As elimina√ß√Ķes na Copa do Brasil, no Paulist√£o e na Sul-Americana, e o mau in√≠cio no Campeonato Brasileiro levantaram d√ļvidas sobre a perman√™ncia de Rog√©rio Ceni no comando do S√£o Paulo. Mas em nenhum momento passou pela cabe√ßa da diretoria demiti-lo. √Č o que garantiu o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, que, por outro lado, admitiu: outro t√©cnico j√° teria sa√≠do.

‚Äď Ele (Rog√©rio) √© um cara absolutamente diferente na hist√≥ria do S√£o Paulo. (O trabalho) √Č muito bem feito, bem intencionado, muito bom. Os resultados nesse primeiro momento n√£o vieram, mas acreditamos muito no que est√° acontecendo e achamos que temos de prestigiar e dar toda condi√ß√£o para isso se resolver. Naturalmente, com tr√™s elimina√ß√Ķes e essa situa√ß√£o, o t√©cnico j√° teria ido embora. Esse √© o natural. No caso dele, n√£o se cogitou. Em nenhum momento ‚Äď disse. Leco.

Ao contrário dos antecessores, há multa rescisória no contrato de Ceni, que vai até dezembro de 2018. Leco confirmou que ela depende do desempenho da equipe. A meta estipulada, sugerida pelo técnico, é a média dos aproveitamentos de Juan Carlos Osorio (51%), Edgardo Bauza (46,5%) e Ricardo Gomes (42,5%).

Ou seja, se o S√£o Paulo quiser demiti-lo com aproveitamento de pontos superior a 47%, tem que pagar a ele R$ 5 milh√Ķes ‚Äď o valor cai pela metade no ano que vem. Mas se o percentual for inferior, a rescis√£o ocorre sem custos.

Atualmente, o aproveitamento de Rogério Ceni no comando da equipe é de 50,9% (36 jogos, 14 vitórias, 13 empates e 9 derrotas).

De acordo com Leco, essa tamb√©m foi uma sugest√£o do treinador em raz√£o da elei√ß√£o que ocorreria em abril ‚Äď o presidente acabou reeleito em disputa com Jos√© Eduardo Mesquita Pimenta, hoje membro do Conselho de Administra√ß√£o. Ele queria a seguran√ßa de n√£o ter seu trabalho interrompido por uma mudan√ßa de comando pol√≠tico.

¬†‚Äď Foi um ajuste que fizemos a partir de uma coloca√ß√£o dele: “Se o senhor perder a elei√ß√£o, espero que n√£o aconte√ßa, posso enfrentar outra estrutura, e tenho um projeto de trabalho que discutimos exaustivamente e no qual eu confio”. N√£o foi uma imposi√ß√£o. Tudo o que consta no contrato dele foi discutido comigo, e muito. E aceito. Tudo ‚Äď explicou Leco.

O presidente tem recebido algumas press√Ķes internas, n√£o necessariamente para demitir Ceni, mas de preocupa√ß√£o com os insucessos da equipe.

‚Äď Recebi um telefonema de um querido conselheiro, que disse: “Fica firme, aguenta, isso passa, n√£o sei o qu√™, s√≥ que nosso limite s√£o cinco jogos, hein?!” (risos). Ent√£o estamos no limite. E temos dois jogos t√£o dif√≠ceis, n√©? ‚Äď indagou, sobre as partidas contra Flamengo e Santos, nos dois pr√≥ximos domingos, ambos fora de casa.

GE