Não teremos mais ídolos no São Paulo. Obrigado diretoria!

Amigos São Paulinos.

Em Junho desse ano, me bateu uma forte reflexão. Compartilhei com alguns tricolores e infelizmente, a conclusão que chegamos é que talvez, nunca mais teremos ídolos de verdade vestindo o manto sagrado do tricolor. Na época, a novela da renovação de Lugano me acendeu essa luz e, hoje, vendo o que estão fazendo com ele, só me mostra o quanto a diretoria não pensa nos atuais ídolos. Válido e louvável a ideia recém aprovada de dar o nome de algumas salas a ídolos do passado. Não vi a lista, mas acredito que nomes como Raí, Leônidas, Telê Santana, Muller, Poy, Roberto Dias, entre outros, merecem essa justa homenagem. Mas será que nunca mais termos um ídolo para dar nome a uma nova sala?

 

Dificilmente teremos algum jogador que represente o time com tanto amor, como vimos recentemente Rogério Ceni, Lucas e  Lugano. Não dá tempo. O jogador começa a se destacar e logo vai embora, não dá tempo de criar um vínculo com a torcida, conquistar título, ser protagonista de um campeonato. Lucas, por exemplo, quase não teve esse tempo, uma vez que no ano em que ele se consolidou como jogador titular, que seria protagonista do tricolor, foi vendido por mais de 100 milhões de reais. Hoje, talvez tenha se arrependido e visto que ainda não estava preparado para o futebol europeu, uma vez que está lá desde 2013 e ainda não se firmou como titular, mesmo sendo um dos protegidos do Ibra, quando lá estava. Espero que a sua amizade com Neymar o ajude a enfim ser titular do time francês.

 

Augusto Galvan (que nem sequer passou pelo time principal que eu me recorde), Boschilia, Ewandro, Breno, Lucas Evangelista, Lyanco, David Neres, Luiz Araújo, Aislan, Lucas Piazon são alguns dos exemplos. Devem ter outros que não me recordo, mas que saíram cedo demais. Hoje, David Neres e Araújo são lembrados, como jogadores com grande potencial que poderiam estar no São Paulo ajudando o time a brigar por títulos. No papel, um ataque com Araujo, Pratto e Neres é para sonhar, mas será que eles aguentariam o tranco? Araújo teve altos e baixos mesmo em 3 meses de titular. Não deu tempo, foi vendido para a França. David Neres então, jogou um mês e já foi também.  Não dá tempo para o garoto se formar e se preparar.

 

Não duvido que esses jogadores torçam pelo São Paulo mesmo morando na Europa, nas Redes Sociais estão sempre mostrando isso, por gratidão, pelos amigos que por aqui ficaram e por terem aprendido a amar o time, porém, quando chega uma oferta milionária, esse amor não é tão grande assim, como foi de Rogério Ceni e até de Marcos no Palmeiras que recusaram ofertas – ou nem mandaram empresários irem atrás – por amor ao time que jogavam. Ou alguém duvida que ambos tinham mercado nos grandes times da Europa?

 

Não culpo os jogadores. Sabemos que 99,9% dos jogadores passam muitas dificuldades financeiras, que as vezes, não comem para ter o dinheiro do ônibus, que precisam acordar 5h para andar 3h de ônibus e estar nos treinos as 8h e depois mais 3h de volta para casa. Ganham uma ajuda de custo de 1 a 2 mil reais por mês e de uma hora para a outra, literalmente, estão com um salário de 200, 300 mil Euros, o que dá quase 1 milhão de reais. Um garoto de 17, 18 anos, que ainda não tem uma cabeça formada, está na transição de adolescente para adulto, que viu durante a vida toda, os pais darem duro para colocar comida na mesa e agora tem a oportunidade de, em um mês, ganhar o que os pais jamais ganhariam na vida. Não os culpo, mexe com qualquer um, ainda mais quem está ainda na fase do deslumbramento. Quantos estagiários já não vi se sentindo diretores porque estão em uma grande agência de propaganda ou no marketing de um grande anunciante. Deslumbramento do jogador, pressão do empresário, as vezes até da diretoria que precisa do dinheiro e o fato de que jogador tem carreira curta e precisa fazer sua poupança em 15, 20 anos, tudo isso contribui para a saída precoce e nem sempre certa.

 

Hoje a torcida brinca nas Redes Sociais. Jogador jogou um jogo bom, já vira o JuciLenda, AborLenda, REInaldo, Cristiano Osvaldo, e por ai vai. Não passa de uma brincadeira, mas mostra uma séria realidade. Quem hoje é o nosso grande ídolo? Lugano que não entra mesmo com a defesa sendo vazada todos os jogos? Hernanes que voltou depois de 7 anos? Esse sim ama o São Paulo e pode ser ídolo, participou ativamente de títulos, sendo, em 2008 o protagonista do nosso ultimo grande titulo do time profissional.

 

Vou dar um exemplo que eu vi. Estive no jogo SPFC X Mirassol, estreia de Lucas Pratto com a camisa do São Paulo. Fiquei na tribuna dos sócios fazendo uma ação com o livro do Telê Santana. Eu e o pessoal da Editora Inova, ficamos até um pouco mais tarde, conversando com as pessoas, arrumando tudo para ir embora. Por  volta das 20h, estávamos saindo das tribunas e veio um garoto, uniforme vinho da Under Armour, em nossa direção. Passou do nosso lado, deu um tímido “oi” e saiu pelo portão. Fiquei apenas observando e tentando identificar quem era. Ele passou no meio da torcida, ninguém o parou, tirou foto ou pediu autógrafo. Esse dia mais de 45 mil torcedores estavam no Morumbi, ele passou no meio de muita gente. Pegou um taxi, no meio da rua, como qualquer outro torcedor e se foi. Questionei o segurança e ele me disse:

– Esse ai é o Luiz Araújo, menino bom que vai dar muitas alegrias…

 

Passou apenas 2 semanas, para ele arrebentar contra o Santos, ser colocado no posto de “craque” e cair nas graças da torcida. Isso em Março! Ou seja, em Março desse ano, a torcida mal sabia quem era o Luiz Araújo que hoje ganha quase 1 milhão de reais por mês na França! Essa é a vida do jogador! Ele tinha tudo para, se ficasse mais um ou dois anos no São Paulo, se tornasse um grande ídolo, mas o dinheiro falou mais alto. Não o culpo, seria hipocrisia, nós trocamos de emprego por 1 ou 2 mil reais a mais, é demais culpar alguém que ganha, por exemplo, 50 mil trocar um emprego para ganhar 1 milhão!

 

Quando se traz um jogador de outro time, com uma história em outro time, seja ele qual for, ele respeita o São Paulo, mas não é apaixonado. Defende o time, mas não com a mesma vontade ou raça. Aloísio Chulapa, por exemplo, sempre foi torcedor tricolor, quando veio para o São Paulo até chorou. Não era craque, mas dava o sangue, para ele, era um enorme prazer defender as cores do time que sempre torceu, desde criança. Era como se um de nós, tricolores, pudesse ter a chance de vestir o manto sagrado por apenas um jogo. Que sonho!!!

 

Será que Petros defende o São Paulo com a mesma paixão? Buffarini? Douglas? Renan? Jr Tavares? Sidão? Cueva? Não estou aqui falando da qualidade deles, mas da paixão em defender o time, pois isso, para a torcida é muito importante, talvez, até mais que a qualidade, é preciso ter raça! Um ídolo não faz apenas por sua genialidade, mas um conjunto de fatores.

 

Pintado foi craque? Mas jogou a final da Libertadores com sangue no rosto por causa de uma cotovelada! Ronaldão era o novo Dario Pereira? Mas tinha uma raça absurda. Falta isso hoje nos jogadores pois eles não entendem o que é o São Paulo Futebol Clube, um time antes diferente, hoje, comum, graças a 13 anos de poder da mesma chapa.

 

Rogério Ceni foi o último jogador no Brasil a jogar em apenas um time, Lugano, quando sair do São Paulo será o último grande ídolo que o São Paulo terá e a diretoria faz pouco caso com isso. Lugano é caro. Barato são 18 milhões gastos com um lateral que não cruza, não passa, não dribla, não marca e não chuta. Lugano é caro. Barato é pagar 350 mil reais em 2 anos para um volante que vive no departamento médico.

 

*Felipe Morais. Publicitário, apaixonado pelo São Paulo Futebol Clube. Sócio da FM Planejamento, Palestrante sobre marketing digital, comportamento de consumo e inovação. Coordenador do MBA de Marketing Digital e do MBA de Gestão Estratégica de E-commerce da Faculdade Impacta de Tecnologia. Autor dos livros Planejamento Estratégico Digital (Ed. Saraiva) e Ao Mestre com carinho, o São Paulo FC da era Telê (Ed Inova). Me siga facebook.com/plannerfelipe

 

Anúncios

71 comentários

  1. “Falta isso hoje nos jogadores pois eles não entendem o que é o São Paulo Futebol Clube”
    Muita gente além dos jogadores, isso sim.
    Bom dia
    Vamos São Paulo!

    Curtir

  2. Ó dia.
    Ó vida.
    Ó desgraça.

    Como esse cara é negativo, parece que o São Paulo acabou, na boa, se está tão ruim larga de mão…

    Todo time passa por fases ruina, no Sao Paulo não é a primeira vez e com certeza não será s última… A única certeza que tenho é que meu amor por essas 3 cores não muda nada.

    Curtir

  3. A realidade é essa mesmo desde que o velho continente mudou as regras para receber estrangeiros. Jogador no Brasil (e no mundo) apareceu bem, Europa é o destino. Não dá para competir com a economia e organização deles.Sobre o Lucas, ganhando o que passou a ganhar, acho que não se arrependeu não.
    Quando meu time voltar a ser vencedor eu prometo tratar como ídolos todos que honrarem a camisa do elenco campeão. Mesmo que só fiquem seis meses por aqui.

    Curtido por 1 pessoa

    • Correto, tem que fazer um jogo treino para ver se a nova formação funciona. Será que Burrival acha que só escalando já é o suficiente? Esse Burrival sei não …..

      Curtir

    • Vai encontrar como se nem sequer tenta? As mudanças no treino de ontem foram forçadas, vamos pro jogo de sábado com as mesmas peças, com o mesmo esquema, no segundo tempo serão realizadas as mesmas substituições de sempre, faremos tudo exatamente igual esperando que por um milagre o resultado seja diferente.

      Curtir

    • DJ piorou e muito a defesa do SPFC. Com esse sistema defensivo ( inclui os volantes e Laterais) não ganha de ninguém. A Ponte Preta é o último teste para ele, se não vencer vai para o olho da rua. Que coloquem o Jardine, auxiliado pleo Pintado, que acho que piorar não vai.

      Curtir

  4. O problema de treino e que eles jogam contra eles mesmo, e vamos concordar são muito fracos, ruim mesmo, é por isso que quando jogam com outros times eles sofrem. Treinar com jogadores fracos e sem futebol é uma coisa, pegar times com jogadores melhores que os nossos é outra coisa

    Curtir

    • Esse time tem dificuldade contra time fraco, forte, acho que teria dificuldades com o Ibis. Se Burrival não mudar o meio-campo e as laterais o SPFC não ganha da Ponte e ele perde o emprego.

      Curtir

  5. Rapaz esse luiz araujo é foda msm eim? pq no jogo contra o mirassol ele jogou kkkkkk
    e se em março tu nao sabia quem ele era fiquei preocupado aqui

    Provavelmente vc confundiu os nomes, deve ser luiz alguma outra coisa q deve ta na base ainda, vamos deixar passar essa kkkkkk

    Curtir

  6. Acho q foi o texto mais coerente q li do Felipe Morais. Manteve a critica q geralmente faz, mas sem precisar apelar ou maximizar em algum aspecto.
    Achei bem coeso, principalmente ao final. 13 anos de poder da mesma chapa é muita coisa. Mostra como o SP, ha um bom tempo, pertence as mesmas pessoas. Nao ha troca no poder, nao ha troca das pessoas. Nao ha nada de novo. Nao a toa estamos onde estamos. Lamentavel

    Curtir

    • Também não é assim. Tem time com elencos muito piores do o do SPFC. Mas Burrival simplesmente não sabe escalar, ele acha que está no SFC, que tem que praticar futebol ofensivo. mas, como jogar ofensivamente com um sistema defensivo horroroso que temos? O sistema defensivo é fraco porque é mal formulado taticamente e não porque os jogadores sejam ruins ( exceto os lDs, esses realmente são muito fracos)

      Curtir

  7. Até eu que adoro cornetar geral ja cansei de cornetar a diretoria.

    N adianta, os caras vão ficar lá e n tem jeito.

    Negocio agora é tentar motivar e apoiar esse elenco medíocre que montaram. Depois a gente expulsa aquela velharada na base da porrada.

    Curtir

  8. Porque o arboleda não joga pela esquerda no SPFC ? esse é sua posição de origem

    Quando a gente vê o arboleda jogar percebemos que o problema chama-se rodrigo caio.

    Alias cadê a proposta pelo maravilhoso jogador Rodrigo Nutella play Caio ?

    Será porque nunca chega ?

    Até quando ele vai falhar ?

    Até quando a marcação no meio vai ser frouxa ?

    Porque não muda o sistema de jogo ?

    Será que precisa o Pratto vir a publico e pedir pra colocar o Gilberto junto com ele no ataque ?

    Será que o problema é mesmo a diretoria ?

    Quem tá treinando e escalando o time mal ? a diretoria ? obrigação do tecnico é ser virar com o que tem esse é o time ?

    O Dorival é um tecnico ultrapassado que acha que com repetição de jogadores e o mesmo sistema tudo vai dar certo?

    Tem que treinar variação de jogadas e mudança de sistema dentro do próprio jogo….até porque se as coisas não estiveram dando certo de um jeito pode dar certo de outro….ele não sabe fazer a leitura do jogo dentro do jogo.

    Explica pra gente Dorival você consegue pelo menos enxergar isso ?

    Eu sei quando ele vai explicar isso……. na coletiva de sábado quando for demitido.

    E esse vai ser o dinheiro mais fácil de ganhar no mundo a multa dele e de 3 salários ou seja vai ganhar 1 milhão, por trabalhar em 40 dias.

    Curtir

  9. Esse texto e sem pé nem cabeça. Jogadores ficando em algum clube brasileiro hoje em dia somente se for medíocre. Culpar diretoria por isso é bobagem.E só olhar as outras equipes brasileiras e verificar quantos possuem algum ídolo. Jogadores com potencial tem um mercado de trabalho imenso na Europa
    O salário quintuplica. Luvas etc.. alem do que até mídia europeia e mais atuante.

    Curtir

  10. Banguera . Velasco. Arboleda.anquirier e Ramirez..essa doía formação do equador ontem.arbolada e zagueiro central.nao tinha sentido ele ser quarto zagueiro e vir jogar no são Paulo de central.ate por que Rodrigo Caio e.zagueiro central desde a base que foi deslocado para quarto zagueiro por que não temos nenhum no elenco.tanto que na seleção ele é zagueiro central.reserva do Marquinhos..como ele é muito bom jogador consegue jogar também na quarta zaga..coisa.muito rara.poucos centrais se dão bem na quarta zaga

    Curtir

  11. Desculpe mas diretoria não faz ídolos. Vou pegar três exemplos seus: Lugano, Pintado e Ronaldão. Vieram para compor o elenco, numa época que o futebol brasileiro era recheado de craques e com dedicação viraram ídolos da torcida. Dos jovens que você citou muitos forçaram a barra para ir embora e ‘morreram’ no futebol do exterior. Para comparar os ídolos de ontem com os de hoje, para mim só o Rogério Ceni por sua permanência no São Paulo durante toda carreira, temos que comparar a situação atual. Todo garoto que começa a jogar futebol nas escolinhas ou na base dos clubes, tem um objetivo só jogar na Europa e ficar milionário. Quanto ao Lugano a prorrogação do seu contrato é um exemplo da incompetência da presidência do SPFC, pois o clube não é casa de caridade. Seria válida se ele fosse titular ou ao mseos jogando num nível razoável e com boas condições físicas, o que não acontece.

    Curtir

  12. Aí o jogador fica mais 6 meses, joga 3 jogos ruins em sequência e o autor do texto (um grande de um corneta) é o primeiro a aparecer aqui xingando o moleque como já fez com muitos jogadores, aliás, teve texto que criticou jogador que nem tinha jogador.. Temos o Jr. Tavares de prova aí. Se tivessem vendido pro Ajax iam estar chorando, não foi vendido e agora o pessoal o trata como lixo. O próprio LA antes do jogo com o Avaí tinha muito torcedor que falava que perdemos dinheiro ao nao vender pro Lille no começo do ano.

    Acho que as vendas foram precipitadas sim, mas por outros motivos. Só ver como o R. Caio que ficou aqui sofre com perseguição da torcida sendo que em 2013 a entrada dele como terceiro zagueiro arrumou o time e ano passado tivemos a quarta melhor defesa do campeonato tendo Denis no gol, Maicon falhando desde que foi comprado e Bruno, Buffa e Mena nas laterais. Ao contrário do Fagner e do Cássio, o R. Caio não chegou na seleção por ser amigo do técnico. Sempre ele é o primeiro a dar a cara a tapa. Agora pq um assessor da presidencia e conselheiro (um dos parasitas do clube) falou que é zagueiro de condomínio, ficam repetindo que nem papagaios. O clube é reflexo da torcida. Ficam reclamando de um cartão amarelo patético que em nada mudou a história daquele jogo. E ele é só mais um. O revisionismo faz as pessoas tratarem o Kaka de uma forma totalmente diferente da realidade. Kaka se tornou idolo da nossa torcida pelo que fez no Milan (!!!). Por aqui saiu pela porta dos fundos. Esse tipo de torcedor vir falar em ídolo só pode ser brincadeira…

    Curtir

    • o que voçe disse foi pífio igual o rodrigo caio>

      Ninguem aqui é idiota de denegrir um jogador por causa de cartão amarelo?

      Isso é apenas a gota d’ agua…quantas falhas esse zagueirinho vem fazendo?

      Voçe quer que eu enumere os jogos pra você?

      Curtir

      • Não? Ninguém fala nada do cartão amarelo do Jô? Em que planeta você vive? Se você entendeu que eu disse que foi SÓ por causa disso, aí o problema é seu que entendeu errado e se você acha que ninguém fala pq vc não fala ou pq vc não viu, aí também é problema seu.

        Também gostaria que você me mostrasse onde eu disse que ele não falhou em algum lance…

        Não nego que o R. Caio está em má fase, aliás já falei que eu acho que ele poderia ir pro banco, mas as críticas são completamente exageradas e muitas vezes injusta. Pq esquecem por exemplo que os volantes não estão jogando nada, os laterais são patéticos e o Arboleda é no máximo um bom rebatedor. Não bastasse isso ainda não temos goleiro. E há perseguição com ele sim. Maicon entregou a libertadores, falhou o início do ano inteiro, chegou no brasileiro entregou os jogos contra Cruzeiro e Corinthians e ia entregar o do Sport se o juiz desse o penalti que o Wesley cometeu após falha dele. Mesmo assim a saída do Maicon foi lamentada pela maioria, afinal ele fazia o estilo linha dura falando que ia fazer a mãe do adversário chorar e a torcida batendo palma, mas na hora do jogo quem tinha vontade de chorar era a gente. O R. Caio erra e já aparece o gado gritando “zagueiro de condomínio” e “zagueiro nutella”.

        Curtir

    • Seu comentário deveria virar um post.
      A memória curta e a passionalidade do torcedor é de lascar. Para muitos td se resume entre quarta e domingo, infelizmente.

      Curtir

      • E são os mesmos que se o jogador que tanto criticam sair depois de 2 jogos bom em outro time vão vir aqui xingar a diretoria e falar “ninguém dá certo no SP” e outras bobagens.. lamentável.

        O que eu vejo de gente que xingava o Hudson, o Reinaldo, o Matheus Reis, o Maicon e tantos outros e agora postam que eles fazem falta… E olha que esses são os medianos ein…

        Curtir

    • O clube é reflexo da torcida?
      Torcedor é movido pela paixão.
      Diretoria pela razão (teoricamente).
      Torcedor PAGA pelo ingresso, pelo ST, pelos produtos e quer vitórias, títulos. Tem o direito de reclamar, esbravejar. Diretoria administra ou simplesmente esbanja, como é o caso.
      Pós Juvenal, a única meta é se livrar de rebaixamento. Gastam muito por resultados pífios e a culpa é da torcida?
      Gastam páginas e páginas justificando, maldizendo a falta de sorte, se esquivando, se omitindo e principalmente mentindo e a culpa é da torcida.
      Os erros e fracassos se sucedem, não há cobranças, a oposição é caricata quase inexistente. Não há candidatos de envergadura (e olha que ex notáveis ainda circulam discretamente pelo clube). e no fim todos tem que engolir um Leco da vida e a culpa é da torcida.
      O clube não tem ídolos (RC é um caso à parte) porquê a anos a política dominante é formar e vender, pra cobrir o rombo de contratações mal feitas que resultaram em eliminações precoces A base é a fonte principal (e ainda tem uns que querem acabar com essa fonte). E a culpa é da torcida.
      Na visão da torcida, a defesa sempre é mais visada pelos fracassos e falhas que resultam em gols contra. Atacantes quando perdem não sofrem tanta perseguição. Isso é comum em qualquer clube. Bode expiatório é da cultura do futebol e de certas empresas. Só os fortes mentalmente sobrevivem e prosseguem, é a lei da sobrevivência. Desnecessário defender os catapultados. Eles mudam de clube, se adaptam e seguem a vida normalmente.

      Curtir

      • Disse que o clube é reflexo da torcida na forma como tratam muitos dos seus jogadores. Óbvio que não to falando de toda corrupção e péssima administração. E ser passional não é desculpa pra nada.

        Sobre culpar a diretoria por não termos ídolos. Primeiro que isso ignora o futebol mundial atual, os tempos mudaram. Rogério Ceni, Marcos, etc são exceção em todo o mundo. E segundo que a torcida tem muita culpa sim visto como ela trata e tratou muitos jogadores com potencial pra ser ídolo, foi assim com o LF, com o Dagoberto, com o Casemiro tá sendo com o R. Caio. Ou o jovem fica aqui e na primeira fase ruim é perseguido pela torcida (e jovens da base são mais perseguidos do que jogadores que vem de fora e principalmente do que jogadores que hablam español) ou vaza e a torcida fica lamentando pelo que poderia ter sido e milagrosamente esquece tudo q ela fez com alguns como o Casemiro e Kaká por exemplo. Olha só o Cueva. Já provou por A+B que é um ótimo jogador. Tá jogando fora de posição e num time que é uma bagunça e é um dos principais alvos da torcida.

        O seu parágrafo final são um monte de desculpa esfarrapada pela perseguição da torcida a alguns jogadores. “Gastam páginas e páginas justificando, maldizendo a falta de sorte, se esquivando, se omitindo e principalmente mentindo e a culpa é da diretoria.” Jogou a culpa no próprio jogador falando que só os mais fortes prosseguem, jogou a culpa na posição e mais um monte de blá blá blá, mas a torcida que vaiou, invadiu rede social xingando, invadiu treino cobrando, essa é a coitadinha.

        Curtir

  13. Mas o mundo mudou e temos que aceitar isso. Lugano, Rogério ceni , não tem mais lugar no mundo atual, que virou extremamente profissional apenas. Que o jogador se dedique à profissão, que jogue com fervor pela profissão já é o bastante. Amor pelo clube? Alguns até podem ter, até a página 2 , quando, recebendo uma oferta melhor, mudam. Francamente, temos que nos acostumar a isso.

    Curtir

  14. Luiz Araújo teve as oscilações naturais da idade, mas vinha melhorando seu futebol quando foi negociado. Além disso, não se pode negar que – em 1 ano no profissional – o garoto teve bons números, e também fez gols em todos os rivais locais.

    Apenas para efeito de comparação, em período semelhante (pouco mais de 1 ano no profissional), o atual camisa 9 da seleção brasileira, Gabriel Jesus (que é um ótimo jogador), não marcou gol em nenhum clássico disputado.

    David Neres é diferenciado. O garoto é acima da média e – se mantiver a cabeça no lugar – deve brilhar muito em breve em centros maiores da Europa. Entrou numa situação complicada durante o último ano, voltando de lesão, e mostrou personalidade. Foram 3 gols marcados em apenas 8 jogos.

    Isso mesmo, 8 jogos e já foi vendido. Essa é a visão arcaica de futebol de Leco, Ataíde e seus asseclas que lá estão. Lembra a mentalidade dos anos 90, com os times vendendo suas promessas para sustentar os medalhões que repatriavam da Europa ou que iam buscar a peso de ouro em times rivais.

    Vocês devem lembrar do Flamengo, por exemplo, que certa vez cedeu Adriano e Reinaldo (ambos mais tarde jogariam no SPFC) para trazer o Vampeta, que saíra do Corinthians bicampeão nacional e vivia uma nova passagem frustrada na Europa, por Inter de Milão e PSG.

    Essa é a mentalidade dos dirigentes do SPFC, 20 anos depois. Vendemos jovens de potencial como Lyanco para sustentar no elenco atletas de 2ª (ou 3ª) linha na Europa, como Douglas e Aderllan.

    Dirigentes que não entendem nada de futebol, como Leco, Ataíde e Pinotti, procuram “grife”: jogadores e treinadores de nome onde possam se esconder atrás.

    Curtir

  15. Bom dia, galera!

    Cueva arrebentou como todos nós prevíamos ontem… E ainda falavam que a culpa de sua queda de rendimento era de um outro rapaz ai. Sempre falei de outro aspecto, mas enfim, deixemos pra lá.

    Esse publicitário é de uma baixa energia e de uma negatividade sem tamanho… ele tem alguns momentos de coerência no que fala, mas acho bastante exagerado esse texto, assim como a maioria dos textos deles publicados aqui no blog… sua visão parece sempre voltado ao “copo meio vazio”. Se formos nesse embalo, melhor desistirmos do futebol e ir assistir baseball…

    Curtido por 1 pessoa

    • Bom dia irmão!

      Na minha opinião o colunista é passional, apenas relata o que pensa, logo é como qualquer um aqui, portanto apesar de profissional da área de publicidade seus textos são bem amadores… não o vejo como um formador de opiniões, apenas o vejo desabafando… vejo a coluna dele como um Megafone tricolor semanal… rsrsrs

      Mas enfim…

      Curtir

      • Bom dia, parceiro!

        Exatamente, totalmente passional e vendo as coisas pelo ângulo mais difícil… acho que as coisas andam tão feias que seria bom ver as coisas com algum otimismo para quem sabe boas energias ajudarem todos. Lemos tantos posts pra baixo que vai deixando o clima pesado né?

        É a opinião dele, mas vejo por outro prisma isso ai.

        Mas segue o jogo!

        Curtir

  16. Ainda, sobre o post anterior: :Continuo dizendo que Petros e Jucilei no meio-campo não dá, até quando, Burrival? São extremamente lentos, vejam o jogo contra os gnomos verdes, aquele jogo era para ser vitória do SPFC se os volantes não dessem tanto espaço para os rápidos ( mas tecnicamente medianos) jogadores do palmeiras. Eu jogaria com 3 zagueiros, com Jucilei na zaga ao lado do Arboleda e Rodrigo caio como líbero. Na LD alguém que saiba pelo menos marcar, por exemplo , Militão. E , na esquerda, voltaria com o Junior porque o Edimar é simplesmente muito ruim.
    Renan,Militão, Jucilei, Arboleda, Junior, Rodrigo caio, Petros, hernanes, Lucas Fernandes ( ou Shaylon), Marcos e Pratto. E , se Petros continuar mal nessa formação, põe o Araruna ou o Gomes. Mas não sou eu que escalo, não é, Burrival? Ou ganha da macaca ou está fora do morumTRI, viu, Burrival?

    Curtir

  17. Nossa me da urticária, quando falam que falta motivação aos jogadores, da uma surra de gato morto neles, e outra coisa a diretoria tem culpa sim, porém, quem entra em campo são os jogadores, e devem ser cobrados sim, tem jogador ali com contrato de três anos com salário acima de R$ 200.000,00 por mês, então faça-me o favor. Produzam algo a mais, se não pelo time, se não pelo torcedor, se não por vocês mesmo. façam algo a mais pelos seus pais.

    Curtir

  18. Concordo com a essência do que o rapaz escreveu, infelizmente estamos virando um time para empresários, tipo um Red Bull da vida, Desportivo Brasil, porque o SPFC virou o paraíso pra esses caras, colocam os “craques” aqui para comerem e dormir ganhando altos salários, e os meninos fazem 5 jogos bons e já rendem ótimas comissões, precisamos de alguém com pulso firme que coloque ordem nessa bagunça. Avaliem potencial dos meninos, se tem potencial para ajudar no profissional, que sejam vendidos após no mínimo 2 anos jogando, aproveitem o trabalho feito na base e entrosamento para subirem uma espinha central de jovens que jogam juntos por anos, o certo seria agir assim, vamos cobrar pra que isso aconteça e voltemos a ser um clube diferenciado.

    Curtir

  19. Deve dar um desânimo no Dorival quando ele quer mudar o time e olha as opções que ele tem…
    Não tem nada que ele possa tentar que já não tenha sido tentado e que tenha dado resultado. Qual jogador no banco hoje pode ser considerado injustiçado, que mereça ser titular?
    Eu pelo menos ficou desanimado…

    Curtir

    • Acho que é aí onde um ótimo técnico se diferencia, tentaria alternativas com os mais jovens, Brenner parece ser um menino diferente, Lucas Fernandes também, Militão parece ser bom jogador também, coloque os 3 garotos com fome de vencer e os cerque com os mais experientes. Ontem parece que ele testou time com Militão e Fernandes, tomará que tenha coragem de escalar os dois e dar suporte a eles.

      Curtir

      • Nao precisa nem ser so esses 3. Tem muito mlq bom ainda q nao teve nenhuma oportunidade. As vezes, mesmo sem estar totalmente preparado, os mlqs da base desequilibram pq tentam dribles, fazem algo diferente, digamos q algo….irresponsável.
        Lucas F. eu acho q tem muito futuro, mas contra o palmares ele conseguiu ser pior q o Cueva. Sentiu o peso do momento e do clássico. Acho q por muitos motivos, maa principalmente por estar no grupo ha um tempo entao, teoricamente, sente mais a responsabilidade.

        Curtir

        • Pois é, não me conformo não ter um lateral direito na base melhor dos que os atuais, se tiver um que apenas defenda, ou que apenas apoie já está melhor, pois os nossos não fazem nenhum dos dois…

          Curtir

    • Concordo PB. Um tempo atras, comentei q nao temos no elenco aquele 12 jogador. Q sabemos que ira entrar e mudar um jogo, fazer algo diferente. Na verdade, faz um bom tempo q nao temos isso.
      Pra sairmos dessa, ou acha um esquema tatico q funcione muito bem, com os jogadores q temos, ou torcer pra algum mlq da base fazer a diferença, como foi com D. Neres ano passado. Porém, pelo q vejo, DJ nao vai tentar esse mlq da base tao cedo (nisso ele me despontou muito. Esperava um maior uso da base dele)

      Curtir

  20. Vamos cornetar/cobrar mais para frente – qdo se salvar ou depois que cair! Agora é hora de apoio irrestrito ao tricolor! Esse blog está parecendo coisa da oposição, só joga contra! Que essa diretoria é uma bosta, todo mundo sabe! Não precisa ngm ficar batendo nessa tecla diariamente! Ficar gorando absolutamente o que é feito tbm não ajuda muito!

    Curtir

  21. O São Paulo precisa de um diretor de futebol que arque com o plano de sanar as dívidas e montar uma equipe.

    O Gabriel Furchmann que acompanha o futebol amador do São Paulo falou que a base tem gerações de bons jogadores no sub-17, sub-20. Se o São Paulo tiver um técnico e um diretor de futebol competentes terão jogadores suficientes para 2019 e 2020.

    Mas, quem em sã consciência acredita que estes jogadores serão aproveitados?
    Goleiro Lucas Perri, LE Weverson, Z Rony, Z Militão, LD Tom, V – ?, MEC Helinho, MEC Rodrigo Nestor, P Antony, ATA Rodrigo Nestor, P Marquinhos Cipriano

    São muitos jogadores bons. Sem falar em LFernandes, Shaylon, Frizzon, Lizieiro, Murilo, Leo Natel, Jr Tavares.

    Não lembro uma geração tão talentosa em Cotia. Esse Hellinho pegando fisico e treinando situações táticas ele será jogador de seleção. Ele tem vários fundamentos prontos que não se vê em um jogador do profissioal.

    Brenner também será craque. Atacante que resolve em dois toques lances e rapidamente. Isso não se vê em profissionais que ganham 300 mil reais. Que recebem a bola e precisam se posicionar, dominar, girar pra chutar.

    Weverson é um bom lateral. Vi ele na seleção da base… Jogada de linha de fundo, vê o meia livre entrando na área e cruza pra trás. Jogada treinada que os laterais do profissional não sabem fazer. Cruzam de maneira atabalhoada.

    Rodrigo Nestor é um jogador muito tático. Jogador que joga com 2,3,4 homem de meio campo. Sim, e dai? Jogador que erra poucos passes, sabe fazer infiltração pelo meio tabelando, chega a linha de fundo e cruza corretamente pra 1, 2 trave, pro meio, consegue dar dinamica na saída de jogo e volta pra fechar a linha. Poucos jogadores fazem isso corretamente e eficientemente.

    Esses são alguns que dá tristeza em saber que chegaremos a 2019 ou 2020 e estarão ou vendidos ou foram emprestados ou são bancos de algum pereba.

    Curtir

  22. SPFC… Meu amor, minha paixão no futebol.
    A fase é ruim e só confirma o quanto o
    continuísmo é pernicioso nesse meio.
    Todos os nossos adversários que flertaram e se auto-impuseram o continuísmo pagaram um alto preço em algum momento.
    JJ, por essa vc deve estar pagando seu pecado em algum lugar…
    Infelizmente vemos no nosso amado clube o retrato atual do país… Tá quase ali, ó…
    Se houver alguma forma de derrubar os atuais destruidores do clube (que lá estão há muito mais que apenas 6 meses), que possa ser ativada!!
    Porque só uma ação radical contra essa corja…
    Desculpem o desabafo, mas precisei fazer isso…

    Curtir

  23. A.Coelho
    1 de setembro de 2017 às 07:27 Responder
    Ó dia.
    Ó vida.
    Ó desgraça.

    Como esse cara é negativo, parece que o São Paulo acabou, na boa, se está tão ruim larga de mão…

    Todo time passa por fases ruina, no Sao Paulo não é a primeira vez e com certeza não será s última… A única certeza que tenho é que meu amor por essas 3 cores não muda nada.
    —————————————————————————————————

    Essas lamentações poéticas irritam né……

    Curtir

  24. Pra mim, Muricy, Lugano e Ceni ainda são os maiores ídolos dos últimos anos. Isso porque eu ainda era novo na época de Telê, Raí e cia.
    Tenho uma certa idolatria por Kaká, afinal ele foi o melhor do mundo, mas tenho mais idolatria pelos campeões do mundo pelo SP como Aloísio Chulapa, Josué, Mineiro, Cicinho… Alguns jogadores do tri-hexa para mim também são ídolos como o caso de Hernanes. Já Luís Fabiano é um cara que respeito, mas não considero ídolo.

    Curtir

  25. Prezados
    Eu raramente comento aqui, mas acho que dessa vez se faz necessário. E amo o São Paulo! Sou fanático a ponto de, com grande prazer, dedicar parte do meu atribulado dia a escrever essa coluna. Desejaria escrever outras coisas como “nossa vitória contra o Palmeiras encheu de orgulho”, “seguindo assim, seremos campeões”, “Hernanes e Cueva, que dupla!!”. Mas a realidade é outra.

    Minha coluna, como o próprio nome diz, coluna trata-se de uma opinião! Eu frequento as dependências do São Paulo, participo de 4 grupos de WhatsApp com diretores, jornalistas, celebridades, ex-jogadores e claro, fanáticos tricolores como eu! Participo de mais de 50 grupos de Facebook do São Paulo. Leio 3 sites por dia do time. E a realidade amigos é diferente do que sonhamos! Sim, meus textos são amadores, porque eu não sou um jornalista de formação. Sou um publicitario que atua com planejamento digital, não com redação. Sou um cara que ama escrever e escrevo aqui por prazer.

    Não desisto do SPFC jamais! Pode estar na Série D que estarei ao seu lado!!! O fato é que a realidade hoje não anima em nada! O São Paulo é um time gigante ora temido por todos!

    Graças ao livro do Telê surgem conversas bacanas onde ouvi de palmeirenses e corinthianos o quanto eles temiam aquele time. Hoje, torcedor de times menores tiram sarro da minha cara. São Paulo não coloca medo nem me time de 3a divisão !!

    Minha coluna, vejam bem, coluna, continuará retratando a realidade do São Paulo. Existe uma grande diferença entre pessimista e realista. Pessimista, já entregou os pontos, já nos vê na 2a. Realista, como eu, acredita no São Paulo até o último apito do último jogo!

    Para finalizar, eu e mais 45 mil pessoas, em Março não reconhecemos o Luiz Araújo! Ele não passou por mim, apenas, passou no meio da torcida! Estava dando com exemplo como ídolos não são mais formados no time, mas cada um interpreta o texto como deseja.

    Criticar o que está errado, sim, apoiar, sempre! E se tiver o que elogiar será feito, como escrevi sobre o efeito Hernanes! O São Paulo merece respeito que a torcida dá, mas que não é refletido pela diretoria e em campo pelos jogadores aqui criticados. E serão criticados sempre ou alguém ficou feliz em saber que o Cueva foi o melhor jogador do Peru no último jogo é no São Paulo joga com uma má vontade…

    Criticas são sempre bem vindas. Leio todas! Mas que fique claro a diferença entre pessimista e realista!!!

    Curtir

Comente aqui, Tricolor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s