contratação. Nao teve primeiro volante melhor que ele no país em 2017. Espero que o Dorival consiga fazer ele jogar como no primeiro semestre. E deixa esse apelido escrotíssimo de cachorro louco pro volantezinho medíocre das peppa.

  12. Que continuem neste caminho, manter o elenco atual com reforços pontuais. Próximo passo é renovar com o Militão, Cipriano, Maidana e montar uma engenharia para fechar com o Hernanes no meio do ano. É fundamental neste ano brigarmos para sair da fila do Paulista e depois naturalmente o time ganha moral para as outras competições. Tudo dando certo, Caio e Cueva sairiam valorizados pós copa (na janela que paga mais) e seus substitutos podem ser os jovens mesmo (Militão / Shaylon)…

  13. Grande erro até agora foi o Edmar, obviamente, mas de resto acho que estamos fazendo o possível com o pouco que temos a disposição. Até o Jean, que me parecia um enorme exagero, tenho a impressão que ficou em suspenso ou só virá se for bem mais em conta (espero).

    • Acho o Edimar um disperdicio de dinheiro também, mas ao menos parece que não custou/custa muito, e é um jogador mediano, que dentro de um contexto faz seu papel, então para manter uma estrutura que estava melhorando pode ser válido, o mesmo vale para o Hudson, dentro de um contexto sua volta pode ser bem útil.

      • Olha, entendo seu ponto, mas se ele ganhar 10 reais e um pastel já vou achar 10 reais e um pastel de prejuízo mensal, além dos 400 mil (?) que custou. Pessoalmente acho um jogador horrível e que tira espaço de jogadores melhores e com potencial de crescimento. O Hudson até acho ok, mas espero que seja vendido ou bem usado pra trocas.

  14. Jucilei – grande contratação! Não há melhor hoje no mercado que o São Paulo pudesse contratar.

    E não haverá problema nenhum em negociar Rodrigo Caio, Cueva e Júnior Tavares com a Europa, porque teremos bons jogadores para ocupar essas posições, talvez até com vantagens. Será ótimo para esses jogadores e para cumprimento do planejado pelo São Paulo em 2018.

  15. O Futebol e um esporte globalizado,, Os custos seguem o padrão mundial, Porem as receitas são regionais, ai está o grande gargalo desse negocio.. Quando um pais entra em recessao por 3 anos, fato que parece que todo mundo se esqueceu, os custos seguem o padrao dirigido pela Europa,, as receitas caem de acordo com o custo Brasil. E o gap vai aumentando mes a mes. Se fosse uma empresa de produtos ela dispensaria mao de obra, fecharia filiais, mandaria mao de obra mais cara embora e contrataria mao de obra mais barata. Tudo isso pra se reciclar. Porem o futebol nao segue essa regra, Os contratos sao de longo prazo, os valores crescem de acordo com os valores mundiais e o clube se endivida pra poder manter seu poder de decisao nos campeonatos.
    Lembro que a uns 10 anos, os clubes estavam desesperados por que a folha salarial estava batendo em 3 milhoes/mes… passados varios anos, essas mesmas folhas estao batendo 9 milhoes/mes. Agora deem uma olhada nas receitas, vejam se cresceu 3 vezes .

    • O aumento de receitas depende da criatividade e da competência do administrador maior do clube e dos demais que ele nomeia. Se o São Paulo se tornasse uma empresa de futebol com acionistas, os empreendedores resolveriam essa questão facilmente, porque seriam especialistas em ganhar dinheiro, enquanto os dirigentes políticos atuais são especialistas apenas em gastança e em deixar para outro pagar a conta. Essa a diferença!

  16. Excelente contratação, só me preocupa o tempo de contrato, pensando com a razão quatro anos é muito tempo para um jogador prestes a completar 30 anos.

Deixe uma resposta