Hudson afirma estar curado e que quer ficar no Cruzeiro em 2018

A negociação envolvendo Cruzeiro e São Paulo pelo volante Hudson tem sido destaque no mercado de transferências deste fim de ano. E enquanto a Raposa e o Tricolor não chegam a um acordo para permanência do camisa 25 em Belo Horizonte, o jogador aguarda ansioso por um desfecho, se recupera da lesão sofrida na coxa direita em outubro e não esconde a vontade de seguir com a camisa azul.

Hudson recebeu prêmio de mérito esportivo na noite desta quinta-feira em Juiz de Fora, sua cidade natal no interior de Minas. O jogador falou brevemente ao GloboEsporte.com e admitiu a torcida para que tenha o futuro definido o quanto antes.

– É difícil. Essa indefinição é um pouco ruim, não sei para onde vou ano que vem, se vou ficar. Claro que tenho meus desejos, minhas vontades, mas são coisas que não dependem só de mim, do Cruzeiro ou do São Paulo, é um todo. Procuro lidar com isso da melhor forma possível e focar muito no tratamento da lesão. Sinto-me valorizado, feliz, mas torço muito para que se resolva logo para ficar com a cabeça mais tranquila.

Para ficar com o jogador, o Cruzeiro precisa pagar a cláusula no valor de 1,5 milhão de euros (R$ 5,7 milhões na cotação atual), fator que tem travado as conversas até o momento. Após a boa temporada com a camisa celeste, em que foi importante na conquista da Copa do Brasil, Hudson agradeceu ao carinho demonstrado pela torcida celeste e admitiu a vontade de seguir no Cruzeiro, embora respeite a decisão do Tricolor caso deva se reapresentar no CT da Barra Funda.

– Feliz demais (com carinho da torcida). Desde o princípio foi uma reciprocidade incrível comigo, me receberam muito bem. Estreei num clássico que vencemos (pela Primeira Liga), então as coisas caminharam muito bem ao longo do ano, coroado com o título importante da Copa do Brasil. Estou muito feliz, gostaria de ficar, sim, mas pertenço ao São Paulo e se tiver que voltar, voltarei feliz também. O tempo vai escolher, Deus está no comando – afirmou o jogador, vinculado ao Tricolor até o fim de 2018.

Lesão cicatrizada

Hudson também falou sobre o estágio da recuperação da lesão grau 4 sofrida no músculo adutor da coxa direita no fim de outubro, que o tirou do restante da temporada. De acordo com o atleta, a cicatrização está concluída. O foco agora é no fortalecimento da região para que o músculo não sofra sobrecarga. Ele garante que estará pronto para a pré-temporada, em janeiro.

– Recuperação está muito bem. Tive a mesma lesão ano passado, passei por exames esses dias e mostraram que a cicatrização está perfeita. Agora é só a parte do fortalecimento para voltar junto com o grupo e treinar na pré-temporada normalmente. Já estou correndo, faço todos os movimentos, os médicos foram bem claros comigo que com um mês e meio eu poderia jogar, mas como entramos de férias, não vai ter jogo, então vou aproveitar para fortalecer ainda mais – concluiu.

GE

38 comentários

  1. Vai dar negócio do Scarpa com as Peppas. Roger Guedes, Michel Bastos mais um, além de grana. Não temos jogadores melhores pra envolver.

  2. Pelo visto o Cruzeiro está fazendo uma negociação conjunta Hudon-Bruno Silva … O que vier primeiro é o que será.
    Com isto , eles vão ofertando e o time (Botafogo e são Paulo) que aceitar primeiro …

  3. O Lucas moura está sem clima no psg
    Telefona pro RAI ele negocia com o psg um empréstimo.
    O RAI se consegui ganha uma moral pra trazer ele .
    Ou o Lucas vai joga na China.
    O zagueiro Miranda acaba o contrato dele agora a inter não renovou com ele.
    Os cara têm mercado la fora
    Mas se quiser volta o RAI e o cara pra trazer eles.sem dúvida.

  4. Ele quer tanto o Cruzeiro. O Cruzeiro se encantou por ele e por sua garra, vontade e futebol. Então meus caros, pagam por ele e o levam. Vai nos fazer um enorme favor.

  5. Não é bem assim não galera, moro na mesma cidade que ele se encontra e meu cunhado está fazendo um serviço na casa dele em JF.

    Ele é São Paulino e está dividido. Um lado, tiraram ele da sarjeta e lhe proporcionou ser capitão numa Libertadores onde poucos acreditavam numa arrancada.

    No outro,virou ídolo, campeão e prestigiado.

  6. Olá Francis!

    Então, entendo que foi a ESPN que procurou o Ceni para falar sobre o assunto. Não se o que foi perguntado, mas de fato foi desnecessário tanto para o Ceni como para o Beale falar sobre aquilo. Bastava somente ter dito “Acredito no Rai e sei que ele tem capacidade de administrar o setor de futebol” pronto, não precisaria falar mais nada.

    Eles falarem essas coisas só deixou mais claro que os dois tem mágoas da diretoria e que eles ainda não entenderam que eles também erraram quando estiveram no SP.

    Seria mais sensato aos 2 que seguissem seu caminho e não falassem mais nada a respeito do SP uma vez que eles não fazem mais parte do SP.

    • Já ouviu falar em caso superado? Quem supera nem fala mais nisso e pronto. Quem que mídia continua falando besteira.
      Se eu sou dirigente e vejo o Rogério continuando com essas besteiras eu pego a lista dos jogadores que ele pediu e empresto pro Ceará. Rss

Deixe uma resposta