R$ 4,86 milhões: Artur é vendido para o Columbus Crew dos EUA

Mais uma venda no São Paulo ocorreu ontem: o volante Artur, que estava no Columbus Crew dos EUA.

Por R$ 4,86milhões, o Tricolor por meio de Pinotti aceitou a proposta americana e mais um garoto é vendido neste ano de 2017.

O São Paulo ainda manterá 20% do jogador para uma venda futura mas frustra Dorival que pediu o retorno do menino para compor a volância com um primeiro volante tendo opções no banco.

 

Artur foi finalista da Conferência Leste da MLS, jogou 27 jogos, deu 3 passes para gol e fez um tento.

Você gostou da negociação, tricolor?

Blog do São Paulo

 

Anúncios

165 comentários

    • Respeito muito o jogador, que tenha sucesso.
      Agora você falou uma coisa interessante. Esse dinheiro basicamente é a quantia proposta para comprar o Jucilei.

      Curtir

      • Estranho esse mundo do futebol. De repente o SPFC consegue vender um jogador sem a menor expressão que viria para ser reserva por um valor maior que o do titulaer que estamos comprando. A mesma coisa o Hudson que o Cruzeiro vai pagar quase R$ 1,5 milhão a mais que o Jucilei.

        Tomara que de certo.

        Curtir

        • O São Paulo precisa manter os titulares e contratar jogadores mais habilidosos e decisivos para melhorar a equipe e não sofrer tanto no ano que vem. Fato!
          Mas discordo em parte de vc.
          Os questionamentos são necessários.
          Não temos renda (patrocínios, cotas de TV, bilheterias, etc) suficiente para SEMPRE vender jovens promessas (que tem salário baixo e potencial de crescimento) para comprar medalhões.
          É como comprar carro pensando no valor da prestação, mas esquecendo dos custos de manutenção.
          Eu tentaria manter o Jucilei se os custos fossem adequados.
          Mas não dá para esquecer que o salário dele é muuuito maior do que o do Hudson e o do Arthur juntos. Multiplique a diferença por 36 ou 48 vezes (tempo de contrato). Além disso, some o valor da aquisição de um reserva e pense nos salários dele (imagine se pintar um Fernado Bob com salário maior do que o do Hudson). Some ainda luvas, impostos e comissões…
          A depender dos resultados em campo e de quem a diretoria contratar para reserva, a troca da dupla Hudson/Arthur pelo Jucilei/reserva vai custar dezenas de milhões.
          Pense na contratação do W.Nem, que fazia anos que não jogava futebol. Somando salários, direitos trabalhistas, impostos, luvas e comissões, ele certamente custou mais de 10 milhões ao SP. Por quanto o SP vendeu o Luis Araújo que jogou e joga mais que o W.Nem?
          Esse é o planejamento que nos faltou e nos colocou no buraco que estamos.

          Curtir

  1. Estava bem. Fazendo o primeiro e o segundo volante. Mas MSL é uma coisa, aqui poderia não vingar.
    Interessante que venha um reserva pra posiçao, ja que Jucilei deve se manter mesmo.

    Curtir

  2. Se estava em contrato que o time tinha a preferência na compra nada podia ser feito.

    O combinado não sai caro.

    E se chorar por causa da venda será pelo simples fato de poder reclamar, afinal, duvido que pelo menos 3 frequentadores do espaço tenham o visto atuar na MLS.

    Curtido por 1 pessoa

    • Realmente o combinado não sai caro.
      Mas é um modelo de negócio em que não vejo lucro para o clube.
      Fixar valor de venda após o fim do empréstimo é vantagem pros outros clubes. Se o jogador vai bem e é valorizado, normalmente pagam menos do que vale. Se o jogador vai mal, devolvem e ficamos sem mercado pra venda.
      A questão não é qualidade. O jogador pode não servir pro clube, mas tem mercado e poderia ser vendido por 30, 40% a mais.

      Curtir

      • Não é errado fixar, mas acredito que deveria ser por valores maiores.
        Ewandro é um exemplo.
        O Tavares estava indo para o mesmo caminho.
        Não sei exatamente como é essa política de fixação de valores, mas deveríamos valorizar mais nossos jogadores.
        Caso não queira mais o mesmo de volta e o clube tenha interesse mas acha muito caro, negocie no futuro, de desconto, pelo menos tenha essa possibilidade.

        Curtir

        • Até entendo que o valor não é muito alto porém temos que entender que o jogador quando saiu daqui não estava valorizado, pelo contrário era um jogador que nem a torcida falava muito dele, foi para o Estados Unidos e se deu bem, porém podia dar em nada, e quando você fixa um valor temos que colocar em conta o que o jogador é no momento para o clube (SPFC) e no momento era só mais um menino de cotia que não tinha se firmado nos profissionais, agora imagine se um clube oferecesse quase 5 milhões naquela época muitos poderiam dizer que foi uma negociação boa pois lembrando que o São Paulo tem ainda 20% dos direitos do jogador, e quantos jogadores os outros clubes grande do brasil vende e que já é realidade em seus clubes, titula absoluto e mesmo assim vende com preços medíocres, vamos ser realista eu acho que em cotia tem jogadores igual ou até melhor na posição que arthu, basta somente presta mais atenção.

          Curtir

    • Onde é que diz que o passe estava fixado? Ter preferência de compra é diferente de ter o valor fixado.

      Ainda acho baixo o valor, apesar de ter minhas duvidas se ele vingaria por aqui, mas seria um bom reserva.

      Apenas tenho receio de a reserva do Jucilei, se realmente ocorrer o negócio, ser feita por um Fernando Bob da vida.

      Curtir

  3. Parece um caminho sem volta.

    Nossa base tem por objetivo fornecer jovens, promissores ou não, craques ou não, ao mercado global de jogadores.

    Continuamos a contratar, pagando caro.
    Continuamos sem time.
    Continuamos sem futebol.
    Continuamos sem rumo, sem direção.

    Será que Aderllan, Bruno, Bruno Alves ou mesmo Maidana precisariam ser contratados.

    Ou mesmo Fernando Bob e Lucca, especulados …, sendo nossa base campeã em todas as modalidades ?

    Continuo no aguardo de melhores notícias e do balanço / 17.

    Deus salve o SPFC (inteiro e não desmembrado).

    Curtir

    • Pois é…….”cabeça gestora” de parte da torcida é igual dos dirigentes tricolor……resultado taí…..clube falido, sem títulos, sem uma base, time de veteranos caro e de aluguel

      Curtir

    • A diretoria merece críticas e coisa e tal, mas o pagamento do Maicon jamais esteve atrelado à venda do David Neres ou do Luiz Araújo, porque se assim fosse, a propagada ideia de alguns frequentadores do site de que o São Paulo paga à vista e compra à prazo seria desfeita.

      Maicon foi pago metade em dinheiro e metade com a cessão de 50% dos direitos econômicos de Ignácio e Luizão (ambos da base e de futuro ainda incerto). Foi isso o que eu li em várias fontes.

      Curtir

  4. O jucilei ganha 1 milhão por mês:
    500 SPFC + 500 China.
    Ele tem mais 18 meses de contrato na China e portanto tem 18 milhões a receber dos chineses.
    Essa contratação para o SP vai sair uma fortuna vai ter que arcar com uma parte desse valor que os chineses devem a ele.
    É ainda os salários de mais 03 anos de contrato 500 mil por mês + 3900 do passe…isso tudo por um volante que não marca, não faz gol, e não arma…um penteado e de bola no estilo Maicon feijoada.
    Esse milhão de euros deve ser o Rachid entre empresário e a turma do leco…podem apostar

    Curtir

    • Evidente que é para se ter desconfiança em se tratando de Leco e Pinotti, porém eu não consigo entender essa sua conta. A partir do momento que o São Paulo paga um valor ao clube chinês e ele aceita, este contrato que vc citou deixa de existir, não? Evidente que o jucilei vai querer luvas gordas por ‘deixar’ de receber esses milhões. Agora, concordo com você quando pensa que o valor pela contratação vai superar e muito esses 3,9 milhões declarados pela diretoria

      Curtir

  5. Este site é frequentado principalmente por economistas, gestores esportivos, sábios e videntes porque é impressionante como tendo poucas informações e detalhes eles traçam todo o esquema da contratação mostrando a forma estruturada de toda negociação nos termos atuais e futuros.
    Henrique Meireles e famosos videntes seriam aprendizes perto desses gênios

    Curtido por 1 pessoa

  6. Será que vale a pena vender um jogador de 22 anos por menos de 5 mi
    O mercado brasileiro está em outra realidade (falido). Já que quer fazer do clube um balcão de negócios porque não formar “produtos” que possam ser exportados pronto para o futebol europeu, fazendo intercâmbio durante a base é trazendo profissionais para preparar os meninos com futebol perfil europeu

    Curtir

    • Tricolor

      Eu acho que vale a pena vender, dependendo do potencial do jogador. E no SPFC é necessário ter alguem que faça esta análise. Não acho um mal negócio vender um jogador que em termos de futebol não é nenhum garoto, já que ele tem 22 anos.

      Temos alguns casos de eternas promessas, como foi o caso do Auro, o João Paulo que esta no Bahia e tantos outros que incham a folha de pagamento do SPFC e que não tem nivel para atuar no nosso time. As vezes pode ter potencial técnico, mas não tem profissionalismo e dedicação necessários para o futebol atual.

      Outro exemplo é o Junior Tavares, será que não seria bom te-lo vendido pelos R$ 30 milhões que o AJAX ofereceu ? Muitas vezes o jogador não é negociado e cai muito de produção.

      Gostaria muito que esta análise fosse realizada por pessoas muito sérias, como por exemplo o Lugano, o Raí, de forma conjunta com a equipe de análise técnica. E tivessemos um planejamento de elenco por pelos menos 5 anos considerando as equipes de juniores. Sinceramente um jogador que chega no SPFC com 15 a 17 anos, passa três a quatros anos nas equipes de base, deveriamos saber se vale a pena ou não investir neste jogador.

      Concordo com você sobre a questão do intercâmbio com clubes europeus, acho que seria um excelente negócio para ambos os clubes e para o atleta, e o mais importante seria identificar quem não vale a pena investir.

      O SPFC vende muito bem os seus jogadores, pelo menos é que divulgam, mas ninguem sabe o percentual dos agentes e demais comissões, e qual o valor que entra na conta do SPFC. Porque a divida nunca acaba.

      Grande abraço

      Curtir

  7. Tem também o colunista do EI que falou um monte de abobrinha e disse que é influente dentro do clube, que é amigo de um monte de gente e que vive fazendo fofoca nos bastidores. eshesheshesheshesh

    Curtir

    • O Araruna jogando de lateral direito eu até concordo que não tem condições para ser titular. Agora jogando como volante ele joga muito bem, é só ver os jogos que atuou na volância.

      Menos chefe, bem menos.

      Curtir

  8. 80% da base na verdade serve pra isso mesmo. Não virarão titulares, apenas pagarão o custo de Cotia. Agora o que não se pode fazer é rifar os outros 20% que é o que dará lucro e ganho técnico ao time. Simples assim.

    Curtir

  9. O Artur foi de graça por que é melhor que todos que jogam no sp e fez bom campeonato. acompanho ele desde 2015 quando veio para nos. Tem potencia para ser melhor que Jucilei

    Curtir

    • Acho o Arthur com potencial também, mas a frente dele está o Araruna e precisamos subir o Liziero até pela idade dele.

      Fosse um fora de série, tipo o David Neres, e sem reposição a altura a crítica seria justa. Mas, ele é um jogador com potencial de crescimento tal qual muitos outros da base e para a mesma posição.

      Vamos “trocar” no Jucilei, sobrar dinheiro e ainda preservar 20% dos direitos federativos do atleta para eventuais negociações futuras.

      Portanto, acredito ser um bom negócio.

      Curtir

  10. Não critico a venda em si, mas o modelo de negocio. São negociatas que não vejo em outros clubes ao emprestarem seus jogadores, além de colocar uma multa considerada baixa ainda prevê a possibilidade de vender apenas 50%, mesmo tipo de negociação realizada com o Hudson.

    Curtir

    • Exato, a venda não é ruim mas a forma como ela é feita (não é a primeira) pelo menos no meu ponto de vista, demonstra falta de capacidade do gestor que fez a negociação.
      O jogador é nosso, qualquer tipo de vantagem na negociação futura tem que ser nossa, mas eles sempre dão a vantagem para o outro time, é incrível

      Curtido por 1 pessoa

  11. E assim a caravana anda, no nosso SP… E nem os cães ladrarem eu ouço… Pelo contrário, os vejo por aí, felizes, abanando o rabinho, enganados, como pobres incautos que são, se contentando com as migalhas que lhe são oferecidas… Coincidência, ou não, o puro retrato do país, com suas reformas, as quais “acabarão com os privilégios” dos milhões de aposentados que ‘se dão ao luxo’ de receberem um salario mínimo por mês, esses ‘desaforados’, ora vejam… rs… Voltando ao SP, daqui a pouco, acaba dezembro, vem janeiro, inicia-se o Paulistinha, e nada de concreto se vê… Enquanto isso, o Palmeiras ‘nada de braçada’, e até o Small, recém campeão, já ‘se mexe’, trazendo Junior Dutra, e Renê Junior… E a diretoria do SP, “fazendo jus à idade”… Zzzzzzzzzzzz… rs…

    Curtir

  12. Wellington Nem.

    O Wellington Nem não foi aquelas coisas.
    Será por causa que o time também não estava aquelas coisas?
    Com um time melhor, o Wellington Nem também não atuaria melhor?
    O Pratto não faria mais gols com o Wellington Nem?
    Alguém pode dizer que se o Wellington Nem ficar, ele tira o lugar do Brenner, do Helinho.
    Olha a lição da Libertadores de 2016, onde os desfalques prejudicaram o São Paulo.
    Imagine esses desfalques atormentem o São Paulo em 2018 bem em confrontos decisivos.
    Então se o Wellington Nem ficar, todos vão ter espaço, seja ele, o Brenner, o Helinho que foi citado pelo Dorival.
    Eu entendo que alguns jogadores demoram para se firmar.
    Não era do meu tempo, mas dizem que o Careca levou um tempo para se firmar.
    O próprio Fluminense em 2011 chegou a emprestar o Wellington Nem.
    O único problema no meu ponto de vista em manter o Wellington Nem, é por causa disso a Diretoria deixar de trazer algum reforço.
    Aí não pode.
    Alguém vê mais problema além desse?

    Curtir

    • Problema é que quando o time estava jogando bem, o Wellington Nem tb tava jogando mal.

      Sinceramente não vale a pena manter, ainda mais ganhando 500 mil por mês. 500 mil é salário de quem vem e decide jogos, não de apostas

      Curtir

    • WN é bichado. Vivia tendo contusão muscular antes dessa última. Além do mais tem uma má vontade desgraçada para marcar. Como ele não é o cara onde os outros correriam por ele satisfeitos, vamos entrar em campo já com um a menos contra os outros.
      É por isso que uma Chapecoense se supera. Todos colaboram.

      Curtir

    • Cleiton, WN não tem a minima condição, foi sem dúvida alguma um péssimo custo benefício. Se o departamento de analise e desempenho funcionasse jamais o clube teria contratado o jogador, em anos de futebol ucraniano teve os mesmos problemas que teve aqui, pouco futebol, muitas lesões e quase não jogou.

      Curtir

    • A melhor fase do Nem, é a mesma que a fase normal do marcos guilherme (que deve ser muito mais barato).
      Pra mim foi a maior decepção do ano, absolutamente perdido, sem confiança, com um físico horrível, fraco poder de finalização, drible e etc.
      Se quiser ficar, teria que diminuir uns 70% do salário pra valer o risco

      Curtir

    • O problema do Nem é exatamente o mesmo dos últimos três anos: nunca está à disposição.
      Independente da fase que o time passou ele não estava apto a jogar, pois, como nos últimos anos, ele passou mais da metade da temporada machucado e/ou se recuperando de lesões.
      O custo/benefício desse cara só tem o custo.
      Esse é o histórico dele. Duvido muito que vá mudar. E arriscar por R$ 500 mil/mês não vale a pena.

      Curtir

  13. Será que nenhum ficara no São Paulo?

    Arthur foi vendido.

    Iago Maidana será trocado pelo goleiro.

    Lucas Fernandes será trocado.

    Hudson ficara no Cruzeiro para reforçar o Cruzeiro.

    Breno ficara no Vasco.

    Nenhum presta desses?
    E Elenco?

    Se for pra testar em 2 jogos do Paulista a base e depois usar em toda temporada ótimo.
    O problema de usar a base, é depois ficar jogando no lixo como foi o Auro, Lucas Farias, João Paulo.

    O outro problema é ficar contratando jogadores estagiários: Thomáz, Denilson, Marcinho, Jonatan, Bruno Alves, Aderllan.

    Curtir

  14. Em resumo, vendemos 50% dos direitos de um garoto que seria terceira ou quarta opção (e ainda preservamos 20% em caso de valorização futura) por um valor superior ao que pagaremos por 100% de um titular absoluto (Jucilei).

    Curtir

  15. Não entendi porque todo mundo ta considerando que teríamos que pagar o valor que o Jucilei teria a receber até o fim do.contrato.
    Se eles negociam com ele que pode ser que aceite reduzir o salário é porque pra ficar ele tem que aceitar essa redução não?

    Curtir

    • Também acho, mas tem opção de compra no contrato – aí, se vier com o dinheiro, não dá para segurar. E também não dá para segurar se o jogador não quiser ficar. O São Paulo de hoje não é o mesmo de antes.

      Curtir

  16. Nas poucas oportunidades que teve aqui, embora discreto, me deixou uma boa impressão.
    Agora com um pouco mais de experiência acho que ele poderia mostrar mais.
    Mas sem não tem outro jeito, se for uma prerrogativa do time americano contrata-lo, paciência…
    Talvez valha a pena reavaliar as condições de empréstimo desses jogadores.

    Curtir

  17. E eu acho engraçado o desespero pelos valores… Se vcs não perceberam ainda, o cara é uma aposta, e o SPFC vendeu apenas 50% do valor do passe de uma aposta(que pode dar certo ou não) por quase R$5 milhões…. Poderia ser melhor? Sim, mas não é um péssimo negócio como alguns parecem achar…E MLS não é parâmetro algum para um bom jogador…

    Curtido por 1 pessoa

  18. Arthur até parece bom jogador, mas é uma incógnita não dá pra saber se iria vingar com nossa camisa ou não, seu valor de venda será útil pra manter um titular q já provou ser mto útil e esta entrosado com os demais do elenco.
    Pra mim sem reclamações no negócio…

    Curtir

  19. Fixar valor de venda é medida correta em contrato. Agora, os valores que devem ser coerentes. Hudson e Artur por 1,5 mi de euros. Evidente que não se encontra reposição. O Palmeiras pagou 13 milhões pelo Bruno Henrique. Jogadores no mercado são caros. O São Paulo que faz maus negócios.

    Curtir

  20. Outra, a questão não só apenas os valores. O Arthur no São Paulo seria muito útil. Araruna é fraco, não vejo nenhum brilho nele. Por algum motivo é querido e tem paciência com ele. Ou seja, temos um primeiro volante e um segundo, com o Araruna não se pode contar. Hernanes é terceiro homem de meio de campo.

    Curtido por 1 pessoa

  21. Inacreditável. Jogador emprestado para uma liga com muito dinheiro por estes valores. Que visão.
    Bom jogador. Mostrou na base. Gostaria de te-lo na equipe. Aguardem…..ainda vamos ouvir falar esse nome futuramente. Vai crescer futebolisticamente e logo estará na Europa.
    Enquanto isso vamos de Araruna…….😒

    Curtir

  22. Otimo negócio. Liga americana é pior que a série b. Essa diretoria é um lixo , mas precisamos parar de reclamar de tudo. O jogador não seria aproveitado. Não se mostrou bom

    Curtir

  23. Depois do jogo de domingo, Lugano retirou a placa com sua foto que ficava no vestiario. Assim como Rodrigo Caio, Militão e Thomaz. Antes Alexandre Pato, antes de sair do SP. Seria um sinal da saida dos 3?

    Curtir

  24. Só uma dúvida, agora todos os empréstimos são vinculados os valores de compra? É difícil parametrizar o valor quando falamos de um jogar de base, que pode não se destacar inicialmente e depois no clube que está emprestado se destacar e valorizar e acabar sendo adquirido a preço de banana….sei la, podiam ver se só emprestavam mas sem esse vínculo ou opção de compra, não sei se é viável.

    Curtir

    • Não trazem o Autuori porque ele vai querer fazer a coisa certa. Ia ocorrer o mesmo que houve com o Renê Simões. Não quis ser vaquinha de presépio quando via coisa errada e aí honestamente pediu o boné e se mandou rapidinho.

      Curtir

  25. Tem a sala da justiça , e esse blog é a sala das lamentações. Agora se lamenta da venda do Arthur. Jogador comum,igual a ele no sub 17 e sub 20 tem una dois ou 3. Pagamos 250 mil reais pelo jogador e vendemos um parte por 4,8milhoes e tem gente achando que fizemos negócio ruim,. Agora o Cristo é o Araruna,, era a solução caseira da lateral direita,,agora não serve mais , tem que tentar o cara de volante ou emprestar pro Fortaleza,

    Curtido por 1 pessoa

    • Se vendesse o Arthur por 5,5 milhões, 6 milhoes, 6,5 milhões não seria melhor ?
      Eu não lamento a venda, apenas acho que o SP pode melhorar a forma de fixar os valores e ter mais poder na hora da negociação futura

      Curtir

      • Mas será que conseguiria vender por mais que isso mesmo? A MLS é uma das ligas que menos gastam no mundo. Alem disso ir bem na MLS nao dá mercado para Europa ou outras ligas. Talvez pagassem mais, talvez nao. Estamos falando de um volante que foi bem e só. Nao de um jogador que decide jogos e tudo mais. Se vendesse por 6 milhoes iam falar q dava pra vender por 7 e se vendesse por 7 iam falar que dava pra vender por 8. Ficaremos sempre no que poderia ter sido. Mas considerando o valor negociado pelo Hudson, pelo Jucilei, pelo Petros, 1,5 milhao de dolares pra ficarmos com 20% nao é nada mau…

        Curtir

    • É o elenco que o São Paulo tem formado nos últimos anos, não ganha nada e todos depois são substituídos. A incompetência deixou de ser circunstancial para ser regra.

      Curtir

  26. Como as pessoas tem má vontade de procurar informações antes de emitir opinião.

    Compramos 70% o Arthur por 400 mil a um ano do time de SC. O mundo inteiro sabe disso pq o contrato de compra e venda tem que ser registrado na FIFA. Um ano depois vendemos por 4,86 milhões, lucramos 1.100% o que pagamos em uma ano do cara jogando na MLS. O contrato previa venda da nossa parte inteira, preservamos 20% ainda do moleque.

    Mas tem gênio que acha que foi um mal negócio. Pior que o famoso zé ninguém de um ano atrás comprado por 400 mil deveria ter cláusula de 20 milhões, e o time americano era obrigado a aceitar.

    Tem peão aqui que nunca deve ter vendido uma bicicleta na vida mas acha cheio de razão de criticar a venda de um atleta sem conhecer o mesmo e as condições do negócio. É muito arrogância ou burrice mesmo.

    Curtido por 1 pessoa

      • Falou quem sabe fazer contas. Percebo sua dificuldade mas eu desenho:
        Valor compra 400 mil
        Valor venda 4,86 milhões
        Percentual retido: 20 % (1,92 milhões)

        Total da transação: 6,78 milhões
        Custo do atleta: 400 mil

        Lucro do SPFC: 6,38 milhões (1.580%)

        Lucrar 1.580% em um ano é um mal negócio?

        Curtir

        • A questão não é bem essa, se você considerar o atleta como mercadoria, pense na quantidade de atletas emprestados e quantos foram vendidos após o final do empréstimo, vai ver que estes representam um numero muito pequeno. Mas, são justamente desse numero pequeno que se abate o prejuízo dos outros, não só os emprestados mas os que são da base e também foram adquiridos percentuais como o Arthur e não vingaram.

          Curtir

        • Me mostre, em todas as postagens que eu fiz onde disse que considero que foi um mal negócio.
          Acho ele um jogador normal.
          Você que não entendeu meu raciocínio, mas tudo bm, vou vender minhas bike

          Curtir

    • Se os peões não conhecem, talvez seja interessante que nos apresentem. Me parece um modelo idêntico ao firmado com o Cruzeiro em relação ao Hudson. Se der certo, ótimo para quem adquiriu o empréstimo, caso o contrario, quem emprestou recebe um abacaxi nas mãos.

      O clube precisa muito mais de ganho técnico do que propriamente o financeiro, se vender tem que repor com uma peça do mesmo nível, o dinheiro é suficiente?

      Augusto Galvan com apenas 17 anos, sem nunca ter jogado no profissional foi vendido esse ano por 3 milhões de euros para o Real Madrid. Ou seja, estaria na mesma proporção do Arthur que teve seus 50% vendidos por 1,5 milhão de euros. Será que no caso, um jogador emprestado (fator risco), não deveria valer mais? pelo menos no que diz respeito as clausulas contratuais.

      Curtir

      • Denis são casos totalmente diferentes.

        Primeiro que atacantes são muito mais caros que volantes.

        Segundo pq Galván tinha na epoca 17 anos, Arthur 22 logo em estágio final de evolução.

        Terceiro Galván é destaque das seleções de base do Brasil desde do sub 15, Arthur até os 20 anos jogava num time de segunda divisão de SC.

        Por ultimo Galván foi cobiçado por times de ponta da europa, que tem possibilidade enorme de investimento. Arthur despertou interesse de um time recém criado do EUA da quase invisível MLS, com baixo poder de investimento.

        São tão diametralmente opostos que fora terem passado pelo SPFC não tem nenhum ponto de comparação.

        Curtir

        • O Arthur jamais atuou nessa equipe de Santa Catarina, apenas foi registrado lá depois de misteriosamente abandonar a base do Bahia e chegar até a nossa base, a famosa ponte que rendeu a quantia paga pelos 70% do jogador. Fato curioso mas peculiar no nosso clube.

          Curtir

  27. ainda bem que voces nao sao diretores do sao paulo,, ficam de birrinha,, nao servem nem pra vender couve na feira.. negociação de jogadores nao e feita pelo UOL,, e feita em varias conversas , idas e vindas por que tem varios interesses envolvidos.

    Curtir

    • Ta certo, você falou ta falado, oq vc disse é real, não da pra negociar um valor mais elevado.

      (Só pra constar, aposto que tem muitos vendedores de couve na feira que são melhores negociadores que você e que os dirigentes do SP, pq eles ralaram pra conseguir a couve, pq eles precisam alimentar suas famílias e dão real valor no produto que vendem)

      Curtir

  28. Estupidez completa. Dinheiro de pinga pra um garoto promissor, titular da Sub-20 que ganhou tudo na base. É menos que o valor do Hudson… Uma piada.
    Quem vocês acham que o São Paulo vai conseguir comprar com esse dinheiro? Zé das Couves?
    Essa grana não paga nem 1 ano de salário do Jucilei, quanto mais luvas e encargos…

    Curtir

  29. Minha opinião é de que ele foi bem vendido. Ainda mais mantendo a porcentagem. Nunca vi nada demais nele na base. Nao vou considerar o que ele jogou com o Bauza pq ele tinha acabado de subir e o esquema era praticamente um 4-2-4 desorganizado.

    Acho que ja temos jogadores no elenco e na base pedindo passagem que, na minha opiniao, mostraram mais potencial como o Araruna, Liziero, Luan..

    Sobre os valores, o mercado americano nao paga fortunas ainda mais para jogadores sem nomes. E o futebol americano nao dá visibilidade alguma pra outros mercados, como o Europeu, talvez dê para o mexicano que paga melhor. Acho q com uma multa maior poderíamos negociar um valor maior sim, mas nada demais. Nao podemos ignorar a realidade de que precisamos vender jogadores todo ano (todo santo clube brasileiro, exceto Palmeiras e Flamengo que tem seus mecenas, precisam) e, pra mim, é melhor vender o Artur do que outros nomes.

    Obvio que daqui 3 anos o Artur pode ter se tornado jogador de seleção e tudo mais. É algo que sempre pode ocorrer. Alguns badalados como o Mirrai nao dão certo, outros que pareciam que nao dariam em nada viram destaques.. é normal.

    Curtir

    • Rapaz… e eu que nunca tinha vendido bicicleta vendi o meu Opala de 30 anos anunciando na Webmotors. Será que não valeria à pena o São Paulo fazer o mesmo ou até um leilão de jogadores todo final de ano estádio do Morumbi? Vejam aí vocês que sabem vender bem – a sugestão está dada.

      Curtir

  30. Benguele tambem ganhou tudo na base,,, e ai , quanto vale benguele hoje, e foguete,, e Lucas nao sei do que, e o centro avante Pedro Bortoluzzo,, tem todos os titulos do Arthur.

    Curtir

  31. Galera para 2018 já temos uma espinha dorsal, e Jucilei faz parte dela , temos também um técnico (muitos gostam e outros não , essas coisas não acontecem deste o tri campeonato brasileiro!

    Curtir

  32. Boa venda, desde que seja para preservar os atuais titulares. Praticamente o mesmo valor que irá entrar pelo Hudson, entre Artur e Hudson eu preferia o retorno do segundo, aliás se é pra dificultar negociação e conseguir mais grana, também acho bem mais factível jogar duro com o Cruzeiro sobre o Hudson. Caminho é este pessoal, nos desfazer de caras que passam anos e anos sendo emprestados, só gerando custos ao clube, com este dinheiro manter nossa base que terminou o ano e dar espaço pros moleques.

    Curtir

  33. Muita gente nunca viu o jogador atuar.
    Ele não está num centro desenvolvido futebolisticamente.
    Não foi destaque na sua equipe, como a própria tbm não foi.
    Vendemos e ficamos com 20% mesmo sem ter 100% do jogador.
    Esse dinheiro ajuda na compra do já experimentado e exaltado Jucilei.

    Bom negócio, nada a reclamar, ao contrário.

    Curtir

    • Depois não vende, o jogador vem, três, quatro ou cinco partidas parte da torcida já decreta a sua “mediocridade” e culpa a diretoria por não ter vendido…

      Fora que tem contrato, se está constando que eles podem exercer a cláusula de compra, o que há a fazer?

      Ahhhhhh, mas colocaram valor baixo na cláusula!!!!! É, mas quem garante que se colocar valor alto o outro clube vai querer o jogador quando fizeram empréstimo? Acham que é simples, vai lá, coloca 100 mi de doletas e o outro clube aceita… rsrs

      Curtir

      • Exatamente Marcio, concordo. Acho a diretoria péssima em muitos aspectos, mas sobre isto não acho que eles estão errados não, aliás conseguiram nos livrar de alguns encostos ano passado.

        Curtir

        • Tava com preguiça de comentar. Mas disse exatamente o que penso.
          Tudo certo.

          Parte de Cotia tem que ser para venda ou exportação.
          Por uma questão de justiça com o garoto e com a familia dele.
          Alguns anos com times medianos e a carreira do garoto valeu a pena para a familia e para ele mesmo.
          Que seja na China, Arabia, Portugal, Espanha, leste europeu ou Ásia.

          Maioria dos diferenciados da base será no máximo mediano no adulto.
          O craque tem potencial de ser diferenciado mas potencial pode não ser atingido.

          Curtir

    • Andrés Sanchez? Aquele que afirmou que o Itaquerão seria o estádio mais barato construído para a Copa e que seria pago facilmente em poucos anos? Aquele que afirmou que havia 6 ou 7 interessados no naming rights e iria fechar um acordo poucos dias após a inauguração?

      Qualquer coisa que esse cidadão “afirma” não vale um centavo. Não sei porque alguém ainda presta atenção nessa figura.

      Curtir

    • Será que valeria a pena fazer um leilão agora perto do Natal, no estádio do Morumbi, para pagar todas as dívidas? Quem comprasse uma cota da dívida levaria o passe em uma lista prévia de jogadores. Assim faria uma limpa de jogadores e de dívidas. Seria o atacadão do Morumbi.

      Curtir

  34. Se esse Capital, for pra uso exclusivo na aquisição do Jucilei, eu estou de acordo, o pouco que vi do Arthur na base não me animou, porem um jogador de 20 anos por 4,8 milhões é muito pouco, pra mim era 6 Milhões o preço certo, pouco mais, porem acho que seria mais justo.

    Curtir

Comente aqui, Tricolor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s