São Paulo à beira de um colapso

O São Paulo levou uma sonora goleada por 4 a 2 do Palmeiras. Assim, continuou afundado na zona de rebaixamento, somando apenas 23 pontos em 22 rodadas. Mas o dano da derrota pode ser ainda maior, uma vez que hoje à noite, Vitória e Coritiba, adversários diretos na luta contra a degola, irão se enfrentar e a situação poderá ficar ainda pior.

Se o Vitória vencer, o São Paulo será empurrado para 19ª posição, popularmente conhecida como vice-lanterna. Se o Coritiba vencer, o dano não é menor, pois o Tricolor permanecerá na 18ª posição e o time parananense abrirá 6 pontos em relação ao clube do Morumbi, tornando a luta contra o rebaixamento ainda mais complicada.

Após o sacode do Palmeiras, ampliaram-se os focos de descontentamentos com o trabalho de Dorival, que faz uma campanha ainda pior que a de Rogério Ceni. Parte da torcida começou a jogar a toalha. A desesperança não se deu por mero pessimismo, mas a partir de provas concretas depois de lotar o Morumbi ou ver o desempenho do time em partidas como Atlético-GO, Coritiba e Avaí, até desembocar na de ontem, contra o rival Palmeiras.

Outra parte da torcida, que merece todos os méritos por abraçar o time, lotando o Morumbi, parece tomar antidepressivos fortes para encontrar a felicidade em meio a um momento tão trágico. Todos os slogans e malabarismos retóricos para manter a chama da esperança por uma virada estão se esgotando.

Paulinho Heavy, torcedor símbolo do Tricolor e um dos que integram o time dos realistas, resume bem a situação: “o São Paulo é uma Ferrari em um atoleiro, mas o problema é que Ferraris não tem tração nas quatro rodas e não possuem pneus off-road para sair dessa situação atolada na lama do rebaixamento”.

As duas próximas rodadas não são menos importantes e desesperadoras para o São Paulo, que enfrentará duas equipes que também lutam contra o descenso: a Ponte Preta, no Morumbi; e o Vitória, na Bahia.

Esses dois jogos são considerados chave porque, depois, o São Paulo terá de enfrentar ninguém menos que o líder Corinthians. O anseio é colher pontos contra a Ponte e o Vitória, respirar, para evitar que o time chegue atolado para jogar contra o Corinthians. Uma derrota para o Timão, em pleno Morumbi, então pela 25ª rodada, seria o limite das análises, do caos e até da esperança.

O São Paulo de Dorival agora terá 12 longos dias para promover mudanças e alterações na equipe antes de enfrentar a Ponte Preta, no Morumbi, com nova previsão de casa cheia. Se por um lado o tempo de 12 dias para trabalhar joga a favor, em contrapartida, um resultado negativo potencializará o descaminho.

Ainda que muitos tentem subverter a realidade dos fatos, alimentando a esperança da virada na próxima rodada, fato é que, matematicamente, o São Paulo está à beira do caos.

Ricardo Flaitt

Anúncios

52 comentários

    • Tricolor, do jeito que vai perderá tanto pra Ponte Preta quanto pro Vitória. Na melhor das hipoteses, uma vitória e um empate que serão insuficientes pra sair da zona. Derrotas e empates contra adversarios diretos da zona de rebaixamento nos atolam mais que derrotas pra Palmeiras ou Santos, ou Flamengo, pois perder pros times da ponta é normal pra quem ta no final da fila mas perder contra adversario direto é o que nos mata.O empate com o Avaí pode até ter sido visto como bom por ter sido fora de casa, mas foi pior do que perder pro Palmeiras pois o avai é adversário direto do São Paulo. Empatar com o Palmeiras fora de casa esse sim seria um resultado aceitável. Mas do Avaí deveríamos ter jogado pra ganhar. Tá na hora de por garotada que nasceu tricolor pra jogar porque esse sim vão dar a vida em campo…foi a garotada que salvou o time ano passado quando era ganhar ou ganhar do Fluminense quando estavamos perdendo…aliás, a diretoria era pra ter blindado a venda de David Neres e não a de Rodrigo Caio…ta ai o resultado…e o Rodrigo Caio , s não for embora agora, podes crer que vai perder valor e mercado lá fora…

      Curtir

      • Faltam 16 jogos, e segundo matemáticos, com 46 pontos temos em torno de 95 a 97% de chances de permanência na série A, com 47 pontos, 99%. Para depender um pouco da sorte, digamos que precisamos de mais 24 pontos. Então o mínimo de vitórias seria algo como:
        1) 6v, 6e e 4d. Alguém acha que em 16 jogos conseguiremos perder apenas 04 jogos?
        2) 7v, 3 e e 6 d: sete vitórias em 16 jogos? vamos ter que jogar muito mais do que jogamos no 1° turno. Em 22 jogos ganhamos somente 6, agora precisamos ganhar 7 em 16 jogos
        3) 8v, 8d
        Estamos ferrados, a matemática ainda permite alguma esperança, mas o que temos visto, não.
        OREMOS!!!!

        Curtir

  1. “Ainda que muitos tentem subverter a realidade dos fatos, alimentando a esperança da virada na próxima rodada, fato é que, matematicamente, o São Paulo está à beira do caos”

    Mas o que que é isso…

    Enfim… até amanhã a todos…

    Curtido por 1 pessoa

  2. Algo precisa ser feito, mas no dpto de futebol, não no treinador. Precisamos de uma blindagem no elenco e cobrança forte em cima do DJ. Não podemos tomar tantos gols. Além da cobrança, Pinotti e diretoria precisam dar moral aos jogadores. Vai ser difícil, mas ainda acho que não cairemos. Precisamos de 7 pts nos próximos 3 jogos.

    Curtir

  3. Como eu detesto esse papinho furado de “São Paulo é uma Ferrari”.
    SP não tem nada de Ferrari. São Paulo é excelência; Ferrari não é excelência, é apenas mítica.
    Povo sabe tão pouco de Ferrari, que deixo duas aqui com tração 4×4: FF e GTC4.
    Gente que não conhece automobilismo e nem o próprio Clube que torce ganhar voz é dose pra cavalo!

    Texto fraco e sensacionalista. Não levamos sacode nenhum. Levamos o castigo pelas burrices de MG e RC. Comece a ganhar as partidas que ninguém cai. Time tem para isso.

    Curtir

    • Exatamente. A escória tbm jogou la , tomo o mesmo sufoco que a gente porém nas oportunidades que teve no contra ataque , matou o jogo.
      Temos que aproveitar as oportunidades e matarmos o jogo, senão a bola pune.

      Curtir

  4. São Paulo não cai.

    Quem viu o jogo e achou que aquilo foi um “sacode” não entende nada de futebol.

    Dorival não é o técnico dos meus sonhos, mas era o que tinha de melhor disponível. Não é hora de cogitar demissão e muito menos reverberar os pangarés que ficam falando esse tipo de baboseira. O time começa sim a dar sinais de recuperação.

    Deprimente esse texto.

    Curtido por 1 pessoa

  5. Tirem o Leco e o Pinoti,chamem o Murici para ser coordenador tecnico de todo departamento profissional remunerado e para assessorar diretivamente o Dorival Junior.o Murici conversa com o Cuevas e decubra por quais razões ele esta jogando tão mal.E preciso trazer o Cuevas para o grupo de jogadores que tirarão o São paulo da segundona.Ele,Rodrigo Caio,Arboleda,Jucilei,Petrus,Hernani,Marcos Guilherme e Prato conseguirão a recuperação do nosso tricolor.

    Curtir

  6. Deus do céu.
    Essa turminha do quanto pior, melhor é dose.
    Só li até “sonora goleada”, só por essas 2 palavras já dá para ver o nível do torcedor.
    Enfim, em momento que o time merece apoio e confiança fica um espaço que diz ser de São Paulinos com todo esse negativismo e pregando o caos… Vai entender.

    Curtir

  7. Torcedor manja tanto que acha que Muricy vai resolver algo. Ele cansou de falar quando treinava que não conversava ou motivava jogadores pois eles jogavam no São Paulo, tinham uma bela estrutura e ganhava bem.

    Curtir

  8. Haja drama mexicano.

    Estamos a dois pontos de sair, uma vitória nos colocaria na 14 posição. Então, há drama demais, negatividade demais (mais parece que é o desejo mais intenso de quem prefere ver a ruina do clube para ampliar seu repertório de críticas contra a gestão atual).

    Deixando de lado o discurso derrotista e desestabilizador e pensando em como tirar o time desta situação vigente, fui rever como tiramos o time do rebaixamento em 2013.

    Aquele time tinha Ceni, Douglas, Rodrigo Caio/Paulo Miranda, Edson Silva, toloi, Reinaldo, Denilson, Maicon, ganso, Aloísio e Ademilson. Tecnicamente só estaria melhor que o atual no gol (e olhe que o Rogério já estava em queda técnica), e talvez no comparativo ganso/Cueva, embora ache que a disposição de ambos se anula.

    Mas, aquele time tinha Murici Ramalho blindando a equipe, fechando a casinha (colocando 3x5x2 para ter maior proteção defensiva) e colocando o clube para reagir. E quais os principais jogadores daquela reação? Aloísio (pouca técnica e muita raça) e Reinaldo (odiado excessivamente por muitos, mas que ia além de suas limitações – instigado pelo treinador a beira do gramado).

    Com o elenco atual, Murici faria muito mais.

    (1) Sidão ou Renan jamais serão um Ceni, mesmo em sua fase de declínio, mas podem ser importantes em um time organizado.
    (2) o papel de Douglas pode ser exercido por Bruno ou Marcinho, até por Araruna (Buffarini eu juro que não código entender, tem fama de bom marcador e pessimo no ataque, mas a fama defensiva não se justifica).
    (3) Rodrigo Caio persiste e poderia fazer a função que tinha naquele momento. Aderlan ou Bruno também.
    (4) Lugano ou Jucilei são melhores que Edson Silva em qualquer critério.
    (5) Arboleda e Militão São mais rápidos e técnicos que o lento Toloi.
    (6) A ofensividade de Reinaldo, essencial naquele time, só pode ser compensada por Júnior Tavares (Edimar é de uma timidez ofensiva que assusta).
    (7) nosso primeiro volante era o Denilson (!!!!), Petros, Araruna, Jucilei são muito superiores em qualquer comparativo.
    (8) nosso segundo volante, com liberdade de chegar era o Maicon, que jamais pode ser comparado com Hernanes.
    (10) ganso era o meia centralizado mas com liberdade de movimento, tudo que Cueva precisa para voltar a render. E ainda temos Shaylon, Thomaz e Lucas Fernandes.
    (11) tanto Maicossuel quanto Marcos Guilherme são melhores que Ademilson.
    (9) Aloísio, guerreiro, seria comparável a Gilberto (embora o boi tenha sido sensacional naquele momento), mas estaria abaixo de Lucas Pratto, arrisco até abaixo do Brenner.

    Enfim, o esquema tático certo, o treinamento adequado, a cobrança da forma correta é a proteção ao elenco podem viabilizar uma melhoria significativa na classificação.

    Se não querem o Murici como treinador, que, ao menos, sigam o exemplo do que foi feito e, após escaparmos dessa situação, que se pense em abrir o time para ser mais ofensivo.

    Curtir

  9. Nos dois ultimos jogos houve evolução.
    Time no domingo esteve a beira de uma grande vitoria no classico.
    Uma vola na trave com goleiro batido. Um gol cara a cara perdido. Um contraataque 3 contra 2 se bem realizado daria gol da vitoria

    Gostei do que vi
    Esse futebol apresentado mesmo sem resultado imediato, com melhorias vao trazer os pontos necessários.

    Curtido por 1 pessoa

  10. Pode até parecer cansativo o tema, soa repetitivo, mas é a dura realidade. Do que se falava nessa mesma época há um, dois, três, quatro anos atrás aqui no blog? De Títulos ou de situação delicada na tabela do campeonato brasileiro.

    Nem todo mundo gosta da realidade, prefere um mundo paralelo onde o universo conspire de acordo com os pensamentos positivos, outros ficam angustiados torcendo para que o campeonato acabe logo e o clube escape da degola, somos humanos, sentimentos e cabeças diferentes.

    A torcida tem feito seu papel e enchendo o estádio ainda que o time não venha correspondendo, não é atoa que estamos nessa situação lastimável desde 2013, quase sempre brigando para não cair, quando chegamos a libertadores pela ultima vez eramos considerados o time brasileiro mais fraco e realmente o elenco era limitado, fato mais que realçado com a lesão do Ganso naquele ano, não tínhamos um meia para colocar em campo, jogamos com Ytalo, jogador que a pouco tempo rescindiu seu contrato com o CRB porque não vinha bem.

    O nosso amado clube está doente, digo isso sem nenhum drama, nem precisa disso. Se falar não adianta, calar seria um atestado de que concordamos com as palavras do Pinotti de que lá se faz gestão e está tudo bem, podendo também nos resignarmos, pois até o próprio presidente Leco já admitiu publicamente a possibilidade de um rebaixamento. Com sorte vamos nos livrar, oxalá apareça um paliativo assim como em anos anteriores.

    O pior de tudo isso é que com a continuidade daqueles que fazem a gestão hoje, 2018 não tende a ser diferente. vamos continuar batendo nesse mesmo tema.

    Curtir

  11. Esse time esta lembrando o Internacional ano passado sem tirar nem por.. do mesmo jeito, não enxergo luz no final do túnel, estamos em penúltimo.. se não ganharmos os próximos 3 jogos e o A. Goianense é capaz de passar a gente..
    Tento evitar noticias desse time, mas não tem como sou louco por esse tricolor e que volte a vencer o quanto antes, não só dentro de campo mas que consiga resgatar aquela identidade vencedora que sempre teve.

    Curtir

Comente aqui, Tricolor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s