São Paulo FC será o primeiro do Brasil a implementar tecnologia de gestão de negócio em tempo real da SAP

Clube será o primeiro do Brasil a implementar a tecnologia de gestão de negócio em tempo real da SAP

O São Paulo Futebol Clube deu um passo importante para aprimorar e modernizar sua administração. O clube do Morumbi implantará o SAP S/4HANA, o mais avançado sistema de gestão integrada do mercado, que processa dados em tempo real.

O sistema desenvolvido pela SAP, fornecedora alemã de tecnologias para gestão de negócios, ajudará o São Paulo a administrar de forma digital e automatizada os departamentos de finanças, gestão fiscal, suprimentos e controle de ativos e bens —como prédios, terrenos, centros de treinamento, entrada e saída de materiais, estoque de produtos e medicamentos, entre outros processos

Também será digitalizada a gestão de contratos e CLT. Com a implantação de um sistema como o SAP S/4HANA, o ganho de produtividade, economia de tempo e recursos gastos com processos burocráticos pode chegar a até 80%.

O acordo faz parte de um esforço da gestão do presidente do São Paulo FC, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, para aprimorar a Governança Corporativa do Tricolor, conforme previsto na reforma do Estatuto do clube, aprovada em dezembro de 2016.

“Com essa iniciativa, o São Paulo faz um investimento em seu futuro. Nosso clube sempre foi referência de organização e planejamento. Ao apostar no uso das tecnologias mais avançadas para modernizar a gestão, reforçamos essa posição de vanguarda”, comenta Barros e Silva.

O segmento de Esportes e Entretenimento é um dos 25 setores de mercado em que a SAP atua. “Ao passar a utilizar o SAP S/4HANA, o São Paulo Futebol clube contará com um sistema de gestão de ponta, utilizado pela maiores empresas do mundo. Este é um grande passo para profissionalizar ainda mais a gestão administrativa do tricolor, não só para esta mas para as próximas gestões que vão comandar o clube”, destaca Denis Tassitano, diretor de vendas da SAP Brasil.

Atualmente, clubes de ponta no mundo utilizam soluções SAP para otimizar gestão do negócio, de desempenho de jogadores e de engajamento com torcedores, entre eles o Bayern de Munique, Manchester City e o time alemão TSG Hoffenheim, que utiliza uma série de soluções SAP e que é patrocinado pela SAP.

 

São Paulo na nuvem

A implantação do SAP S/4HANA levará o Tricolor a um novo patamar de tecnologia, que inclui reorganização de processos e a transferência de seus sistemas de gestão e processamento de dados para plataformas na nuvem, hospedadas, geridas e suportadas remotamente.

Essa transferência garante maior agilidade e confiabilidade para a gestão das informações, já que o clube não dependerá mais de servidores localizados na sede do São Paulo.

 

Desempenho esportivo

Em um primeiro momento, o sistema será focado na melhoria da administração do São Paulo. No entanto, o SAP S/4HANA também pode ser aproveitado para melhorar o desempenho esportivo da equipe.

A seleção da Alemanha, atual campeã do mundo, é uma das pioneiras na utilização do sistema para a gestão de informações esportivas obtidas em tempo real, como dados de desempenho dos jogadores em campo, condicionamento físico e de saúde dos atletas.

Um exemplo dessa aplicação é um chip que capta, por meio do suor do atleta, os níveis de ácido lático em seu organismo, identificando aqueles com maior desgaste. Isso permitiria, por exemplo, a substituição de um jogador com maior chances de desenvolver uma lesão muscular.

Outra aplicação da plataforma pode estar na gestão dos programas de sócio-torcedores e de utilização comercial das arenas. Com base no histórico de comportamento dos fãs, seria possível, por exemplo, determinar o valor médio do ingresso mais adequado para determinado jogo.

A implementação da solução SAP S/4HANA será feita pela Atos, multinacional europeia de tecnologia. De acordo com a empresa responsável pela implantação e suporte do sistema, a expectativa é que todo o processo de implementação ocorra num período de seis a oito meses. “A Atos está muito satisfeita em trabalhar com um dos maiores clubes do Brasil, apoiando o São Paulo em seu processo de transformação digital e aumento de eficiência”, ressalta Alexandre Morais, head de Transformação Digital da Atos.

Anúncios

50 comentários

    • Mas se não querem executar não tem sentido contratar. É outra, se não alimentarem o sistema ou o fizerem erradamente haverá a exposição imediata dos responsáveis e possível implicação estatutária (até com previsão de afastamento diretivo).

      Curtir

  1. Tem q ter um bom treinamento… não é incomum empresas contratarem sistemas fantásticos q prometem mundos e fundos mas ñ tem pessoal capacitado a usar o sistema. O resultado obviamente é q fica subutilizado.

    Enfim, tentarei ser menos negativo: torço para q tudo dê certo. Tem q dar, uma hora essa fossa tricolor q dos últimos 5 anos vai acabar…

    Domingão tá aí!!!!!

    Curtir

  2. Rapaz não sei se estou mais nervoso pelo jogo de amanhã entre Tupi x Fortaleza que pode garantir o acesso do Fortaleza a serie B depois de 8 anos, ou pelo jogo do São Paulo de domingo.

    Curtir

  3. Se não for igual ao “novo estatuto” estara valendo…..O “novo estatuto” tambem esta ai,mas…….todo mundo ve a pratica e as famosas brechas e interpretações de paragrafos.Mas pelo menos a intenção é boa,se vai vingar ou se realmente vai ser colocada em pratica ai já são outros quinhentos.

    Curtir

  4. Não adianta ter o melhor sistema, se você continua administrando o clube com gestores amadores, e agora com o sistema integrado, vão começar a divulgar balanço trimestrais? vão mostrar a gestão financeira de uma maneira clara e continua durante o ano? Vão fazer analise esportiva tipo a escolha dos novos reforço com base no sistema?
    A ferramenta pode ser top maravilhosa, mas só se obtém resultados de fato se os gestores souberem o que irão fazer com ela, tudo no SPFC se faz a propaganda do que esta gastando, mas nunca vem uma apresentação explicando o que irão fazer com esta ferramentas, quais serão os ganhos reais e o que os gestores irão fazer daqui para frente com uma ferramenta destas, diga-se de passagem é carrisma.

    Curtido por 1 pessoa

    • Exato, não adianta ter SAP/Hana se contratam Maiconsuel para não jogar, Aderlan para não jogar, um monte de perebas emprestados, os geniais Marcos Guilherme e Thomaz, contrato com 5 milhões de multa de presente para o estagiário e por ai vai.

      Curtir

  5. Quanto o São Paulo gastou nesse sistema?

    Sinceramente essa matéria parece Press Release da SAP.

    O SAP é um sistema caríssimo e que tem enorme dificuldade de implementação mesmo em empresas gigantes. Em um time de futebol é muito difícil que produza resutlados. No SPFC do Leco é IMPOSSÍVEL!!!

    As comissões pagas devem estar gordas … enquanto o São Paulo afunda …

    Curtir

  6. Calma gente, o sistema que Leco quer adquirir não se trata do SAP S/4HANA… Com essa diretoria arcaica eu diria que se trata do “homo SAPiens HANAbarbera”… Leco se descobrindo, se achando o cara inteligente no meio da corja que o venera , talvez ele seja mesmo o mais sábio.

    Curtir

  7. Eu trabalho como Analista SAP. Seria mundo ideal trabalhar com o SAP dentro do tricolor!! Mas é o que um amigo aí falou. É um sistema amarrado e que uma informação errada em uma ponta gera um problemão em outra.

    Curtir

Comente aqui, Tricolor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s